Dá para ser mais cínico que isso? | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quarta-feira, 14 de dezembro de 2005 - 16:17F-1

Dá para ser mais cínico que isso?

Comunicado da FIA sobre a saída da Michelin. Notem a última frase. É um show de cinismo…

MICHELIN WITHDRAWAL

The FIA has noted Michelin’s announcement of its withdrawal from Formula One at the end of 2006.

Everyone in Formula One will be most grateful to Michelin for the efforts they have made and for their courtesy in giving the necessary full year’s notice.

The competing teams have repeatedly and unanimously requested the FIA to impose a single tyre supplier in Formula One. This has been agreed for 2008, but Michelin’s announcement makes it probable for 2007. The teams will certainly be glad of this.

A single tyre supplier will undoubtedly make Formula One fairer, safer and less expensive for the teams but, above all, it will avoid a repetition of the problem which arose at the 2005 US Grand Prix.

Paris, December 14, 2005

45 comentários

  1. Fabio Laia disse:

    Bem, não sei se é do conhecimento dos Srs, mas a MICHELIN, como fabricante de pneus esta muito mau. Fiz a compra de um carro ZERO KM que vem com este produto de fabriaca. Após 600 KM rodado o pneu esta trincando do lado externo esta trinca vem de dentro para fora e esta localizado sobre a letra H da palavra MICHELIN.

  2. Ricardo Marx disse:

    Hahahahahahahaha!!!!

    Os caras da FIA estão aprendendo com a RedBull

  3. Rangel disse:

    Tenho certeza que as outras equipes não aceitariam uma fornecedora de Pneus trabalhando para a Ferrari, isto seria óbvio demais e não passaria despercebido, a única coisa que vai mudar, o ano de 2007 vai nos dar a real distribuição de forças da F1, pois os pneus não serão a diferença, como foi a rigor em 2005.

  4. Adrian Newey disse:

    “Dó” da Michelin, Flávio, não dá pra ter, pois eles foram trapalhões em 2005. Deviam ser banidos de todas as competições FIA. (ótimo elogio ao Ballestre).

    Agora, pessoal do fórum: parem de acusar a Schuderia! Não há teoria da conspiração (a Goodyear, ou qquer outro fabricante decente, pode entrar).

    Chupa Michelin!

  5. PedroJungbluth disse:

    RETOMANDO O ASSUNTO

    um dia a F1 será conduzida por gente séria.
    Evolução é tudo:
    Balestre foi substítuido por alguém que fez uma limpa na parte esportiva da F1. Agora esse alguém precisa ser substítuido por alguém que limpe a parte administrativa.
    F1 agora é lugar para vaidades de um dirigente… Lamentável.

  6. Sucrilhos disse:

    RAQUEL:

    Po, chamando o PSDB de cínico??? E o contrário, não vale não? Lula vivia reclamando, mas tudo que fez foi continuar o trabalho do FHC…

    Haha, não que eu queira discutir política aqui, mas não tive como não comentar isso.

  7. doug disse:

    dá pra traduzir essa m…
    =P

  8. Alexandre disse:

    Muito triste.
    Acabou a guerra de pneus. Só falta colocarem um único motor para todas as equipes (vixe!!!!).

  9. Peter Nederlander disse:

    A Michelin já entrou e saiu da F1 antes, quando chegou a vestir as rodas da Ferrari inclusive, e agora sai de novo. Mosley, Indianápolis e FIA %!@$&@#nenhuma !!
    Grana, cara, grana. $$$$$$$$$$$$

  10. Raquel disse:

    Mais cínico só o PSDB…que faria tudo o que Lula faria na economia e recla. Que teve mensalão e se faz de santinho…

  11. Flavio Chinini disse:

    Não sei se é pra ficar com dó da Michelin ou da F1, com sua saída. Se trata de uma grande corporação, e tenho certeza de que esta atitude está relacionada com lucros ou prejuízos.

  12. Flavio Chinini disse:

    O Sr. Ballestre foi um dirigente esquecível, porém atualmente, algumas de suas políticas fazem falta.

  13. Karol disse:

    ¬ ¬
    Ah, ta.

    Ps.: McLaren laranja? Oh, Lord.

    http://www.kazadakarol.blogspot.com

  14. Manoel José disse:

    Olá Gomes, não gostei da michelin sair, uma pq os japoneses tão até agora, com dor nos traseiros da enrraba deste ano… eles não conseguiram fazer um pneu que guentasse uma corrida inteira e fosse rapido, e o franceses neste ponto deram uma aula, é só ver que pelos menos duas vezes, o iceman, cravou melhor volta na ultima volta da corrida, e os pneus pareciam que tinhan sido colocado no carro naquela volta…. se voltar a troca de pneu(o que parece que já esta certo) tudo bem os japoneses (ferrari) estão na briga… se não, vão ser enrrabados de novo…..

  15. Sucrilhos disse:

    Eu li no noticiário do Terra:
    –”O interesse é bom, mas a Michelin tem que decidir se realmente sairá da Fórmula 1 ao fim da temporada do ano que vem para podermos conversar e decidir algo”, disse o empresário, esquecendo-se que na quarta-feira, a fornecedora francesa de pneus afirmou que deixará a categoria no fim de 2006.–

    Alguém me explica? Como assim, tudo depende da saída da Michelin? Ou o redator do Terra comeu bola e escreveu tudo errado?
    O que dá pra entender, é que o Schumacher só corre com pneus Bridgestone, ou seja, ele tem um contrato direto com os japoneses. Logo, se a Bridgestone virar fornecedora única, interessará a ela tão somente que o Schumacher vença. E aí???

  16. Fabio RC disse:

    Essa estória de fazer pneu único para todas as equipes é que nao engulo… como saber que nao se baseou no chassi da Ferrari, por exemplo? E, de repente, o pneu cai como uma luva para um ou outro chassi e para os demais, nao. Isso signifca que vao ter que fazer chassis a partir dos pneus?! Até entao, acho que era ao contrário ou, quando muito, em conjunto, nao? Além disso, se for assim, a tendência é que teremos chassis todos muito parecidos e o diferencial seria o miolo (cambio, motor, eletrônica). Ou seja, quem gastar mais… caso seja assim, nao vejo onde está a economia. F1 nao foi feita para ser econômica, é a mesma coisa que acreditar em Papai Noel e político honesto (e que Vasco e Flamengo se salvaram do descenso porque melhoraram…).

    Abçs

  17. zezinho disse:

    Ah sim…… tudo isso levando em consideração que a Bridgestone fará um único tipo de pneu para todas as equipes, sem excessão.

  18. zezinho disse:

    Fabio RC

    Não acredito que sendo fornecedora única, a Bridgestone irá se basear apenas na Ferrari… Não consigo imaginar isso, pois ia ser muita saca.nagem com as demais equipes. Será que, sendo assim, elas aceitariam isso? E a questão a unaminidade das equipes em solicitar fornecedor único?

    Se for esse caso, nem o sorteio de jogos de pneus (como foi citado abaixo) irá resolver, uma vez que os moldes serão feitos para os chassis da Scuderia.

    De resto, fica no ar uma pergunta: será que Sir Frank já não sabia o que ia acontecer e resolveu mudar logo, pra colher melhores frutos em 2007?

  19. Fabio RC disse:

    Bem, já que é pra ter fornecedor único, como disseram, que usem chassi único e, sendo assim, vamos todos passar a assistir F-Indy ou F-Mundial. Do meu ponto de vista, a Michelin tá errada em fazer uma coisa dessas, AGORA, prejudica, e muito, as equipes que vao correr com seus pneus no próximo ano. Por outro lado, será que a Bridgestone será competente o bastante pra fazer pneus adequados para cada escuderia, de acordo com suas especificaçoes? Será que uma MF1, Super Aguri ou mesmo Red Bull receberao a atençao de uma Ferrari ou mesmo Williams? Ou vao me dizer que vai ser um pneu único? Baseado em QUE CHASSIS? E sobre Indy, me lembro que disseram que, mesmo que autorizassem a troca de pneus, ninguém sabia se eles funcionariam bem, com certeza.
    Deplorável isso tudo, viu? Que triste…

    Abçs

  20. Flavio Chinini disse:

    A concorrência será sempre positiva. Este comunicado da FIA é bem ao estilo do Sr. Mosley: arrogante e parcial. E pensar que já tivemos 4 fornecedores, no início dos anos 80 (uma das épocas mais competitivas da Fórmula 1): Goodyear, Michelin, Pirelli e Avon…

  21. Kako disse:

    Eu sou a favor do fornecedor único. Competição é boa, ok, mas é uma boa maneira de reduzir custos, pois boa parte dos testes das equipes é feita para teste de pneus. E com menos evolução dos compostos, é uma maneira bem melhor de diminuir a velocidade dos carros sem as medidas esdrúxulas da FIA.

    Agora, tem de haver sorteio de pneus para não ter ninguém beneficiado. Senão, é palhaçada pura.

  22. Fábio K. disse:

    Sobre sua coluna e fazendo gancho com o post, acho que o que muita gente contesta não é a F-1 ter uma única fornecedora, mas sim o fato de que essa “única” seja aquela que trabalha com a Ferrari desde os primórdios.

  23. Rangel disse:

    Talvez um único fornecedor de pneus na categoria diminua os custos da própria fornecedora, explico, sem concorrência não tem por que fazer pneus extremamente rápidos e próximos do limite, com uma fornecedora a importância maior é que sejam seguros.

    Acho que este anúncio vai começar a prejudicar as equipes de Michelan a partir da metade do Campeonato, onde a tendência dos Franceses será de começar a passar a régua e arrumar a trou.cha de roupa, posso estar errado, mesmo para 2007, quem já usa Bridgestone já começa com vantagem, um ano a mais trabalhando com os pneus japoneses.

  24. zezinho disse:

    não gosto da michelan, não compraria um pneu michelan para o meu carro e estou muito feliz por eles estarem saindo da F1.
    vão pro in.ferno!!! hehe

    respondendo uma pergunta logo abaixo, por via do regulamento, a michelin não podia trazer pneus novos da frança pois era necessaria a autorização da bridgestone. que fez certo em não concordar!

    acredito que deveria ser fornecedor único pra todas, ou cada equipe com um fornecedor exclusivo. ex. ferrari-bridgestone; renault-michelan; mc laren-pirelli; e assim por diante. no máximo duas equipes por fornecedor

  25. Adrian Newey disse:

    Esse papo de “redução de gastos” é cascata, pessoal. Desde quando um monopólio reduz o preço de alguma coisa? Mr Ecclestone tem outros interesses.

  26. Sandro Macedo disse:

    Me desculpa, mas você foi pedante, podia ter colocado em português, não sei nada de inglês e me deixou curioso.

  27. Marcelo disse:

    Cinismo nao, eh um chute no saco

  28. Eder Comerlato disse:

    Agora todas as equipes tem que desenvolver carros que se adaptem aos pneus que a bridgestone desenvolve para a ferrari,como já aconteceu antes.O que aconteceu nos EUA foi um fato isolado,pq como vimos no decorrer do campeonato a bridgestone não conseguiu desenvolver um pneu tão bom como o dos franceses.Agora,se por causa de um erro temos que ver um campeonato com apenas uma marca de pneus,com a desculpa de diminuir gastos,então pq não se padroniza chassis e não temos só uma marca de motor pra todas?E os testes,pq não se limita eles tb?Só que aê vai atrapalhar a Ferrari novamente,já que ela não vai poder rodar 2 campeonatos dentro de um só,não vai poder desenvolver componentes,pra ganhar novamente,não vai poder gastar o dinheiro que sobra pra ela,enquanto falta muito pra outras né!Que a GPMA mostre força,e monte um verdadeiro campeonato em 2008.

  29. Sucrilhos disse:

    Outro exemplo interessante: por quê a BAR teve um salto tão grande de desempenho de 2003 para 2004? Será que o Villeneuve atrapalhava tanto, ou a equipe recebia zero de atenção da Bridgestone? Pra mim isso é jogada do Mosley pra Ferrari voltar a dominar o campeonato. Para ele, o que importa é a Ferrari ganhar, é o único jeito de manter a popularidade da F-1.
    E vejam só: se a Michelin fosse fabricante brasileiro de pneu, Indy teria sido um lance de esperteza! Hahaha!

  30. Silvio disse:

    Não sou expert no assunto, mas concordo com uma unica fabricante de pneus. Primeiro porque acho que todo o desenvolvimento de um carro (chassis, motor, etc.) não pode ser jogado água abaixo pelo simples fato de uma marca não desenvolver os pneus adequados. Segundo porque os compostos dos pneus de fórmula 1 não são utilizados nos pneus que são vendidos aos consumidores. E fala a verdade, quem usa pneus michelin ou deixa de comprar um pneu bridgestone só porque ganhou ou perdeu uma corrida?
    Que as fábricas de pneus gastem seu dinheiro em desenvolvimento e outra forma de marketing para vender pneus e deixem a fórmula 1 para ser disputada entre as equipes.

  31. Francisco cavalcante disse:

    Tem que ser cínico mesmo ! ! ! Melhor do que se recusar a correr.Ou vai me dizer que a Michelin não tinha pneus “usáveis” na frança e que não tinha como enviá-los às pressas para os EUA ??? O Piquet conta uma história de , se não me engano , 1984 ou 1985 , sei lá , em que o seu fabricante de pneus daquele ano , acho que Michelin , senão Pirelli , desenvolveu( por orientação do próprio ) , fabricou e fez chegar na Africa , uma boa leva de novos pneus em coisa de 4 dias ! 20 anos atrás !!!!!

  32. Eduardo S SP disse:

    - off topic -

    Alguem aí raparou que é a segunda ou terceira vez que o indiano treina pela Williams, e e nesses dois ou tres treinos feitos por ele el ficou na frente de carros “superiores” e na frente dos “titulares”

    Se continuar assim, não sei não, mas vai ficar estranho principalmente para o Webber

  33. Adrian Newey disse:

    Campeonato monomarca, realmente, não é bom. Mas a Michelin, com aquela avacalhação em Indianapolis, fez por merecer o banimento.

  34. Leandro disse:

    Lamentável,mas nós já esperávamos…faz tempo que a FIA estava fritando a Michelin,para poder ter um fornecedor único.Não adianta,a FIA tá matando a fórmula 1,e eu já estou torcendo que isso ocorra mesmo…pra começa tudo do zero,nas mão de gente mais qualificada….

  35. dogo disse:

    Acho uma palhaçada um campeonato monomarca,Pois quando se corre só,sempre se ganha.Estão indo contra os princípios do esporte, que é a competição.

  36. Leandro Angelo disse:

    Eu lamento e ao mesmo tempo fico curioso.
    Lamento pois as trocas de marcas de pneus permitiram saltos de perfomance ou abismo por insistir na maesma marca. Lamento também pois sempre foi um toque de pimenta a disputa entre marcas e aí vou mais longe, Michelin x Goodyear, Goodyear x Pirelli, Bridgestone x Goodyear e POr fim Michelin x Bridgestone.
    A MIchelin é re-incidente em usar desculpas politicas para deixar a categoria. Seria interessante daqui a 2 ou 3 anos que uma Pirelli ou mesmo a Goodyear voltasse a briga, mas isso é sonho meu.
    Eu fico curioso em saber os bastidores de uma decisão como essa, pois o marketing a borracha francesa está batendo forte nos titulos que conquistou esse ano e agora, por cima bate em retirada? estranho isso…
    Por mais que os diregentes sejam questionaveis (e eu achoi que são burros e/ou intrasigentes demais em assuntos que trariam mais vida para a cataegoria) o retorno de midia que a F1 oferece é algo incalculavel.

  37. Tuta disse:

    Tenho descendência francesa e posso dizer: Mas nós somos grossos, hein? Nunca vi uma entidade querer se livrar de um investidor. Mas a FIA é uma patetada só, os caras não têm a mínima noção, a sigla devia ser J.O.S.E.L.I.T.O.

  38. Eduardo S SP disse:

    Se tivesse acontecido o que aconteceu no USGP desse ano, mas com um fornecedor só, o GP teria acontecido, porque fariam uma exceção, aceitariam os novos pneus e pronto, não haveria a queda de braço entre dois fornecedores

    Quanto a Michelin, fazia tempo que estavam fazendo pneus que dechapavam, pelo menos desde 2002

  39. JN disse:

    Velhinhos folgados!! Não querem concorrência nos pneus, o que é uma pena…

  40. Machinist disse:

    Acabei de ler o comentário de Fabio RC, no texto “Bye, Bib”.
    Desculpe Fabio, meu comentário parece plágio, mas não foi intencional!
    [ ]´s

  41. Machinist disse:

    E se fosse somente um fornecedor de pneus, e estes acabassem decidindo que não dava pra correr em Indianápolis? Será que todos os carros parariam? E como será que seria a confusão?

  42. A.D.F. SENSASHOW disse:

    PARABENS PELO SEU BLIG ESTA SHOW DE BOLA, BEM DESENVOLVIDO PARABENS MESMO.

    QUANDO PODER DE UMA PASSADA LA NO MEU BLIG QUE E SOBRO QUADRILHAS JUNINAS DO RIO DE JANEIRO OK

    http://WWW.SENSASHOW.BLIG.IG.COM.BR

  43. ROGERIO BH disse:

    prefiro todo mundo de pneu igual..
    menos uma desculpa para os incompetentes…

    saudações celestes

  44. Alessandro Candido disse:

    Gostei e to de acordo ;)
    a Michelin reclamou demais o ano todo… e fez uma palhaçada nos EUA…
    gostei!

  45. Sucrilhos disse:

    Sei não hein… Todo mundo sabe que para a Bridgestone importa que a Ferrari vença e apenas a Ferrari vença e apenas a Ferrari vença. Ela já deixou isso claro quando o time vermelho disputou o campeonato com a Mclaren com o mesmo pneu japonês, o que levou a Mclaren a mudar de pneus. Formula 1 mais justa? Acho que só no comunicado da FIA…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>