MENU

terça-feira, 7 de fevereiro de 2006 - 17:22A1GP

Fittipaldi ao quadrado

SÃO PAULO (vem água) – Está no solerte Grande Prêmio: sai Piquet, entra Fittipaldi. Falamos de filho e sobrinho. Christian assume o carro verde-amarelo na A1 GP nas últimas quatro rodadas do campeonato.

Nepotismo brabo, dirão alguns. Aliás, “nepotismo” é termo secular, vem das mamatas que os papas concediam aos seus sobrinhos (“nipote”, em italiano) em priscas eras.

Mas acho que é apenas uma escolha, como qualquer outra.

19 comentários

  1. Certo, Juca disse:

    São 2 panacas. Não muda nada…

  2. Luiz Maul disse:

    Mudando de saco para mala, tem alguma emissora que vai transmitir as Super Bikes, onde vai correr o Alexandre Barros?

  3. F disse:

    Concordo plenamente com os comentarios… Escolha estranha colocar o Christian ao inves de dar uma chance a um piloto jovem. Eu gostaria muito de ver o Joao Paulo de Oliveira, por exemplo, correndo numa categoria que tem visibilidade.

  4. Cristiano Vicente disse:

    Faço minhas as palavras do Juca. Porque não dar oportunidade para pilotos jovens que são promessas como Lucas Di Grassi, Danilo Dirani, João Paulo de Oliveira? Ou porque não utilizar o Kanaan, ou CastroNeves ou o Jaime Câmara que disputa a Infinity Pro Series? Acho que entre as piores sugestões (Christian, Jungle Boy, Da Matta) eles conseguiram escolher o pior.

  5. ROGERIO BH disse:

    Acho o Christian um piloto razoável…mas sem duvida, em final de carreira….que teve lá alguns momentos…o principal o looping na Itália….hjahaha
    Mas falando serio, acho que deveriam colocar uma promessa para aprender e futuramente ir para a F1 ou IRL….

    saudações celestes

  6. Thomas Visani disse:

    Podiam por o Cacá Bueno. Pelo menos o vice ele garantiria…

  7. Rangel disse:

    Não precisa haver discussão nenhuma, e nem precisa que se pare de falar de carros antigos, minha sugestão é a de que exista espaço para discussão sobre a F1 atual já que esta possibilidade no momento não existe. Gostaria de que se respeitasse todos os que gostam de automobilismo, antigo ou atual, DKWs ou Ferraris, do antigo Blig ou os novos do Blog do Gomes.

  8. Rangel disse:

    Já se especulava a saída do Nelsinho havia algum tempo, só acho que deveria ser dada a chance para uma jovem promessa, não um piloto em fim de carreira, “Nepotismo” é a palavra correta.

  9. Edgar Barros disse:

    Olha, eu acompanhava o Cristian quando ele corria de Indy, depois que ele veio pra Stock e voltou para o USA eu deixei de acompanhar um pouco. Ele não é um piloto ruim, mas também não é ótimo piloto. Acho que deviam chamar o Jungle Boy para a A1, já que ele não está fazendo nada por enquanto (não sei se ele assinou com alguma equipe da F.Mundial.)

  10. SERGIO MAGALHÃES disse:

    ERRATA: só uma correção: cometi 2 erros que se algum professor de lingua portuguesa ler, vai ficar indignado. Na correria escrevi exposição com S e houve sem H. Desculpe. Quando vi, já tinha enviado o texto.

  11. JUCA disse:

    O Piquezinho andou fazendo algumas bobagens nas ultimas corridas da A1GP…. Alias, se ele fosse mesmo bom, ja teria mostrado isso na GP2..ou teria sido escolhido pela Williams como piloto pra testes (perdeu para o Nico…qdo ambos treinaram juntos, o Piquezinho rodou..o Nico andou)… Substitui-lo pelo Christian e’ trocar 6 por meia duzia..outro ruizinho..que andou mais pelo sobrenome do que pelo braco.. Poderiam colocar o Joao Paulo Oliveira, o Lucas di Grassi..ou o Danilo Dirani.. pra dar chance a quem e’ novo.

  12. SERGIO MAGALHÃES disse:

    Não acredito que o Christian possa fazer melhor do que o Nelsinho. Faz tempo que ele não pilota formulas, e mais que isso, precisaria de um tempo maior para se adaptar ao carro. O Nelsinho começou bem, venceu a primeira e só. Como ficamos privados de maior esposição da categoria, não dá para avaliar melhor se ouve mais erros do Nelsinho ou da equipe num todo. De qualquer forma acho que temos pilotos mais bem preparados para este tipo de carro do que o Christian.

  13. Rodrigo Curtis disse:

    Acompanho todas as provas da A1 desde o início (quando não dava pra ver ao vivo pelo site, eu via depois, pois o site oficial deles é muito bom e é possível ver a corrida toda depois).

    Muita gente anda criticando o Nelsinho Piquet só por ler as matérias “França vence novamente na A1 GP”. Não é bem assim que funciona, a equipe do Brasil em geral dá mancadas: erros nos pit-stops, táticas absurdas, problemas elétricos. Na minha opinião a mudança foi apenas pelo Nelsinho precisar se concentrar na GP2 definitivamente, pois se ele (e a Piquet Sports) não trabalharem duro, a ART leva o título fácil (por ironia um dos pilotos é o francês da A1, o Premat).

    Quanto ao Christian, ele tem experiência, curriculum bem variado, pouco importa não ter vencido na NASCAR ou na F1 (sem carro que o permitisse). Torço pelo Brasil e acredito que ele possa render bem.

    Obs. FG, é uma pena que a A1 tenha pouca “audiência” por enquanto, não acha? É bastante emocionante a categoria, só pelo numero pequeno de comentários já dá pra perceber que o pessoal anda pouco informado sobre a categoria. Eu gostaria muito que os meios de comunicação de automobilismo dessem mais atenção pra esta categoria.

    Abraços!

  14. Renato disse:

    Será que ajudou o Piquet ter ridicularizado o GP Masters??? Ou será que foi despeito pela dispensa do filho???

    Causa ou consequencia?

  15. Planeta disse:

    Sei não, sei não!!! Acho que na A1 pode colocar qualquer um, deveria cada corrida colocar um piloto diferente, é uma brincadeira das nações!!!!

  16. Ana disse:

    Prefiro o Kannan e o daMatta, mas quem sou eu pra escolher quem vai pilotar. Só uma questão: será que o Fittipaldi não perdeu o ritmo de guiar um fórmula?(Essa frase ficou esquisita)
    B-jos

  17. Alexandre Reis disse:

    Quem sabe com um piloto mais experiente o time brasileiro se aproxima do lider. Acho que o Cristian pode fazer um bom papel, talvez estejamos falando da sua ultima chance a nivel mundial. Veremos????

  18. Andre disse:

    FG, mais uma vez….Kd as miniaturas ? BOm deve ser mais fácil administrar o sobrinho que o filho do Piquet. Quem sabe agora não deslancha ?????

  19. Jorge Pezzolo disse:

    flavio.
    Porque que a cobertura da a1 gp e tao pouca no Brasil?
    reconheco que eh uma categora de nivel secundario mas as corridas tem sido muito emocionantes e aparticipacao brasileira nao chega a ser um fiasco…
    Acho a A1gp bem mlehor que a Indy, por exemplo…

Deixe uma resposta para Cristiano Vicente Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>