Alma carioca | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quarta-feira, 12 de abril de 2006 - 11:54Brasil, Dica do dia

Alma carioca

SÃO PAULO (mas poderia ser Rio, apesar do azul excepcional do céu nesta manhã de outono, a melhor das estações) – O blogueiro Garcia deu a dica num comentário aí embaixo: um site legal para ver anúncios antigos. Aí entrei e descobri muito mais no Alma Carioca, obra de Paulo Afonso de Almeida Teixeira.

Que começa assim:

Seja bem-vindo, amigo ou amiga. Chegue nesta página como quem chega a um bar do Rio. Puxe a cadeira e tome conosco um chope gelado, sentindo no rosto a brisa abençoada que vem do mar.

Dá para ser mais convidativo? Bem, é mais ou menos o Rio que conheci, onde vivi por três anos, ainda criança, tempos em que o maior crime brasileiro era o sequestro do Carlinhos (que na época era “rapto”, e tem um relato maravilhoso aqui, de um repórter que cobriu o caso), nada más.

Alma Carioca é para ser desvendada aos poucos, como a alma carioca propriamente dita. Fração dela se exprime como na foto abaixo. Nada mais Rio que uma banca no Leblon, Globo x JB.

10 comentários

  1. VELOZ-HP disse:

    Tá certo Zé Carioca, fique aí com seu potuguês perfeito e suas ilusões erradas que eu fico mais feliz aqui, com meu português errado e minhas certezas mais certas.
    Só o futuro dirá quem está certo.
    Boa sorte, certamente.

  2. Zé Carioca disse:

    Olha, quando o tema sai do assunto automobilismo é que se percebe a limitação de certas pessoas aqui Vejo no comentário do Veloz, que certamente é um expert em carros, corridas e etc aquele velho bairrismo tão comum em algumas cabeças de Sp Hoje é feriado e a cidade está repleta de turistas, dos que vem de carro, maioria absoluta é de Sp capital.Tenho um amigo que mora na Vila São Francisco, ZL e fico na casa dele quando vou a SP. Realmente é raro ouvir tiros, rajadas e etc mas, depois das 10 não tem viva alma na rua e sabe porque? Assaltos, alguns com morte, só pra citar um exemplo claro que conheço, eu não tenho medo nenhum de andar tarde da noite aqui e olha que moro em Santa Teresa que é cercada de favelas. A diferença da violência entre Rj e SP é a paisagem, acho até a polícia paulista mais presente, os Pms me dão uma impressão de mais disciplina talvez. Mas é só. Tenho amigos que moram na ZL, em bairros nobres como Vila Nova Conceição, Jardins e outros menos votados e todos sem exceção tem as mesmas preocupações que nós cariocas. Veloz , vou perdoar seus erros de português (muitos hein…) e lembrar-lhe que o município do Rio tem cerca de 6 milhôes de pessoas portanto não cabe dentro de um bairro de Sp, isso é uma demonstração de preconceito puro que não leva a nada. Se vc quiser, Veloz posso te mandar umas fotos daqui do meu condomínio e mostrar que as belezas continuam aqui pra quem quiser ver, ok?

  3. VELOZ-HP disse:

    Serginho, eu entendo o sentimento de vocês cariocas, mas cuidado, não entrem nessa de repetir os velhos chavões da mídia como, cidade linda, maravilhosa, todo o lugar é violento, é assim em todo lugar, etc, etc.
    Se voce consultar os dados da polícia dederal, polícia estadual, agências de seguro, universidades de sociologia e ONG´s independentes você verá que a coisa é pior do que você queira acreditar.
    A cidade do Rio é do tamanho de um bairro de São Paulo e se você fizer uma comparação de dados entre o tamanho em km2 x nº de habitantes verá que nem o pior bairro de São Paulo em termos de violência é pior do que o Rio.
    Isso sem falar no adençamento de favelas que hoje cobrem quase toda a cidade, corroendo dia a dia essa tal beleza natural que a cada dia fica limitada a menos e menos lugares.
    De que adianta ter um pequeno oasis cercado de mizéria e crime por todos os lados e pior, os moradores do oasis sentem-se cada vez mais receosos em usufruí-lo, assistindo a diária invasão e destruição das tais belezas ?
    Não pense que gosto dessa situação, longe disso, nem que eu tenha inveja de vocês, mais longe ainda, mas me preocupa o que será ou sobrará do Rio daqui a algúm tempo.
    Me preocupa mais ainda esse aparente conformismo de vocês que já se acostumaram com tiroteios a qualquer hora do dia, balas traçantes iluminando a noite e mostradas na TV, crianças desfilando armadas de metralhadoras pelas ruas, “bondes” de criminosos correndo pelas ruas e as pessoas de bem nem se importando mais, isso é muito triste para mim, e deveria ser repugnante para pessoas e moradores de bem como você, que deveriam se unir de uma forma mais viceral e até mais violentamente indignada com tudo isso e partir para uma verdadeira solução, que começaria por destituir todas as autoridades imundas que tomaram o Rio como piratas, botar para correr essas baratas que fizeram o sistema de saude pública do Rio ser o pior do país, talvêz só comparavel a cidades da Colômbia ou Nicaragua, e começar a resgatar pela educação todas essas crianças sem a mais irrisória chance de futuro que perambulam pelas favelas e que um dia, serão elas os algozes e assassinos dos seus filhos numa proporção cada vêz maior de relação entre bandido x mocinho.
    É assim que vejo o pobre e feio Rio de Janeiro, onde os meus pais passaram a lua de mel em 1952, onde eu comemorei meus 18 anos em 1974 e onde recusei uma proposta de mudança de trabalho em 1992, preferindo ficar desempregado aqui do que empregado aí.
    A continuar essa escalada temporal como estará o Rio daqui a 10 ou 20 anos ?
    Tudo isso é muito triste para mim e trágico para vocês, por isso eu alerto, parem de pensar comum e resignadamente a respeito dos problemas do Rio, êles não são comuns e nem de longe fáceis de resolver.
    Vocês deixaram isso chegar a esse ponto, agora partam para a verdadeira guerra que será resgatar o Rio de Janeiro.
    Boa sorte.

  4. Felipe de Almeida disse:

    É, podes crê, este é o meu Rio mermo.

  5. Daniel Carlos Nava disse:

    O problema do Rio são os governantes e suas políticas de segurança pública. Fui lá em 84 e adorei. A cidade é maravilhosa e fomos muito bem tratados pela população, mesmo sendo paulistas.

  6. Alexandre Reis disse:

    Grande Gomes, esse foi o melhor post do Ano.
    Bem sobre a ALMA CARIOCA, eu tenho a alegria de informar a todos que não é preciso ter nascido no Rio para se ter a alma carioca. Basta ser feliz, lutar e acreditar que apesar dos problemas a cidade é linda, maravilhosa, acolhedora com todos sem distinção e que tudo vai melhorar.
    Eu faço um convite a todos, procurem vir ao Rio de preferencia com algum amigo carioca e conheça o melhor da cidade, que ainda não estão nos cartões postais.
    Grande Abraço

  7. Luiz disse:

    Niterói, a cidade abençoada, as mais belas prais do RJ, as mais lindas mulheres do Brasil!!!! Ai que saudade que dá!!! Valew Gomes!!!

  8. Serginho RJ disse:

    acho que ninguém disse que não existiam problemas. mas não é dessa forma. tanto que mais de 95% dos turistas pretendem voltar ou indicariam o Rio a amigos. tem violência? tem sim. mas me diga, caro Veloz-HP, onde nao tem? o problema do Rio tb é a repercussão. Tudo tem uma dimensão enorme.

  9. VELOZ-HP disse:

    É Flávio, esse Rio eu também conheci, só que hoje, esse convite se falado só a verdade seria :
    “Chegue neste bar do Rio. Puxe a sua arma para se defender dos ladrões ratos de praia e arrastões, abaixe-se quando escutar tiros de AR-15 e metralhadora em plena Copacabana, antes do chope chegar, fique ligado nas pessoas à sua volta e jamais mostre carteira, dinheiro ou cartões em público, e diga não àquela criança de 5 anos vendendo cocaina e àquela outra de 10 se oferecendo sexualmente por 15 Reau, além de sentir no rosto o fedor do esgoto lançado ao mar e o óleo derramado por algum navio de contrabando por aí, e não ligue para aqueles 5 turistas escoltados por 25 guarda-costas do hotel.”
    Fora isso, tudo tá lindo.

  10. Serginho RJ disse:

    trabalho com gente de todos os lugares do brasil, inclusive paulistas, e todos, todos que vem pro rio tem a mesma opinião: problemas todo lugar tem, mas a beleza do rio é única.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>