Uirapuru II, a missão | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quarta-feira, 31 de maio de 2006 - 18:15Carros

Uirapuru II, a missão

SÃO PAULO (será que vai cantar?) – Há um ano e meio, mais ou menos, surgiu um esboço de projeto para se recriar o Uirapuru. O blogueiro Askjao, que não sabe mais o que fazer para ganhar uma camiseta do #96, mandou este link.

O projeto é interessante, sempre gosto de ver esses planos mirabolantes. Mas por enquanto é algo bem incipiente. De qualquer forma, fica o registro, e o desenho que estão imaginando para que a lenda do Uirapuru tenha uma sequência.

41 comentários

  1. Marcato disse:

    andré
    ô explicaçãozinha de filme de quinta categoria.

    vai tormar seu gardenal rapá !

  2. Pedro Jungbluth disse:

    Pô, André, tá bom eu falei um pouco demais no orkut, até me desculpei lá, mas aqui o que eu fiz foi descrever o post “qual o motor” da comunidade do Uirapuru.
    Acho que a indpustria de motores, no seu atual estágio, caminha bem lentamente, pois as evoluções a partir de agora são apenas desenvolvimentos. Os motores a explosão estão com seus dias contados, e querer dar um “pulo do gato” nessa área não é inovador nem muito responsável.
    Quer dizer, se comparar com davinci não dá muito certo, pois esse cara tinha uma visão “voar”, um objetivo nos seus planos.
    Graças à sonhadores como ele, conseguimos desenvolver o avião e podemos voar.
    Mas, qual o objetivo de querer criar um motor com pistão de cerâmica? O que se ganharia com ele?
    Marketing?
    Acho que apenas você confundiu a filosofia de construção de estilo com a filosofia de simples engenharia que existe na indústria de motores.
    Acho que ter uma idéia sobre um novo tipo de motor é uma tarefa que cabe a um engenheiro, e esse o fará com objetivos técnicos.
    Por exemplo, qual o motivo da Volkswagen estar desenvolvendo motores de injeção direta de gasolina?
    O objetivo é melhorar o rendimento do carro, em consumo e potência.
    Um objetivo calcado em muito estudo na área.
    Agora, qual o objetivo de ter um motor rotativo com pistão de cerâmica? Nenhum, já que a cerâmica, ótima para lidar com fricção e calor, não é muito boa com o impacto das explosões internas, e não ajuda em nada os graves problemas de vedação interna que esses motores (que inclusive matam sua utilidade prática).
    E não é nem um pouco realista que se suponha nescessário projetar uma nova tecnologia para realizar o projeto de um carro apenas.

    Agora, tudo bem, você largou mão dessa idéia, o carro está seguindo suas etapas, me mostrou muita coisa, realmente é muito legal.
    Mas no final das contas, para motor, está escolhendo entre duas mecânicas importadas.
    O que era justamente o objetivo original do tópico na comunidade do orkut.

    Sei que recentemente exagerei, falei muito do que não devia, mas me desculpei e apaguei o que estava errado.
    Mas mantenho sempre minha convicção que o projeto podia ter servido para aproveitar o talento dos preparadores nacionais, com peças nacionais, o que reduziria muito o custo de manutenção do carro.

  3. André Soler disse:

    Pois é cara, amadorismo ou não as coisas estão andando.
    E acredite se quiser ou não estas coisas publicadas ai são frutos de comentários mal interpretados de uma pessoa.
    Ummotor Wankel existe sim e com o cilindo rotativo de ceramica tb, mas pra se inovar com novas tecnologias vocês tem de viajr que seria do Avião se Davince não tivesse estudado a possibilidade de no século 14 ou 15 de o homem voar.
    Acredito muito em trabalho duro e na perseguição dos sonhos, posi conosco esta dando certo.
    Abraços.

    André Soler

  4. Marcato disse:

    André Soler,

    só se for na sua cabeça, pois vi a p´[aginaé é de um amadorismo muito grande, quando li o post abaixo que vc quer motor rotativo, pensei pirou, quando terminei de ler que vc queria com o rotor em cerâmica, ai vi que vc não pode ser levado a sério, ou é 171 ou vc é um deslumbrado mesmo, o projeto pra ficar rázoavel inda precisa melhorar muito, ve-se acorda rapaz e faz esse negócio direito.

  5. André disse:

    Opa pessoal..boa noite..para os que não acreditão na reedição..vão se assustar..pois o carro vai existir….

    Abraços

    André Soler

  6. Marquito disse:

    è Pedro,

    O cara já quer fazer um carro no brasil, que já não é fácil, e ainda quer com motor rotativo e pistão de cerâmica, pelo visto ele ainda não caiu da cama e acordou !
    deve viver em outra realidade e país!

  7. advogado disse:

    Vamos começar uma campanha : liberdade para o Askjão !! Fim da escravidão !!

  8. Pedro Jungbluth disse:

    Tem uma comunidade no orkut sobre esse carro.
    Eu entrei numa discussão lá sobre qual motor usar, o cara neto do Soler dizia que tinha que ser um motor rotativo com pistão de cerâmica…
    Quando eu falei que era melhor colocar o motor 4.1 da GM ele quase me escomungou. Nem o motor Vortec da Blazer ele queria, tinha que ser algo muito inovador para agradar o rapaz.

  9. Edgar SC disse:

    Show de bola…
    Com um desses aí eu me contentava com o 4.1 que tinha mesmo enfiava um webber do tamanho do mundo (tenho um ponto 50 dando sopa aqui)… O Askjau ta quase hein…

  10. Henrique disse:

    Show. Lembra muito o desing de um carro – conceito americano. Porque não fazer um desses que e levar pro SEMA?
    Já pensou a gringaiada tentando falar o nome do carro??? rsrs.

  11. Askjao disse:

    Bem que eu gostaria… Seria muito show conhecer todos ao vivo e ainda poder destilar umas MERaDoriAS por lá… Mas fica inviável para mim… O problema nem é sair do Rio, mas me livrar da algemas, se é que me entendem!!!

  12. fofqueiro disse:

    Askjão, não quero te incitar nem excitar a nada, mas o gomes disse que se você vier in person no dia 10 de junho vc ganha o santo graal.

  13. Askjao disse:

    Valeu Vitor… já vi que vc tem bom gosto para carro!!! Aproveito tbm para agradecer a todos pela campanha “Dê uma camisa #96 para o Askjao, FG!”… valeu galera!

  14. UFO disse:

    Obrigado Flavio, sentia falta de um espaço para nós. Estaremos fazendo contato imediato no circuito circular que você chamam de autodromo.

  15. Genésio Ortega disse:

    Parece-me que o Brar Soler, filho do Rigoberto, estaria por trás desse remake do Uirapuru, o que daria um impulso interessante nesse projeto, confere?

  16. Lucas Zanchet disse:

    valeu flavio,pelo menos pecebi que vc entendeu o recado.

    abraços

  17. Gomes disse:

    Lucas, este é um tópico sobre o Uirapuru. Num tópicosobre o Uirapuru, fala-se do Uirapuru. Num tópico sobre extraterrestres, fala-se sobre extraterrestres. Quando houver um tópico sobre a minha coluna, você comenta a minha coluna. Que tal assim? Não fica mais fácil?

  18. lucas disse:

    CARO FLAVIO,parabens sempre pelo otimo trabalho,porem gostaria de dar uma opiniao referente ao seu comentario do “erro” do shumacher,na coluna warmup

    eu como ex- kartista, achei vísivel que ele deu umas freiadas fortes,e fingiu controlar um pouco com a direção um possivel saída de traseira ,ou seja ele é tão bom que nem vc que tem anos de jornalismo e ainda corre de vez em quando conseguiu perceber, acho que o shumacher toca muito,mas dos grandes sempre foi o mais sujo.

    um abraço

  19. Vitão disse:

    Pra ficar na GM ele podia ter o motor do Corvette Z06, com 500 potrinhos!
    Mas considerando os requisistos de segurança e de engenharia exigidos hoje, é impossível desenvolve-lo no BR.
    FG, dá uma camiseta apra o Ask, se ele prometer não escrever mais ! (brincedeira, o cara é gente boa, e tem Marea além de tudo. pena que é do Rio…) abraçao

  20. Flavio Chinini disse:

    Vai ter a caipirinha da receita, dia 10?

  21. Kenola disse:

    A lateral, o capô e a bunda me recordam a SLR…

  22. Flaviao Bueno disse:

    Gomes, sei que eh a sua opiniao…
    Mas voce tah viajando muito com essa historia do acidente do shummy. Qualquer um que fizesse aquilo seria alvo de criticas generalizadas. Inclusive o massa, o alonso ou qualquer um outro. Voce esta realmente desacreditado do bom senso conterraneo.

    Nao seja tao ressentido.
    O que fizeram contigo menino?

  23. Flavio Chinini disse:

    Seria fantástico o Retorno do Uirapurú. Mas para a realidade brasileira, creio que seria inviável sua produção. Para manter o padrão de qualidade da primeira versão, somado aos avanços tecnológicos conquistados desde então, o preço do Uirapurú seria impraticável.

  24. Jonny'O disse:

    Seria muito bom um carro novo nacional ,e melhor ainda com história.Mas infelizmente aqui no brasil ,acho que não rola!

  25. dennis disse:

    Pô Flávio, dá uma camiseta pro cara…

  26. Alexandre Reis disse:

    Lindo, tomara que de certo.
    Ai galera do Blog, o cara merece, tá sempre por aqui, debatendo, conversando, elogiando, criticando e alem de tudo é aqui do Rio. O negocio é começar uma campanha pra ele:

    GOMES DÊ UMA CAMISA 96 PRO ASKJAO !!!!!!!!!

    Grande Abraço

  27. Silvestre Zanon disse:

    Uirapuru é nome de um pássaro não é?

  28. Silvestre Zanon disse:

    Pode parecer pessimismo mas eu acho que não sai do papel…

  29. L.Mazzoni - UK disse:

    Fiquei feliz em saber que existe este projeto.Ja tive um Uirapuru em 1978, totalmente reconstruido, com aquele motorzao chevrolet 6 cilindros enorme.
    O unico problema era a relacao de diferencial que era curta demais para a potencia do motor, alem do estilo de porta que sempre vazava agua nos dias de chuva, mas mesmo assim era um colirio ver aquele design avancado para a epoca.
    desejo boa sorte ao projeto.

  30. Marcos disse:

    Menos, pessoal, menos !
    Há uma distância muito grande entre estes rabiscos e um carro de verdade !
    E mesmo que aconteça um protótipo, dai até colocar em produção, o abismo é ainda maior !
    Aposto R$ 5,00 que não rola !

  31. JR disse:

    Realmente não sabia que a versão anterior era equipada com motor 6 cilindros. Apenas pensei, em redução de custos e principalmente, segurança, afinal com um motorzinho do gol esse carro chegaria aos 200km/h. E se fosse vendido por uns 40 mil, calculem quantos não seriam vendidos????

  32. Eduardo disse:

    É interessante como o desenho da versão “atual” remete ao desenho do original… uma versão moderna mesmo… Infelizmente planos como esse não fazem parte da realidade do nosso Brasil…

  33. Máximo disse:

    essa dica vale uma camiseta…

  34. Guilherme Behmer disse:

    Estilosão!!!
    O original era mais estiloso ainda, mas mesmo assim ficou muito legal o desenho.
    Realmente é uma pena que não haja uma indústria nacional que pudesse se utilizar dos designers nervosos que estão vagabundando por aí.

  35. Edison Guerra disse:

    Concordo com o Askjao,este projeto é muito bom para motorzinho.Creio que o JR desconhece que o original já dispunha de motor 6 cilindros.Nesta nova versão,para continuar com GM,poderia usar o 4.3V6 da Blazer ou o 3.8 V6 do Omega australiano.
    Pô Flávio,envia logo a camiseta #96 p’ro cara.Ele merece,pois é dos mais ativos participantes deste blog.
    Abraços….

  36. Lawrence disse:

    DesenhoUUUUU né galera, falha nossa….

  37. Lawrence disse:

    Bonito carro né pessoal??
    Quem desenho Gomes?
    Se o Lobini custa uma nota preta é (parece né) bem menor, imagina esse aí?
    Mas de qualquer forma fica a torcida para que saia do papel!
    Abraços!

  38. Askjao disse:

    JR, um carro desse merece um motor de verdade… algo mais bravo, com uns 250cv ou mais!

  39. Askjao disse:

    Preferi o desenho 2… achei mais interessante… mas poderia ser qualquer um, desde que fosse produzido!

  40. JR disse:

    Qual seria o preço dele com um motor do Gol 2.0? Uns 40mil? Viável? Quem dá mais (ou menos)

  41. Mandrake disse:

    Pata que paréu!!! Muito lindo!

    Tomara que apareça alguém pra bancar o projeto.

    Rigoberto Soler era um GENIO! Quando vi o Lavinia no stand da FEI fiquei embasbacado e decidido a estudar lá.

    Infelizmente o destino me levou para longe de São Paulo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>