O QUE É, O QUE É? | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008 - 16:51Sem categoria

O QUE É, O QUE É?

SÃO PAULO (pode ser) – Encontrado no fundo de uma garagem pelo Dario Faria. Ele aposta que é um Shark. Eu não tenho certeza. Quem sabe?

59 comentários

  1. Carlos Silveira disse:

    Mudando de saco a mala… eu trabalhei na decada de 70 com seu Esnesto e seu Walter na Casa Verde. Seu Walter já era responsável pela divisão de tanques em fibra de vidro e eu era gerente da divisão de transportes. Houve uma época que seu Ernesto se ausentou do Brasile seu Walter respondia pela empresa. Levei sugestões para melhorar a minha divisão a ele e pela boca de seu Walter escutei uma frase que me acompanhou por toda a vida….

    Bom trabalho menino (era na época, com certeza…) mas, isso é o mesmo que atirar uma moeda de ouro em um pinico de m….

    Tem toda uma explicação, mas te conto o conto mais tarde. Abraços

  2. Julio Auler disse:

    Minha prima foi esposa do Walter Ristori (falecido à aprox 1 mês atras).
    Eu, de jovem, ainda sem carta, dirigi muitos Sharks fabricados por ele.Desde os mais mexidos aos menos potentes. Os fuçadões tinha 2000 cc, carter seco (roletado) 2 BiJets Weber 40 sem qualquer filtro.
    Este é um Sark sim… Muito provavelmente já dirigi este tambem. Dirigi quase todos que sairam.
    Os Sharks foram feitos na Divisão de Plástico da Trivellato, firma de meu tio Ernesto Trivellato, sogro do Walter Ristori.
    O Walter teve 3 filhos homens e uma menina. Todos os meninos ainda trabalham com fibra de vidro.

  3. manuel oliveira disse:

    foi feito um nesses moldes dentro da Heve no rio, Renha era o proprietario em 67/68, ajudei a construir, Antonio Ferreirinha deve lembrar de mais detalhes

  4. Helio Herbert disse:

    Somente para constar…

    Existe sim um molde fabricado pela trivellato e este se encontra na cidade de Registro e aguarda final de longo processo na justiça.(relato de um membro da família Trivellato)
    Foi também fabricado um segundo molde no final dos anos 70 à partir de uma carroçeria e ele se encontra em meu poder e em breve vou montar uma unidade o mais original possível .
    Gostaria de obter mais informações se possivel sobre a parte interna,quem puder me ajudar entre em contato pelo email: helioherbert@uol.com.br

  5. Pedro disse:

    eu conheco um trivellato ele me conto a historia o Smael Trivelatto

  6. Erneni disse:

    A Trivellato S/A tinha fabricas em São Paulo (Prox. Ponte da Casa Verde), Rio de Janeiro (Av. Brasil), Belo Horizonte e Curitiba.

    Sds

  7. Laercio Gazinhato disse:

    Bem no inicio dos anos de 1970 havia um Shark GT circulando pelo bairro do Ipiranga, em São Paulo (SP).
    Eu o vi diversas vezes, sempre próximo do Museu do Ipiranga.
    Era na cor conhaque metálico e numa das vezes tive oportunidade de conversar com o proprietário.
    O motor desse era um VW de 1.700 cc, com dupla Weber 40, polia graduada, bobina Mallory e o cambio com 1a. longa e 4a. curta.
    Como o carro foi inspirado no Ford GT 40, ele se dividia (abria) como o inspirador e foi lindo quando o dono abriu
    a traseira e a dianteira ao mesmo tempo: subia com os paralamas (que eram integrais) e só o cockpit é que ficava
    fixo…ainda tenho a imagem na memória!
    A Trivelatto foi uma fábrica de carrocerias e – se a memoria não me falha – ficava no ABC ou no Ipiranga.
    Espero que estas informações ajudem.
    Parabens pelo carro e…capricha na restauração!!!

    • Albertojduraes disse:

      Somente para esclarecer que:no ano de 1.970 eu era motorista particular do sr. Josep Trivellato, que residia na av. Estados Unidos, era possuidor de um Dodge semi hidramatico,o qual era eu quem dirigia de domingo a domingo, levava o sr. Trivellato para a fabrica que ficava na Rua Rudge Ramos, barra funda, na epoca existia la 4 sarks em fase de acabamento e que eu sob mandado do sr. trivellato a fazer alguns testes especificos na marginal.fiquei muito pouco tempo la, porque pagava muito pouco e exigia muito. (somente para esclarecer)rudge ramos é na barra fundA OU CASA VERDE. MAS NUNCA NO ABC OU IPIRANGA.

  8. Cesar Giometti disse:

    Poxa, eu me lembro desses comentários. Disseram que o carro iria estar no Salão do Automóvel, mas eu não ví e sempre fiquei com vontade de ve-lo. Na forma de kit ou não, é um belo desenho, assim como o Puma era e o Lorena também. Um amigo meu tinha um azul metálico, com aquela frente que lembrava o Corvette Stingray. Esse Shark bem arrumadinho faria um enorme sucesso hoje, em qualquer lugar, ele é bonito pacas – a gíria é da época – começo dos anos 70. Puta saudade…

  9. Volker Froese disse:

    Prezado Erneni
    Gostaria de manter contato com você e saber mais sobre a
    história do Shark / Trivellato. O carro branco do Rio, (talvez o segundo fabricado), atualmente repintado vermelho, é meu
    e estou fazendo a restauração da frente esquerda. Foi batida
    e reparo mal executado.
    Tel. (22) 2523 0872 cel. (22) 9998 0908 e
    E-mail volker_froese@click21.com.br

    Grande abraço

    Volker Froese

  10. Volker Froese disse:

    Ao Flávio Gomes
    Assunto: Shark da Trivelatto
    O carro encontrado pelo Dario Faria em SP é realmente um Shark
    fabricado pela Trivelatto sob licença Fiberfab US.
    Segundo um amigo meu, início anos 70 havia 4 carrocerias do
    Shark à venda na Ilha do Governador-RJ. O Shark branco foi comprado nesta ocasião por outro amigo meu, já falecido.
    Após alguns anos o Shark foi vendido, passou por vários donos
    e foi recomprado bastante danificado e já repintado na cor vermelha.
    Atualmente este Shark é meu, está com a frente sendo restaurada por mim em N.Friburgo RJ.
    Concordo com os comentários de Erneni, Alfi, Felipe Nicolello e
    Caíque.
    Abraço a todos
    Volker Froese

  11. Erneni disse:

    Uma pena que só vi este post agora. Gostaria de esclarecer alguns fatos. Trabalhei na Trivellato na época do lançamento do Shark e conheço a historia.
    A Trivellato fechou um acordo com a Fiberfab para a fabricação dos veículos no Brasil e não em forma de kit. Desta maneira um kit foi importado, e deste kit foram fabricados os moldes para a fabricação em serie. Nenhum dos quase 30 veículos vendidos foi importado, todos produzidos pela Trivellato com matéria prima e mão de obra nacionais. A plataforma e o motor eram da Volkswagen fabricados em São Bernardo do campo. Ainda que na época do lançamento do Shark, a importação de veículos era permitida, e a proibição da importação foi somente no início de 1975. Logo não se tratava de “importabando”.

    O Projetista o Sr. Walter Ristori, foi quem fez o acordo nos Estados Unidos, e coube a ele fazer a adaptação da corroceria em fibra de vidro para os componentes nacionais. Mecanica, armazenamento de combustivel, parte eletrica,vidros, maçanetas, lanternas, farois, interior e etc. Além da homologação juntos aos orgãos competentes.

    Para finalizar, em minha opinião um dos carros fora de serie mais bem fabricado e acabado feitos no Brasil.

    Sds!

  12. Al Fi disse:

    Sei que o post é antigo mas me lembro de algumas coisas que ninguém comentou. Um Shark dourado esteve à venda, no lançamento, em uma revenda de importados na rua Barão de Mesquita – Tijuca – Rio de Janeiro. No fim dos 70 ou início dos 80, não me lembro mais, vi um Shark branco, já meio detonado, em um subúrbio do Rio, perto de onde havia uma loja da Veluplast, que fabricava KG de fibra.
    Quem achou que era um Bianco não reparou que o teto é completamente diferente.

  13. joaquim disse:

    Ôpa,
    Não falei que tinha um no Planalto Central? Em Anápolis e pertencia ao meu amigo Sidney…

  14. Felipe Nicoliello disse:

    Meu amigo Dario, vc não aguentou e mandou a foto depois de muito tempo?
    Senhores, este é realmente um Trivellato Shark, lançado na 4Rodas de setembro de 1970 pelo seu “projetista” Eng. Walter Ristori, genro de Ernesto Trivellato. Dizem que fizeram 5 carros, como esse “projetista” era muito mentiroso e cara de pau, não podemos acreditar ao certo. O certo é que o Shark foi copiado do Avenger Fiberfab, como já foi citado, e a intenção da fábrica era vendê-lo em Kits, mas qdo a falcatrua foi descoberta, miou! Como amante dos fora-de-séries brasileiros e algumas pesquisas e relatos ouvidos, tudo indica que foram feitas 5 carrocerias, mas não acredito que tenha sido todas feitas pela Trivellato. São 3 carros em SP, um no Rio e outro no centro-oeste, mas nenhum deles em perfeito estado. Os que estão em SP são: esse da foto que está….(nem adianta falar que o dono não vende não); outro no ABC na Av….. e outro na Lapa com o Japonês das Puma. No Rio a localização parece lenda e o do centro-oeste está desaparecido, talvez tenha virado um Ferrari ou um GT-40, como alguns “artistas” existentes, que gostam sempre de expressar a magnífica criatividade, destruindo a história. Abs.

    • Luiz Fernando Lapagesse Alves Corrëa disse:

      Meu caro Felipe Nicolielo e demais participantes, em especial H[elio Herbert Felissoni e Volker Frose.
      Náo é um dos meus prediletos, mas sou um apreciador das linhas futurâmicas da época dos anos 60-70-80 que o Shark, ou Avenger, ou Fiberfab, como queiram.
      Mas isto não vem como prato principal.
      Estou aqui apenas para informar a todos que ainda não viram, que lá em Nova Friburgo realmente há um Shark, dentro da garagem, e eu pude examiná-lo visualmente.
      Seu proprietário é o Dr. Volker G.R. Froese, Engenheiro Mecânico naquela cidade serrana, proprietário também de um Lorena GT (1a. geração).
      Penso que, desta forma, sem melindres a ninguém, pude contribuir, ao menos, para a localização de um exemplar raro do Sakr Avenger Fiberfab,
      Muito grato pela oportunidade e atenção.

      Fernando Lapagesse
      (22) 79132532 ID 104*178308

  15. . disse:

    Ôôô Tio !
    GT 4R foi feito pela Puma.
    Este troço era fabricado pela Fiberfab nos USA, e vendido lá com o nome de AVENGER.
    A Trivelato importabandou alguns, batizou de SHARK, mas a coisa não rolou – Simples assim !

  16. WANDERLEY RIBEIRO DA disse:

    Este carro é um Lorena ! Tem neguinho que pensa que sabe tudo, mas não sabe nada de carro esporte antigo !

    • Luiz Fernando Lapagesse Alves Corrëa disse:

      Vanderlei, perdoa-me por contrariá-lo…
      Lorena nunca…
      Nem ao menos um Mirage IV…
      Muito menos um Lorena GT-L.
      Perdão por contrariá-lo, mas trata-se realmente de um Sark.
      Um abraço,

      Fernando Lapagesse
      (22) 78132532 ID 104*178308

  17. pauloaidar disse:

    Caique: obrigado

    Seria então o GT4R da revista ?

  18. jULIANA cRISTINA gOM disse:

    TENHO CERTEZA QUE E UMA LORENA TAMBEM

  19. Helio Jardim disse:

    Acho que é um GT Lorena

  20. Hägar, o Horrível. disse:

    Isso é um Bianco com carroceria de Shark…huahuahuahuahua…o Bianco é COMPLETAMENTe diferente.

  21. José Geraldo disse:

    É um Shark, a uns seis anos vi um no Alto da Lapa, em péssimo estado, se não me engano era vermelho, quem sabe seja o mesmo

  22. J Antonio disse:

    Me parece um Bianco.

  23. . disse:

    Este carro era fabricado nos USA pela Fiberfab e chamava-se Avenger.
    A fábrica não existe mais.
    MAS deixou alguns aficionados (sempre tem viuvas…)
    Veja a estória e alguns modelos:
    http://www.avenger-valkyrie.org/

  24. Roberto Anticoli disse:

    Isto é um Bianco provavelmente 79 ou 80

  25. Caíque. disse:

    Paulo,

    A Trivelato, em 1968/69 trouxe para o Brasil um Kit Car (assim como o Lorena) e o apresentou como um produto de fabricação própria, com mecânica VW a ar, porém muito bem acabado e esse (Shark GT – Dourado) sim, era muito parecido com o GT 40. Pra mim a Trivelato tinha importado apenas um Kit, mas como outros amigos contemporaneos disseram que foram 3 (e eu fico com eles). A Revista 4 Rodas fez a matéria, porém ficou-se sabendo que não tinha nada de produção própria e sim de compra de direitos de um Kit Car Americano. Foi isso, mas o Shark da reportagem era muito legal e bem acabado.

  26. pauloaidar disse:

    Mestre Joaquim e matuzas;

    Por favor me forneçam a cultura necessária para entender tudo isso.

    Do que se trata ?

  27. . disse:

    Shark
    A tal lorota de ter sido desenvolvido aqui foi para justificar a procedência, porque o modelo chegou de importabando…

    Na época ví 3 carrocerias. Mas só ví 2 carros prontos: o dourado e +1 azul escuro metálico.
    Há uns 3 anos ví uma carroceria limpa, no gel, que nunca foi montada. Muito bem feita, em tecido. Parecia americana.
    Estava no Jardim Ângela (SP).
    Quem me levou lá foi o Cláudio V8, figurinha conhecida no pedaço.
    O cara vendia e não pedia nenhum absudo. Não sei se ainda está lá.

    Em tempo: A falta dos vidros não assusta. A josta usa parabrisas do Maverick.

    Para quem gosta é um pratão !
    Boa caçada !

  28. Alexandre disse:

    Gostaria de mais informações de onde é esta garagem apontada pelo Sr. Dario Faria.

    Valeu

  29. 3=6 disse:

    acho legal o dario faria encontrar o carro que foi de uma epoca . só e nada mais.
    agora achar que ele é ou foi bem bonitinho…

  30. reginaldo Nat rock disse:

    O que é? é um Shark empoeirado, desdentado, emporcalhado, destroçado, inútil ocupador de espaço, ainda mais por ter sido uma “jogada” de marketing na época. Eu fui um dos iludidos e fiquei P. da vida quando a história veio a tona.

  31. Cesar Costa disse:

    Caíque & Datajoaquim:
    Pelo que me lembro a Trivelatto fez três Sharks, antes da farsa ser descoberta. Aliás, justiça seja feita, tanto a Quatro Rodas, quanto a Autoesporte embarcaram na empulhação, que só foi descoberta graças a um leitor da Quatro Rodas.

  32. Caíque. disse:

    Amigo e Parceiro Juca,

    Não sei quantos vieram para o Brasil porque a Importação de carros estava suspensa, mas um Kit não. A unica coisa que sei é que a Trivellato só trouxe aquele dourado da reportagem, cujo capô traseiro abria igual ao GT 40. Pra ser sincero, achava o Shark bem bonitinho.

  33. Roberto Lacombe disse:

    Ford GT-40 Made In Assunción…

  34. André Buriti disse:

    O Shark dourado foi o que apareceu nas revistas, se foi só esse que construiram é uma mosca branca de olho azul, seria esse vermelho o número 2 da série?

  35. Bianchini disse:

    Caro Joaquim, até que esse não está tão detonado, o assessor da Dana Douglas Cavallari tinha um que ele pretendia reformar (não sei se conseguiu) que estava pior… mas o carro não é dos mais feios não, já teve coisa pior nesse país.

  36. joaquim disse:

    Caique,
    Se somente um foi fabricado, não sei. Mas a verdade é que havia um dourado em 73 em Anápolis-Go, e pertencia a um amigo, o Sidney. Esse eu vi andando.

    Abs.

  37. antonio stricagnolo disse:

    Tem uma oficina de carros de fibra bem atrás do Hospital São Camilo na Pompeia ,São Paulo-SP que tinha um Trivellato dourado soterrado por carrocerias de Puma.Isso tem mais ou menos 1 ano.O fone é ,ou era, 3672-3340 e o nome do proprietario é Mauro (o japones).Quem tiver a fim de arrumar uma bela mão de obra é só tentar!

  38. Roberto Valle disse:

    Parece um GT-4R

  39. Caíque. disse:

    É o Shark, já que apenas um foi trazido pela Trivellato. Está bem mutilado, pois dá para notar que o Motor teve sua abertura modificada. Gostaria de saber onde está esta criança; FG, dá pra informar?

  40. Cesar Costa disse:

    Como sempre Datajoaquim esgotou o assunto…

  41. Carlos Bragatto disse:

    Acho que é um Bianco fuçado.

  42. Filipe W disse:

    eu tambem apostaria que é um shark !

  43. Rodrigo Nunes disse:

    Um Bianco com algum botox?

  44. Roberto Torres disse:

    A frente lembra bastante um Lorena GT, tem um no museu da Ulbra (RS)

  45. Mister Ioso disse:

    Seria um Puma GT 4 Rodas?

  46. joaquim disse:

    Sim, é um Shark, um tremendo furo na água, aqui lançado pela Trivellato. Tentaram enganar o mercado dizendo que era um projeto da própria empresa mas a revista Quatro Rodas desmentiu a história, era cópia de uma kit-car americana. Só vi um andando e era uma josta….

  47. Squa disse:

    Seria um Lorena (papo fino) com a frente modificada?

  48. Marcelo de Araujo Pe disse:

    Parece realmente ser um Shark, onde está o carro?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>