A1 E INDY | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

terça-feira, 22 de setembro de 2009 - 16:11Automobilismo internacional

A1 E INDY

SÃO PAULO (tá bom) – Ainda na linha “calendários”, saíram dois de 2010 com corridas marcadas para o Brasil, e para o mesmo dia: 14 de março. A A1 GP prevê uma prova aqui e a Indy, também. Aos fatos, pois. A A1 GP talvez nem exista mais no ano que vem. Consta que a Ferrari está tentando romper o contrato de fornecimento de motores. Acho que a grana dessa esquisitíssima categoria sem patrocinadores está acabando.

A Indy não vem. Nem para o Rio, nem para Salvador. Não há dinheiro disponível. Se vier, dou o braço a torcer.

20 comentários

  1. Muller disse:

    Isso porque ano passado ainda se ventava a bravata da Indy no Recife…

  2. Fernandes disse:

    Desculpem os fãs da F-Indy, mas já fui a uma corrida da Indy em jacarepaguá e foi a coisa mais chata que já assisti. Muito barulho e pouca emoção (quase nenhuma).

  3. MSM disse:

    Apesar do fraco desempenho da equipe brasileira na A1, a categoria é boa, tem bons pilotos e poderia estar melhor se não fossem os problemas com o carro novo e com a falta de profissionalismo de algumas equipes.
    Quanto a Indy, não gosto, mas seria bom termos um gp aqui no Brasil. Infelizmente o circuito oval de Jacarépaguá foi para o espaço e correr naquele circuito de rua em Salvador, ficaria impraticável. A solução seria o nosso único autódromo a nível internacional: Interlagos.
    Obs. Falando em A1 GP, bela vitória do Sérgio Jimenez na Stock Light no Rio. Primeira corrida, conseguiu a pole, manteve-se na frente por toda a corrida e ainda ganhou a disputa até a bandeirada final, parecia que andava de turismo desde que começou. Enquanto esteve pilotando o carro da equipe brasileira na A1, estava fazendo progressos, mas depois saiu não sei porque e a equipe despencou com tantas trocas de pilotos. Merecida vitória na disputada Stock Light.

  4. vitão disse:

    poderia ser em Ribeirão Preto, mas do jeito que as vão as usinas (isso com o preço do açucar no pico em 15 anos, tem usina devendo fatura de insumo e de cana da safra do ano passado) acho difícil aparecer um mecenas; e para completar o prefeitinho disse que só faz autodromo se garantirem a F-1 para ele. Quanta burrice. Pretensão e agua benta cada um toma quanto güenta…………

  5. J.N.Dias disse:

    Eu acho que o mundo das corridas está precisando de um novo “Questor Grand Prix”, mas agora com categorias paralelas à F-1. Tipo, enfia GP2, F-2, A1, Superliga, Indy, F-3000 italiana, F-Nippon, etc, em um circuito travado como Mônaco, em um verdadeiro vale-tudo, e aí vai ver o que é emoção!
    Sobre a Superliga, eu achava que os chassis fossem Panoz, e os motores, Menard V12. Os únicos defeitos são: Não ter corrida no Brasil, e nem o carro do SÃO PAULO!
    A A1GP não pode acabar! Se a Ferrari levar embora os motores, que assinem com a Cosworth, ou com a Judd.

    • Gustavo Oliveira disse:

      Tá certo, J.N. MCT é a sigla da empresa inglesa que faz os motores, é Menard Core Technology, e, até onde sei, não tem nada a ver com a extinta equipe da IRL. Já a Elan é a empresa, também inglesa, que fabrica os carros de corrida que levam o nome da Panoz.

  6. Mosley disse:

    Isso parece “rixa” do Emerson (A1) com o pessoal da Indy…

  7. André disse:

    Eu não duvido que mais pra frente as categorias acabem sendo uma suporte de outra nessa prova do Brasil.
    Isso significa que estou achando que ambas vão estar em Interlagos no dia 14 de março.

  8. Rodrigo Meira - NIterói RJ disse:

    Flavio, tambem pago para ver.

    A Corrida no RJ seria caríssima e se for em Salvador, acho que aquele “traçado” criado para Estoque não seria o ideal.

    Sobre a A1GP, bem, de onde vem a grana deles?

  9. LBM disse:

    O canal especializado em corridas já está anunciando as transmissões da nova temporada da A1GP !

  10. Diego disse:

    @Fernando Passos: A parceria da Truck não é com a TC2000 e sim com a Top Race.

  11. ALEX B. disse:

    Nois num ser Asia, mano! Temo tudo futricado, sacô?
    É a nossa realidade, caras! Eles não tão querendo sacar o Morumbi da abertura da malfadada copa de 2014? Querem um estadio novo (como se precisasse) pra tirar uma comissão polpuda! Cartolagem…aaarrrrgggghhhh!

  12. Gustavo Oliveira disse:

    Não, Gomes, esquisitíssima é a Superleague, aquela dos motores MCT V12, chassis Elan e com carros pintados como escudos de times de futebol! A A1 é aquela esquisitinha que corre com uma belíssima Ferrari que é a cara da F2004 e tem pilotos bem promissores como Adam Carroll e Neel Jani. De qualquer forma, tá sobrando categoria de Formula no mundo, e faltando carros nas de Endurance, o FIA GT largou em Portimão com apenas 19 carros e a LMS assistiu uma gigantesca debandada de equipes nesse ano.

  13. Antonio Carlos disse:

    A Indy não virá e não vai fazer falta.
    Que tal estas prefeituras pelo menos fizessem ou conservassem autódromos.

  14. O automobilismo na Amércia do Sul é muito esquecido, infelizmente… Principalmente por representar para parte da população e da mídia um esporte de luxo e que só traz gastos.

    Gostei, mesmo, da parceria que a Truck brasileira está fazendo com a TC2000 Argentina, espero que dê bastante sucesso!

    Ah, Flávio, sei que não pertence a esse tópico, mas há de se destacar a corrida da Stock Car no Rio… Quando vi pelas imagens globais os alambrados marrons de ferrugem e o mato subindo pelas muretas, deu dó!

    Espero que abra um tópico sobre a Stock… o pessoal deve ter muita coisa pra comentar… Fazer uma categoria com carros que tem suas “carrocerias” balançando durante a prova, não tem graça. A grana está acabando, parece que o campeonato também… Stock car, se não me engano, era pra ser categoria com carros de rua adaptados pra corrida e não aqueles troços! Querem carros potentes? Façam a Stock car com os carros da GT3, pelo menos são carros de verdade e que possuem fabricação de verdade!

  15. Bruno Nunesmaia disse:

    Flávio… sou de Salvador e pelo que observo por aqui, desde a corrida da Stock, o povo está ancioso por uma corrida da Indy.

    Acredito que, mesmo com um circuito fraco como foi o da Stock, se trouxerem outra corrida, seja da Indy ou de qualquer outra categoria expressiva, o povo vai lotar as arquibancadas mais uma vez.

    Na corrida da Stock, os ingressos esgotaram com menos de 48 horas, pois aqui na Bahia, temos carência de automobilismo e um povo que curte o negócio. Os caras podem até vir sem dinheiro, contando apenas com a arrecadação dos ingressos, que vai dar certo.

    Pessoalmente, espero que venha! Estarei lá!

  16. Rodrigo Ferreira disse:

    Cuidado para não machucar seu “braço a torcer”….rs. Deve ter um monte de usineiros preparados para investir na prova no Brasil e valorizar o etanol. A ajuda de alguma prefeitura será mero detalhe.

  17. Pior ainda: a abertura da F1 é quando? 14 de março também!

  18. Valmir Passos disse:

    Tudo balela. É como dizer que agora o Sarney vai deixar de roubar ou que todos os políticos passarão a ser honestos!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>