MENU

terça-feira, 16 de março de 2010 - 16:51Indy, IRL, ChampCar...

OVERDOSE DE LOTUS

SÃO PAULO (coincidência) – E a KV, equipe de Takuma Sato na Indy, fechou com a Lotus malaia e com a Cosworth um contrato de patrocínio que passa a valer a partir da prova de São Petersburgo, a próxima etapa do campeonato. Segundo este link, a mim enviado por um amigo que tem uma concessionária Lotus na Tijuca, a pintura do carro do japonês já está definida e será assim. Na Indy, os motores são todos Honda, e alguém pode se perguntar o quê as marcas Cosworth e Lotus vão fazer por lá.

Bem, depois que a Sauber começou o campeonato da F-1 com motor Ferrari e BMW no nome, nada mais me surpreende.

54 comentários

  1. Roberto disse:

    Será que a Cosworth também está se preparando para retornar na Indy?

  2. Mateus Valerio disse:

    Acho que não será exatamente essa pintura, porque o símbolo ABC Lotus é da fábrica de carros de rua, o da equipe de F1 é diferente e bem feio por sinal.

  3. Carlos disse:

    A KV com pintura lotus ficou muito bonita, agora em termos de piloto…Mereciam coisa melhor

  4. Denis disse:

    Aqui no Brasil também tem Peugeot com motor V8 da GM (Stock Car)… Está perdendo a graça corridas de carros tecnicamente iguais. Espero que a Indy volte a ser como era antes com uma diversidade maior de motores e chassis.

  5. Orlando Salomone disse:

    Nada como a globalização.

  6. Cleber Montanaro disse:

    Cosworth é o nome de uma empresa de esporte automotor e preparadora de motores, assim como a Prodrive e a própria Lotus.

    Inclusive existem os famosos motores Subaru long block que são preparados pela Cosworth nos EUA.

    Logo não há problema algum em usar Cosworth-Honda, exceto pelo fato de não ter ouvido falar em motor Honda de rua preparado pela Cosworth até então..

    Faz menos sentido a Lotus + Honda, já que os Lotus de rua hoje em dia usam motores da Toyota…

  7. Racer-X disse:

    O tom de verde da Lotus atual é mais “fechado”, e na minha opinião, mais bonito. ; )

  8. Rafael Luiz disse:

    Pô Granito! Não é “Megatron”, e sim “Mecachrome”, a fabricante de motores que anos atrás forneceu motores para a Williams, se não me engano. Megatron é o robô dos Transformers, huahuahua!
    (ver comentário do Granito de 16/03/10às 17:54, quinta linha) Abçs.

  9. Breno Peixoto disse:

    Domingo na Indy SP, Sato demonstrou que continua o mesmo…

  10. Hugo disse:

    Que ternura esse carro da Lotus…

  11. Luiz Sergio disse:

    SP: 95 ultrapassagens na Indy

    Confirmando a impressão que o Hélio Castroneves teve após a SP Indy 300, de que teria sido uma prova com mais ultrapassagens em pista de rua), o site oficial tem números da prova e calculou 95. Veja outros detalhes aqui (http://bit.ly/cVvNlI).

  12. Fábio Peres disse:

    Esse Lotus tem cara de que vai ficar bonito com um PETROBRAS em branco escrito do lado de baixo.

    Aliás, bonito é pouco; vai ficar LINDO desse jeito.

  13. João Vitor disse:

    Mestre, perdoe a minha ignorância, mas o que faz essa marca Izod que tá no carro de todo mundo?

  14. Saloma disse:

    O objetivo do projeto – e um esforço de um carro esporte que ainda está para ser anunciado – é aumentar as vendas nos Estados Unidos. Este surge na sequência do anúncio da Lotus Cosworth. A atual geração de modelos Lotus estão todos equipados com motores da Toyota, mas esses motores vão ser desenvolvido pela Cosworth. Serão utilizados tanto em corridas como em carros de rua, começando com o novo Evora Cup e o novo Esprit. É isso…

  15. Del Rey Fan disse:

    A Ford vendeu a Cosworth a uns anos atrás (logo depois de vender a equipe Jaguar de F-1), não lembro se diretamente para o Kalkhoven, ou se ela foi repassada a ele por outro.

  16. Detalhe: os motores “Honda” da IRL na verdade são fabricados pela Cosworth.

  17. Neto Vieira disse:

    Nao dá pra entender. Uma hora precisa levar dinheiro pra correr, outra, está patrocinando outra categoria(?!?). Qual o retorno deste tipo de ação comercial?

  18. Jáder, O Pitoresco disse:

    Ainda mais considerando que a Lotus Amarela (Camel) usava motores Honda, seu layout casaria perfeitamente com um carro da Indy.

  19. Jáder, O Pitoresco disse:

    Lindo, lindo, lindo! Quero ver (se é que vai rolar mesmo) como é que vai ficar o carro da KV com pintura da Lotus Camel (amarela com patrocínios em azul).

  20. Diego Teixeira disse:

    já era de esperado pois essa mesma equipe já havia colocado o seu carro de nº 32 que um brasileiro usou com as cores da lotus Black and Gold. E no blog da Indy já se falava disso, bacana gostei!

  21. Victor de Andrade disse:

    o carro do Mario Moraes vai continuar sendo preto e dourado?

    se o carro do Takuma Sato for o British Green, o do Mario Moraes ser o preto e dourado, o do EJ Viso poderia ser o vermelho da Gold Leaf

  22. Luiz Sergio disse:

    Falta o símbolo da estatal brasileira a PETROBRAS, também na Indy.

  23. Tarcisio disse:

    olha a chance da Honda voltar a colocar motor para empurrar um carro !!! Acredito nisso !!! Eles sabem fazer motor… mas não o carro inteiro !!!

  24. Vitor disse:

    A cosworth é do dono da equipe e deve prestar alguma consultoria para a equipe, mas ninguém percebeu uma coisa: a lotus que está aí é a Lotus Cars, não? A fonte da letra e o logo são os originais (com aquele CAB Lotus escrito)

  25. Rogério disse:

    Só para aumentar um pouco a confusão….

    O motor da Indy, na verdade é Ilmor (o preparador) mas divulga Honda. O Mario Ilmor é o mesmo que fazia os motores Mercedes na F1 e que nasceu de dentro da Cosworth!!!

    O boato pela internet é que além de alavancar as vendas nos EUA a Lotus tem interesse em ser o fornecedor de motores assim que acabar o contrato com a Honda. A equipe iria ajudar a Cosworth desde já a desenvolver o motor.

  26. granito disse:

    O nome Cosworth é marca mesmo pois a equipe KV, o Senhor K é um dos donos da Cosworth que nada mais é que uma empresa que prepara os motores Ford pra F-1( a LOtus é cliente) e F-1 puro sangue ( F-1 antigos). Note que eles não iseriram o nome Ford. Salvo engano a Cosworth chegou a preparar motores pra outras marcas e inclusive fez motores própios sem nenhuma marca de industria associada como a Judd, a Hart e a Megatron p.ex. e nada impediria que o faça novamente, inclusive parece que tem projeto pra motores da Indy a partir de 2012 quando a IRL talvez passará ser multimarca de motores e/ou chassis.

  27. Valério Paiva disse:

    O Kevin Kalkhoven, um dos sócios da KV junto com Jimmy Vasser, é o dono da Cosworth

  28. Claudio Pessoa disse:

    Pois é, aquela historinha bacana de homenagem a velha Lotus era pra “inglês ver” mesmo. Precisavam de um nome forte e encontraram. Marketing e só. Agora devem estar cheio de idéias para o nome “Lótus”.

  29. Caique Pereira disse:

    March e LOLA também fizeram F1 e Indy.
    Não se pode deixar a Dallara que fez F1 de 1988 a 1992 e faz\agora pra HRT, já que todos os Chassis atuais são dela.
    A Ligier não fez.. Na realidade, um proprietário de um Ligier JS 26 pegou o carro e transformou num fórmula Indy. Acho que foi o modelo pilotado pelo Boesel que foi transformado.

  30. Humberto disse:

    É p/ divulgar a marca! Marketing é a alma do negócio! Flávio, gostei do seu comentário sobre a Ferrari e BMW!
    []´s

  31. Marco Nunes disse:

    Por sinal, o carro ficou mais bonito que o da F-1

    Gosto muito dessa combinação verde e amarela.

    Abraços

  32. Glaucio Branco disse:

    A outra equipe de F-1 que chegou a fazer u carro para a indy foi a ligier.

  33. Pedro Jungbluth disse:

    “It’s businnes oportunities”, como diria aquele japa moreninho com nome de português.

  34. Flavio Chinini disse:

    Eu só não entendi a inscrição “Cosworth” em um carro com motor Honda…

  35. Flavio Chinini disse:

    Ficou bonito! Prova de que como o nome Lotus, apesar de ter ficado tanto tempo fora das pistas, ainda é fortíssimo!
    Aliás, a Lotus não tinha feito um carro pra Indycar, nos anos 80, no auge da concorrência F1 x Indy?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>