MENU

sexta-feira, 21 de maio de 2010 - 18:12Colunas Warm Up

CASOS CURIOSOS

SÃO PAULO (checa, filho) – Minha coluna de hoje também está no ar. Chamo o filme pelo nome errado. Em vez de “Curioso Caso de Benjamin Button”, mandei um “Estranho Caso…”. Enfim, não muda o teor. Schumacher, Webber e Nelsinho são os personagens do texto. Para ler, é só clicar aqui. Depois voltem para comentar.

37 comentários

  1. Fabio Araújo disse:

    Webber tem um carro muito bom nas mãos e aho que acordou pra vida agora, Schumacher está começando a tomar gosto pela disputa a ter sangue nos olhos e N.Piquet esse eu prefiro nem comentar, isso é o q dá ter de tudo do bom e do melhor, se fosse um piloto que ralo e deu duro a vida toda atrás de patrocínio pra poder correr num fim de semana, pensaria duas vezes antes da merda q fez !
    Agora uma questão q não entendo é porque a imprensa automobilística ignora tanto o talento do L. Hamilton. É impressionante o modo como o tratam. É Vettel, Rosberg, Button, Alonso e agora Webber não que esses pilotos sejam ruins mas sim o fato de não ser dado o reconhecimento devido ao rapaz. As melhores corridas desta temporada o protagonista foi ele e simplesmente o ignoram, preferem falar da vida pessoal.

  2. Neto Guido disse:

    Flavio Gomes, já que o bom moço e simpátio (já que não quero ser bloqueado com comentários ofensivos), Flavio Briatore, seu chara, retornou, seria de grande injustiça o Piquet Filho, não ter outra chance, mas a F1 é feita de injustiças mesmo!
    O Vettel e o Alonso vão papar o Webber logo, logo, mais rápido que o 69 fazendo a primeira curva de Interlagos.
    Mas acho que o pequeno Luiz Hamilton, já é o grande piloto após o surgimento do Alonso, na minha singela e sincera opinião.
    Mais uma vez um bom texto, não brilhantes como de outrora, mas um bom texto.

  3. Orlando Salomone disse:

    É legal constatar que o que motiva as pessoas são as dificuldades. Se o Schumacher continuasse ganhando como antes, talvez não se divertisse tanto, sem obstáculos a superar. Apenas para ilustrar, países altamente desenvolvidos, onde os cidadãos vivem de forma relativamente tranquila, são os que têm maior índice de suicídos. Portanto, que venham os desafios.

  4. may disse:

    Em 2008 quando Massa depois de um começo de ano horrivel passou a lutar ponto a ponto com hamilton pelo campeonato, e no fim só perdeu por um ponto, muitos foram buscar as corridas que ele foi mal, para justificar a perda do campeonato.
    Sei lá, tenho visto muitos elogios para o Weber só por causa de duas corridas.
    Parece dois pesos e duas medidas.
    No mais só o tempo dirá!!!

  5. Raphael disse:

    Ao meu modo de ver Webber e Rubinho são iguais, se vc der uma porcaria de carro eles irão correr apenas para chegar sem correr risco nenhum. Agora se vc der um carro competitivo para poderem brigar por vitórias e não favorecer seu parceiro de equipe… aí eles irão demonstrar sua capacidade de piloto. Ao meu modo de ver Webber detonou todos os parceiros dele e apesar de a RBR (kkkkk RBR só o imbecil do Galvão conhece essa equipe) dar uma certa preferência para o Vettel o Webber vai detonar esse baba ovo do Dick Vigarista.

  6. celio disse:

    …é a vida, uns procurando achar algo perdido, e o outro, se achando de repente…a vida é fascinante, seja para o Webber, para o Schumacher, para o Nelsinho, para o Joaquim, para a Luíza, para a Maria, para o Mané,…………

  7. JC Simonassi disse:

    Legal o texto.

    Acho que tudo deve voltar ao normal em breve… aliás torço (é assim que se escreve ??) pra isso . O Schumi volta e brilhar, o Nelsinho terá outra chance (merece pelo talento) e o Webber volta a ser coadjuvante de luxo.

    Abraço … parabéns !!!
    JCS

  8. Antonio Carlos disse:

    Nelsinho disputou ontem uma etapa da Truck (uma terceira divisão da Nascar), em Charlotte.
    Largou em 23º e chegou em 16º. Pelo menos consequiu escapar dos muitos acidentes.

  9. Claudinei disse:

    Bom dia Flávio!! Tenho uma foto de um Lada p/ te enviar, qual o seu e-mail? abs

  10. Robert Abe disse:

    Flavio,em relacao ao Nelsinho,vc afirmou que ele “perdeu a vaga por conta do escândalo do GP de Cingapura do ano anterior”…
    Na verdade,ele perdeu a vaga nao foi por causa do escandalo,mas sim,por falta de resultados.quando o escandalo foi a tona ele ja estava inclusive desempregado…

  11. vitão disse:

    off topic : da série “quem disse que banqueiro não tem coração ?” – a TV Bloomberg vai passar amanhã ao vivo de Brno ( acento agudo no r) a prova de GT-1 Fia, apartir da 9:00 hs . A maserati largam na frente, e o Bernoldi fez o 2o. tempo.

  12. Nick B, disse:

    Ah, o Fla e suas peraltices!
    Primeiro posta aquela protuberância glútea ofensiva à minha frescurite (bateu legal no Nickinho).
    E agora, como forma de remediar o estrago, presenteia a mim e as meninas do blog com esse deus grego que habita nossos devaneios.
    Brad, Brad.
    Ô lá em casa….
    Quero essa boininha para mim.
    Dormirei abraçadinho a ela.
    Será meu ursinho de pelúcia.
    Será meu travesseirinho de estimação.
    Será a garantia dos meus bons sonhos.
    Obrigadinho, Fla.
    Obrigadão, isso sim.
    Por tornar o final de semana do Nick ainda mais colorido.

    Milhões de Bitocas Pittianas.

    Nick B.
    (ao som de Genesis).

  13. Emmanuel disse:

    Uh! Só não concordo quando dizem que o Nelsinho perdeu lgar por conta de Cingapura-08. O cara foi fraco e em um ano e meio fez umas 2 ou no máximo 3 boas corridas, ficou na maioria dos Q1, largou na frente do companheiro só uma vez sendo pouco competitivo, quase um Kazuki Nakagima ou um Scott Speed. Se vc fala isso sem dizer quem é o piloto, todo mundo considera fraco, mas Piquet conseguiu transformar o caso da batida em justificativa pra falta de braço na sua passagem pela F1

  14. AS disse:

    Webber nao faz nada demais com um aviao que tem nas maos… estranho seria senao fizesse. É um piloto de F1 médio. Só isso…

  15. João Paulo Caldeira disse:

    Bem, trocar “curioso” por “estranho” nem é problema. Trabalhei numa revista que escreveram Wolks – é, desse jeito mesmo – no editorial. E era uma revista de carros.

  16. disse:

    Sei não. Pelo andar da família Piquet, o Nélson botou ordem no barraco. Se virem que a vida é assim. E a molecada está numa baita paz.

  17. Lucas disse:

    Pois eu sempre simpatizei com o Webber, em especial por ele ser um dos caras mais lúcidos da F1 quando dá entrevistas. E sempre achei a maior bobajada do mundo esse papo de que “ele sacaneou o Pizzonia” (engraçado como de vez em quando ainda ouço gente falando isso…)

  18. Julian disse:

    O Gomes, pq o Reginaldo Leme não escreve mais para o Grande Prêmio ?
    Abs

  19. 1V3N disse:

    Na verdade quem ganha é o carro da RB.
    Qualquer bom piloto faria o que MW faz!

    • Como fez a Brawn ano passado…
      Mas qual a solução?
      F1 deveria ser tudo o mais forte possível, mas com esse monte de regra do nada pode, sei não.

      Idéia de jerico:
      E se acrescentassem peso aos carros ganhadores para o resto da competição.

      Sei lá!

  20. Alexandre disse:

    FG,
    Texto primoroso como sempre. Apenas um puxão de orelha (se me permite) é o erro já reconhecido por você no nome do filme, outro erro de digitação no subtítulo (sub-título?) da coluna: “flime” e por fim, outro erro de digitação em “ao final de seu contrato “cm” a Red Bull”.
    Hoje em dia, com os adolescentes talvez isto não tenha tanta importância, mas suponho que por ser uma redação um pouco mais formal mereça o capricho que sempre teve.
    abraços,
    Alexandre

  21. Peloponeso disse:

    Corridas de carros com os melhores carros ganhando. Normal. Se um piloto (Schumacher) resolve por as manguinhas de fora, vem a FIA e lhe poda os culhões. Tudo normal.

    Disseram que um macaco bem treinado ganharia corridas hoje. Mentira ou verdade-incompleta ou meia-verdade. Um canguru está ganhando.

    A FIA soltou nota fazendo mea-culpa pela dubiedade ou falta de clareza do regulamento. Ora, como punir alguém se a regra permite multiplicidade de interpretações? A FIA não devia ser punida por acusar de ser dúbio um regulamento que para ela é eficaz para punir?

    Nota-se que essa mea-culpa é uma autopromoção da FIA que mostra não ter preocupação alguma com as vítimas de seu mau regulamento.

    Ridículo.

    Boa sorte ao Nelsinho no Kart e ao Schumacher na F1.

    Abraço.

  22. RCRG72 disse:

    Webber era conhecido nos últimos tempos por aparecer bem somente nos treinos classificatórios. Eu mesmo nem lembrava mais da possibilidade dele ganhar corridas.
    Ayrton Senna em 1983 disse, em uma entrevista ao Reginaldo Leme, que a F1 não tinha mistério, era só ter um grande carro nas mãos.

  23. Jayme disse:

    Desembestando a ganhar? ganhou 3 corridas na vida inteira!

  24. Luciano disse:

    Jogaram Pac Man no Google? na Comemoração do 30° aniversário do jogo, o nome do Google na página do buscador não só é uma homenagem (como sempre fazem), mas também dá pra jogar ele com musiquinha e tudo, acumular pontos e passar de fase.

  25. arnold disse:

    numa semana insonsa, enfadonha, uma coluna sem graça…..

  26. arnold disse:

    numa semana insonsa, enfadonha, uma coluna sem graça…..

  27. eric.martins disse:

    Ficou muito boa: eu gosto muito de titulos, eu acho que eles são muito importantes; acho que tem que ser muito bem pensados, assim pra funcionar mesmo.
    e esse ai ficou dez: o estranho caso de mark webber…até a equipe esta sem entender…hahaha

  28. Sempre escrevendo de uma forma em que a leitura fica agradavel.
    Parabéns

  29. Rafael Machado disse:

    Comentei a mesma coisa no post sobre o Nelsinho no kart. E o próprio Button (o Jenson) podia entrar nessa comparação.

    Aliás, no ano passado rolaram montagens com a capa do filme e o Button no lugar do Brad Pitt. Mas na época (antes do começo do mundial) a piada era “O piloto que começou bem, e ficou ruim com o tempo”.

    Curioso, não?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>