MENU

quinta-feira, 3 de março de 2011 - 15:26Álbum sobre rodas

ÁLBUM (SOBRE RODAS) DE FAMÍLIA

SÃO PAULO (é o Ziraldo?) - O Adonis Lykouropoulos mandou a foto. Já se vão quase 30 anos… A blogaiada tem lembranças dessas corridas?

Achei esta foto na casa de minha mãe, dá uma olhada: é da Turismo 5000 em 1982, meu irmão, eu e meu pai. Lembro das largadas… O som de mais de trinta V8 juntos no retão é algo que nunca mais saiu da minha cabeça. Foi nessa época que começou minha paixão pelos Maverick; quando a equipe levava o carro para o abastecimento, eu, então com 6 anos, ia de pé no banco “guiando”.

57 comentários

  1. se alguem conhece algum familiar do falecido sr.sergio di genova,e puder entrar em contato comigo;pois estou com um maverick que esta em seu nome,e gostaria de ver se e possivel transferir para meu nome.se alguem puder me ajudar ,agradeço desde ja. moro em curitiba meu wats e 41-96892830.obrigado.

  2. paula disse:

    A foto não está abrindo pra mim, mas queria muito ver ela e mostrar para o meu sogro (83 anos), que era um amigo do Arnaldo Di Genova, e vive nos contando histórias da época.

  3. adilson disse:

    é o belchior e ziraldo kkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. Luiz Filipe Silveira disse:

    Por falar em álbum sobre rodas, e o programa Limite da ESPN?
    Ou mudou de dia e não me avisaram, ou ainda está por vir, ou não virá, o que seria uma pena.
    Abç
    Luiz Filipe

  5. Karla Andrade disse:

    Oi Flávio

    Estou buscando pessoas que tenham ou conheçam outras que possam ter fotos do Chevrolet Opala SS.

    Se você puder entrar em contato comigo, obrigadão.

    Um abraço

    Karla

  6. Luiz Evandro Águia disse:

    eu me recordo muito bem ,,dessas provas de 5000… Meu saudoso amigo Expedito Marazzi era um doa incentivadores da categoria,,,
    Flavinho seu irmao,,sempre correu ? qual o nome dele ? por onde ele anda hj ? qual a idade dele ? abs Aguia..

  7. Flavio Perillo disse:

    Quem tirou a foto foi o velho “Pé Frio” que também já está fotografando corridas lá no céu!

  8. Grego disse:

    Que alegria ver esta foto!!! meu Pai e meu irmão caçula o Adonis,meus parceiros.
    Meu irmão desde os 6 anos me acompanhou no automobilismo,qtas histórias hein!!!!!!
    Esta categoria realmente era muito amadora,mas extremamente VELOZ!!! a média de velocidade com pneus radiais era de 180 KM,nas retas chegavamos a 240 KM,qdo chegavamos na curva 3 com aqueles freios dava uma saudade de casa.

    Amo o meu Irmão, obrigado!!!!!

    Joannis

    • Roger99 disse:

      Corrija-me se estiver errado, mas acho que 240Km/h foi no tempo que viravam na casa de 1m15s. No final, estavam virando 58s, e a velocidade final beirava os 270Km/h…

    • galileu disse:

      por onde voce anda, lembra do cara que te vendia peças chevrolet na convel?
      lembra quando voce deu um pau no camilinho, e velho camilão tem convidou pra corre lá de graça, quanta historias ´para contar em velho amigo.
      se voce for dia 12 no, autodromo para a homenagfem ao LPBueno, te encontro lá pra te dar um abraço.

    • Wanderley Valeriano de Lima disse:

      Gostaria muito de poder encontrar o grego novamente, pois trabalhei no Salão Bandeirante comércio de tintas junto com ele e tive oportunidade de andar com ele em seu maverick qdo ele ainda corria em interlagos, pegavamos a marginal pinheiros e pé embaixo até interlagos, era muito bom mesmo, 3 mavericks em plena marginal pinheiros voando baixo, grande abraço Grego.
      Wanderley Valeriano

  9. Roger99 disse:

    Nao só me lembro como não perdia uma. Afinal, meu pai também corria la…

  10. zé clemente disse:

    Belíssima foto, pois me traz ótimas lembranças. A Turismo 5000 era totalmente amadora e estava longe de ser algum tipo de categoria top de turismo. Mas a contrapartida disso eram as provas emocionantes com uma fila imensa de motores V8 acelerando. E mais que isso, era um prova muito veloz pois ainda existia o anel externo e esses pilotos, mesmo amadores, tiveram a chance de por à prova a si próprios em curvas desafiadoras. No fim a categoria se tornava um belo espetáculo, que foi inesquecível para os da época. Acho que é a última lembrança que tenho de um automobilismo estimulante para o público. Era uma delícia assisitr isso. Fiz vários amigos nessa época.

  11. Marcelo Espíndola disse:

    Grande época, onde o automobilismo “amador” era mais profissional que os “profissionais” de hoje.
    A proposito, esta semana faleceu um grande preparador desta época, Sr Iost Riedel.

    http://www.rachamania.com.br/new/2011/02/nota-de-falecimento-iost-riedel/

    Que descanse em paz, seu legado através dos seus ensinamentos fica para sempre!!!

    • galileu disse:

      marcelo, o sr iost era suiço, mais um grande amigo que se vai, muito competente como preparador de motores, obrigado pela informação.
      dia 12 na homenagem ao peroba, em pensamento a estenderei a ele tambem.

  12. Gilberto disse:

    Caramba. Essa mecânica Geral Car era do meu falecido Tio Arnaldo Di Genova, cujos 2 filhos Arnaldo Jr e Sergio Di Genova (falecido tb) também corriam na Turismo 5.000 nesta época. Saudades destes tempos. Quantas vezes na minha vida fui em Interlagos assistir estas corridas de T 5000? Umas 50 acho.

  13. N disse:

    O charme eram as rodas palito nos Maverick.

  14. luiz alberto disse:

    Uma pergunta para o GALILEU (O do meu filho é grafado com O no final).Vc que teve o inenarravel prazer de correr no circuito ORIGINAL de Interlagos e agora vê este que ai esta ,sinceramente,o que sente;Acha melhor ou pior que o “verdadeiro´´.
    Eu particularmente gosto de “PISTAS´´ e não de autodromos luxuosos e de traçado mediucres com o os Tilkodromos. OS meus prediletos seriam : Old Interlagos,Le Mans,Road America,Rouen les Essarts,Charede,Silverstone,Nurburgring-Nordscheleif,Monza e logicamente Spa.Não gosto de pistinhas tipo kartodromos.

    • Ricardo Hilgenberg disse:

      Tive o preazer de andar em Road America, mas de moto. Simplesmente sensacional!!!

    • galileu disse:

      obrigado pela pergunta luiz alberto, inegavelmente o circuito antigo era mais emocionan te, teve um post onde o flavio colocou o antigo, traçado, e eu descrevi uma volta que dávamoms de opala classe C que era o acesso aos stock car, fiz uma corrida de corsa no lugar de um amigo, (com a inscrição em nome dele), no novo circuito, embora tenha treinado para desenvolver um omega de um amigo, não,gosto desse traçado chato e sem emoção, melhora depois do laranginha onde volta o traçado antigo. gosto muito se spa, monaco, wathings glem, road america, silverstone.
      pista de corrida tem que passar emoção ao publico com ultrapassagens, derrapagens controladas, e alem de tudo; MUITO PRAZER AO PILOTO.
      abraços a voce e ao galileo.. galileu.

  15. Tiozão disse:

    Só quem já acelerou um Maverick veoitão sabe o prazer de ouvir seu ronco, embora não tivesse estabilidade nenhuma.

  16. Rodrigo Lombardi disse:

    Belchior, Ziraldo e as Scorro S30, a popular Cruz de Malta.

    A Scorro em 78/79 fazia rodas e peças de suspensão
    para os Copersucar Fittipaldi.

    Maior barato.

    • galileu disse:

      o que essas rodas fizeram sucesso, tinha de 5 raios, opala, maverick, dodge e as 4 raios, chevbete, passat, voyage, fiats, só que as de pistas eram bem ,mais leves do que as de rua, feitas na antiga fabrica Scorro na rua guaranesia vila maria.
      elas eram fornecidas em patrocinio para todos os pilotos de turismo tanto classes A,B,C que eram os opalas e para a stock car., bastava colocar os adesivos no carro.

  17. zeabreu disse:

    Nem sabia que o Ziraldo gostava de corridas…

  18. Flávio Colorado disse:

    Não sabia que o “Ziraldo” gostava de Maveco.

  19. galileu disse:

    greguinho, camilinhno,sidney mendes, caligula,avalone,di gennova, tagachira, e muitos outros que correram de T 5000 pelo anel externo de maverick, galaxie, dojão, acho que essa foto e este post devia ser dedicado à voces, desta turma citada os unicos que estão vivos são o greguinho,o camilinho, o ney da thor, os outros estão correndo lá no ceu onde o peroba acaba de se juntar a eles.

    • Sidney Mendes disse:

      Oi Galileu. Aqui é o Sidney Mendes, da thor escuderia.
      Estou juntando material dessa época da Turismo 5000.
      Se você puder compartilhar o que tem, agradeço.
      Procure-me no face.
      Abraços
      Sidney Mendes

  20. Marcelo disse:

    O irmão dele deve ser o johannes ?? O grego da stock anos 80 ou errei feio?

  21. Frederico Maia disse:

    Imagina uma coisa dessa hoje nesse mundo onde tudo tem que ser dentro de normas. A rede de proteção da porta é de tela pra mosquito e a emenda dos canos do santo antonio perto da coluna da porta é muito esquisita.
    Bons tempos, onde o que importava era acelerar. Nessa época vi até colocarem tubo de pvc no santo antonio pro carro ficar mais leve.

  22. nene finotti disse:

    Eu estava lá com apenas 9 anos, o maveka do meu pai tinha as mesma rodas , cruz de malta

  23. Emerson Pippi disse:

    Parabéns ao cartunista Ziraldo, que aparece na foto prestigiando o automobilismo nacional

  24. Felipe "Hupiscratch" Andrade disse:

    Mas não é o Jay Leno ali? ehehehe

  25. JFO disse:

    Era maravilhoso os v8 roncando pela pista . Realmente é impossível esquecer .

  26. Claudio Antonio Cesario Dasilva disse:

    Aqui no Jabaquara tinha um cara que corria em um desses, eu era menino devia ter uns 11 anos no máximo, ficava babando Carro era preto e na lateral tinha a incrição da oficina Nsil, somente, uns vinte anos depois é que fui ouvir um som de um V8 em Interlagos era um carro branco com faixas azuis acho que estava escrito agromotor em suas laterais, nunca mais esqueci.Lindo!!!!!

  27. Conde disse:

    Daniel (4) Essas rodas da foto não são as “Gaúchas” . São as famosas “Cruz de Malta” . Ambas marcaram uma época . Abraço

  28. Ricardo Hilgenberg disse:

    Mecânica Geral Car não é a oficina do saudoso Sr. Arnaldo Di Genova?

    • galileu disse:

      ela mesma ricardo, e pai do saudoso sergio de genova que tambem correu de maverick junto com o joanis lykoroupoulos o famos “greguinho” já que existia o gregão, o george angelo empanimondas lemonias. tivea felicidade de conhecer todos eles, menos o pai do greguinho e o irmão dele, e digo os 3 pilotos,citados eram de 1ª linha, guiavam muito.

    • Ricardo Hilgenberg disse:

      Bons amigos, “Seu” Arnaldo e Serjão!!!

  29. Mauro Batera disse:

    Parabéns ao Adonis Lykouropoulos!

    Estes anos eram dourados!!!

    Abraço!

  30. Opaleiro MG disse:

    Bons tempos. Grandes motores e tração traseira.

  31. Daniel Passaes disse:

    E as roda Gaúcha do Maveco…. ;o)

  32. Francis Henrique Trennepohl disse:

    Aqui em SC nos anos 1980 também largavam (na TERRA!) Opalas, Mavericks e ‘Dójões’ na “FORÇA LIVRE”. Quem viu 28, 30 carros desses largando na poeira e fazendo as curvas ‘pendulados’ (e pendurados também, porquê não?!) nunca mais esquece.
    Época de ouro!!!!!!!

  33. Rui Pastor disse:

    Turismo 5000 era sempre a ultima prova do domingo… era o final com chave de ouro. E o Adnis tem razão quando fala do “som” dos V8 na reta… lindo demais. Bela lembrança…

  34. vitão disse:

    O Fred Mercury (quase saiu Ford Mercury) correu no Brasil ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>