MENU

domingo, 5 de junho de 2011 - 17:13DKW & cia., Esquisitices

ESQUISITICES

SÃO PAULO (morno) - Sem muito a dizer hoje, um domingo meio preguiçoso e sem corridas de enorme importância para a história universal, fiquem com estas três fotos de Vemaguets enviadas pelo Jason Vôngoli. Duas delas são da mesma, “tunada” por um cara no Rio nos anos 70 que tinha uma oficina chamada… Trambicar! A outra é de um Salão do Automóvel, 1962, uma tentativa da Vemag de lançar uma peruinha cheia de acessórios, como um bagageiro para levar barco no teto —  apelidada internamente de Piquenique. Mas é bom dizer que não era um modelo específico, nunca foi fabricada uma série “Piquenique”. As variações da Vemaguet foram a Caiçara (1962 a 1964) e Pracinha (1964 a 1966).

19 comentários

  1. Tiago Mio disse:

    Só atras q ficou meia feinha com as lanternas traseiras.

  2. Wagner Araujo disse:

    Olha pode até ser que na sua opinião não sejam lá estas coisas, mas diversão não faltou:

    Só ontem assisti a:

    Moto 2, Moto GP, Stockcar, Copa Montana, Nascar Sprint Cup. Não tenho vi a DTM pois não tenho acesso e perdi a 125cc.

    No sábado teve Camping World, com uma boa corrida do Nelsinho e uma razoával do Paludo .

    Na sexta teve também National Wide.

    Além de um monte de repetecos…

  3. Conde disse:

    Acho que nunca tinha uma Vemaguet com rodas liga como essa da Trambicar .
    E o cara ainda se adiantou no tempo prevendo as lanternas invadindo a tampa do porta malas , coisa comum hoje em dia em vários modelos . Mas uma oficina com esse nome não iria pra frente ,mesmo . Parece piada pronta , como diria o Macaco Simão .

  4. Geraldo Casselli Júnior disse:

    Tem umas (raras) fotos do 1º Salão do Automóvel do “stand” da Vemag, onde aparece num ambiente de praia, a perua com teto-solar, que ficou só no ensaio também. Quanto à perua equipada, pro meu gosto, se não fosse pelo “scoop” (acho que é assim que se fala), o retrovisor e as lanternas traseiras, eu dava um 10 !!!

  5. Léo Engelmann disse:

    Mecânica Trambicar.

    Sei…

  6. Jorge Diehl disse:

    Lembro-me de quando era criança, nos idos dos anos 60, meu pai colocava os 5 filhos mais minha mãe e minha avó (que era gordinha) dentro da Vemaguet 66 para fazer 400 km de Criciúma a Passo Fundo. A estrada era puro seixo rolado e tinha que subir a serra de Timbé do Sul/SC. Em cima do carro, um bagageiro do tipo deste do barco com as malas. De vez em quando, tinha que parar para apertar os parafusos do mesmo, que ameça cair com a bugigangada hehe… Bons tempos aqueles. E valente o carrinho!!! E maluco o meu pai hehe…

  7. Flavio Bragatto disse:

    Sempre achei que antigamente as séries especiais tinham mais Brasil no coraçao do que hoje em dia.

    Antigamente tinha o Pé de Boi, Pracinha, Caiçara, Teimoso, Tufão, etc… se escreviam em português e nomes fáceis de “pegar”.

    Hoje, os nomes são: Quicksilver, Soleil, Advantage, Freestyle, eco, I, bluemotion, economy e o caralho.

    Acho que a ultima série que se falaram em portugues, foi a série de 6 marchas da Fiat que vinha escrito no Siena e no Weekend “6 marchas”… precisa perguntar o que tinha de diferente nesta série?

  8. Carlos disse:

    Vemaguete Adventure ou Cross Vemaguete?

  9. Carlos Bragatto disse:

    Flavio, essa ai da Trambicar, parece ser algo de corrida. Note que os pneus são bem largos e estão lixados para ficarem tipo pneus Slick. Alem disso, na foto vista por trás, dá pra ver que ela tem uma gaiola de proteção por dentro.

    Carlão

  10. Fábio Aguilera disse:

    Difícil dizer que um carro desta época é feio. Eu não me lembro de nenhum e, mesmo que me lembrasse, não o chamaria de feio por respeito.

    Nos dias atuais se eu pegar um féla fazendo “tunning” numa perua dessas, penso que o esquartejamento seria uma boa providência. Mas como o “tunning” foi feito lá no passado, perdoemos o, digamos, “trambiqueiro”.

    A idéia de fazer um carro diferenciado sempre me agrada. Gosto da L200 Savana, por exemplo. Mas qual seria o procedimento para pôr e tirar o barco de cima do carro?? Não me pareceu muito prático, embora tenha ficado muito simpática a visão da peruinha com o barco em cima.

  11. Fernando Monteiro disse:

    O motor dois tempos dessas gracinhas era um primor. Como era bom os anos 60 hein.

  12. Felipe Passos disse:

    Até que ficou legal. Esta que levava um barco em cima seria uma ótima alternativa hoje em dia para as chuvas paulistanas…

    Embora não tivéssemos nenhuma corrida de grande importância, valem duas notas da NASCAR. Ontem na categoria Truck Series, Nelsinho Piquet chegou em 8º e Miguel Paludo em 13º no oval de Kansas. Os dois estão se firmando na categoria. Piquet, inclusive, era considerado pelos americanos um dos candidatos à vitória, mas ele teve uma rodada durante a corrida e mesmo assim chegou em 8º.
    A segunda nota é sobre a categoria K&N East Series, onde (ontem também) ocorreu a primeira vitória de uma equipe brasileira na história da NASCAR. O piloto americano Matt DiBenedetto venceu a corrida, pilotando o carro do Engenheiro brasileiro Laerte Zatta, dono da equipe X Team Racing. Segue um link (em inglês) da notícia:

    http://www.theeastseries.com/2011/06/05/dibenedetto-conquers-the-stadium/

    Esta equipe pode ser uma porta para brasileiros que queiram correr na NASCAR.

    Abraços

  13. Fernando disse:

    Essa oficina Trambicar só nos Trambiques!!! kkkkkkkkkkk

  14. Luciano Aparecido da Silva disse:

    Olá Flávio. Embora a Stock não tenha uma importância para a história universal você não vai comentar nada sobre a vitória do Burti? Que não seja pela categoria mas pelo vencedor que me parece um cara super boa praça.

  15. Vecchio disse:

    Saberia dizer quais as diferenças entre a Caiçara e a Pracinha? Realmente nunca entendi as diferenciações entre elas.
    Abraço,
    Vecchio

  16. Edison Guerra disse:

    Até que ficou bonitinha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>