CENAS RARAS | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

segunda-feira, 25 de julho de 2011 - 16:34Vídeos

CENAS RARAS

SÃO PAULO (e nem tinha YouTube) – Adoro ver essas cenas de “cinegrafistas amadores” de uma era em que não havia YouTube & cia bela. Aliás, não aguento essa de “cinegrafista amador”. Cai um avião, o cara grava com um celular e o crédito na TV é “cinegrafista amador”. Verdade. O cara ainda não se profissionalizou, mas certamente será cinegrafista um dia. É tudo o que quer da vida. ESSA GENTE NÃO É CINEGRAFISTA, PESSOAL. Nem profissional, nem amador. Estava apenas passando com um celular no bolso. Sacaram?

Dito isso, as imagens são do dia 9 de novembro de 1989, quando um burocrata da DDR disse em entrevista que o país iria passar a permitir o livre tráfego de pessoas para a Alemanha Ocidental. Um repórter perguntou quando a medida passaria a valer e o cara respondeu, meio titubeante: “Agora”.

E aí caiu o Muro.

38 comentários

  1. Etel-Orange-France disse:

    Tem gente que é assim: O motor até funciona, mas nao tem ninguém na direçao..rsrsrsrsrdeixa né…

  2. José Brabham disse:

    “Sr, quando vai ser liberada a passagem?” “Ab sofort!!” Duas palavrinhas que mudaram o mundo. A multidão no lado oriental do CheckPoint Charlie, ao ouvir estas palavras começou a gritar aos guardas: “AB SOFORT! AB SOFORT”, que não resistiram à pressão e liberaram a passagem.

    Segundo um livro que eu li, as coisas poderiam ser muuuuuuuuito diferentes se o burocrata tivesse escolhido outras palavras.

    Me sinto um felizardo por ter participado ativamente deste momento histórico, pois por 1 DM aluguei uma marreta e um cinzel e tirei, eu próprio, pedras deste Muro e depois subi nele, junto com outros milhares de jovens. As pedras estão lá em casa hoje. Na ocasião me pareceu algo meio besta, mas hoje me rendo ao simbolismo do ato.

    É uma história para contar aos meus netos…

  3. Renato V7 disse:

    Sensação da liberdade…Quer emoção mais gratificante do que esta??
    Parabéns pela aula de história, Flávio Gomes.

  4. Felipe disse:

    Olá Flávio, bom dia. Parabéns pelo blog! Acompanho-o a algum tempo e é, com certeza, um dos melhores espaços na net para quem curte automobilismo.
    Mas o motivo do post é que estranhei você não ter mencionado os 45 anos de lançamento do primeiro veículo da Lada.
    Se puder, veja a matéria publicada aqui: http://blogs.estadao.com.br/jornal-do-carro/lada-completa-45-anos/
    Abraço.

  5. Banana Joe disse:

    Uma pena é que experiências erradas de suposto “comunismo” no século XX atrasaram a busca pelo verdadeiro socialismo em pelo menos uns 150 anos.

  6. Roberto Araujo disse:

    Olá, Flávio Gomes. Sou aqui de Londrina/PR, amigo do Bráz, aquele que reformou um SAAB vermelho, entre outras relíquias. Sou o cara que produz as réplicas de volantes da Fórmula 1.
    Gostaria que voce entrasse em contato comigo. Ver site http://www.volantef1.com.br
    Quanto à derrubada do muro de Berlim, a história é bem interessante. será que foi tão simples assim?!
    Me lembro claramente das imagens daquele dia. Logo depois, Roger Waters (Pink Floyd) fez um show espetacular , com as músicas do disco “The Wall”. Um abraço.

  7. Ricardo Piva disse:

    Conforme já sugerido, a leitura do livro “1989 – O ANO QUE MUDOU O MUNDO” (Editora Zahar // Autores Pedro Maia e Michael Meyer) esclarece, e muito, a forma e a cronologia de como os acontecimentos foram se dando até a efetiva queda do muro.

    SALUTE a todos.

  8. J. Alves disse:

    Sempre dá arrepios ver aquelas cenas, daqueles dias… Obrigado pelo link, Flávio. As caras dos guardas eram impagáveis. Deviam estar se borrando, tipo: se não deixo o povo passar, vou tomar muita porrada; se deixo, o chefe me pega depois… Estavam com cara de chocados, mesmo.

    Mas convenhamos, esse “cinegrafista amador” tava muito bom pra ser tão amador assim! Qualidade de TV, câmera estável, e o escambau…

  9. Maia disse:

    Segue link para o site do youtube (se preferir, elo para o sítio do vocêtuba) com imagens -também raras- da linha de montagem de um BMW 3 Series:

    http://www.youtube.com/watch?v=98JaDyV81yk&feature=player_embedded

  10. Maura Blomenfeld disse:

    Flavinho, sou sua fã, mas mais uma vez vc dá a entender essa admiração pela Alemanha Oriental. Isso ou é desconhecimento da história ou é admiração pelo massacre dos direitos humanos.

  11. José Morelli disse:

    Flávio, acho que você deveria publicar algo sobre o caso dos Atentados da Noruega, seria este um momento-chave na História da Europa? Seria este o retorno dos Nacionalismos europeus, assim como ocorreu no início do século XX, quando a crise de 29 moldou um cenário de ódio e xenofobia na Europa? Você que fala tanto aí de Alemanha, pronuncie-se sobre o caso Breivik, que embora não tenha nada a ver com a Alemanha, lembra em vários aspectos a xenofobia dos alemães no século XX.

  12. Douglas disse:

    Olá Flávio, tudo bem?

    Leio sempre seu blog e realmente adoro seus comentários…encontrei dia desses no Flickr, uma série de álbuns com fotografias raras de vários países socialistas e ex-socialistas. Acredito que você deva até conhecer, mas fica a dica…é bem legal!

    Link: http://www.flickr.com/photos/24105644@N03/

  13. Edison Guerra disse:

    Fabuloso momento.É de se emocionar ver,que apesar do desejo de ir para o outro lado,todos vão de maneira ordeira e sem empurrões,igualzinho aqui.

  14. Luiz Antonio disse:

    Caramba que mau humor !!!!Vamos falar um pouco mais do nosso brasil,porque esses papos de Russia….Alemanha……não tá fazendo muito bem para certas pessoas!!!!
    Tá igual ao programa do Datena!!!!
    Desculpa,sei que não tenho obrigação de ler esse blog,mas tem reportagens interessantes,só que nem sempre ……..!
    PS.Será que o mau humor não seria o rendimento do lada nas pistas….tenho uma sujestão que tal um SP2 verde com uma bela bandeira do Brasil.
    O MUNDO PRECISA DE PAZ,CHEGA DE DISCUSSÃO SEM FUNDAMENTO!

  15. Alan Bandeira Preta! disse:

    Tava comemorando meu 5º aniversário!

  16. Irinaldo Barros disse:

    Muito bom ver essas cenas! Nós aqui também precisamso derrubar alguns muros que nos atrapalham imensamente e dividem nossas realidades.
    Abraços FG e parabéns pela aula de história em vídeo!

  17. Caca disse:

    Gomes, o termo “cinegrafista amador” surgiu para justificar imagens de baixa qualidade exibidas na TV. Quando os “profissionais” perceberam que dar um furo era mais importante do que manter os padrões técnicos de qualidade e de linguagem, acharam que, assim justificando, as imagens estariam aptas a serem exibidas. Esse mundo da TV é fogo!

  18. Eduardo disse:

    Imediatamente me veio à cabeça o famoso discurso do presidente americano Reagan uns anos antes: “Sr. Gorbachev, se vc quer prosperidade p/ a União Soviética e os países do Leste Europeu, venha cá e derrube este muro!!!”

  19. peter von wartburg disse:

    don gomes, vc já viu “goodbye lenin” que eu sei, mas reveja. as releituras sao sempre importantes. essa cena do figurao alemao liberando geral tá lá, no original.

    suas chaves nao chegaram. devem ter sido apreendidas. quem em sa (san?) consciencia compraria quatro chaves reservas pra trabi e wartburg?!

    vou verificar e te falo.

  20. Jeambro disse:

    Uma das coisas mais absurdas da história deste planeta. Separaram famílias que moravam na mesma cidade. Coisa de maluco.
    Aliás, ô mundinho merda esse que a gente vive. A evolução anda a passos de formiga. Desmatamento, queimadas, corrupção, violencia, abuso de drogas, intolerancias (várias), são coisas que não cabem mais nos dias atuais, Apesar da enxurrada de informações que temos, assistimos a tudo com uma passividade estarrecedora. Não sabemos mais como sair desse marasmo, Creio que desaprendemos (ou nunca soubemos) como agir.

  21. Etel-Orange-France disse:

    é realmente muito emocionante, até chorei! A familia do meu marido é eslovena e as historias que contam, do sofrimento pelo qual passaram, faz refletir aquele que como eu ja ouviu inumeras delas… sempre que eu ia pra la, veja bem depois de quase mil km, atravessando a Italia inteira, encontravamos a fronteira fechada por isso iamos sempre apreencivos com medo de que nao nos deixassem entrar; em 2008 as fronteiras foram abertas…pra nos foi uma alegria qdo vimos aquela cena, e o pais, mudou muito… no lugar dos IUGO’s, vimos muitas Audi’s, Mercedez e muitas concessionarias dos mesmos e de outras marcas importadas, no lugar de terrenos vazios…é sao historias que nos marcam. Grande abraço, Etel Novak, Orange-FR

  22. Marcelo disse:

    Que isso Gomes, assim vc corta meu colação, eu já pensava que era um cinegrafista amador, quase profissional, no celular…

    A pergunta que fica:

    “Será que, se tivesse um “muro de Berlin” no Brasil, o lado muito RICO ia deixar o lado muito POBRE entar?”

    Duvido…iam jogar é uma BOMBA nos pobres.

  23. Jader disse:

    Título do topico deveria ser: “A fuga do paraíso”.

  24. Samuel disse:

    Pois é. Aos comunistas e simpatizantes sempre cito esse episódio, não havia ninguém querendo entrar na DDR, só sair, e correndo. Por que será? Havia alguma coisinha errada não?

    • Flavio Gomes disse:

      Você não entende picas de História.

    • rovilson disse:

      Eu ia escrever, mas o FG já falou…

    • Daniel disse:

      É né Gomes, é fácil falar isso confortavelmente instalado em seu escritório na Avenida Paulista ou no seu apartamento em Moema.
      Minha avó, que nasceu em Liepaja, Letônia, uma vez me contou que tinha uma prima dela (ou tia, já não me recordo) que era comunista convicta.
      Certo dia emigrou para os Estados Unidos (mais especificamente Hollywood, na Flórida).
      Duas semanas depois já havia desistido do comunismo.

    • marcelo disse:

      Talvez se voce achar algum destes que passaram pelo portao e fizer esta pergunta a eles hoje e nao ficar fazendo deduções, tenha sua resposta, talvez eles tenham uma mentalidade totalmente contraria ao que voce esta falando, e busquem o retorno do socialismo, nos e que nao sabemos de nada pois vivemos em um paizinho acostumado a viver a margem de tudo, e sermos apenas coadjuvantes da historia, as pessoas so pensam em BRASIL quando e para fugir da justiça, ou em futebol, ou em sexo com crianças e mulheres de vida facil, portanto não preguemos moral de cuecas, aposto que se voce estivesse la, tambem estaria nesta fila pois a novidade e a curiosidade sempre foram atrativos.

    • Tiozão disse:

      Ao Marcelo, ainda existe um paraiso puro para você mudar-se, Coréia do Norte, que tal?

    • marcelo disse:

      Oh !!! tiozão, se voce for junto e mostrar o caminho, que tal? voce deve morar no paraiso para ficar falando coisas do tipo la e o paraiso, e aqui e ruim !!! convenhamos acho que precisamos um choque de cultura, de conhecimento. O que explica uma ilha como o Japão, que enfrentou guerras, seu territorio e quase que anualmente devastado por todo tipo de catastrofe e mesmo assim seu povo se ergue e o elevou a potencia mundial de conhecimento e cultura, sem falar no resto, e a coreia do sul tambem fonte de conhecimento e cultura, pois desses paises nos compramos o que nao criamos aqui de tudo um pouco, como eletronicos, carros etc… Neste paraiso em que o senhor vive, apenas vagam pelas ruas, pessoas que buscam encostar-se em algum cargo publico para ficar o restante de suas vidas reclamando de salario, tambem tem aqueles que ficam criando maneiras para se encostar nos inss’s e bolsa’s auxilios da vida, sendo assim o restante a qual me incluo e acho que a grande maioria aqui, paga para manter este paraiso, portanto se la e ruim aqui e muito pior. POVO QUE NAO TEM VIRTUDES ACABA POR SER ESCRAVO.

  25. Túlio Parodi disse:

    O cara certo na hora certa!!!

  26. Marcelo Girardi disse:

    FG, Leia 1989. Este livro retrata os bastidores da queda do muro, e do que aconteceu no Leste Europeu naquela época…fantástico….

    O muro caiu porque o burocrata em questão usou uma palavra errada : “Sofort (imediatamente)”

  27. Mauricio disse:

    Calma FG!

    Acho que entendemos o que quis dizer.

    Porém fica a nota: Isso é em essência o jornalismo em estado bruto.

    Pabéns para nós amadores…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>