MENU

quinta-feira, 29 de setembro de 2011 - 15:24F-1

A SAGA DA MÃO

SÃO PAULO (quinta dos infernos)Kubica vai dizer à Renault se pode correr em 2012 em novembro. Daqui a um ou dois meses, portanto. A recuperação vem sendo boa. Seu médico diz ter certeza que o polonês vai conseguir. Mas lendo as declarações de seu empresário, juro que não consigo ficar otimista. Ele só agora está conseguindo flexionar o cotovelo direito. Os movimentos da mão ainda não foram recuperados plenamente, longe disso.

Acho difícil demais, mas nunca torci tanto para estar redondamente enganado. E é claro que meu achismo não tem base científica nenhuma, porque não sei exatamente como ele está, e mesmo se soubesse não teria condições técnicas de avaliar nada.

Mas sei que a F-1 exige atletas 100% funcionais. 100% mesmo. O cara não pode nem ter rinite ou unha encravada. A extensão dos ferimentos de Kubica foi enorme, em pontos vitais para um piloto. Há casos exemplares e comoventes de superação, o maior deles Zanardi, que sem as pernas voltou a correr. Mas de Turismo, num carro adaptado, e sem um nível de performance altíssimo. Algo aceitável no WTCC, mas que a F-1 não engole. A F-1 é chata e exige nível de performance altíssimo para qualquer piloto. E não dá para adaptar muita coisa num monoposto cheio de minúcias.

Mesmo assim, as notícias, corridas à parte, são ótimas. Robert vai poder ter uma vida normal. Mesmo se não voltar à F-1. Até porque a vida na F-1 não tem nada de normal.

E é lógico que seu caso terá influência no futuro de alguns pilotos candidatos à vaga que é dele enquanto o doloroso “não” definitivo não for dado. “Não” que, insisto, tomara que fique apenas no meu achismo fatalista.

40 comentários

  1. Louzada disse:

    Se obruno senna fiser um podio avaga edele concertesa mais ocarro nao ajuda essa cadera eletrica. pensaro que bruno eria se queimar .lenbrese ayrton levol quatro anos para ser canpeao,que eu melenbre. Emquanto acubica achoque volta mais nao nomesmo nivel que os outros pilotos .quersaber uma coisa que fas centido .so olhar as de clara coes da cupala da reno .bruno recuperol a alta estima .levol toda midia .esta voltando o prestigio .epurai vai.vces achan mesmo que cubica e alonco sao os melhores .fui.

  2. MSM disse:

    Torço para a volta dele, para mim, tem competência para ser um campão na F1, mas depois desse acidente sério, vai ficar difícil ter condições físicas para acompanhar os outros. Ainda não entendi como a Renault deixou que o Kubica fizesse rallye a pouco tempo de começar a temporada da F1.

  3. Geraldo Soares - Brasilia disse:

    gOSTO muito do Polones, mas sigo F1 desde os anos 70, e somente um Piloto voltou razoavel após um acidente sério como o do Kubi…. o Lauda, mas não era como antes, claro que ele teve queimaduras… outro dia vi o Piquet falando que depois de um acidente que ele teve, ela não consegui mais pilotar como anteriormente, ele ate citou que o Massa sofre do mesmo problema!!
    Acho que vai ser ótimo o Kubica voltar a ter vida normal, mas Pilotar um F1 vai ser díficil, mas se isso acontecer e ele mantiver o mesmo nível anterior, temos que tirar o chapeu e considera-lo um super humano!! outros pilotos de F1 que sofreram acidente nunca foram mais o mesmo, ate o Rubinho, que apos um acidente (onde ele esta pilotando de forma genial) não voltou mais a ser o mesmo!!! cara juro ninguem que passa por uma experiencia de ver a morte tão perto, pode ser a mesma pessoa após!!
    AB

  4. Daniel disse:

    espero que ele volte, mas pode ser q seja só na metade de 2012 ou em 2013…. acho q são datas mais realistas….

  5. Levi Davet disse:

    Torço pra que o Kubica volte, ele é muito mais piloto que o primeiro-sobrinho.

    • Gilles_Senna disse:

      Kubica era do nível de um Vettel antes do acidente. Mas agora vai ter de reconstruir a sua carreira. Tal como o Bruno Senna está a reconstruir a sua. O Bruno também poderá vir a ser um dos melhores mas não faz sentido compará-lo agora com um qualquer fora de série. O Kubica também não era tão forte quando começou. Vamos aguardar e deixar de comparar o incomparável.

    • Ubaldino disse:

      Desde a F- Renault o Kubica é um fora-de-série. O Bruno nunca foi nada mais que um piloto normal. Não se compara água com vinho.

    • Gilles_Senna disse:

      Pois, não podemos comparar. O fato do Kubica ter sido muito bom desde a F Renault não implica que o Bruno não possa vir a ser muito bom na F1, quando tiver mais experiência. Foi isso que quis dizer. Para 2012 a dupla ideal seria a meu ver Kubica e Senna. Um fora de série e um jovem com potencial para vir a ser um dos melhores.

  6. jugger disse:

    Tomara que consiga. Talvez fosse um argumento valido pelo fim dos volantes de videogame na F-1. Já que vc falou de sequelas…
    Massa nunca mais foi o mesmo…
    Barrichello desde que entrou tem sequela… pé direito é mais curto que o esquerdo, não alcança o acelerador…

  7. Ubaldino disse:

    O cara tem que ter os movimentos perfeitos na mão/dedos, para segurar o volante e apertar a borboleta do cambio. Se tiver isso, volta igualzinho. O Beltoise tinha um braço duro devido a um acidente e andava muito.

    Os que tiveram problemas foram os que tiveram traumas na cabeça.

  8. Alessandro disse:

    Eu acho até que ele volta, mas não tão rápido.
    Talvez lá pelo meio do ano que vem possa estar 99,9%.
    E se voltar, pelo jeitão dele, vai engolir o Petrov ou o Bruno. Quero dizer, não deve ficar nenhuma sequela emocional, como parace ter ficado no Massa depois daquele acidente em 2009.

  9. nilton disse:

    Eu quero acreditar que ele possa voltar em alto nivel, fantástico piloto e pessoa que é.
    Mas o meu Cerebro não absorve algo tão difícil, ele deve dar graças a Deus de ter escapado com vida e que possa voltar a fazer coisas que as pessoas normais fazem, mas para ser piloto de F1 tem de ser acima do normal, fisica e psicologicamente, acho que uma das duas ele já perdeu infelizmente.

  10. Lucas Martin disse:

    O grande diferencial do Kubika, é que ele anda do jeito que dá com o que tiver na mão. Não é desses pilotinhos que ficam reclamando porque o carro não deixa ele fazer a única coisa que ele sabe… Sendo assim, não acho tão difícil que ele volte competitivo. Talvez não para ser campeão, mas com certeza para ser o cara que desenvolve o carro para o companheiro mais novo ser campeão, e ele vice.
    De qualquer forma torço fortemente para ele voltar, se não em 2012, no próximo ano, já forte e adaptado!

  11. Flávio disse:

    Também acho que não volta. Não à nível competitivo.
    O Schumi, que foi um dos maiores, está bem fisicamente, mas a idade pesa com só 40…toma tempo do Rosberguinho.
    F1 tem que estar 110%, com 100% toma tempo do companheiro.

  12. Marcelo Andrade disse:

    Não acredito que volte a pilotar um F-1 a curto prazo ou talvez até a longo. Mas se voltar será uma das mais fantásticas historias de superação da Formula 1 moderna.

  13. antonio seabra disse:

    Não sei, não sei, o cara não teve sequela neurologica, que são as que fazem pilotos perder a velocidade. Exemplos: Cristiano, Wendlinger, Massa e até o Piquet (pai).

    Alguns pilotos voltaram a correr na F1 com serios danos osseos/usculares, perda de moviventos, etc: Beltoise, J. Herbert. Tá certo que os carros eram outros, mas…

    Vamos aguardar. Eu tenho alguma esperança, esse cara é de borracha !!!!

  14. Harry disse:

    Uma vez um piloto da Indy foi correr com o dedo quebrado, na tala. Ele quiz e os médico liberaram. Já tinha até piloto substituto contactado. A corrida era em Fontana, o substituto era Roberto Moreno e o piloto que correu com dedo quebrado era o Greg Moore.

  15. Isaac disse:

    Olha, não sou médico, mas se o que dizem do estado dele for minimamente verdade, acho difícil voltar a F1, e se voltar o mais provável é que não volte a ser tão rápido quanto antes então , pra que voltar, enfim, cabe a ele resolver este pipino, a vida é dele, embora ninguém tenha o forçado a correr de Rali ,torço pela recuperação.

  16. Rafael Chinini disse:

    faz falta esse cara no Grid!

  17. Alan Ruggero disse:

    Não corre mais na F1. Infelizmente.

    Se as coisas tivessem tudo numa boa, ele já teria aparecido pra dar entrevista e tralalá. Anda se escondendo para que ninguém o aposente antes da hora.

    A Renault já tem uma vaga quase garantida pro ano que vem – me refiro ao Bruno Senna. Resta saber se o Grosjean entra, ou nao, na equipe. Até pq tem outros pilotos cheios de grana vindos da GP2 querendo essa vaga.

    Vamos aguardar…

  18. Marcos disse:

    Vencer nossos medos… Superar nossos desafios… Todos vivem o espetaculo da F1… Alguns correndo nas pistas, outros correndo nas garagens… Superação é a palavra chave, independente de sua volta a F1 creio que todos os comentários postados desejam que ele continue a “tocar seu piano meus com seus dedos amarrados”, exemplo de um grande ser humano de quem não recordo seu nome agora… A vida continua…

  19. André disse:

    Tomara que ele volte. Se voltar em alto nível, será o dia mais feliz da Fórmula 1 dos ultimos tempos.
    André / Piloto no http://www.f1bc.com

  20. Adal Avin disse:

    Torço muito para que o Kubica se recupere 101%, embora, ache isto, infelizmente, pouco provável. Um piloto talentosíssimo e simpático como ele merece uma segunda chance!

  21. Samuel disse:

    Uma pena ter acontecido isto com um ótimo piloto como o Kubica , com o pé-de-chinelo que é um bração não quebra nem o dedo mindinho pra ficar sem correr umas duas provas.

  22. Ronne Franks disse:

    Piloto carismático. Raridade nesse esporte. Uma pena… Acho que essa história de “ele pode voltar” é mais para incentivá-lo a ficar bom logo do que, de fato, pretender levá-lo novamente a um volante de F-1.

  23. julio disse:

    Afffffff…….
    Duro dizer… como queria ver o Kubica na pista.
    Mas eu acho que F1 pra ele acabou. Muito triste.
    Ninguém tem uma foto dele atual. Ele não se mostra e senão o faz é porque as coisas não vão bem. Concordo com vc, Flavio, em tudo. Até na torcida pra nós estarmos errados.

  24. Ricardo Bigliazzi disse:

    Fica a torcida pela recuperação do Kubuca… se ele voltar a correr vai ser para ele como ganhar a maior “Mega Sena acumulada” que ja existiu.

    Segue o jogo

    Imperador

  25. Major disse:

    Concordo contigo.
    Vejamos até um caso mais simples.
    Felipe Massa, que jamais foi um grande piloto – por favor essa é a minha opinião pessoal – perdeu desempenho de forma significativa depois daquela “molada” do Barrichelo.

  26. raoni disse:

    Como já dito aqui antes a história dele é a mesma do Alessandro Nannini e acredito que o futuro é o mesmo susseso em outras categorias, mas F1 não da. Vai testar carro e tal, mas vai ver que não tem como recuperar o desempenho perdido…

  27. José Angelo disse:

    Uma pena mesmo, pois tinha talento (com o carro certo, claro) fazer frente a Vettel, Hamilton, Button, Alonso… Mas também acho difícil sua situação. Mesmo que volte, não será 100% e 99% não é 100% nunca. Muito menos na Fórmula 1.

  28. Williams disse:

    Eu já não torço intensamente para que ele volte em 2012 não. Como você falou, a F1 exige fisicamente 100% dos pilotos, não é 90, 95%… é 100%… imagine a triste situação de ver um grande piloto andando muito ruim e tendo que ser trocado no meio da temporada. Kubica tá longe de merecer isso… portanto, eu espero que ele não volte se não tiver completamente recuperado e sem sequelas do acidente. Prefiro ver ele correndo de rally, nascar, indy, carinho de roliman a ser sacado da F1 por falta de condições físicas.

  29. Danilo Candido disse:

    Flávio, é triste mas o título deste post poderia ser o mesmo do anterior: “Já Elvis”. Infelizmente. Gostaria (muito mesmo) de estar errado, mas, mesmo recuperando-se fisicamente 100% (quase impossível), serão um, dois ou quem sabe até mesmo três anos longe da F1, quiçá tenha a chance de voltar, pela Genii ou por qualquer outra. É muito tempo. Se nem o Schumacher, teoricamente bem fisicamente (para a idade) não tem conseguido grandes coisas, imagine depois de quase ser “fatiado” ao meio por um guard-rail.
    É meio piegas dizer, mas pelo menos o cara está vivo, andando, sem sequelas neorológicas, sem precisar depender dos outros para pegar um garfo na mão…pilotar alguma outra coisa será possível, quem sabe até de forma competitiva.
    Existe vida fora (e além ) da F1: DTM (ano que vem será “bem louco”), WRC, Le Mans, ALMS, WTCC, Indy quem sabe…
    De uma forma ou de outra, independentemente do que for constatado e decidido em Novembro, Robert já está mais do que no lucro, pode ter certeza.

  30. Marcelo disse:

    Ahhhhhhhhhhhh pode ter certeza que a pechecada em massa esta torcendo para ele não voltar(risos), conheço essa raça, é chance para o sobrinho na Renault.

    No Brasil funciona +- assim:

    “morreu, morreu, antes ele do que eu”

    Lauda, Coulthard, Massa e Kubica tem que levantar as mãos para o céu, cada um escapou da morte, não tem que se frustrar de nada na vida.

    * Pra quem não se lembra, Coulthard quase morreu em desastre de avião, morreram piloto e co piloto. Coulthard, a namorada e o cachorro se salvaram, aconteceu no início dos anos 2000.

    Boa sorte ao Kubica, mas acho complicado voltar como era, os reflexos não serão os mesmos, mas pode correr em outras categorias, o mundo não é só F1…

    • Rodrigo Assis disse:

      Eu, a tempos fico lendo aqui nos posts, as respostas educadas de quem gosta de A OU B, que você tem contra a quem gosta de Senna, tiririca, Brunno Senna, Massa, Alonso e etc..? Larga a mão de se bobo rapaz. Cada um torce e gosta daquilo que quer.

    • Fabio disse:

      O Marcelo quis dizer que alguns pachecos vão com certeza torcer contra o Kubica,mesmo sendo um caso tão sério e dramático o do polonês. Bobo é o Rodrigo,que perde tempo defendendo essa racinha com discursinho manjado e besta.

    • Cezar disse:

      Realmente o Coulthard se salvou de um acidente aéreo, porém, nem se machucou e correu uma semana depois…
      Agora o Mika Hakkinen sim, em 95, quase morreu, ficou dias em coma, voltou a correr e foi campêao mundial duas vezes e vez a temporada de 2000 que foi maravilhosa, só faltou o título (good job mercede, hã?)… E ele ficou com algumas sequelas, lembro que em uma entrevista falou que um dos olhos não fechava completamente quando dormia…
      Enfim… Não acho regra, acidente forte x final de carreira… Mas infelizmente, no caso do polonês só vendo mesmo na pista para saber se consegue voltar em grande nível…
      Há quem diga que o Massa voltou diferente depois do acidente… Ele diz e eu concordo, está igual, ou seja, ruim…
      Para finalizar antes um Robert com um dos braços do que um Rubens com dois…

  31. Rodrigo Assis disse:

    Boa tarde Gomes 69,
    Rapaz, eu acho também que baubau, Adeus Mariana.Esse não tem chances mais. Carros com uma quantidade de funções além da conta e que precisa de muita força de musculatura? já era pai!!!

  32. Cleiton Pessoa disse:

    Concordo, assim como foi com piquet, cristiano da matta, dentre outros que tiveram acidentes gravíssimos. Uma dorzinha aqui ou uma dormência ali te tiram do páreo com pilotos zerados fisicamente, que dirá uma mobilidade reduzida justamente nas articulações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>