NELSINHO, P1 | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

segunda-feira, 1 de outubro de 2012 - 13:24Automobilismo internacional

NELSINHO, P1

SÃO PAULO (espertíssimo) – Para quem não viu, as últimas voltas da prova da Truck Series em Las Vegas no sábado à noite, com a linda ultrapassagem de Nelsinho no giro final, para ganhar pela segunda vez na categoria. Foi muito esperto o brasileiro, mostrando que já pegou todas as manhas dos ovais. Daqui a pouco, vai ter de pular para a Nationwide.

Aproveitando o ensejo, o que vocês acham? Nelsinho vai mais longe na Nascar do que Montoya?

96 comentários

  1. Czar disse:

    Nelsinho bateu de propósito e só abriu o bico porque foi demitido. Mandou muuuuito mal!

    Será perseguido por esta merda pelo resto da vida.

    Por outro lado… uma coisa é bater calculadamente SEM ENVOLVER OUTRO CARRO em um ponto de risco controlado para os outros pilotos e para o público.

    Outra coisa é bater de propósito EM OUTRO CARRO como fizeram Prost, Senna e Schumacher, elevando o risco a níveis estratosféricos de forma ABSURDAMENTE IRRESPONSÁVEL, pois uma decolagem pode resultar facilmente em cabeças decepadas.

    Em resumo: a F1 está impregnada por um jogo de interesses nojento e é inacreditavelmente hipócrita – principalmente quando vários pilotos inexpressivos correram para dizer, no Cingapuragate, que “jamais fariam o que o Nelsinho fez”. Aposto que TODOS eles fariam até pior, se pudessem levar alguma vantagem interessante.

    Ah, acho que ele vai mais longe do que Montoya, sim.

  2. rodrigo mota disse:

    gente metendo o pau no Piquet Jr pelo ocorrido na F1. sim mas ninguém mete o pau no sr Alonso por ter feito parte do jogo, ninguém mete o pau na Renault, nem no Briatore…

    gente que mete o cacete no Piquet mas aposto que tem um Renault em casa…

    foi errado? foi. foi anti-esportivo? foi. mas ele cumpriu ordens, erradas ou não foram ordens e sabe-se que a “política” da F1 é assim. muita frescura, muito “não-me-toque” e jogo de equipe. Felipe Massa e Rubens Barichello fizeram tão errado quanto o Piquet, a diferença é que o “Jr” abriu o bico logo…

    foi pra NASCAR e anda mostrando serviço por seu méritos próprios, venceu por méritos próprios e está construindo um futuro na categoria de turismo mais popular do mundo. se vai ser campeão eu não sei mas já venceu mais do que qualquer outro latino-americano.

    desejo sucesso pra ele. o Americano não fica com essa história “você fez isso no passado” no esporte, eles mesmos sabem que na F1 tem essa frescura toda e acharam normal o que ocorreu. por isso a F1 não é popular nos EUA, sugiro que a FIA deixem os Pilotos serem mais “doidões” e coloquem um oval como prova nos EUA e aí a figura muda…

    duvido que se a F1 não fizer o GP dos EUA em Daytona aquele oval não enche, o que vai ter de latino-americano vai encher sozinho 45% das arquibancadas…

    parem de malhar o cara. todo mundo já fez merda na vida, todo mundo faz merda na vida e ninguém fica te enchedo o saco por isso. a diferença é que o Piquet teve a coragem de seguir no automobilismo e construir seu caminho em outra categoria. que ele chegue na Sprint Cup e “kick ass” em todo mundo, não precisa ser campeão, ganhando alguma prova na Sprint já vai fazer história…

  3. João Ricardo disse:

    Piquet jr. bateu de propósito? Sim…Senna também (Suzuki 1990)..e dai? Ninguém sabe o que o camarada passou!! Idem para Rubens e Felipe.

    Agora, a NASCAR tá legal e pelo que vejo não rola tanta politicagem quanto na F1….tem futuro sim na categoria.

  4. João Ricardo disse:

    Piquet jr. bateu de propósito? Sim…Senna também (Suzuki 1990)..e dai? Ninguém sabe o

  5. Eudes disse:

    Vale lembrar que como todo bom piloto ele parece gostar mesmo de pilotar. Sempre anda em eventos de CART, ganhou aquela prova que rubinho patrocinou na terra, anda de oval na terra nos EUA, já correu de MONTANA (divisaão da STOCK) aqui uma vez e icou em segundo.
    O que se percebe é que ele é um piloto bem adaptável. Quanto a títulos na NASCAR SPRINT acho que é tão díficil quanto a F1, equipe, estratégia, muito contato. Mas parece que lá eles dão mais valor aos pilotos, independente de serem campeões ou não. Mas acho que na NATION e na SPINT é mais provável até que na TRUCK por causa dos mistos, mesmo sendo mais competitivas.
    O que poderia acontecer mesmo seria pintar um convite para ele correr o GP do EUA no ano

  6. Roberto Lima disse:

    Prezados, antes de falar da Nascar, gostaria de dizer que o Nelsinho não pode mostrar o seu talento na F1. Ele veio de um ano parado, pois em 2007 ele era piloto de testes da Renault, não fez corrida alguma e isso prejudica muito. Em 2008 ele não pode fazer uma pré temporada decente, teve pouca quilometragem, já que a Renault escalou o Alonso para fazer a maioria dos testes. Mesmo assim, fez uma temporada razoável, marcou 19 pontos com um carro péssimo e andou próximo do Alonso. Em 2009 ainda com um carro horroroso não pode fazer nada, até porque não tinha ajuda da equipe, as atualizações eram todas pro Alonso e ele já sofria com as pressões do Briatore. Mesmo não tendo um carro decente e sem ter o apoio da equipe, a imprensa brasileira bateu muito no rapaz, mas muito mesmo, talvez por ser filho do Piquet. Não estou vendo o Bruno Senna fazer nada e não está apanhando nem metade do que o Nelsinho apanhou. Sobre a Nascar, é bom lembrar que o Nelsinho teve como escola os monopostos, esta é apenas a segunda temporada dele com este carro e andando em ovais, onde nunca tinha andado antes. Ele compete com pilotos que andam em ovais desde pequenos, e mesmo assim está andando muito bem. Vai superar o Montoya fácil. E outra coisa: É muito mais piloto que o Felipe Massa.
    Abraços …

  7. Gustavo Oliveira disse:

    Desapega da F1, pessoal! Nelsinho nunca mais volta. E, sim, vai mais longe que o Montoya, que anda mais aposentado que o Mark Martin!

    • Marcelo disse:

      Gustavo, nisso eu concordo com você…
      E olha que o Mark Martin está pensando em disputar em 2013 o Campeonato da Nationwide para fins de pontos, já queria fazer neste ano mas não deu certo…e tem chances de ganhar…
      Na Sprint ele correria as grandes provas por causa da grana, não valendo os pontos…
      Montoya na Nascar só ganhou grana e peso….

  8. José disse:

    Toda vez que ouço “nelsinho” minha cabeça martela: bateu de propósito,bateu de propósito, bateu de propósito, bateu de propósito, bateu de propósito, bateu de propósito, bateu de propósito, bateu de propósito….

    é só comigo isso?

    como ser humano não sou grande coisa acho…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>