MIL MILHAS À VENDA | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quinta-feira, 14 de março de 2013 - 12:45Automobilismo brasileiro

MIL MILHAS À VENDA

SÃO PAULO (putz grila) – É meio deprimente, isso. A marca “Mil Milhas Brasileiras” está sendo leiloada pelo Centauro Motor Clube, dono do nome da corrida mais importante do Brasil. Outras correlatas estão no lote neste site aqui, enviado pelo Itamar Morais. O Centauro vende o pacote todo por 411 mil reais, pelo que entendi.

Anos atrás houve muita briga em tribunais pelo direito de uso da marca, tanto que aquelas Mil Milhas feitas com carros da Le Mans Series, promovida pelo Antonio Hermann, tiveram um nome ligeiramente diferente.

Será que alguém vai comprar o nome da corrida? Será que o Centauro vai ser capaz de realizá-la novamente, um dia? Será que teremos Mil Milhas de novo?

Na minha cabecinha de azeitona, Mil Milhas era a desse carro aí embaixo.

velocult003

18 comentários

  1. Claudio Aun disse:

    Aqui fazem bastante cagadas depois que nada vale nada….sentam em cima

  2. Eduardo disse:

    Um adendo, essa carreteira é praticamente o símbolo de Interlagos, deveria estar dentro de uma redoma de vidro na entrada do portão 7, puxa seria muito legal.

  3. Eduardo disse:

    Nunca vou esquecer em uma das etapas da Copa Brasil em 70, onde participavam carros de ultima geração de protótipos de Le Mans, Alfas T33, Porches 908, a Ferrari 512S de Giampero Moretti, entre outros. Estava para ser dada a largada, mas cadê a carretera do Camilo? Eis que de repente aparece a magnífica carretera pelo túnel em cima de um guincho plataforma. Dada a largada, os carros já estavam no retão e o camilo sai com tudo do box, de camiseta branca ! ! ! Depois de umas 10 voltas ele já estava no meio do pelotão, mas aí uma fumaceira no motor no retão, indicava problemas e acabou parando, uma pena. Realmente era surreal, vc ver na pista uma carretera dos anos 60, correndo junto com uma Ferrari 512S! De qualquer forma o povão torcia bastante por ele a cada volta. Era muita adrenalina, tempos magníficos que não voltam mais, será ? Me sinto um privilegiado por ter a sorte de ter vivenciado esses lindos momentos de ouro do nosso automobilismo !

  4. Rafael disse:

    Esse carro não chegou a 260 km/h em um teste? Me corrijam se eu estiver errado.

  5. Acarloz disse:

    Que triste, uma dívida com a Petrobrás enterrando um clube e marcas tão importantes pra história do nosso automobilismo… É mesmo o fim.

  6. disse:

    Barão chegou lá em cima e o Eloy o recebeu, afinal foram os dois quem começaram a coisa. Devem estar tristes e dando risadas das trapalhadas daqui de baixo.

    Esta parada das Marcas, envolve até internação e tratamento no Sírio, não pago, com a justiça bloqueando e depois liberando valores da conta corrente do Sr. Antonio Hermann e mais umas coisitas, tipo verbas aprovadas pelos vereadores para realização de provas.
    Estes sites copilam as publicações do Diário Oficial e depois as publicam. Bom mesmo para acompanhar é direto no do Tribunal de Justiça de São Paulo. Tudo fresquinho…
    Tanto que até “Federação” paralela montaram.
    Só visitar o site http://200milhasbrasil.com.br/
    e: http://www.fdsp.com.br/

    Fazem anos que muita coisa rola nisso e cada história…

  7. ELISIO disse:

    Este carro é um tesouro de família.Se for vendido ou parar em algum museu que deixa jornalistas,blogueiros e amigos darem uma voltinha vai ser muito triste.

  8. Edu H@rmel disse:

    Minha avó portuguesa dizia “não tem dois sem tres”. Participei da 32º (2002) e da 34ª (2004) na cartegoria IV (Turismo 2.0). A parte noturna da corrida é sensacional! Se minha avó estiver correta, ainda vou participar da 3ª.

  9. RL disse:

    É. Penso que quem gosta do automobilismo de verdade pensa no lado mais romântico da coisa. Infelizmente não ví esse carro andando mas devia ser demais. Mas hoje em dia o que manda é 99% grana. Uma pena.

  10. Mauro Batera disse:

    Você esta correto Flavio, e pra mim, a ultima 1000 Milhas foi a de 1989, a última com o traçado original de Interlagos!

  11. PRNDSL disse:

    Estes pneus lisos e largos estão corretos ( ou seja, foram usados em alguma corrida de verdade neste carro)?

  12. WALTER disse:

    Estas não são as rodas originais da Maria Dinossauro o que descaracteriza um pouco, mas não deixa de ser linda. Acordei muitas manhãs com o camilão acelerando esta maravilha nas nossas portas no Canindé.

  13. Alexei disse:

    Mil Milhas sem carretera e Opala não tem tanta graça…
    Agora, Flavio, vocês da Classic Cup poderiam tentar organizar uma corrida de longa duração em Interlagos com Meianov & cia…

  14. Ulisses disse:

    Esse carro é um dos maiores símbolos do automobilismo brasileiro!
    Ainda bem que está razoavelmente preservado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>