MENU

quinta-feira, 27 de junho de 2013 - 10:30Automobilismo internacional, F-1

VAI, WEBBER

SÃO PAULO (novos caminhos) – Menos corridas, menos pressão, mais liberdade, menos aborrecimentos, mais tempo para viver e carros espetaculares. A opção de Mark Webber pela Porsche, antecipada em 15 de abril pela Rádio Le Mans e replicada aqui, me parece acertadíssima.

O que mais nosso canguru desolado tem a fazer na F-1? Vai ser campeão? Não. Teve a chance em 2010 e derrapou no final. Tem como companheiro de equipe alguém superior e mais bem colocado no time, Vettel. É mais ou menos como Massa na Ferrari. Teve sua chance em 2008. Vai ter de novo com Alonso como parceiro? Difícil, muito difícil.

O endurance não é terreno desconhecido do australiano. Ele foi piloto da Mercedes lá no final dos anos 90. Decolou em Le Mans. Volta, agora, sob o teto da Porsche, que tem um programa ambicioso que enche os olhos de quem gosta de automobilismo. Audi x Toyota x Porsche é algo de deixar qualquer um animado. Seria legal se outras marcas, como a Peugeot, aderissem também. Os leõezinhos não teriam muita dificuldade em atualizar o projeto do 908.

Mark, ao final de 2013, terá completado 12 temporadas na categoria máxima. Uma bela carreira, que começou na Minardi, a pior equipe de sua época, e vai terminar na Red Bull, a melhor.

Ser campeão ou não na F-1, muitas vezes, é questão de detalhes. E não ser campeão não apaga trajetória alguma. Que Webber seja feliz nessa nova empreitada. E que a Red Bull acerte a mão na escolha do substituto. Muito se fala de Raikkonen. Acho temerário, mas interessante. Vai ter gente de olho grande, como Massa — se não renovar com a Ferrari, pode ser uma opção, por que não? Mas o mais provável é que os rubrotaurinos escolham alguém de sua escolinha, para dar sentido a ela. Vergne e Ricciardo, a partir de agora, vão travar uma luta bem interessante pelo lugar vago. Vergne é meu favorito.

Quanto à Porsche, creio que fez uma escolha muito interessante. Esse aí embaixo é o carro dos caras. Vai ser legal, o WEC 2014.

Um negócio interessante é que a saída de Webber da Red Bull não é litigiosa. A empresa vai continuar com ele, como patrocinadora. “Ele vai continuar com Red Bull no capacete no próximo ano”, disse Didi Mateschitz, o dono da marca. “Vai seguir como um membro da nossa família por muito tempo ainda.”

Legal, isso.

43 comentários

  1. Paulo F. disse:

    Pelo andar da coisa, o Webber tem uns advogados bons. O seu contrato deve ter mais amarras que cargueiro panamenho.
    Vai para a casa de Zuffenhausen numa boa. E creio que lá tera mais sucesso do que na RBR. E diga-se de passagem , cansou de dar murro em ponta de faca, afinal de contas não falando alemão é mais fácil na Porsche que na RBR….

  2. eduardo disse:

    Parar num momento que ainda é competitivo e que teria vaga são poucos pilotos que tem esse privilegio,alguns param no momento certo e voltam atraz como o Schumy,outros tentam se eternizar e acabam como o Barriquelo e o Gran Hill, outros vao perdendo a competividade até ser subistituido por um piloto mais jovem como o Coulthard,outros simplesmente são subistituidos por pilotos pagantes,portanto meus parabens para o Webber que não sou fã mas respeito como piloto e que na função de numero 2 da de 10 a 0 no Massa

  3. Raphael Souza disse:

    Sei não mas acho que pode pintar um patrocínio da Red Bull para a equipe oficial da Porsche (ou pelo menos no carro em que o Webber estiver inscrito). A Red Bull já patrocina várias equipes e competições ao redor do mundo. Não seria de se estranhar eles entrando no WEC a partir de 2014 ao lado do canguru!

  4. Marcelo disse:

    Nem vitórias(no plural) salvam mais a reputação de F.Massa dentro da F-1. Comparem o desempenho dele com Mark Webber desde 2010, o australiano é taxado como piloto mediano,(no geral), não consegue superar Vettel na tabela. Mas pelo menos o canguru faz poles, vence corridas, faz pódios e garante pontos para títulos de construtores, Webber ainda da lucro dentro de um time na F-1. Um título de construtores vale no minimo 100 milhões, os pontos de Webber garante essa conquista. Tanto que a RBR ofereceu renovação de contrato, só que Webber recusou, ele esta de saco cheio da categoria. Ferrari, RBR, Lotus, Mercedes e Mclaren já tem piloto pra liderar a equipe!

    Quanto a Felipe Massa, pra ele conseguir o mesmo “aproveitamento” de Webber na F-1, olha, tem muito chão! A comparação é justa, ambos não tem a mesma atenção que Alonso e Vettel. Felipe esta lembrando Kovalainen na Mclaren, mesmo vencendo o GP da Hungria e ajudando Lewis na pista, o finlandês foi literalmente limado no time. Já o brasileiro sempre tem uma nova chance na Ferrari, isso já encheu o saco!

    Felipe Massa também pode encerrar carreira na Formula 1! Dos pilotos de ponta o brasileiro é disparado o mais fraco. Se Maldonado e Rosberg conseguiram vencer corrida com carro inferior, Massa tinha obrigação de fazer mais.

    Felipe não tem mais “gás” pra se manter regularmente entre os melhores do grid. Antes o problema era os pneus mais o jogo de equipe, agora são os erros seguidos ao volante. Galvão tem moral pra acatar pilotos como Grosjean e Maldonado?

    Massa só esta garantindo vaga na Ferrari porque vive “colaborando” quando Alonso precisa, e se for para RBR a situação seria a mesma!

    Felipe dos últimos anos não é piloto pra liderar time de ponta, é muito inconstante! Sua melhor fase na F-1 já passou, foi entre 2006 e 2009. Felipe esta lembrando Barrichello, daqui a pouco passa quinze temporadas e ele ainda quer mais. A ideia na Ferrari é deixar Alonso sem companheiro forte no time, já basta ter que superar Vettel, Kimi, Rosberg e Lewis.

    Imaginem um companheiro forte tirando pontos de Alonso, o espanhol racha o planeta no meio! Três pixotadas seguidas(Mônaco, Canadá e Inglaterra), em treino-livres e classificação é muita coisa! Alguém precisa avisar o Viuvão Bueno:

    “Não é isso que se espera de um piloto da Ferrari! Três erros de Felipe ao volante já vale musiquinha”

    E vou mais longe, se Felipe aceitar mais um ano na Ferrari, é falta de vergonha na cara safada! Dinheiro não é tudo na vida, ainda mais um esportista que esta exposto na mídia, ele também tem que ver o lado da reputação. Para a maioria Rubinho saiu da Ferrari como chorão e mercenário, Massa vai pelo menos caminho, mas sem abrir o berreiro como Rubinho. Na RBR Felipe não iria fazer melhor que Mark Webber, basta observar a comparação abaixo:

    Massa entre 2010-2013
    00-vitórias
    00-poles
    02-melhores voltas
    08-pódios
    433-pontos

    Webber entre 2010-2013
    07-vitórias
    10-poles
    12-melhores voltas
    26-pódios
    748-pontos

    Bom lembrar, em 2010 Webber foi “osso” dentro da RBR, já Massa sempre fez papel de cordeirinho ajudando o espanhol.

    Os resultados que Mark Webber conseguiu comparado a Vettel, é até aceitável. Já os resultados de Massa comparado ao espanhol beira ao ridículo. Precisa colocar posições do mundial de pilotos?

  5. luis fernando disse:

    kimmi na red bull para colocar pressão no vettel a lotus não vai passar do estágio em que está.

  6. Costa disse:

    Piloto burocrático e sem graça, que tinha o costume de moer os companheiros de equipe. Lembram do Pizzonia? Já vai tarde.

  7. host disse:

    A Peugeot está longe de voltar ao automobilismo, pelo jeito. Li em algum lugar que o grupo PSA está no buraco e que a GM (quem diria 5 anos atrás?) estaria assumindo o seu controle.

  8. Ele é um Coadjuvante de Luxo, assim como foi o Rubinho, e agora é o Massa! Apesar de dizer que não, ele já deve está cansado de levar surra do Vettel, e sair da Red Bull para uma equipe pior não compensa, então o jeito é deixar a F1 indo pro endurance. Boa Sorte, Mark Webber!

  9. Luiz G disse:

    Vergne e Ricciardo seriam escolhas bem infelizes.

    Entendo que a “auto-escola-Red-Bull” tem que fazer sentido, mas no momento, não tem ninguém lá que tenha um diferencial significativo que mereça esta vaga.

    Se a Red Bull estivesse na posição de uma Lotus ou uma McLaren, até entenderia esta oportunidade…mas é a equipe campeã a 3 anos!!

    Não dá pra colocar “estagiário” no carro campeão….tem que ser um sujeito de calibre.

  10. Melhor coisa que ele faz, Webber pode até parecer velho para os padrões da Fórmula 1 atual, mas a verdade é que ele ainda pode correr em alto nível por uns 10 anos ou mais e não faz sentido desperdiçar boa parte desse tempo fazendo numero na F1, é preciso saber a hora de se retirar, acho que ele soube. Para o Massa, caso não renove com a Ferrari, seria mais interessante a vaga do Raikkonen na Lotus.

  11. Sanzio disse:

    O WEC é muito legal. Ano passado fui assistir ao vivo pela primeira vez Indy, WEC e F1. De longe o WEC foi o melhor de todos, com ingresso barato e principalmente muita diversão. É a única corrida que irei de novo esse ano.
    Se o WEC conseguir um modelo de corridas mais interessante às TVs (mais etapas, uma corrida de 3 horas, por exemplo…), A F1 dança bonito.
    Investindo em qualidade, o WEC está. Basta ver quantos ex-F1 tem por lá.

  12. Sei não se o Button já não colocou o currículo embaixo da porta da sala do Horner.

    Aguentar a opressora McLaren com uma equipe claramente perdida e com aquela bomba Sérgio Peres contratada na base do “Topa Tudo por Dinheiro”… por que não procurar outros ares? Afinal, no CV dele está “campeão de 2009″ e isso pesa!

    Abraços

  13. Wagner Campos disse:

    O Felipe Nasr é ligado a qual marca da F1? Se for a red bull, caso alguém da toro rosso seja promovido pode ser uma boa vaga pra ele no ano que vem.

  14. Mario Cordeiro de Menezes Neto disse:

    Nada, nada o Alonso conseguiu o melhor segundo piloto que ele poderia desejar para este campeonato, ou alguém acha que o Webber vai ajudar em algum momento o Vettel a conquistar o tetra? Agora é que ele joga mesmo a favor do Alonso e depois coloca foto deles juntos jantando com o caneco em cima da mesa mandando um #chupavettel

  15. keniti disse:

    Pode ser boa pessoa, usar material reciclado, protetor dos cangurus, mas sua saída não vai fazer a menor falta…

  16. Jose Brabham disse:

    ” começou na Minardi, a pior equipe de sua época, e vai terminar na Red Bull, a melhor.” Impressionante.

  17. Mauro Batera disse:

    Bacana, sucesso ao australiano!

    E que caranga tesão esse Porsche!

  18. Allez Alonso! disse:

    Boa escolha, seria hipócrita continuar na RBR depois do mult 21, melhor mandar essa patota da RBR pastar e viver uma nova vida na wec. Agora sim, se o Kimi for pra RBR teremos um bom parâmetro pro Vettel ao menos em ritmo de corrida, mas acho improvável, o Vettel vai querer um piloto inexperiente como companheiro. O Kimi nao é patrocinado pela Monster? Ou é a Lotus que tem o patrocino? Vettel fez com Webber o que Hakkinen fez com Coulthard, dominou amplamente o companheiro de equipe, mas acho o Coulthard um pouco melhor que Webber. Ano que vem promete. Vettel deve estar arrependido pelo episódio da Malásia, acabou a brincadeira de bater em cachorro morto.

  19. Edgar Bianchi Filho disse:

    bom substituto seria o koba san, mais meu parente esta ate que fazendo bonito na equipe fraquinha uma boa opção embora acho que ele ta no caminho da ferrari

  20. Atenágoras Souza Silva disse:

    Grande Webber.

    Nos anos de 2009 e 2010, quando a Red Bull começou a ter um carro competitivo, o australiano brigava de igual para igual com Vettel.
    Não ter sido campeão em 2010 foi uma questão de detalhes.
    Acredito que Vettel é mais focado em performance pura e adaptação ao carro e Mark, inicialmente, um piloto mais regular, embora sempre tenha mostrado velocidade ao longo da careira.
    Ponho a enorme diferença existente hoje entre Vettel e Webber nos projetos da equipe de 2011 para cá, com um carro, provavelmente, mais adaptado ao estilo do Vettel, sendo que este também evoluiu como piloto, cometendo menos erros.

    Mas o que eu queria destacar em Webber mesmo, é o fato de ele ser um dos poucos pilotos que colocavam claramente sua visão e opinião política – principalmente a respeito da crise humanitária no Bahrain -, pois isso é coisa rara em tempos de pilotos pré-fabricados e que não são mais do que simples garotos-propaganda.

  21. Sei não, mas o WEC tá começando a ficar tão interessante quanto à F1… Se continuar assim, vai ficar MAIS interessante.

    Boa sorte ao Canguru!

    • Ricardo Londrina-PR disse:

      Também tenho essa impressão, olha que sou louco pela Formula 1, mais gosto também de endurance principalmente as 24 de Le Mans.

      • luiz alberto disse:

        Na Europa dos anos 60 e 70 sempre foi mais importante, Se a F1 ganhou mais projeção após os anos 80 foi pelos méritos do ardiloso Bernie,mas parece que o ciclo entrou em declinio com as atificialidades atuais e a ACO encontrou um caminho para revigorar o endurance.Eu particularmente gosto muito mais,pois gosto é de carros ,se for para ver homem/mulher correndo e ganhando individualmente,melhor ver atletismo.

  22. RENE FERNANDES disse:

    Não deixará saudades Um banana nas pista e arrogante fora delas… Quem sabe, em outra categoria que não seja a trituradora F1, ele evolua positivamente. Se o Kimi for para a Red Bull a amizade com Tião vai azedar rapidinho…Massa é o eterno expulso e candidato da f1…Não gosto de escolinhas de equipes. Acho de tolhe características contidas nos novatos em detrimento de uma coisa pasteurizada….Piloto tem que ralar nas pistas e nas categorias do mundo e não ser criado em laboratório com simuladores e Mucilon…

  23. Paulo Vargas disse:

    “Tem como companheiro de equipe alguém superior e mais bem colocado no time, Vettel”……….

    Superior não creio, agora que é mais bem colocado, sem dúvida nenhuma que é!

  24. Ricardo Bigliazzi disse:

    Vaga aberta na Red Bull… agitação na casa do Rubens…

    Brincadeiras a parte… acho que Raikonen deve acertar com a Red Buil (com aval de Vettel) e sobra um ou dois lugares na Lotus para 2014.

    Se fosse o Felipe já enviava um CV hoje mesmo.

    Imperador

  25. Otavio disse:

    Achei muito boa sua colocação quanto à capacidade do Webber.
    Cá, em terras tupiniquins, apresentam-nos um pouquinho do automobilismo como fora todo o existente no mundo. E bons, somente os campeões.
    Se não for a “globalizada” F1, resta-nos o que?
    A outras categorias, tão belas quanto, com carros maravilhosos, campeonatos sérios, e acredito, sejam bem remuneradas. Talvez não como o “grande circo”.
    Mas para quem gosta, creio que a “diversão”, termo tão utilizado hoje nas narrações automobilísticas, seja tão boa quanto. Vide Le Mans (salvo o trágico acidente).
    Abçs…
    Otávio.

  26. Alan Ruggero disse:

    Boa escolha da Porsche, que no começo da semana havia confirmado também o Nell Jani, atual piloto da Rebellion na LMP1.

    A marca alemã contará com dois carros no próximo ano. Um deles já tem seu trio de pilotos, que já pertenciam a Porsche, formados. Resta portanto apenas uma vaga no segundo carro.

    Quem será? Veremos…

  27. Danilo Candido disse:

    Não sabia da existência de um Porsche LMP1 para 1999 (projeto cancelado):

    http://www.mulsannescorner.com/porschelmp1.html

  28. Nelson Barreiros Neto disse:

    Que legal, quando vc mostrou o carro havia dito que esperava que se confirmasse o Webber lá, e se confirmou.

    Muito bacana, dois grande reforços para a categoria, a Porsche e Webber…

  29. Tales Nogueira disse:

    Tenho a impressão que a ida de Webber, ainda mais com o efeito da volta da Porsche, vai aumentar e muito a ‘visibilidade” da WEC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>