ESQUINDÔ | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

terça-feira, 23 de julho de 2013 - 16:12Brasil

ESQUINDÔ

SÃO PAULO (no pé) – Acho que já foi noticiado que a Unidos da Tijuca, no Carnaval de 2014, vai homenagear Senna na passagem dos 20 anos de sua morte. Hoje a assessoria de imprensa da escola divulgou esta peça promocional do desfile.

Como não torço para a Tijuca, não tenho muito mais a dizer. A não ser, talvez, sugerir que não usem nada com Nomex na Sapucaí, porque esquenta pacas.

sennatijuca

44 comentários

  1. Anderson disse:

    Ainda bem que na Sapucaí não tem curva.

  2. RAPHAEL LIMA disse:

    Várias personalidades brasileiras já foram homenageadas no carnaval, mas só porque é o Senna vcs já começam a pegar no pé. Fico me perguntando quem são os mais histéricos: as viúvas do Senna os os detratores dele. deus do céu, deixem o cara em paz, ESQUEÇAM O SENNA CARALHO !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • Adriano disse:

      Falou tudo. Eu acho impressionante o fato de não conseguirem esquecer o cara, já que não gostam dele. E isso que faz quase 20 anos que morreu. Não sei pra quê esse ódio todo, só pode ser recalque mesmo. Sem contar que falar mal do Senna já virou modinha faz um tempo, fazer isso é ser “cult”. Coitados, hehe.

    • Maionegg's disse:

      Acho que a maioria aqui apenas condena o excesso de “viagem na maionese” na suposta elaboração do enredo… Só isso. Se a homenagem for de bom gosto, tá valendo, gostemos ou não do Senna e de tudo que o cercou.

    • J Fernando disse:

      Não vi ninguém pegando no pé do piloto.
      As críticas são resultado da leitura da sinopse do enredo publicada na caixa de comentários. Um outro comentarista esclareceu que é assim mesmo, ou seja, a maioria aqui leu uma sinopse de samba enredo pela primeira vez.
      E não gostaram. Nem os próprios fãs do piloto.

      Mas, como já foi dito, é assim mesmo e na hora do desfile fica bonitinho.

      Não sou fã do Senna, mas não tenho nenhum motivo para criticar a homenagem da escola de samba ao piloto.

  3. Paulo Jeronimo disse:

    Só falta o Bobão Bueno ser o puxador deste samba com o Rubinho de alegoria

  4. Seinfeld disse:

    Agora, só falta o funk….

  5. Mauricio Alves disse:

    Bela bosta!!
    Não poderia ter sido pior escolhido, ainda mais pela escola de samba do meu bairro!!
    Será que vão botar um carro alegórico com o Galvão babando o ovo??

  6. Roberto Martinez disse:

    Tentar misturar água com óleo daria mais certo….minha nossa !!!

  7. Prof Alexander Ferreira disse:

    definitivamente , o “çônho” carnavalesco desandou de vez ! Um verdadeiro “çâmba du peloto dôedo “

  8. Eu diria que eles precisam de um designer gráfico melhor…

  9. Heriberto disse:

    O enredo está muito incompleto: estão faltando D. Pedro I, Princesa Isabel, Tiradentes, Ogum, Oxum, Oxossi, Cleópatra, Saci-Pererê, Marechal Deodoro, Carlinhos Brown, Roberto Carlos, Xuxa, etc, para expressar toda a malemolência do brasileiro, esse verdadeiro caldeirão-do-huck cultural que a todos encanta…

    A bateria vai tocar o Tema da Vitória?

  10. Zé Maria disse:

    Mais do que nunca, esse é de fato o “Samba do Crioulo Doido”!!!
    Fail total. . .
    Zé Maria
    PS: prá piorar um pouco, se é que pode, só falta passarem no telão da Sapucaí aquele vídeo do figura se requebrando na avenida, acho que acompanhado da Pináh, coisa mais surreal impossível, mas que aconteceu, aconteceu.

  11. carlos ferreira disse:

    senna de macação azul e branco , cor da tragedia .
    senna é macacão vermelho e branco , cor de ,todas as suas conquistas .
    sambista não entende merda alguma de ídolo . .

  12. marcelo soutello disse:

    O Piquet foi convidado, mas disse que não tinha samba no pé e nem mesmo o pé.

  13. Marcelo disse:

    O nome Senna sempre esteve envolvido em oba-oba e “carnaval”, não tem nada fora do enredo, qualquer dúvida pergunte ao Galvão Mala Bueno…

  14. Ferdinandes disse:

    Mas o rei da sambadinha não era o Rubinho?

  15. Sérgio disse:

    Inteligente, coerente e muito lógico. Só que não…

  16. Hermann disse:

    Isso ai é um samba enredo????? É cantável??

    • Alexandre Reis disse:

      Hermann, essa é um sinopse do Enredo, a partir dai sera desenvolvido todo o enredo e desfile da escola.

      Samba, Carros, Fantasia, Evolução.

      E o que eles fizeram é normal, pois é preciso mesmo viajar na maionese pra fazer um show tamanho como aquele. Não é fazer um documentário.

      E não se espantem pois ainda pode rolar mais viagens ainda.

      Abs

  17. Marcio Marucci disse:

    nunca vi nada mais piegas!
    sei não, acho que os caras que escreveram isso tavam muito viajandão;
    capaz de deixar o Galvão com vergonha!!!!!!

  18. E essa é a sinopse do enredo.

    “Mais veloz que o tempo, mais real que um sonho”

    O Brasil e o mundo estão ligados no Grande Prêmio Tijuca 2014! São oitenta e dois minutos de muita expectativa! É realmente para fazer o coração do torcedor explodir de tanta emoção! O Sambódromo está lotado e o público das arquibancadas está aqui para sentir toda a adrenalina da velocidade. É uma grande torcida!

    A Unidos da Tijuca criou um percurso fantástico, com momentos marcantes de grandes corridas que consagraram os mais rápidos competidores de todos os tempos. Quem é o mais veloz e pode realizar proezas inesquecíveis. Conquistar a vitória é uma tarefa difícil, pois esse é um circuito que exige muito dos pilotos.

    Mais alguns instantes e lá vem a largada do Grande Prêmio da Tijuca. Depois de uma emocionante disputa pela Pole Position, os competidores se preparam nos boxes para enfrentar o grande desafio. Tudo pode acontecer na pista da Marquês de Sapucaí!

    Os mecânicos fazem os últimos ajustes. Vamos conhecer em alguns minutos quem será o vencedor dessa prova. São os últimos momentos antes da corrida.O público observa os competidores. E lá estão alguns dos mais fortes concorrentes! No boxe 1, os animais mais velozes da natureza, que já inspiraram a aerodinâmica de tantos carros. As incríveis inovações tecnológicas que correm o mundo, rompendo barreiras e desafiando limites, se agitam no segundo boxe. Nos outros boxes, não poderiam faltar os personagens inesquecíveis, criados pela ficção para brincar com a eterna paixão do homem pela velocidade, e os esportes que exigem rapidez, superação, agilidade e ousadia. É pura emoção! Quem vencerá o GP da Tijuca. Quem será capaz de escrever o nome na história da velocidade. Os pilotos estão prontos para arrancar para a vitória!

    Os carros já estão enfileirados para o início da corrida. Os pilotos buscam o melhor aquecimento dos pneus, dos freios, procuram se concentrar, se preparar para essa grande prova! Os motores começam a ser acionados. E agora está tudo pronto para a grande largada! Vamos ao ronco dos motores, eles vão roncar alto! Acende a luz vermelha, vem a verde. Largaram!

    Logo no início da prova, os pilotos enfrentam uma emocionante curva. Ela é perigosa e exige muita habilidade. Qualquer erro pode definir o resultado da disputa. Todo cuidado é pouco! O trecho desafia os competidores, como a lendária e apaixonante curva Eau Rouge (Água Vermelha), do circuito da Bélgica, que atravessa uma belíssima floresta e requer uma incrível capacidade de aderência aerodinâmica dos carros.

    E lá vem eles! O cavalo cruza a pista usando toda a potência de seu motor. O beija-flor mantém sua posição por causa do novo bico, mais longo e estreito, e de asa menor, que garantem mais velocidade e equilíbrio. O peixe-agulhão mergulha por dentro da curva, seguido pelo guepardo, que dá o bote e encosta no falcão peregrino. Olha a tartaruga e a lebre se metendo por ali para entrar na disputa e erguer a bandeira da vitória!

    Agora eles entram na grande reta. Esse é o momento que arrepia porque passam rasgando numa velocidade impressionante! Nesse trecho, a Internet é sempre uma adversária muito poderosa. O Homem Elétrico acelera e diminui a diferença. O Avião Supersônico, no final da reta, acha um vácuo e encosta no Satélite. O Trem Bala desliza, mas a Velocidade da Luz não permite uma aproximação maior. Todos pensam em poupar pneus porque essa é uma corrida desgastante, sem dúvida alguma, e que exige, agora mesmo, um Pit Stop.

    Alguns corredores reduzem e se preparam para entrar nos boxes. É incrível ver a rapidez, a sincronia e o trabalho perfeito dos mecânicos. Em segundos, a equipe troca os pneus e manda o carro de volta para a pista.

    Eles disparam, aceleram tudo para tirar a diferença e quase tocam na mureta de proteção da pista. Lá vem o mexicano Ligeirinho botando pressão para cima do Papa-Léguas, que precisa frear para evitar o choque. Todo mundo colado ali e quem entra na disputa é o Speed Racer. O garoto vem com tudo! The Flash vai tentando evitar que Speed abra muito. Vem colado nele, olha a diferença! Mas o Sonic segue bem de perto tentando botar frente, acelera de novo e vem voando baixo!

    Logo atrás estão os volantes mais birutas do mundo para realizar mais uma corrida maluca. Todo mundo embolado ali! A máquina do mal e seu volante ardiloso, Dick Vigarista e Mutley, sempre prontos para aplicar um golpe sujo, vão atormentar Penélope Charmosa, a boneca do volante! O Professor Aéreo parte para cima dos Irmãos Rocha. A Quadrilha da Morte é um pouquinho mais rápida e evita aproximação do Cupê Mal-Assombrado. O Barão Vermelho dá combate ao Tanque de Guerra, que acelera e cola no Caipira Luke. Peter Perfeito encosta e quase tira o Rufus Lenhador da pista! Sensacional! Eles forçam o ritmo do início ao fim, Todo mundo junto tentando ultrapassagens alucinantes!

    Agora falta pouco para a final, a competição fica mais acirrada! Você vai vendo aí o Velocista se impor e assumir a dianteira. O Ciclista consegue ainda mais velocidade, pedala sem parar e dispara! Mas o Motociclista se aproxima só na força do motor! Que Grande Prêmio, que corrida fantástica! E, para a nossa surpresa, o Remador disputa no braço para alcançar a chegada! É inacreditável o que a gente vê nesse circuito do samba! O Velejador não quer ficar para trás e aderna, quase vira, tentando ficar na frente! Quem vai chegando devagar e sempre é o Calhambeque que entra na pista para matar as saudades!

    Quem aparece na primeira posição. Aí vem Ayrton Senna, lá na frente de todos! Aí vem Senna, o Brasil na frente! Ele já faz o V de vitória. Bandeiras agitadas em verde e amarelo em todo o circuito! Senna, que ainda menino já dominava o volante, vem, desde pequeno, abrindo dianteira, emocionando o público com suas conquistas! Aí vem Senna no final da reta, é o final da prova, na Linha de Chegada, Ayrton Senna! Sobe a bandeira quadriculada! Ayrton, Ayrton, Ayrton Senna do Brasil! Ninguém mais segura a torcida! Os torcedores oferecem bandeiras do Brasil para ele! A festa é dele aqui no Sambódromo. Faz a festa o Brasil com a vitória de Ayrton Senna no Grande Prêmio!

    É a volta da vitória! A última volta no Sambódromo para mostrar que Senna veio para ficar. Acelera, Brasil, junto com Ayrton Senna! Meninos e meninas entram na pista para lembrar que Senna é capaz de inspirar seus sonhos! Que o desejo de vencer requer trabalho, dedicação e competência! Ayrton Senna carrega na ponta dos dedos a esperança de cada brasileiro! Ele pega a bandeira e leva à loucura a arquibancada da Sapucaí. Sobe mais uma vez no pódio, o Campeão. No GP da Tijuca, o Brasil revive com ele a emoção da vitória. Não há tempo que ele não ultrapasse, não há sonho que ele não inspira se tornar realidade! Brilha a estrela de Ayrton Senna na Sapucaí!

    Ana Paula Trindade
    Fátima Brito
    Isabel Azevedo
    Paulo Barros
    Simone Martins

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>