MENU

sexta-feira, 27 de setembro de 2013 - 18:34Dica do dia

DICA DO DIA

SÃO PAULO (de dar dó) - Javier Lorenzo mandou a dica deste fórum espanhol com fotos de carros de corrida abandonados. É meio caótico, como todo fórum, mas são centenas de imagens legais, algumas melancólicas, outras inacreditáveis. Selecionei três. Dá para perder um tempinho vendo a quantidade de heróis sobre rodas largados por aí.

18 comentários

  1. Flavio, isso lembra a história do Copersucar q vc achou jogado numa oficina em Interlagos.

  2. Vale lembrar que a maclaren não comercializa seus carros!! achei estranho isso, mais pensei que poderia ser de algum patrocinador !!!!

  3. Czar disse:

    Um carro qualquer abandonado já é triste.

    Mas um carro de corrida é demais. Mesmo que nunca tenha recebido uma bandeira quadriculada em primeiro, nenhum deles merece isso.

    É de tirar a dignidade. Triste demais.

    Desnecessário dizer que só é capaz de entender isso quem sabe que carro tem alma. Todos eles.

  4. Flavio disse:

    Conheço uma oficina japonesa em que um japa deixou um Stratos para mexer. O mecânico colocou motor Ferrari 355 e na hora de pagar pelo serviço o dono do carro não tinha mais grana. Com isso o carro já está lá largado em um canto há anos

  5. Mario disse:

    O melhor é a reportagem (página 07) da Jordan do Barrichello – http://www.youtube.com/watch?v=yHsepd5odGw.

    Flávio Gomes, a reportagem não está completa, mas fiquei curioso. Como a Jordan do Barrichello foi parar lá na baixada fluminense (Paracambi)?

  6. Venax disse:

    Fotos de doer o coração par quem ama o automobilismo. Carros de corrida são feitos para uso restrito em competições, depois vem a decadência e o canibalismo das peças que ainda podem ser reaproveitadas. A carcaça sobrevive apenas porque o custo de mandar ao ferro velho é maior do que o valor da sucata do metal. A única saída seria a exposição em museus já que o uso deste carros na rua não tem como.

  7. Nelson Barreiros Neto disse:

    Puxa vida. Quanta coisa legal. Serei repetitivo e citarei as Stratos…

    Aquela no Paraguay. Pertinho da gente. Pra quem tem grana, que projeto de restauração seria!!!

    O carro do Barrichello na favela??????? Rubinho, vai buscar essa porra e por na sua casa em Itu cara!!!

    E a Barchetta… Quanto vale isso em um leilão. Não consigo entender. É a mesma coisa que pegar uma barra de ouro e jogar pela janela…Pelo menos pelo que entendi alguém a comprou por mais de 1 milhão de dólares… Mas o proprietário, 50 anos pra perceber o que tinha??? Tinha que ser nos EUA.

    Mais um post fantástico Flavinho.

  8. Sidinei Sevage Jr disse:

    Tem até um vídeo teu Flávio, mostrando um Jordan do Rubinho no Rio…

  9. Alan disse:

    Nossa, um Peugeot 905 jogado de canto. Esse carro simplesmente venceu em Le Mans e foi campeão do WSC em 1992.

  10. PBLonsing disse:

    A McLaren MP4/6 de Senna na página 2 é real? Como pode um descaso desses?

  11. Lucas S.A. disse:

    Porra, vão tomar no cu, viu? Dá pra mim, então, se não queriam…

  12. Sandro Auzai disse:

    É de chorar ver um Lancia Stratos da famosa Scuderia Alitalia desmanchado e abandonado, servindo de casa de cachorros. Na minha infância era o carro dos meus sonhos, inclusive tinha um controle remoto da Estrela, lá pelo final da década de setenta.

    • Nelson Barreiros Neto disse:

      Tenho uma miniatura dessa Lancia Sandro. Estou usando seu post porque ia escrever a mesma coisa.

      Tem muitos carros aí que não diria que estão abandonados, estão meio esquecidos, mas realmente pra quem gosta de carro, a Lancia Stratos do time Alitalia daquele jeito é de doer o coração.

      Um dos ícones do rally em todos os tempos.

  13. Maurício disse:

    Aquele Lancia Stratos (pg 2) que virou casinha de cachorro é de doer o coração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>