MENU

sexta-feira, 27 de setembro de 2013 - 22:05Automobilismo brasileiro, Foto do dia, Fusca & cia.

FOTO DO DIA

Para fechar a lojinha hoje, um grid de verdade. A foto foi publicada na página do Marquinho Teodório no Facebook, meu adversário do Fusca #3 na Classic Cup. Quando foi isso? Bom fim de semana a todos.

losfuscas

40 comentários

  1. Horacio disse:

    Nessa eu estava. É verdade que não estava bem classificado mas sou um dos remanescentes que rodaram no circuito antigo. Speed numero 5 – Horacio Campos A+.
    Quem lembra do locutor anunciando a entrada nos boxes ?? “Atenção Box”
    Bons tempos.

  2. Caio Eduardo disse:

    Essas corridas eram lindas! mais de 60 carros largando e jogando de lado no S do Senna!
    Saudades

  3. Carlos Apezzatto disse:

    Flavio, essa corrida foi em 1988, categoria Speed 1600, traçado antigo de Interlagos.
    O piloto na pole-position era o Carlos Pinheiro.
    O preparador era o paraguaio Atilio Salinas (Powered by Paraguaio)
    Essa categoria, no ano anterior, alinhou 63 Speeds.
    Tive a honra de ganhar algumas provas nessa categoria nos anos de 1986 e 1987.
    Meu carro era preparado pelo “Paraguaio”.
    Foi uma experiência muito boa, pois eu e o Atílio começamos juntos e fomos vice-campeões em 1987.
    Correram nessa categoria: Renato Marlia, José Geraldo Kawabe, Arturo Fernandes (Divisão 3), Janton Bruno (Divisão 3), Batistinha e etc….
    O grid era cheio porque o regulamento era bem sério e com poucas alterações.
    Pilotos e preparadores sempre brigaram por esse tipo de categoria, pois com custo baixo tínhamos um grid muito cheio.
    Essa receita acabou se perdendo no tempo e infelizmente temos os grids cada vez mais vazios.
    O Campeonato Paulista de Marcas está seguindo um regulamento parecido com o da Speed 1600, por isso seu grid é cheio.

  4. Fernando do Amaral disse:

    pelo ‘shape’ do muro q separa pista do pitlane deve ser mesmo no fim dos anos 80, e nao inicio dos 90.
    portanto corriam ainda pelo antigo e completo traçado de 8 kilometros.

  5. Antonio Eduardo Gomes disse:

    Felissíssimo Flavio!

    Esse Marquinhos, além de apaixonado por Fuscas, é um rapaz muito gente boa. Na penúltima corrida em Interlagos, estive lá com meu filho e ele deixou tirar algumas fotos do meu garoto dentro do fucão dele. Legal esse tipo de atitude. Agora, meu filho quer tirar de dentro de um lada mas já disse a ele que não dá…

    Abraços!

    Eduardo/SP

  6. Alfredo Junior disse:

    O mecânico que eu levo meu carro correu de speed nos anos 90. Alguém sabe exatamente porque o fim da categoria? (fora o fato de hoje um fusca ser raridade)
    Desculpe gomes, errei e o comentário saiu com e-mail.

  7. alfredo.jr.1994@hotmail.com disse:

    O mecânico que eu levo meu carro correu de speed nos anos 90. Alguém sabe exatamente porque o fim da categoria? (fora o fato de hoje um fusca ser raridade)

  8. Marcelo disse:

    Se eu pudesse ver o fim do grid, diria o ano exato da foto.
    Andei na Speed 1600 em 1987, com o Fusca #22, amarelo e com “patrocínio” da pizzaria de um amigo!
    Na época eu morava em Bauru, no interior de SP. Me lembro que trouxe o carro rodando (ele era emplacado). A Polícia Rodoviária me deu umas 3 ou 4 multas no caminho…
    Putz, Interlagos com o traçado antigo, a gente virava em quase 4 minutos (não me lembro exatamente).
    Primeiro treino e meu motor, 0km, trava. Meu mecânico não sabia que tinha de colocar muito óleo a mais no motor, pois as longas curvas deixavam um lado “seco”.
    Foi bom, porque conheci um pessoal que preparava carros (Hot Speed) e aí o acertaram legal.
    Larguei tão atrás (creio que 41º, 42º) que nem me esperaram alinhar no grid.
    Saí em movimento, em 2ª marcha (rsrsrs).
    Portanto, creio que a foto é de 1987, 1988.
    Eita tempo bom que não volta mais…
    Abraços ao Flavio e admiradores do blog.
    Marcelo

  9. Fernando do Amaral disse:

    pode ser também já nos anos 90, creio.
    o fusca #12 lembro a partir de 92, quando voltei a freqüentar o autodromo; logo atras deste, o do Batistinha, como alguém apontou num comment anterior, a pintura característica dos carros q ele correu.
    Em seguida ao Batistinha ,talvez o Carlos Godas.

    acho q até 1996 houve grids de 40 carros ou mais na Speed 1600.

  10. Ulisses disse:

    Speed 1600!!!
    Eu não perdia uma!
    Era sensacional!!! Ganhava quem tinha mais “braço”!!!

  11. Bruno Siqueira disse:

    Sensacional esse grid!
    Uma pena que hoje em dia no Brasil só interessa o futebol, coisa linda seria ver algo assim em Interlagos.

  12. mauricio disse:

    Só tem fusca,mas o painel publicitário ao fundo é da Chevrolet. Ou estou vendo errado?

    • Fernando do Amaral disse:

      era a época em q havia a F-Chevrolet, e algumas etapas do Paulista de Automobilismo eram encampadas em racing days q tinham corridas dos campeonatos brasileiros dessa formula e também da estoque, com os Omega, provavelmente.
      tinha corrida sem parar no sábado e domingo, dia este em q o publico ainda aparecia em bom número para assistir as competições; era ótimo.

  13. augusto sanchez disse:

    Automobilismo de verdade era assim… não era caro, o regulamento era flexível, e olhem só o tamanho do grid…. acho que nem o campeonato paulista de marcas enche o grid assim hoje em dia. E a speed ainda por cima era carismática, os “pinicos atômicos” atraiam público!
    Esta é uma categoria que deveria voltar, pois, se a fórmula Vee emplacou, porque não termos os piniquinhos de volta?

  14. Clezio Soares da Fonseca disse:

    Em 1988, eu acompanhei in loco esse campeonato. Até tentei comprar um fusca para participar, mas me faltou os benditos cascalhos! Não que era caro, era porque eu era e continuo sendo um pobre assalariado. A experiência de ter vivido, visto e ouvido tudo aquilo não tem preço, principalmente na pista original com o retão, ferradura, sol, reta dos boxes (como era gostoso ouvir os roncos fuscáticos naquela caixa acústica que era a arquibancada coberta), curvas 1 e 2 que alguns insistiam em querer tentar fazer de pé em baixo…bem, foi um bom tempo que parecia que todos os fuscas do mundo estavam ali reunidos, um verdadeiro ninho de Besouros. Bzbzbzbzzzzzzzzzzzorõeeeesssssss!

  15. Trilha disse:

    No mínimo , 50 fuscas no grid. Sensacional!

  16. Alex R. disse:

    Por falar em grid cheio…
    http://www.youtube.com/watch?v=1RCkDIycOiY
    Dizem que teve quase 60 carros. Não duvido, pois a tela fica cheia de carrinhos por vários e vários segundos. :)
    Esse ano vai ter de novo. Estão dizendo que vai ser Guaporé. Espera-se um grid tão cheio quanto esse de 2010. Vamos ver…

  17. Marcos Ferreira disse:

    Numa época um pouco mais recente que esta foto, metade da década de 90 trabalhei em muitos regionais e alinhar o grid da speed 1600 com seus 60/70 fuscas era complicado. Até a posição 30 era tudo em ordem, depois disso era meio que na ordem de chegada no grid, nem marcação na pista tinha.

  18. Luiz AG disse:

    Speed 1600. Início dos anos 90.Assisti muita corrida dessa categoria. Eram pegas sensacionais. Fórmula econômica e competitiva. Deveriam fazer isso com os unos hoje.

  19. Ron disse:

    Fórmula Fusca? Uau!

  20. cardosofilho disse:

    Maravilha, contei pelo menos 40 fuscas.

  21. Felippe Britto disse:

    Não entendi, isso é uma corrida só de fuscas ?

  22. Luciano disse:

    Speed 1600 em interlagos. Anos 80??

  23. Anatole Cirello disse:

    Onde estão esses carros hoje? Alguém sabe? Se não existem mais, por que raios os donos não vão nem mesmo assistir as provas da Classic Cup?

  24. Robertom disse:

    A Speed 1600 era um sucesso total, automobilismo acessível até para a classe média, grids enormes e disputas emocionantes.
    Isso despertou a inveja e a ira dos que acham que “corrida é coisa para rico” e ” eu não estou ganhando nada em cima”.
    A categoria passou a ser sabotada por todos os lados, inclusive por alguns dos próprios participantes, resistiu por algum tempo mas definhou e hoje tem meia dúzia de carros que correm junto com a Classic Cup.
    Mais uma estória triste do automobilismo local…

    • Alfredo Junior disse:

      Porque ela foi sabotada Robertom, realmente ouve sabotagem em meio a regulamentos que encareciam a categoria para fazer ela não existir mais?

      • Robertom disse:

        Na minha interpretação a sabotagem teve :
        Programação, horários, os piores possíveis, tais como 17:00 de domingo.
        Regulamento “tabajara”, com a conivência de vários participantes.
        Desorganização total com os assuntos administrativos da categoria.
        Aumento abusivo de taxas.
        E o tiro de misericórdia foi a briga, onde um grupo decidiu que disputaria o campeonato paranaense, dividindo o que já estava enfraquecido.

  25. francis gutenberg disse:

    se der bobeira a cronometragem vai pro saco, aí só decide no soco.

  26. Jose Carlos disse:

    Estas provas eram do carvalho!!!

  27. Consegui contar até o 276º Fusca, depois a qualidade da foto não ajuda muito… hahahaha
    Coisa mais linda!!!

  28. rcastro disse:

    muito mais interessante,empolgante,emocionante,etc,etc do que a estoque atual.

  29. Fernando Carvalho disse:

    Em bando andam os “pinicos atômicos “….

  30. Carlos Pereira disse:

    Quando ? Quando tínhamos um belo autódromo e um belo automobilismo tupiniquim.

  31. igor disse:

    Deve ser na Alemanha, com tanto Porche assim!

  32. Sam disse:

    Gomes e demais frequentadores deste blog;
    Falando em preciosidades, segue a história de uma:
    http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/bbc/2013/09/27/carro-que-rodou-32-km-em-52-anos-vai-a-leilao-na-inglaterra.htm
    Abraço

  33. Zé Rodrigo disse:

    Caraca!!! Engarrafamento digno de aparecer no jornal do dia seguinte :-) :-)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>