MAVECOS E GALOXAS | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

segunda-feira, 18 de novembro de 2013 - 14:45Automobilismo brasileiro

MAVECOS E GALOXAS

SÃO PAULO (não é de hoje) – Legal o vídeo enviado pelo Rodrigo Lombardi, das corridas de Turismo 5000 em 1985 e 1986. Mas já naquela época notava-se que crise, em automobilismo, não é propriamente novidade. Grids pequenos e público minúsculo na velha pista de Interlagos, que dá muita saudade. De qualquer forma, é lindo de ver Mavericks e um Galaxie rasgando o antigo Retão. Vocês conseguem identificar os pilotos?

33 comentários

  1. MARCOS disse:

    PUTZ, ESSES CARAS DA AGROMOTOR ACHO QUE ERAM ALEMÃES. O SR. BATISTA ACREDITAVA NO 4 PORTAS E NÃO QUERIA NEM SABER. QUE SAUDE !!!

  2. edison de almeida disse:

    tambem fiz parte do grid destas corridas em 81 e 82…muita saudade. meu amigo luiz cesar rossi (chumbinho) ja falecido tambem corria….. moravamos no bom retiro…. meu maverick 74 cereja metalico numero 28 era lindo…quem me ajudava a consertar o possante era meu querido amigo joão videira da mecanica Luzecar (ja falecido tambem) que era o piloto do dodge mais rapido do grid.. obrigado por me lembrar desta época..tenho muias fotos das corridas se interessar ,posso mandar…abç.

  3. Marinho disse:

    Não acredito que encontrei esse video, meu eu fiquei feliz porque eu participei dessa prova com o maverick numero 51, foi minha última participação na Turismo 5000. junto com os companheiros Herman, Sergio de Genova, Joao Videira, Galo, Ze da Colonial , Cazarini e outros que não me lembro de momento.

    O curso de pilotagem foi o com o Marazzi que fiz…………..muita saudade e grande abraço com um muito obrigado pelo compartilhamento do vídeo..Valeu………………

    Marinho

  4. Paulo Fonseca disse:

    Boa época, o que valia era pisar fundo no acelerador dos brinquedos, muita gente boa correu com os mavecos e dogdes e galaxie Hélvio Rangel correu também com maveco.
    Era um rachão bem comportado.

  5. Bruno Kussler disse:

    Falando em corridas antigas, vale a pena ver isso aqui

    http://www.youtube.com/watch?v=_8jNvYb-hrU

    Apesar do nome meio infeliz em português, é um video fantástico.

  6. vitão disse:

    Armagedon automotivo . O fim dos tempos podia ser assim , e seria bbeemmmm divertido. Frear estas encrencas , SEM SERVOFREIO , no final do retão, era coisa pra macho, ou pra doido. Se não me engano, quem correu de Galaxie foi o Veloz HP, que vinha raspando a maçaneta externa no asfalto nas curvas 1 e 2 . Ouvi falar que os carros chegaram a ter quase 500 HP . E os pilotos, zero de juízo. E os patrocínios? mercadinho, açougue, uma festa.

  7. Bruno disse:

    O narrador é o Ademir Capello o mesmo até hoje, imagina o que esse cara deve ter de história boa para contar!

  8. Luiz disse:

    E o Thunderdird puxando a turma no início do filme? Será que o César (+- 4:30) não foi desclassificado por tomar uma aguinha mineral dentro do carro?

  9. Robertom disse:

    Eu estava lá e posso provar, pois apareço olhando a traseira do Galaxie do Denísio Casarini entre 7:28 e 7: 36.
    Tava novinho e cabeludo…

  10. Pedro disse:

    Essas corridas eram o fim de feira,ou seja,aconteciam quando a parte interessante das
    corridas já haviam terminado. Só sobravam alguns fanáticos para assistir pq já era bem
    final de tarde.O melhor local para se assistir era na curva 3, esses carros eram muito
    ruins de freio,então era até engraçado fazer comparações com os Passat e outros do campeonato de marcas.Tenho certeza q o Mach1 pace car era do Denísio, mas sei lá posso
    estar enganado.

    • Vicente Miranda disse:

      Aquele Pace Car Thunderbird 1960 branco conversível no início do vídeo era do Denisio Casarini e hoje pertence a um colecionador carioca.
      A placa do carro curiosamente é DEN-1510 , o que foi um jeito de aproximar ao máximo do nome do proprietário DEN-ISIO, ou melhor, DENISIO.

  11. Eduardo Estevam disse:

    Que diabos e’ aquele paredão ao fundo onde fica o setor A aos 10:10? no mesmo frame observa-se um relógio termômetro “Dimep” marcando 21 graus… kk na entrada dos boxes… excelente video, obrigado!

  12. Roger99 disse:

    Meu pai José Geraldo Kawabe conversando com o João Videira aos 06:45.

  13. Vicente Miranda disse:

    Assisti àprimeira prova da Turismo 5000 em Interlagos, se não me engano em 1981. Meia dúzia de carros, quase originais. O vencedor foi Ney Faustini com um Maverick. A categoria era legal, mas os carros, em sua maioria, foram aos poucos ficando desfigurados, com visual e acabamento péssimos.

    O Maverick 4 portas era o melhor carro da categoria porque, além de contar com excelente preparo da Agro Motor, por ser 4 portas, sua distância entre eixos é maior que a do 2 portas, o que permitia um comportamento nas curvas de alta do antigo anel externo.

  14. Cláudio Orestes do Nascimento disse:

    No RIO foi criada a STOCK 5000 no início dos anos 80 só com DODJÕES, a categoria concorria de igual p’ra igual com a praia ensolarada nas tardes de domingo. Amadorismo puro, preparação miníma com o custo relativamente baixo de regulagens e acertos tornavam o grid cada vez cheio. Um sucesso que “invuluiu” até acabar como sempre acontece no nosso Automobilismo…

    • Vicente Miranda disse:

      Muitos carros da categoria carioca 5000 (monomarca Dodge) corriam com a caixa de satélites travada, com engrenagens soldadas, o que fazia um efeito de diferencial autoblocante. Se o carro levantasse uma das rodas traseiras numa curva não “destracionava”. Devia ser complicado manobrar….
      A categoria involuiu, com carros mal acabados, desamassados mal e porcamente, pedaços de chapa com rebites pop adoidado, alguns pedaços de arame aqui e acolá. Alguns carros “dormiam” nas calçadas. Havia um Dart Coupe que ficava numa calçada no Humaitá, e às vezes dava umas voltas na Lagoa. Este carro foi depois substituído por um Sedan (4 portas) preto, que também ficava estacionado na calçada, próximo à Casa de Saúde São José.
      Curiosidades do finado automobilismo carioca

  15. clovis16 disse:

    E esses carros onde foram parar, sobrou algum, alguém guardou para fazer história ?

    • Ricardo Sarmento disse:

      Clóvis, alguns ainda existem guardados nas oficinas de seus donos. O Maverick verde/vermelho/branco foi do Sérgio Di Gênova, que faleceu há quase 4 anos. Esse carro voltou a aparecer em Interlagos por volta de 2006, deve estar guardado. Tinha um amarelo que era preparado pelo Camilão, este apareceu há alguns anos atrás meio detonado, e o cara queria vendê-lo por uma fortuna.

      O Galaxie da Automotor não existe mais, ouvir falar q o teto da oficina desabou sobre ele.

  16. Clovis16 disse:

    Onde foram parar esses carros, ninguem guardou um exemplar ?

  17. Luc Monteiro disse:

    Onze carros. É o que tem hoje a Super Cars paulista. Longe do ideal, mas dá, dava, pra fazer um bom estrago, sim.

  18. Renato RRE disse:

    e esses carros corriam no anel externo….

  19. Jayme disse:

    Esse vídeo só serviu para sentir mais raiva de terem estragado o traçado original de Interlagos, para fazerem essa bosta atual. Tirarem a 1, 2 e 3, retão, ferradura e etc foi um crime.

  20. Mauro Batera disse:

    Rapaz, como a pista antiga de Interlagos era larga!

    E o que falar dos três rapazes com dois fuscas brancos na beirinha da pista no final da reta dos boxes?

    E a panca na curva 1 no finzinho do vídeo?

    Outros tempos…

  21. Paco disse:

    Putz, tenho saudade dessa época que eu nem vivi!

  22. Clovis disse:

    Assisti a uma corrida de Turismo 5000 e ela era feita no anel externo do antigo traçado de interlagos.

  23. Claudio Aun disse:

    O grande campeão desta categoria era o Maverick 11 4 portas patrocinado pela AGROMOTOR , e se não me engano ela disputava a categoria 5.000 com um galaxie tambem
    E o mecanico é o Camilo Cristofaro, Denisio Casarini na parada ,

  24. Zé Maria disse:

    Tô achando (eu e a torcida do Flamengo. . .) que é o Camilão logo no comecinho do vídeo dando um tapa na carburação daquele maveco amarelo. . .

  25. Fernando Carvalho disse:

    Me lembram da categoria Turismo Carretera dos hermanos….

  26. Zé Maria disse:

    enquanto acontecia a corrida uma pessoa anda de costa na saida da curva na maior tranquilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>