MENU

quarta-feira, 6 de agosto de 2014 - 12:04F-1

CACILDA

SÃO PAULO (caso esquisito) – Um homem que havia sido preso pela polícia suíça, acusado de ter roubado (e tentado vender) o prontuário médico de Schumacher, foi encontrado morto em sua cela numa cadeia de Zurique.

Que história mais doida.

22 comentários

  1. Rafael BH disse:

    Já não bastasse todo o drama da família ainda acontece um negocio chato desses.

  2. Sil C San disse:

    Sei lá, a história está toda estranha desde o começo…

  3. Mello disse:

    Eu falava de Wladimir Herzog, mas o Marcelo passou uma lista ainda maior e mais recente. Alguém pagou uma bela grana pelo prontuário e quando viu a reação negativa do público, desistiu de publicá-lo. O pagante então teve que queimar o arquivo.

  4. ronaldin disse:

    A pergunta que fica é… se “suicidaram” o cara, o que será que tem no prontuário para ter que matar uma pessoa?

    Será que o Schumacher morreu e a família não quer que isso venha a público? e por que motivo eles fariam isso?

    sei não, estou especulando, mas que tá esquisito tá…

  5. Marcelo disse:

    Ninguém tira a própria vida a toa, ainda mais se estiver sendo acusado de um crime que não cometeu. A pessoa vai lutar pela sua inocência, por outro lado…Europa não é América do Sul onde a impunidade impera(polícia prende e “justiça” solta). Comprovada a culpa, geralmente o acusado paga pelo crime. Ainda existe a vergonha pelo ato cometido, de perder o emprego, e ter que encarar familiares e os amigos. A pessoa fica marcada pela sociedade, para muitos, a solução é o suicídio.

    Rafael Ilha é um cara de sorte de nascer no Brasil, foi preso sete vezes, não esta preso, e continua firme no emprego. Quando você cruzar com Rafael na calçada, mude de direção, o cara não presta…

    #Keep Fighting Schumacher!!!

    • J Fernando disse:

      Como é que é?
      Eu pensava que prisão fosse para recuperar os presos, não para suicidá-los…
      Você deveria dizer “a justiça brasileira solta os que têm dinheiro”. Ou nossas prisões estão abarrotadas de que? Rafael Ilha foi solto após pagamento de fiança de 55 mil. A sorte dele não é nascer no Brasil, porque fiança existe em todos países democráticos. A sorte dele é ser empregado de um programa de tv e dar audiência com suas maluquices.

  6. askjao disse:

    O sistema é phoda!

  7. Luiz G disse:

    Realmente doido….e triste!

  8. Thiago Giordano disse:

    Mais um caso que alguém teve que “suicidar” o rapaz…

  9. ALEX B. disse:

    Crazy, crazy world! CREDO!

  10. Jorge Diehl disse:

    Lá as pessoas se matam de vergonha. Lembrei-me de um político alemão que se matou na frente das câmeras…

  11. Ricardo disse:

    A zica é contagiante!!!

  12. Jefferson disse:

    ???
    Se fosse aqui era normal… já vi tanta merda por qui não me espantaria nem um pouco.

  13. Ulisses disse:

    Muito doida mesmo essa história! Se essa morte tiver algum tipo de relação com o prontuário, na dúvida, melhor todos que se relacionam com o fato tomarem cuidado com o que veiculam lá de “dentro”!.
    “Eu heim”!!!!!

  14. Mello disse:

    Como alguém consegue se enforcar numa cela de prisão? A janela tem que ser alta o bastante para ele pular, e mesmo assim ele tem que se apoiar em alguma coisa para pular. Acho que já vimos esse filme aqui no Brasil, não?

  15. João Ferreira disse:

    Será que tinha vendido antes de ser preso e resolveram “suicidar” ele???

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>