NAS ASAS | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

sexta-feira, 19 de setembro de 2014 - 19:12Nas asas

NAS ASAS

gagarintupolev

SÃO PAULO (vocês sabiam dessa visita?) – Simpaticíssimo o e-mail que o Carlos Sperancin, de Valinhos (SP), me mandou. Reproduzo:

Tenho acompanhado seu blog há alguns anos e também seus programas na ESPN e agora na Fox Sports, e toda vez que a seção “Nas Asas” aparece em seu blog me lembro de algumas fotos que tem em um livro patrocinado pela prefeitura de Valinhos e algumas empresas da cidade sobre o fotógrafo Haroldo Pazinatto e os 60 anos da cidade. Meu pai e avô conseguiram os exemplares e realmente pensei em lhe enviar um, até mesmo por talvez você ter algumas boas lembranças da cidade e região, mas havia se esgotado. Fica para uma próxima… Mas no livro tem essas fotos que lhe envio, sobre o Concorde em Viracopos em 1971 e sobre a visita de Yuri Gagarin em 1961 a Campinas. Consegui as fotos pela internet pois a qualidade quando digitalizasse o livro não ficaria boa. Caso não a conheça, espero que goste.

Adoramos. Estou publicando uma delas, a do Tupolev que levou Gagarin a Campinas. Guardei a do Concorde para outro dia, já que falamos nele esta semana e não quero matar ninguém com overdose e avião. Quanto ao avião soviético, é simplesmente lindo.

16 comentários

  1. ednaldo disse:

    o tu 95 bear 9o gigante da guerra fria)tambem usava helices contrarotativas

  2. Ricardo Pignatelli disse:

    Meu avô paterno e minha tia tiveram o prazer de ir até Viracopos ver esse Tupolev.

  3. João Paulo Toledo Piza disse:

    Isso ai no Tupolev ,não é um trem de pouso , é uma Locomotiva de pouso , demais esse Transportador de Balalaika !!

  4. alan disse:

    Outra extraordinario Aeronave!!!! great FG!!!!!
    Esse aviao foi o suprassumo da aviacao a helice, suas 8 helices em 4 motores eram o que de melhor havia, porem a aviacao a helice foi êngolida pela era do jato principalmente em avioes de grande porte……. O problema sovietico nao foi tecnologico e sim economico, a ruina economica ferrou tudo, as leis economicas sao implacaveis e universais e nao podem ser revogAdas mas sao em muitos casos negligenciadas e ai acontecem as quedas…. a queda do sovietico foi uma tragedia aos russos mas era certo que aconteceria, ninguem consegue ingessaR UMA SOCIEDADE POR MUITO TEMPO…..

  5. Thiago Sabino disse:

    Sensacional esse Tu144!!

    Essas hélices contrarotativas são absurdamente eficientes, e de efeito torque nulo.

    Deve minimizar bem o efeito giroscópico…

    Asa enflechada, alto desempenho….

    Não tem a elegância de um Constellation – melhor nome de avião disparado até hoje – mas tem lá o seu charme.

  6. Sergio Silva disse:

    Interior da cabine:
    http://cdn-www.airliners.net/aviation-photos/photos/8/4/3/1071348.jpg

    Teria George Lucas se inspirado nesta belezura para criar os cenários das naves de Star Wars em 1977? Em especial a Millennium Falcon?

  7. Fernando Monteiro disse:

    Não entendo nada de avião, mas essas duplas hélices em cada motor ou turbina ( não sei bem ) são lindas. Ah como o mundo de outrora era bom…

  8. Joe disse:

    TU-114. Parece desengonçado mas era a versão civil de um bombardeiro, na época o mais rápido turbo hélice de passageiros que existia, com velocidade de cruzeiro pouco abaixo dos jatos. O bicho é tão alto (para permitir as hélices grandes) que em alguns aeroportos tinham que colocar uma escada pequena em cima da escada do solo para que os passageiros alcançassem a porta. Dá para ver isto na foto. Além de diferente por fora, por dentro tinha duas cabinas, separadas por uma sala de almoço com mesas e cadeiras. Parece que o mundo era menos padronizado e bem mais divertido.

    • Zé Maria disse:

      Complementando o Joe, foi esse mesmo modelo que levou o Primeiro-Ministro Soviético Nikita Khrushchev à Nova Iorque para o famoso “Discurso das Sapatadas” na ONU, acho que em 1961, causando imenso estardalhaço junto aos americanos, que jamais haviam visto essa máquina alada de dimensões descomunais para os padrões vigentes à época, dotada de 4 turbo-hélices com 15.000 SHP cada um e capaz de voar à velocidades parelhas às dos jatos de então.

  9. Eduardo disse:

    Meu pai trabalhava como repórter no aeroporto de Viracopos, e eu me lembro quando ele me levou para ver o Concorde! Fico no aguardo da foto Flavio!!

  10. Eugenio Chiti disse:

    Tupolev “Bear”, creio que é tu-144.

    • Ricardo Bigliazzi disse:

      Deve ser uma versão civil do “Bear”, de notório podemos citar duas coisas sobre o avião, a velocidade e o barulho dos motores. O TU114 voa rápido, mas as hélices contra-rotativas bem grandes fazem um barulho colossal mesmo em voo de cruzeiro. Pode entrar no google earth, colocar na área de busca “Engels AFB” que o programinha te leva para a principal base de bombardeiros da Russia. O bom é que os russos não guardam os aviões em hangares, dessa forma dá para ver todos os aviões que estão na base.

      • Zé Maria disse:

        É isso aí, Comendador!
        É tão barulhento que as tripulações, com o passar dos anos, acabam ficando incapacitadas para o vôo devido à perda de audição. . .
        Zé Maria

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>