MENU

segunda-feira, 27 de abril de 2015 - 11:37F-1

SUTILEZAS

SÃO PAULO (da próxima vez, faz direito) – Mais um piloto pode processar a Sauber, a exemplo do que fez Giedo van der Garde. Adrian Sutil também tinha contrato com a equipe para 2015. O holandês causou em Melbourne. Chegou até a vestir macacão. No fim, saiu do imbroglio com 15 milhões de euros no bolso.

O alemão, hoje reserva da Williams, pode conseguir a mesma coisa.

A Sauber corre risco sério de quebrar se todo mundo colocar o time no pau.

9 comentários

  1. Ron disse:

    Há um ditado mais ou menos assim: “Nada é tão bom que não possa ser melhorado e nada está tão ruim que não possa piorar”.

  2. Cristiano disse:

    Com tanto piloto podia a Sauber voltar ao Endurance…
    O Vanderley alega que tinha pago adiantado 2015, por isso ganhou o processo. Já sobre o Sutil a informação era outra: http://grandepremio.uol.com.br/f1/noticias/sauber-fez-uso-de-brecha-no-contrato-de-sutil-para-viabilizar-acordo-com-nasr-diz-revista-holandesa

    • Felipe Fugazi disse:

      Podia mesmo voltar a Le Mans. Passado vitorioso eles tem.
      Basta convencer alguma grande montadora já que na época dos C9 e C11 eram apoiados pela Mercedes.
      Que tal bater na porta dos velhos conhecidos de Stuttgart?

  3. Fernando Kesnault disse:

    que assim seja……quem mandou fazer e se arriscar em tantos contratos??? Nao tem assessoria jurídica para prever isso???

  4. Paulo Pinto disse:

    Eu não entendo como uma equipe de F-1, que começou há mais de vinte anos nesse esporte, cometeu tantos erros primários.
    Qualquer advogado, consciente das contratações feitas pela Sauber, saberia que isso geraria uma boa confusão.

  5. Ricardo Cardoso disse:

    Já que a Sauber “vendeu” o que não tinha (as vagas para todos os 6 pilotos que tinha sob contrato) que agora arque com as consequências.

    Mas nesse futuro imbróglio com o Sutil, não pode ter novamente como foco o interesse do sogro do Van der Garde que queria arrematar a Sauber no passado?

  6. Fabio Tust disse:

    Que zona! A Sauber tem tantos contratos com pilotos que poderia fazer um rodízio com 4 ou 5 pilotos em dois carros. A cada corrida uma dupla diferente. Se que é uma baita bobagem o que eu propus, mas o que a própria Sauber fez como empresa é de um amadorismo assustador também.

  7. Anselmo Coyote disse:

    A expressão correta para a queda fatal da Sauber realmente é quebrar (…pode quebrar). Porém, quebrada ela já está, o que falta é o golpe final. E, sinceramente, uma equipe administrada com esse tipo de conduta não faz falta alguma. Torço para que aquele que tem o cutelo na mão faça esse favor a si mesmo, na tentativa de receber o que for possível, às potenciais futuras vitimas dessa picaretagem, à F1 e ao esporte em geral. Já vai tarde.
    Abs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>