MENU

terça-feira, 1 de setembro de 2015 - 19:54F-1

BOLSA-EQUIPE

SÃO PAULO (tá feia, a coisa) – Bernie Ecclestone pagou os salários de 400 funcionários da Lotus, para que ela pudesse ir a Spa. A equipe está numa situação dramática. Precisa ser vendida urgentemente para a Renault para sobreviver. A PDVSA, principal patrocinadora do time, está segurando a grana que Maldonado levou, por conta das incertezas sobre o futuro.

Pode ser que em Monza a montadora francesa anuncie a compra da Lotus. A ver.

7 comentários

  1. Paulo F. disse:

    Bernie, o filantropo!

  2. Riba disse:

    por pura bondade não foi, deve ter algum interesse. um cara que só vive para ganhar dinheiro quer algo em troca.

  3. AS disse:

    O mundo nao está fácil mesmo… Para que criaram essa encrenca de motores hibridos ? O futuro ou é uma coisa ou outra…

  4. Flavio Bragatto disse:

    Oh, que alma caridosa! Que belo coração! Pensou nas famílias.

  5. jose marinho disse:

    E mais uma vez o nome Lotus vai sumir da F-1.

  6. Gustavo Segamarchi disse:

    O mais interessado em querer que a Renault compre a Lotus, é justamente o Tio Bernie.

    Para ele, ver mais uma equipe fechando as portas, assim como a finada Caterham, não é interessante.

    O Tio Bernie só pagou, porque há um interesse por trás. Ele está participando de todas as reuniões da Renault com a Lotus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>