MENU

quarta-feira, 23 de setembro de 2015 - 11:21F-1

QUEM TEM, TEM MEDO

SÃO PAULO (fazendo contas…) – São 49 pontos. Faltam seis corridas. E, não mais que de repente, graças a uma vitória e a um abandono de Hamilton, Vettel entrou na luta pelo título? Certo?

Eu acho que não, mas a Mercedes já começa a achar que sim. A ponto de Toto Wolff admitir que, se necessário, terá de trabalhar para Lewis em detrimento de Rosberguinho na reta final do campeonato.

O normal é que os prateados voltem a dominar a partir de Suzuka. O que aconteceu em Cingapura foi o famoso ponto fora da curva, uma série de fatores que, juntos, levaram a Ferrari a andar mais de 1s por volta mais rápido que os rivais alemães. A saber: corrida noturna, temperatura mais baixa do asfalto, pista escorregadia, circuito travado demais, má classificação. E até uma quebra inesperada.

O problema da Mercedes é que ninguém sabe o que aconteceu de verdade para esta brusca queda de rendimento. Aliás, ninguém sabe sequer se foi o rendimento mercêdico que caiu, ou se foram as outras duas, Ferrari e Red Bull, que descobriram algo até então desconhecido em seus carros — como, por exemplo, que um dos três motores não estava funcionando até agora.

Exageros à parte, a pulga está fazendo a festa atrás da orelha de Hamilton. Domingo ele disse, e parecia um doido falando, que poderia ter vencido a prova. Agora, reconhece que sua confiança ficou abalada com os acontecimentos cingapurianos. “Foi tudo muito, muito estranho”, falou.

Suzuka, Sochi, Austin, México, Interlagos e Abu Dhabi. São as corridas que faltam. Teoricamente, Japão, EUA e Brasil são circuitos bem favoráveis à Mercedes. Sochi e Abu Dhabi podem trazer alguns problemas. No novo Hermanos Rodriguez, prefiro ver como ficou a pista de verdade.

E pergunto a vocês: Vettel ainda pode ser campeão?

87 comentários

  1. Segafredo disse:

    Vettel tem que lutar pra ser vice e olhe lá……se conseguir tal feito até posso pensar em colocá-lo num top/20!!

    • Paulo Pinto disse:

      Baseado nesse quesito, Segafredo, posso afirmar que Alonso ocupa (com louvor) o top 3:

      4 vices: Moss e Prost.
      3 vices: Hill, Mansell e Alonso.

      Como vê, apenas dois pilotos se encontram à frente do espanhol.

  2. Chupez Alonso disse:

    Campeão, ou não, o cara é um exemplo a ser seguido:

    https://streamable.com/yh6j?t=0.5

    Bem diferente do Picaretonso que obriga o companheiro a bater no muro.

  3. Odeio o Hamilton disse:

    INFELIZMENTE, a Mercedes deverá voltar a dominar e fazer do Hamilton, piloto superestimado por ter sim uma grande velocidade, mas no geral não é um piloto top, tri-campeão. Ele merece um bi-campeonato no máximo assim como o Vettel merece um trí e só.

  4. Alessandro Silva disse:

    Claro que pode! Mas não será. A Mercedes ainda é superior às demais equipes e isto é fato. O que aconteceu em Cingapura foi com certeza uma excentricidade. No Japão tudo volta ao normal e a verdade se estabelece. Pode apostar.

  5. Gus disse:

    Mesma chance do Vasco escapar da segundona….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>