SINCERO HULK | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quinta-feira, 24 de setembro de 2015 - 19:34F-1

SINCERO HULK

SÃO PAULO (parabéns) – Acho que merece registro o pedido de desculpas de Hülkenberg a Massa pelo acidente de Cingapura. Os dois se tocaram quando o brasileiro saía dos boxes. Nico abandonou. Felipe teve um pneu furado e depois seu carro pifou. O alemão foi punido com a perda de três posições no grid em Suzuka.

Na hora, achei que a culpa tinha sido dos dois, e portanto ninguém merecia punição. Os comissários consideraram que só o piloto da Force India errou. Depois de ver o vídeo, o Incrível & Sincero Hulk concordou.

Sendo assim, quem sou eu para achar o contrário? Há que se dizer que Massa é um dos pilotos mais limpos e corretos do grid. Quando se envolve em algum acidente, quase sempre é vítima. Pode ser chamado de tudo, menos de estabanado — como Maldonado, por exemplo, que é diversão garantida em todo GP.

Mesmo assim, considero que dava para evitar a batida. Era só dar uma freadinha. Assim como acredito que Hülkenberg também poderia, abrindo um pouco mais a curva. Por isso, na hora descrevi a trapalhada como acidente normal de corrida.

Mas está tudo na paz, segue o jogo.

9 comentários

  1. Paulo Pinto disse:

    Os Deuses da Velocidade interpretaram o acidente de forma diferente. Tanto que Massa logo depois quebrou.

  2. ricardo disse:

    Freadinha?! De forma alguma!

  3. Eduardo_SC disse:

    A única vez que vi Massa pilotar feito vidaloka foi naquela panca no GP do Canadá ano passado.

  4. Ricardo Cardoso disse:

    Naquela situação o Massa ainda tinha q “dar uma freiadinha”? E faz como com o Hulkenberg que já estava ali contornando? Ou tinha que frear antes e entregar a posição?

    A explicação do Hulkenberg foi exatamente o que eu imaginei que ele poderia fazer: contorna a curva dando um pouco mais de espaço e decidiriam na próxima curva que era para a direita, justamente onde o #27 estava e ainda estava pouco a frente do #19. Podia ganhar a posição ou pelo menos teria mais margem de manobra pra continuar a disputa.

    Mas como resumo da ópera, boa atitude do Hulkenberg em reconhecer que errou. Mostra grandeza.

  5. Gustavo Segamarchi disse:

    Atitude nobre do Hulk.

    Parabéns, Incrível Hulk.

  6. PV disse:

    Flávio, você não viu que o Massa chegou a travar os pneus um pouco antes de bater? Me deu a impressão que ele veio pela linha demarcada, em curva, quando a linha terminou ele acelerou (afinal, era uma corrida!!!), e daí percebeu que o Hulk vinha com tudo. Fez o que foi possível para evitar, mas não deu!

  7. voulembrar disse:

    Foi foi um pouco mais, digamos, incisivo do que isso… chamou os dois de burros. Mas um entendeu e pediu desculpas e o outro aceitou. Então burro acho que só teve um mesmo nesta historia :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>