SOBRE ONTEM DE MADRUGADA | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

segunda-feira, 28 de setembro de 2015 - 11:56Sem categoria

SOBRE ONTEM DE MADRUGADA

SÃO PAULO (já foi o eclipse?) – Será que Rosberguinho já jogou a toalha?

Talvez seja o caso. Sempre que parece que vai, não vai. Ontem, não foi na largada. Ao que parece, um dos motores (sim, são três, não nos esqueçamos) esquentou demais. Desse jeito, fica difícil. Nico tem sido, para Hamilton, o que Barrichello foi para Schumacher. São 48 pontos de vantagem para o inglês.

Rescaldo japonês, vamos lá.

- A Mercedes fez a oitava dobradinha no ano. O recorde para uma temporada pertence aos alemães, que fizeram 1-2 no ano passado 11 vezes. Dá para bater essa marca. A McLaren, com 10 dobradinhas em 1988, vem na sequência dessa estatística. Depois, a Ferrari (9 em 2002 e 8 em 2004).

- A notícia mais importante de hoje é a assinatura de uma carta de intenções entre Renault e Lotus, para a compra da equipe pela montadora francesa. O negócio deverá ser fechado logo, porque a Lotus deve à Receita inglesa e corre o risco de entrar em regime de administração judicial.

- A Red Bull está lascada. Vai usar motor Ferrari no ano que vem? Vai. Isso atrasou os planos para o carro de 2016? Sim. Muito. É duro fazer um carro sem saber qual motor vai empurrá-lo.

- O melhor da prova ontem foi o “GP2 engine!” de Alonso. O espanhol tentou amenizar. Mas já se comenta, com força, que sua paciência pode ter-se esgotado. E que sair da McLaren passou a ser uma opção real. Para outra categoria? Quem sabe… Para a Renault, com quem ganhou seus dois títulos? Quem sabe…

- Menos de seis minutos. Foi o que vimos de Mercedes na corrida de ontem, de quase uma hora e meia de duração. Não é fácil andar na frente. Depois de algum tempo, ninguém mais liga.

52 comentários

  1. Ron disse:

    “Motor de GP2″ foi dose! O stress está nas alturas.
    É tanta dúvida sobre a McLaren que eu às vezes me questiono se ela terá dupla completamente nova ano que vem. Se o Barrichello quiser voltar, taí a chance…
    Quanto ao Ron Dennis falar dos pilotos, a multa é bem pesada?
    É impressão minha ou o Kvyat estava meio afobado nessa etapa? Pensei se ele poderia estar meio preocupado em ser substituído, provavelmente pelo Verstappen (de quem tanto se tem falado) ou por alguma surpresa.

  2. Eduardo disse:

    Nas últimas corridas o Vespa passou o Nasr pelo menos uma vez e não foi por falta de disposição do brasileiro em defender a posição ele deve estar remoendo de raiva por ver que ficar encalhado na GP2 não deu nenhuma vantagem,o que me impressionou foi a lentidão da Sauber em curva,o Nasr abria na reta e quando chegava nos esses só faltava o Vespa frear para não bater na traseira,o impaciente Kviat chegou a por de lado .a Mclarem não tem reta e a Sauber não faz curva na emocionante disputa pelo oitavo lugar

  3. EDSON CASTRO disse:

    ESSE CARA É MAIS CHORÃO QUE O MASSA. NÃO PODE SER ULTRAPASSADO. A FORMULA 1 VAI VIRAR O QUE?? QUE ALEMÃO BUNDA MOLE.

  4. Gabriel P. disse:

    Com a Mercedes da forma que está.
    Com a ascensão da Ferrari
    Com RBR com motor Ferrari.
    Poque cargas dágua alguém pensa que Renault pode chegar e ser melhor?
    E tem mais, vão ter que refazer carro da Lotus para usar motor Renault. ( ou aquilo que a gente chamava de motor)

  5. rama disse:

    Tenho a sensação que o motor Honda não é esse lixo todo, muito menos a McLaren. Já paparam a Sauber (tá, grande coisa), mas começaram a se aproximar de Lotus e Toro Rosso. Se não me engano, ano que vem terão os mesmos tokens que os demais motores tiveram esse ano, ou seja, tem muito pra evoluir.
    Sair agora seria ver a Ferrari desse ano, a bordo de uma Renault decadente. Melhor trazer logo o Briatore e Nelsinho junto.

    Agora, que foi meio como um pedido de demissão falar mal do patrão, foi. A Honda é quem assina o cheque de Alonso. Tá meio tan-tan depois do choque.

  6. Marcelo disse:

    E aí o Rosberg sai da Mercedes ano final de 2016, entra Alonso e o carro fica uma bosta…com Ferrari de Vettel dominando!!!!

    Aí o espanhol vira abóbora…

  7. Marcelo disse:

    Hamilton esta devendo, ainda não bateu um grande piloto em disputa de título…

    Vencer mais um campeonato em cima de Rosberg não vai acrescentar nada na carreira de Hamilton. Não que Rosberg seja ruim, mas o alemão não é um “fora de série”…mas dá pra brigar no mano a mano com Patrese, Berger, Barrichello, Webber ou Massa…aí vira briga de foice!!!!!!!!!!

    No momento, Hamilton esta com fama de bater pilotos sem títulos, assim não tem graça!!! E o título de 2008 não foi nenhuma obra-prima, sim teve disputa, mas Lewis ganhou “raspando” em Interlagos. Se pelo menos, fosse em cima de um grande piloto como Alonso e Raikkonen, mas não foi em cima de Massa que sequer era campeão.

    Melhor Rosberg sair da Mercedes, senão vai ficar conhecido como Nico Barrichello…bom mesmo era Vettel entrar na briga em 2016, melhor ainda era Nico cair fora no final desse ano abrindo vaga na Mercedes. Alonso poderia ir para o time alemão, aí seriam três pilotos fortes disputando o título em 2017. Vettel na Ferrari com Alonso e Lewis na Mercedes(repeteco de 2007?)…

    Seria bom demais pra ser verdade…mas só dessa forma pra ver do que Lewis é capaz. Chegar ao tricampeonato batendo pilotos sem títulos como Massa e Rosberg é muito pouco.

    A questão é, Lewis estaria pilotando “fino” em 2013/14/15 se tivesse um companheiro como Vettel ou Alonso? Muito difícil, mesmo caso se tivesse pelo menos um rival fora da equipe. Sob pressão, Lewis se transforma em outro piloto, basta lembrar os erros de 2007/08/10/11/12. O inglês foi campeão em 08, mas nem por isso errou menos. Sob pressão, o inglês jogou três chances de título fora em 2007, 2010/12. Rosberg não tira o sono de Hamilton, esse é o problema! Nunca vi um tricampeonato tão sem graça quanto esse do inglês, prefiro até os três vices de Schumacher em 97/98/06. Pelo menos o alemão foi vice três vezes disputado títulos de forma acirrada!

    Villeneuve e Hakkinen estavam no topo ao volante pilotando carros de Newey(nos tempos de Ferrari, Alonso afirmou que o problema era o projetista e não o piloto rival. Lembrando que Schumacher chegou aos títulos na Ferrari, Alonso não…e o rival era o mesmo…Newey). Em 2006 o espanhol também estava no topo da pilotagem, e com a vantagem de usar pneus Michelin. Schumacher não foi campeão nesses anos, mas emoção foi que não faltou nessas três temporadas. Até Webber deu trabalho para Vettel na RBR(em 2010 levou a disputa até a última prova). Rosberg com o mesmo carro nem isso esta conseguindo. Chegar ao vice somando pontos que graça tem? Rosberg esta lembrando Rubinho em 2002 e 2004….é Nico Barrichello e pronto acabou…

  8. Tássilo disse:

    É fácil de resolver o problema da falta de emoção do campeonato. Para o ano que vem é só trocar o Alonso pelo Nico. Nico vai gostar da ideia vai ser primeiro piloto na McLaren, pq Button não vai ficar.Nico tem paciência para esperar a hora de ganhar um campeonato se ganhar, e é o que a McLaren precisa tempo paciência. E Alonso iria pra Mercedes quase de graça pq está louco para voltar a ter chance de ser campeão. Pronto Bernie fica a solução. E podem dar o motor Mercedes pra Red Bull Pq Kvyat e Ricciardo vão andar perto mais não vão incomodar muito.

  9. Jorge Santos disse:

    Essa pressão sobre a Honda me parece um pouco exagerada, o erro deles foi, sem dúvida, perder o ano passado para testar mas essas unidades de potência são complexas demais.
    Com exceção da Mercedes todas as outras fornecedoras sofreram, a Renault sofre até hoje e a Honda não vai estar pronta no próximo ano, provavelmente só alcance os demais só em 2017.
    E digo mais, quem entrar agora (Wolks), vai entrar bem abaixo também. A solução é voltar para os motores tradicionais, pela simplicidade e pelos custo.

  10. Albert disse:

    E ano passado tinha gente falando que a Honda teria vantagem ao desenvolver seu motor com um ano de “atraso”.

  11. eduardo disse:

    Mostrar o Hamilton sozinho e deixar de mostrar o Vespa colocando por fora na r130 ou o Kviat tentando passar nos esses para que se a disputa estava la atrás,a tv falhou na edição de imagens parecendo não saber o que mostrar mas acertou mostrando as disputas aonde elas aconteceram.O Rosberg fez a corrida que poderia,não adiantaria torar os pneus atrás de Bottas e Vettel correndo o risco de se envolver numa ocorrência se ele não tinha chance de alcançar o Hamilton.No inicio do ano o Sains se saia melhor na classificação e desgastava menos os pneus e o Vespa tinha melhor ritmo de corrida além de mais decidido nas manobras de ultrapassagens,o Vespa melhorou em tudo e de Monza em diante só foi uma passeada fora da pista quando tentava passar o Haikkonem que para mim foi causada pela turbulência do carro do Massa enquanto o Sains vem se envolvente em pequenos erros como na entrada dos boxes em Susuka ou cortar caminho em Monza e não devolver a posição,

  12. Alves disse:

    Acho que a situação de Hamilton e Rosberg se assemelha mais à de Vettel e Webber do que a de Schumacher e Barichello. Webber chegou a disputar um título até a última corrida com Vettel em 2010, os dois brigaram durante o ano e no fim o piloto mais talentoso acabou sendo campeão com uma arrancada no fim da temporada. Depois disso Webber nunca mais representou alguma competição real para Vettel. Acho que Rosberg chegou nesse ponto com Hamilton. Disputou um título, não conseguiu vencer, perdeu sua chance e agora toma uma lavada. A diferença que vejo é que Webber nunca aceitou esse posto e sempre tentou buscar algo mais, ainda que não conseguisse. Rosberg mostra uma apatia gigantesca e aceita com muita facilidade o segundo lugar. Acho ambas as relações diferentes da de Schumacher e Barrichello porque nunca houve nenhuma disputa entre os dois. Schumacher sempre foi claramente superior. Além disso, toda e qualquer rivalidade/inimizade era completamente unilateral. Barrichello odiava Schumacher e tentava criar uma rivalidade, enquanto o alemão estava pouco se fodendo para isso.

  13. Highdownforce disse:

    Dizem as más línguas que o ti e Bernie fez com a Mercedes o mesmo que fez com a Manor más primeiras corridas do campeonato e intencionalmente não mostrou muito dos carros de Brackley depois de negarem motores à RedBull e assinarem com a própria Manor.

  14. Alonsão disse:

    O Rosberg já está morto. Só falta fechar a tampa do caixão! KKK.

  15. JR disse:

    A transmissão do GP foi muito tosca mesmo.
    Eu estava assistindo e acabei cochilando (2 da matina + GP monótono = cochilo), quando acordei, assistindo por mais de 10 minutos não conseguir entender as primeiras posições. O narrador não falou, não apareceu em nenhum momento a tabelinha listando os pilotos – qual é de praxe, e a TV simplesmente não mostrava os primeiros colocados, enfatizando uma briga pelo importantíssimo 14 lugar.

  16. Daniel disse:

    Mais uma menção ao Barrichello, assim como no post anterior. A F1 tá uma merda mesmo, precisa apelar ao Barrica pra dar uma bombada nos comentários…

  17. Chupez Alonso disse:

    Amonso na Renault?!

    A vantagem é que não precisa mandar ninguém bater. Maldonado já bate sozinho toda corrida.

    Allez Górico!

  18. Coisinha disse:

    Vc cantou uma bola bem interessante. Alonso na Ranault. Ia ser bom pra ele e pra equipe. O que pode pegar é grana. A Renault tem grana mas tá pegando uma Lotus cheia de dívidas e o Alonso é caro…
    Mas que seria interessante seria…

  19. Wolfpack disse:

    Quem acreditou na conversa de compra da Toro Rosso pela Renault? Bem, o pessoal não conhece os franceses e comprar umas das marcas da Red Bull estava sempre fora dos planos dos Franceses, ele sempre desejaram a recompra de sua equipe do passado. RBR, Toro Rosso, ninguém lembrará deles daqui um ano. Já estão no passado, viraram história. Muito choro, ao invés de serem humildes, disseram cobras e lagartos para Renault e agora peitam a Ferrari, quem estes caras pensam que são?! A Ferrari não é louca de trazer esta gente para falar mal de seus motores. A McLaren irá perder mais um encrenqueiro, que por sinal poderia se juntar a Red Bull e cair fora. Por muito tempo ainda a Mercedes dominará a F1, até a Porsche se recuperar do Dieselgate de sua matriz VW.

    • luigi disse:

      Tem uma formula magica para que se fale bem de um motor,e é bem simples; Fazer um motor Suficientemente bom , que permita a equipe disputar posições melhores que as ultimas filas,principalmente uma equipe que já mostrou ser competente e não uma aventureira como a Manor. e só pessoas com um espirito de “vira Latas” muito grande é que acham que uma equipe que já foi vencedora deve pagar uma nota por um motor e ainda ficar quieta , meu caro estes motores (unidade motrizes) não são doados a equipe ,elas pagam por eles e como consumidores tem o direito de reclamar do produto,como também deveriam reclamar e não concordar com a impossibilidade de revisão de um projeto que não saiu conforme as expectativas,pois com a estupida normas desta ultimas temporadas ,não é possível desenvolver ou mesmo corrigir a tal unidade motriz e quem perde com isso é o tal Show de Velocidade e ultrapassagens artificiais que se tornou a atual F1 , Outra estupidez a meu ver é estipular a arquitetura do motor ,o que poderia ser feito era estipular a capacidade cubica e o consumo máximo admissível, mas número de cilindros e disposição deveriam ser por conta e risco do fabricante,quanto menos ingerências da FIA ,melhor para o esporte. Deixarem os engenheiros e pilotos fazerem seus trabalhos ,e se limitar só a coibir e corrigir os excessos e nada mais *
      ****Obs.: Do grupo V W quem usa motores DIESEL em competições é a AUDI e não a Porsche ,e se o anão de jardim presidente da F I A e Puxa saco do Bernie não criar normas para estragar o W E C ,dificilmente qualquer uma das duas sairão do W E C onde o carro e equipe ,são muito mais importante que os pilotos ,e é isto que conta para resposta comercial . Uma vitória em Le Mans conta muito mais que os quatro campeonatos de Vettel na Red Bull para o publico europeu muito mais conhecedor de automobilismo que deslumbrados brasileiros que só sabem o que é F1 por terem tido a sorte de pilotos como Pace,Emerson, Piquet pai e Senna serem brasileiros e terem vencido campeonatos (Pace morreu no ano em que tinha carro para isso ,mas sua capacidade era reconhecida e respeitada o que não ocorre mais desde 1994 onde os pilotos que mais se destacaram sempre foram capachos de seus primeiros pilotos)

  20. Fábio disse:

    Muito estranho essa historia do Button dizer que teria um anuncio importante e depois desmentir, que as coisas na McLaren foram agitadas na ultima semana e serão ainda mais agitadas ate o fim do ano. Da para palpitar que o Button ia dar como certa sua aposentadoria, mas de ultima hora a Renault deu uma paquerada no Alonso e a equipe Britânica mandou o Button esperar em que galho esse macaco vai pular.

  21. Diego - Floripa/SC disse:

    O Alonso é um talento como piloto, mas como parte de uma equipe é um desastre.

    Só quero ver se ele realmente vai se criar no WEC, o cara é muito mimado, é mais estilo F1 e bem menos WEC.

    Já imagino ele jogando a culpa de uma derrota em uma 24 Horas nos outros pilotos.

  22. Alexndre disse:

    Eu acho que todos precisam se preparar para pensar nas consequências da saída da Reb Bull, que, ao meu ver, irá acontecer.

    A Mercedes jogou uma bomba no colo da Ferrari, já a Ferrari ficou puta com isto, pois é certo que se a Red Bull andar com o mesmo motor dela vai andar na frente de sua fornecedora.

    É só olhar a classificação de largada do Japão. A Red Bull foi meio segundo mais lenta que Vettel. Se tivesse os 70cv que lhe faltam, iria andar perto da Mercedes mas melhor que a Ferrari.

    Está na cara que a Red Bull faz o melhor chassi, tanto que em Mônaco e Singapura, que um bom chassi é fundamental, isto fica evidente.

    Eu acredito que a Ferrari não vai vender o motor até pelas recentes discussões em público com a Red Bull.

    Bernie está lavando as mãos pela multa bilionária que existe, e dai enche os bolsos e chama equipes para terceiros carros.

  23. Marcos Milani disse:

    Eu não aposto 01 Real furado na permanência do Alonso na McHonda em 2016. Primeiro porque ele é naturalmente desagregador é isto é tudo o que a equipe não precisa agora. Segundo porque quem conhece a “facilidade” nipônica de lidar com indisciplina sabe o que os japas estão pensando. E, last but not least, porque el fodón quer mais é pular da barca furada mesmo.

  24. Celio Ferreira disse:

    Rescaldo da F1 : foi um saco assistir a corrida , e ainda mais de madrugada.
    Até os caras da FOM esqueceram da Mercedes na transmissão.
    È tem muita coisa pra ser revista no nosso esporte favorito, muito mais do mesmo.

  25. Acarloz disse:

    E a F1 segue a caminho do fim.

  26. AS disse:

    “… ninguém mais liga.’ Lembro-me que conversava sobre F1 com um colega francês na temporada de 92 93, nao lembro bem agora, e a Williams com motor renault ganhava tudo. Ele me dizia: – A Renault nao vê mais com grande interesse a propaganda que a F1 gera. Todos só ficam esperando o motor quebrar pra virar noticia e quando isso acontece as páginas dos jornais estampam: Motor Renault falha, quebra, deixa na mao e por aí vai… nao é bom.

  27. Roberto disse:

    Só falta o Alonso ir para Renault e a Mclaren fazer um foguete em 2016…

    • Alexandre disse:

      Sempre foi assim. Alonso sai da maclaren em 2007 e 2008 Hamilton campeão. Sai da Renault em 2009 e 2011 a Lotus faz um carro top que Raikonen ganhava corridas. Sai da Ferrari em 2014, e 2015 Vettel ganha 3 corridas.

      A verdade é que o que Alonso tem de braço, não tem de cabeça ao desestimular a equipe. Por exemplo, acaba a corrida e vc xinga o motor, os mecânicos, etc…, vc não pode esperar que na corrida seguinte, os mecânicos, o pessoal do motor, e demais, se dedicarão ao máximo para vc.

      O mais escancarado foi em 2007, queria status de primeiro piloto e não teve. Resultado, levou coça do Hamilton.

    • Albert disse:

      Que o deus da combustão interna e da recuperação de energia te ouça.

  28. Mário_Fpolis disse:

    Será que sou eu torcendo pra Red Bull simplesmente sair da F1, levando a Toro Rosso com ela, tornando inviável o atual modelo dessa categoria?

    Sei não, mas pelo que vejo e leio, só alguma coisa drástica, como um grid de 10 carros, é capaz de salvar a F1 de si mesma…

  29. Cranio disse:

    Gomes, não duvido nada que a Renault venha em 2016 forte, fazendo o dono das latinhas energéticas pirar o cabeção…

    E se o Alonso pudesse liderar essa turma de novo, como fez em 2005/2006, mais legal ainda. Dá dó de vê-lo andar no final do pelotão…

    • eduardo disse:

      sem poder refazer o motor,muito tarde para reformular a equipe e sem os talentos da Red Bull é mais fácil o Maldonado ser campeão do mundo do que a Renault ser uma nova Brawn

    • luigi disse:

      Caro Cranio, quem liderava a equipe em 2005/06 era o Flavio Embustattore e não o Alonso seu pupilo que aprendeu muito mas não tudo , com o seu mestre e mentor. Ele já provou não ter capacidade para isto ,não é aglutinador e nem muito querido no meio,só é respeitado por ser um dos melhores pilotos da ultimas temporadas,pena usar me métodos muitas vezes desleais ou mesmo covardes para obter algumas de suas vitórias . ( O covarde fica por conta do episódio da vitória que conseguiu sobre o frágil e medroso piloto Massacrado)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>