MENU

segunda-feira, 30 de novembro de 2015 - 8:27Automobilismo brasileiro, Foto do dia

FOTO DO DIA

lon15k

SÃO PAULO (parabéns!) – Não posso deixar de registrar o excepcional resultado do Paulo Sousa, em dupla com Tiel Andrade, em sua primeira participação nas 500 Milhas de Londrina. Um lindo segundo lugar, a 3s010 do vencedor. Isso mesmo: três segundos, depois de mais de sete horas de corrida! Paulo (na foto é o penúltimo da esquerda para a direita; o carro é o #5) é meu parceiro de LF na Classic Cup e correu em Londrina pela tradicionalíssima equipe gaúcha MC Tubarão, que também colocou um carro em sexto lugar na geral.

A corrida foi muito legal. E a cobertura do Rodrigo Mattar, idem. Está tudo aqui, em textos espetaculares com a seriedade e conhecimento de sempre. Essa prova, a exemplo das 12 Horas de Tarumã e da Cascavel de Ouro, é uma peça de resistência do automobilismo brasileiro, que sobrevive — apesar dos dirigentes. Foram 32 carros no grid, centenas de pilotos e mecânicos, uma festa maravilhosa, apesar das dificuldades — entre elas, as chuvas fortíssimas que atingiram o norte do Paraná no fim de semana.

Ainda corro uma dessas.

9 comentários

  1. Luc Monteiro disse:

    Agradeço em nome de toda a tribo, guru, pela menção reverente à Cascavel de Ouro. Que você vai conhecer de perto em 2016.

  2. Luc Monteiro disse:

    Agradeço em nome da tribo toda, guru, pela menção reverente à Cascavel de ouro. Que você vai conhecer de perto em 2016,

  3. Felipe Cezar disse:

    Foi um corridão, uma das melhores edições já realizadas.

  4. Thiago Azevedo disse:

    Assisti o começo da prova, foi simplesmente sensacional.
    As brigas estavam intensas, nem parecia começo de corrida de endurance.

    Agora… tinha uma corredeira descendo na entrada do curvão do fim da reta oposta. O pessoal tem que pensar num dreno ali, porque qualquer chuva complica as coisas.

  5. Leonardo disse:

    Flávio, das provas que se destacam no Brasil, vale a pena lembrar do Rally de Erechim, que merecia uma cobertura do Grande Premio. Abraço

  6. Paulo disse:

    Flavio, muito legal, obrigado. Foi demais ter toda a nossa turma da Classic Cup lá, e ter alguns dos colegas, em especial o Nenê e o Leo lá logo no final , de muita emoção. E mais uma vez só tenho a reconhecer e elogiar a classe, profissionalismo, conhecimento e carinho do boss Carlos Andrade e de seus filhos Né (que tem tudo para ser um futuro Alfred Neubauer no endurance brasileiro) e o ás Tiel. Os caras são bons pacas, cada um na sua posição, Os mecas, em destaque o Paulo Wecker, fazem outro show de eficiência, foco e atenção à parte.
    E , que bom tê-lo de volta na Classic Cup. Nossos carros nos preparam para coisas difíceis de acreditar!!!

  7. Ricardo disse:

    Não deve ser fácil correr com esse barro todo. O estado dos carros comprovam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>