MENU

sábado, 14 de novembro de 2015 - 19:56Sem categoria

SAUDOSA MALOCA (15)

SÃO PAULO (justo) – Os pilotos vão correr de luto amanhã, pelas vítimas de Paris. A programação foi ligeiramente alterada. Uma bandeira da França, com uma tarja, será levada no caminhão que dá a volta na pista na parada dos pilotos.

Não será um domingo muito festivo em Interlagos.

11 comentários

  1. Fernando disse:

    Gente, menos preguiça mental. A F1 é um acontecimento global, o terrorismo é uma ameaça global, é muito simples entender a ligação entre as coisas e compreender a reação.

    Todos os outros problemas, tragédias e desgraças citados pelos companheiros são sim muito bem cobertos pela imprensa, por toda a imprensa, de qualquer viés, tanto quanto os atentados em Paris estão sendo.

    Mariana é um problema nosso, não é global. Na Síria há uma questão de governo, antes do problema do terror, que apenas se alimenta da instabilidade, não é fator causador. O Boko Haram não é um problema global, é problema da Nigéria, embora também possa alimentar mentes desgraçadas.

    O Grande Premio falou de paris, e nunca falou de nada disso que vocês citaram, porque será? Eles entenderam, perguntem ao Flavio que ele explica.

  2. Gabriel P. disse:

    Exato comentaristas.
    Essa repercussão dos atentados em Paris, expõe fortemente a hipocrisia, racismo e preconceito da mídia, quiça do pessoal da F1 conservadores como sempre.
    Para boa parte só existe a Europa e EUA, o resto do mundo não conta e nem a direito de terem corridas eles tem e pilotos então… nem pensar assim como as mulheres, que servem apenas para “enfeitar” e mais nada.
    Porque um autódromo na Europa é mais importante do que outro qualquer no mundo?? Puro racismo, preconceito, conservadorismo e burrice.
    O mesmo pode se dizer das vidas na França, horas antes teve atentados no Libano com mais de 40 mortes e sequer foi nota nos telejornais. Em Minas um desastre destrói um cidade e só 5 mortes?? Cadê as outras? Porque escondem? Porque tanta ganancia em detrimento ao desprezo da vida dos mineiros? Porque são pobres e não moram na Europa??
    Ainda tem os desprezados Sírios, Africanos, Palestinos e outros que são apenas notas rápidas sem nenhum incomodo sequer.
    obs. A tal Estado Islâmico só existe a partir e porque destruíram o Iraque, pesquisem.

  3. ze disse:

    e a bandeira da Rússia?

  4. Ricardo Soares disse:

    …e não teremos uma bandeira do estado de Minas Gerais, de luto? Ou uma bandeira a Síria??? Ahhh…valha-me hipocrisia…

    • Bento disse:

      Se correrem com a bandeira da França, demonstra apoia a luta contra o terrorismo e extremismo religioso. Mas, se colocarem a bandeira de Minas vai escancarar a ganância pelo lucro, o descaso as normas básicas de segurança, o total desprezo pela população dos vilarejos adjacentes a empresa e a cumplicidade entre o poder público (imprensa comprada no meio) para encobrir a real situação da tragédia. Simples assim…

  5. Eduardo garcia disse:

    E a bandeira do Quênia , não vão colocar?

  6. Alfredo Ramos disse:

    Luto e flores não deterão o terrorismo. É preciso estratégia e ação!

  7. Julio disse:

    Pensei q ia ter luto por Mariana tb, mas esqueci q 100 franceses valem mais que 6 brasileiros e pra causar comoção tem q morrer bastante, e 6 são só meia dúzia.

    • Diego Sampaio disse:

      Julio… O pior é que agora foram 6 brasileiros, mas quantos mais morrerão por causa desse agora rio de lama e dejetos tóxicos? A dor dos franceses não é maior que a nossa, tampouco menor, mas como nossa imprensa mesmo não deu atenção para a tragédia brasileira (que em proporções do estrago na região, é comparável sim aos tsunamis asiáticos), a Fórmula-1 e qualquer outro meio vai prestar solidariedade somente aos franceses… E olha que eu nem citei a barbárie que o povo nigeriano sofre nas mãos do Boko Haram… Triste…

      • Marcelo Couto disse:

        Bem lembrado por vocês. O que aconteceu em Minas é o retrato desse país vagabundo em que vivemos, no qual o absoluto desprezo por tudo e por todos prevalece. O crime humano e ambiental durará anos e anos. Mas não se preocupem, logo virá o Natal, Ano-Novo e carnaval e tudo estará esquecido em nome das festas, afinal, somos um povo pacífico e festeiro, não é isso?

    • Rio Doce não Vale disse:

      Meia Duzia mais um rio e todas os sitios e animais no caminho.
      Tudo em nome da ganância.
      Mas pelo visto, isto não é importante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>