CURITIBA, DIA #1 | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

sábado, 19 de março de 2016 - 19:46#69, Classic Cup

CURITIBA, DIA #1

RR1D8160

CURITIBA (e já vamos dormir) – Foi legal, a primeira corrida da Classic hoje em Curitiba. Cheguei meio em cima, já para a classificação, sem fazer nenhum treino. Não é recomendável, mas foi o que deu pra fazer — cheguei ontem à noite, depois dos dois treinos da sexta, virei a madrugada com a F-1, perdi o treino livre da manhã e só consegui chegar ao autódromo depois das 11h.

Sem treinar é meio complicado, mas no excuses. Problema meu. Virei 1min52s144 na minha melhor volta, foram apenas oito, me atrapalhando um bocado com a pista desconhecida. A última vez que estive no circuito curitibano foi em 2002, como comentarista da Fórmula Renault pela TV Bandeirantes, em dupla com Luciano do Valle. Nunca dirigi nele.

É um traçado de alta velocidade, com um delicioso “S” no fim da reta dos boxes, um cotovelo tinhoso e uma sequência de duas curvas rápidas para fechar a volta. Muito legal. Fiquei em 23º no grid, que tinha 28 carros — alguns, do Sul, com pneus slick e asas. A corrida é amistosa e foram convidados. Dos seis da minha categoria, a Turismo N, fiquei em quinto.

Na corrida as coisas foram melhores. Larguei sem grandes problemas e consegui acompanhar meu adversário direto, o Voyage #53 de Milton Vieira. Luc Monteiro, que estaria na minha frente no grid, quebrou e não largou — uma pena, porque seria uma disputa divertida.

Passei o Milton, que é daqui, na quarta volta. Mas comecei a ter um problema irritante no câmbio. A quarta marcha não entrava na saída da Curva da Vitória. Só lá. Perdi 4s numa volta com isso. E mais 4s em outra. O Milton, claro, me passou. Ainda perdi a posição para o lindo Bianco laranja #68 de Fernando Brock, mas esse deu para buscar de volta.

No fim, com a quebra do Uno #49 e a desclassificação do Rafinha do Gol #13 — alegada queima de largada –, ganhou o Voyage #53, com o Bon Voyage #69 em segundo. Na geral, a vitória foi de Caio Lacerda, com Passat.

Um bom começo, com a melhor volta registrada em 1min50s028 e a 12ª posição na geral. É onde largarei amanhã. O Nenê Finotti andou com meu carro na sexta e virou 1min49s777. Meu computador de bordo, na verdade um aplicativo de celular que funciona também como cronômetro, me informou que 1min48s456 seria minha volta ideal, juntando as três melhores parciais. Vamos ver o que podemos fazer. Warm up às 11h. Corrida logo depois do almoço.

5 comentários

  1. Marcelo Pacheco #49 disse:

    Eu e o Rafinha já havíamos trocado de posição 2 vezes e no momento da quebra eu liderava, estava sendo e seria uma bela batalha quando no Uno quebrou uma chapinha que liga um dos cabos da alavanca ao trambulador, deve custar a fortuna de 1 real. O Fernando Kifouri soldou pra mim. Virei 1.46,100 no treino da manhã e 1.47 na corrida. Amanhã larga meu parceiro Ike Nodari. Boa prova a todos.

  2. Luc Monteiro disse:

    Homocinética do Escort #66 disse tchau na saída do Pinheirinho, quando já estava vindo para o grid. Não consegui até agora descrever a frustração que aquilo me causou. Mas passou, os devidos reparos e substituições estão feitas. Não vai ser fácil te alcançar na corrida de hoje, saio do fim do grid geral e você lá no pelotão da frente. Nas últimas voltas, quem sabe, trocamos umas tintas pra definir quem paga a caipirinha. Parabéns pelo P2, bróder.

  3. Iraney disse:

    Qual o horário da prova amanhã?

  4. Eric disse:

    Qual é o aplicativo? Dá para usar com kart indoor?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>