VAI MAL | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

terça-feira, 3 de maio de 2016 - 19:14F-1

VAI MAL

nasrsemteste

SÃO PAULO (vixe) – A Sauber avisou que não participará dos testes dos dias 17 e 18 de maio, a inter-temporada de Barcelona, dois dias depois do GP da Espanha. Sem peças, sem grana.

Onde Nasr foi amarrar seu burro…

Mas, também, como saber? Quando assinou, no fim de 2014, a coisa não estava tão feia. Até começou bem o ano, com um quinto lugar na estreia. Mas, depois, o time parou. O dinheiro acabou. Nesta temporada, está dando pena.

Aliás, o quanto essa draga pode afetar a carreira de Felipe II é tema de análise de Fernando Silva, da equipe do Grande Prêmio.

29 comentários

  1. Pedro Wolthers disse:

    Grande piloto. Dê um carro bom e ele será um Top 5.

    • Tom disse:

      Grande piloto?? voce bebeu ou esta de sacanagem?,,toma pau do companheiro de equipe(Ericson),que todos analisam como fraco
      Nao passa de um piloto pagante mediocre ,e com o dinheiro do Banco do Brasil,ou pior com dinheiro de muitos brasileiros,da nojo entrar no Banco do Brasil e ver propaganda de um piloto mediocre…
      Agora, olhe a carreira do Di Grassi! esse sim ,mostrou capacidade e sem precisar de de dinheiro de Banco do Brasil….

  2. Giovanni disse:

    O carro de 2016 é resultado da fraca temporada de 2014, pq o dinheiro da FOM entra só no ano seguinte, pra então desenvolver o carro do outro ano. Ou seja, o fraco rendimento de 2014 fez com que entrasse pouca grana em 2015, e foi com essa pouca grana que fizeram o carro de 2016. Só pra refrescar a memória, 2014 foi o ano em que mudaram o regulamento e os pilotos mais altos pagaram os pecados por causa do peso, como o Sutil que perdia quase 0,5s por volta. O outro piloto era o Gutierrez,, pagante muito fraco e não marcava ponto.

    Além disso, fizeram a cagada com o Van der Garde e tiveram que pagar US$ 20 milhões pro cara, mais ou menos o que um piloto pagante leva pra equipe. Ou seja, ficaram com dois pagantes mas com o dinheiro de só 1.

    Se foderam.

  3. Rogério disse:

    Três anos de GP2 e lutou pelo caneco em dois deles, com uma equipe que não lhe permitiria chegar nem no top 5. Com todo o respeito, este é um raciocínio muito raso e genérico.

  4. Rogério disse:

    Realmente o quadro está ruim e o pior de tudo é terminar as corridas atrás do Ericsson. Mas se formos fazer uma análise mais aprofundada, veremos que o negócio não é bem assim:
    1-A temporada do Nasr em 2015 foi excelente;
    2-As 3 primeiras corridas de 2016 não servem como referência, pois restou claro que o carro estava com problemas;
    3-Na Rússia, com a troca do chassis, o Felipe voltou a andar melhor que o Ericsson, em dois treinos livres e na classificação;
    4-O pneu furado por volta do décimo giro, quando os carros ainda estão muito próximos uns dos outros, arruinou sua corrida, pois teve que trocar um jogo de pneus em bom estado e foi parar no fim do grid. (Quando houve o furo ele estava em décimo segundo e o Ericsson em décimo sexto, em condições normais duvido que o sueco se aproximasse do brasileiro, pois o ritmo dos carros era bem parelho);
    5-A punição de 05 segundos, por uma manobra feita mais para se evitar uma colisão do que para qualquer outra coisa foi injusta. O Kvyat tirou dois carros da corrida e teve uma punição de 10 segundos. Totalmente desproporcional. Com a punição, o Felipe fez três paradas, mas continuou com o mesmo jogo de pneus até o fim, o que lascou ainda mais sua prova.
    O problema é que infelizmente só se observa o resultado final da corrida e a maioria das pessoas se baseia nisso para tirar suas conclusões. Ainda faltam 17 provas e com o carro “melhorado” o Nasr ainda tem boas chances de fazer apresentações razoáveis, principalmente em relação ao sueco.
    Continuo na torcida e espero que essa maré de azar passe logo. Ainda acredito muito no potencial do Felipe Nasr.

  5. Agora o Felipe Nasr está num Mato Sem Cachorro numa Sauber Falida correndo o risco de acabar antes do Fim desse Longo Campeonato, isso além de ter um Parceiro colocando ele na Freguesia nesse momento ruim que pode queimar mais ainda o seu filme. Se a carreira do Nasr acabar antes do combinado teremos o Massacrado como o último piloto brasileiro na F-1 antes de qualquer Nova Geração Brasileira que tenha alguém se aventurando de novo na categoria. Pobre Nasr!

  6. Gabriel P. disse:

    E se o golpe passar.
    Acaba a carreira dele com o fim de investimentos da Petrobrás, pois empresa estrangeira não vai gastar grana na cultura e esporte nacional.
    Tudo que é patrocinado pela Petrobrás, desde esportes até cultura, cinema e quiçá até investimentos em tecnologia certamente vão acabar.
    Já está provado que essa gente que anseia pelo poder odeia o Brasil e seu povo, está provado que só desejam espoliar os país, enriquecendo-se mais e gastando tudo no exterior, para eles o Brasil não presta nem para ter conta em banco.
    Para eles Brasil não presta para passear, para turismo, para estudar e nem mesmo para viver.
    Para essa gente que é a tal burguesia, a tal elite, Brasil é um lixo, com povo mal educado e nojento. País só serve para ser roubado e explorado em todas suas riquezas desde as florestas até o solo e sub-solo.
    E a sociedade como um todo???
    Basta ler “Ensaio para Cegueira” de J.Saramago para entender.(Retrata com exatidão a atual sociedade Brasileira)

    • Gabriel P. disse:

      E o Banco do Brasil e Caixa Econômica??
      Podem esquecer, já já serão vendidos para algum grande estrangeiro, assim como foi praticamente todos bancos públicos estaduais.

    • José Roberto Moreira Mota e Mota disse:

      A equipe Júnior da Petrobras na F3000 foi criada em 2000. O patrocínio da petrolífera brasileira à williams iniciou-se em 1998,e foi cancelado em 2009 – num governo petista. Logo o argumento do amigo não cola. São empresas independentes,com projetos de marketing próprios.

  7. Juliano C. disse:

    E com os rumores sobre Button na Williams em 2017, dá até pra apostar em um grid sem brasileiros em 2017.
    Será que a transmissão da F1 migraria de vez para a TV fechada?

  8. João Ferreira disse:

    Se não me engano, a Sauber teve que pagar uma indenização para um piloto que iria correr em 2014 por um pré-contrato, daí em diante, a Sauber não pôde contar com o dinheiro para melhorar o carro.

  9. Alleluiez Alonso disse:

    Se não tivessem sacaneado o Van der Garde não teria perdido tanto dinheiro.

  10. Paul O'neil disse:

    Verdade seja dita: tirando o Rio Haryanto, soh tem piloto bom e vencedor nas categorias de base na F1 atual. Ou metade do grid se aposenta, ou Nasr pode comecar a ver uma vaga na F-Indy ou F-E ano que vem. A Sauber ja eras e dependendo de quem comprar, se comprar, nao precisa do patrocinio do Bco Br. F1 = moedor de carne

  11. Pdr Rms disse:

    Mesmo que o Felipe antevisse o péssimo momento quando renovou no fim do ano passado, creio que não teria outras opções disponíveis como titular. Na melhor das hipóteses, teria de “dar um passo atras” e aceitar ser piloto de teste de uma equipe maior para talvez ter uma chance como titular no futuro.

    Mas, justiça seja feita, o Felipe também tem uma parcela de culpa nos maus resultados, pois tem sido superado pelo companheiro (que é no máximo um piloto mediano) nesse início de temporada.

    Piloto diferenciado consegue sempre consegue se sobressair perante os companheiros e demonstrar nitidamente que conseguiu extrair algo mais do carro à disposição.

  12. Leonardo disse:

    Cadê a Alfa que estava comprando a Sauber?

  13. Helton Fernandes disse:

    E a história com a Alfa-Romeo ???

  14. Renato de Mello Machado disse:

    Olá Flávio.Para mim só precisa de carro,pois qualquer um guia F1 hoje em dia.A Sauber já vem decaindo,há tempos.

  15. ags disse:

    30% é culpa da crise econômica mundial…
    50% é culpa do roda dura….. Vai terminar na categoria de caminhão que reina no pais das maravilhas ou, na istoki bolha..rss
    20% culpa do dono da equipe, que tem cabeça de mula…IoI.IoI….

  16. Maicon Lira disse:

    Engraçado foi o Galvão criticando a decisão dele de ficar na Sauber durante a transmissão de m… da Globo. Galvão empresta sua bola de cristal pro menino na próxima categoria que ele vai pilotar ano que vem. Uma pena…

    • FAB1000 disse:

      E ainda querendo que ele quebrasse o contrato de dois anos assinado com a equipe quando entrou, e fosse embora para outra levando o patrocinador e fazendo esse também quebrar o contrato. Isso é muito “Lei de Gérson”. kkkk
      Mas infelizmente ele não é o único, principalmente no nosso país, a pensar que contrato ruim se rasga quando se quer, fingindo esquecer da multa e a invalidando com argumentos ridículos, enquanto o bom se exige ipsi literis quando é a favor. Uma vergonha…

  17. Luiz Henrique Marchiotto disse:

    Bom dia/tarde/noite FG. Como faço toda terça após chegar do trabalho, fui assistir o Paddock GP 27 no youtube, pois acho sensacional e sempre acompanho suas mídias sociais, porém ne deparei com a msg de q a FOM havia bloqueado o vídeo por conter conteúdo de propriedade dela e etc. Ridículo essa atitude, vcs do GP estão cientes desse bloqueio? É uma pena pois vcs são os únicos no Brasil q nos passam informações da F-1. Infelizmente a FOM esta conseguindo afastar as pessoas q curtem a F-1. Se essa for a intenção eles estão de parabéns! Obrigado e Abraços. Luiz Marchiotto.

  18. Tiago disse:

    Provavelmente, Nasr estará na Renault no ano que vem.

  19. Fernando Kesnault disse:

    Eu quero que a Sauber vá pra o inferno…heheh…e leve junto esse arabe-libanes ruim de braço…

  20. Onde o Banco do Brasil foi amarrar seu burro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>