ONE COMMENT | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

terça-feira, 26 de julho de 2016 - 19:30One comment

ONE COMMENT

Isso era uma pista.

(Another comment: o cara que filmou devia estar sentado num caixote. O cara que tá dirigindo está sem luva, de mangas curtas. Provavelmente sem capacete, nada. OK, a volta foi lenta. Mas tinha carro de corrida treinando, como se vê na Subida do Lago. Os tempos eram realmente outros…)

17 comentários

  1. Thiago Sabino disse:

    puta merda….

    O cara não esculachou o Opala, mas só o ronco desses 6 canecos… principalmente em desaceleração, já é de foder o cu do palhaço…

    O traçado em si, nem se fala… já é praticamente como rezar um mantra: Reta, 1, 2, 3, ferradura, lago, subida, sol….. aaaamem.

    Só faltou uns punta-taccos de leve, pra sinfonia ser completa….

    Mesmo sendo uma volta lenta, mas foi bacana.

  2. Eduardo Aranha disse:

    Inesquecível nas Mil Milhas, do final dos anos 50 e durante a década de 60, andar por toda esta pista ouvindo os roncos das carreteras competindo com os Alpines, Simca Abarths, Alfas e Karman-Ghias Porsche, entre outros.

  3. Ricardo disse:

    Morte aos idiotas que mataram Interlagos.

    O que se fez com esse Templo sagrado foi uma das maiores canalhices com o nosso esporte a motor… mais ou menos como tirar a Eau Rouge em Spa.

  4. Paulo disse:

    Nunca tinha visto o traçado antigo. Espetacular. Do atual só deixaria o S no fim da reta de largada, o resto é tudo melhor no traçado antigo.

  5. Garret disse:

    4:42 mensagem subliminar…….. (risos)

    • Ricardo disse:

      Mais ou menos o tempo que o mesmo carro demoraria para virar uma volta em Spa. Sacanearam Interlagos em nome de um monte de bobagens ditas sobre as modificações necessárias para que a F-1 pudesse continuar por aqui. Mostre esse video para o Hamilton e para o Vettel e perguntem se eles ficariam de “pau duro” para dar uma volta nessa pista dentro de um F-1. Eu vi os F-1 fazerem a “1″ e a “2″ de pé embaixo… tinha que ter saco roxo… vi também muito Passat fazer a “1″ de pé em baixo com a roda esquerda traseira fora do chão… outras épocas… em matéria de automobilismo umas trezentas vezes melhor do que a que vivemos hoje no Brasil.

  6. alexandre perlini campos disse:

    ano 1987, ou 88 talvez, categoria do carro Hot Car, opala equipe Dimep, piloto Walter Tucano Barchi, levaram um cara com uma câmera daquelas grandes filmar segurando no santo antonio, eu estava lá nesse dia.

  7. Paulo Fonseca disse:

    Prezado F&G : Você é um cara de muita sorte ,pois consegue receber imagens de tempos mágicos do automobilismo, ronco do opalão é espetacular, o circuito maravilhoso. Parabéns.

  8. Paulo F. disse:

    Um sorriso e uma lágrima!

  9. Watkins Glen disse:

    S E N S A C I O N A L !!!!
    Alguém pelamor resgata esse traçado original…. Retas intermináveis ligadas por curvas de raio longo e muitas delas cegas !!!
    Por isso a fama de circuito completo e seletivo de Interlagos.
    E com certeza os tempos eram outros, muito melhores, da pra sentir a cheiro da gasolina e borracha de pneu no ar…

  10. Rafael disse:

    Caracas vivi muito essa época, creio ser um opala mas da categoria Hot Car paulista, oriunda da divisão 3. Creio pelo patrocínio da Envemo no parabrisas ser o opala do piloto Leandro de Almeida, um baita piloto. Agora o carro que passa por fora no lago com certeza era o Escort, 23, patrocínio Gave Veículos, pilotado pelos pilotos Luiz Henrique Pankowski e Roberto Manzni, no Campeonato paulista de Marcas. Aliás esse Escort era originalmente da equipe Grecco. Tempo Saudoso.

  11. Renato de Mello Machado disse:

    Fantástico! sem o “s” do Senna muito bom mesmo.Há um F1 da atualidade nessa pista.nunca deveriam ter descaracterizado Interlagos é um crime isso.

  12. Pedro disse:

    Fico imaginando os F1 fazendo a 1 e a 2….

  13. Clóvis16 disse:

    Tive a impressão que no parabrisa, na parte superior, tem o patrocínio da Envemo.
    tem como saber que carro é ?
    Bons tempos do automobilismo .

  14. RR.Ramones disse:

    Mestre Flávio, sabe que lanternas traseiras eram essas? Não parecem originais de nenhum Opala.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>