ONE QUESTION | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quarta-feira, 30 de novembro de 2016 - 20:07One question

ONE QUESTION

Peço ao nosso Jason Vôngoli que identifique o jipe que leva a urna com as cinzas de Fidel. Sobre o comandante, não escreverei. No Brasil, as pessoas não são civilizadas o bastante. Apenas chamo a atenção para o carinho do povo cubano, e para a simplicidade de tudo.

ashesfidel

134 comentários

  1. Ricardo disse:

    Flávio e essa PEC, e tantas outras coisas acontecendo
    que estão a destruir o pouco que conquistamos?
    Sei que tem se tornado difícil falar de politica
    os extremismos que perduram aqui no país… são terríveis
    estamos perdidos e se puder irei com a minha esposa p Cuba
    pq aqui eu tenho perdido a fé

  2. Paulo Pinto disse:

    A História julgará o homem. Até lá, nossas palavras serão apenas opiniões pró e contra.

  3. Ricardo disse:

    Caro Flávio, não só no Brasil, mas principalmente no Brasil, onde desconstroem uma personalidade impar… onde o ato de vociferar, criar “estórias” da carochinha, manipular toda e qualquer informação e difamar o que não lhe parece conveniente causa essa raiva e ódio sem ao menos se questionarem o pq de tamanha selvageria…

    Comerciais, filmes e qualquer coisa que ponha em duvida um sistema que não lhe agrade, uma politica contraria aos seus interesses escusos ou não

    de Inflar seus pulmões cheios de cinzas e escarnio para com aqueles que lutaram por um lugar melhor…

    Inveja… Manipulação ou a velha massa de manobra
    que destrói e estanca qualquer tentativa de dias melhores
    És um herói como tantos outros repudiados por aqueles que no fim nem sabem o pq

    Apenas pq por anos e eras infindáveis foram maltratados por bocas, palavras e ordens do dia
    e mesmo hoje em que todos poderiam ser melhores
    poderiam saber para julgar
    mas julgam sem saber
    e assim
    se acham os donos da verdade única e universal
    e se encaminham para o abatedouro
    e rir de vossa desgraça

    Fidel, Chê e tantos outros heróis desgraçados pelo tempo
    e elevados pelo mesmo…

    um povo que ama seu lider
    e uma pergunta a aqueles que os julgam como bestas endiabradas
    será que ele foi tudo o que vc’s vociferam se o seu povo os ama?

  4. Andres disse:

    Realmente é um Uaz que já tive o prazer de dirigir, kkk Tive um jipe Willys 57 e o prazer de dirigir esse jipe russo é tão bom quanto. Abraço.

  5. Alonsista disse:

    Cara, que pena que não teremos um texto seu sobre o Fidel. Eu, e milhares de pessoas, gostaríamos muito de ler o que você tem. pra dizer sobre o comandante. Espero que você reconsidere essa decisão. Nós, a esquerda, que não temos tanto espaço na mídia como a direita, precisamos de todas as vozes que lutam contra as injustiças, e você, Flávio Gomes, é importantíssimo. Gostaria de escrever tão bem quanto você, assim conseguiria convencê-lo a mudar de ideia através desse comentário. Escreve aí, vai. Quem sabe assim eu entenda o que passa na cabeça desses malucos pra manter o embargo até hoje…

  6. Carlos disse:

    Bem, vi uma foto da frente do tal “jipe” em outro lugar.
    Deve ser um UAZ, de procedência russa ou algum outro lugar da extinta União Soviética. Lembro-me de ver algo semelhante rodando pela Itália há trinta anos atrás.
    Quanto as demais manifestações de apresso ao falecido, são decorrentes do legado deixado pelo comunismo, que o regime seja enterrado de barriga para baixo, caso esteja vivo, que cave para o lado contrário…

  7. Durvaldisko disse:

    Fidel ,que a maioria “conhece”, ´e uma produção da mídia. Um longo processo de propaganda iniciada nos primórdio dos anos 60,quando Fidel recusou-se a ser uma versão barbada do sargento Fulgêncio Batista. Também não concordou em se tornar um Porto Rico, talvez futuro”estado associado “,algo ,que nem mesmo os americanos conseguem definir com clareza..Aproximou-se da URSS,por razões estratégicas, a mesma que rege casamentos de conveniência.Cuba tinha um dote tentador,os soviéticos proporcionavam o que os americanos lhe subtraíram.O restante da história é conhecido por quem é apreciador das novelas da Globo.O rejeitado procura a mesquinha vingança,até as mais sórdidas,embora no fundo cobice a noiva perdida. Portanto é uma história algo shakespeariana,mas com toques tropicais de um Gilberto Braga…

  8. Fernando disse:

    Fidel, para o bem ou para o mal, impossível discutir isso, o dilema: Até que ponto “fazer o bem para um povo” justifica tiranias? Impossível discutir isso também. Fidel foi um tirano do bem? Não sei… penso que não. É só opinião. Penso que foi apenas um tirano, que livrou Cuba de outro tirano, e agora lá são dois tiranos a menos. É triste para alguns, é indiferente para outros. Penso que quem aceita um tirano aceita todos, aceita a tirania. Fidel foi só o mito? Provavelmente. Não acredito em tiranos “do bem”, e continua sendo apenas minha opinião, meu pensamento, colocados educadamente, como sempre.

  9. RICHAR PIVA disse:

    VIVA FIDEL!! VIVA FLAVIO GOMES!! VIVA LUIS INACIO LULA DA SILVA QUE ACABOU COM A FOME DESTE PAÍS!! PAÍS NO QUAL MORRIAM 300 CRIANÇAS POR DIA NA ÉPOCA DO SR. FERNANDO HENRIQUE CARDOSO!!

  10. Douglas disse:

    Acho que seria uma leitura hilária uma série de posts com tudo que é merda que você recebe e acaba descartando. Claro qeu vai dar algum trabalho. Só uma sugestão.

  11. Fernando disse:

    Cara contraditório do cassete rapaz, no post seguinte fala “que todos somos coitados”. Decide pô!

  12. victor freire disse:

    já cantaram a pedra mas eu vou reforçar: uaz-469. simples, robusto, passa por cima de pau e pedra.

  13. Ângelo Mello disse:

    Acho que vc está certo quando opta por não escrever sobre Fidel. Afinal, o que tem de gente dizendo que Fidel era um ditador sanguinário, mas que idolatra os “states” que provocaram a morte de 600 mil só no Iraque… O Brasil é uma país de gente tacanha, manipulável, que acha que o mundo é preto ou branco. Não perca seu tempo jogando pérolas aos porcos. E meus pêsames pela perda recente.

  14. Carlos Martel disse:

    Por esse critério, o povo da Coréia do Norte é muito mais carinhoso.

  15. João disse:

    Oi Flávio!
    Acompanho seu blog por gostar muito de automobilismo.
    Acabei de ver no face, comentário sobre aposentadoria do Rosberg, será verdade?
    Sucesso e quem sabe um dia nos encontremos.
    Att.
    João

  16. Thiago disse:

    Até pq quem não tinha carinho por ele costumava terminar ou na vala, ou expulso

  17. Banana Joe disse:

    Deixem o Fidel em paz.
    Era um homem público como qualquer outro, cometeu erros e acertos.
    Vai ter defensores aguerridos e críticos ferrenhos da mesma forma que a maioria dos líderes políticos relevantes do cenário mundial.
    Fidel, Lênin, Kennedy, F.D.Roosevelt, Mao, Thatcher, Churchill, Mitterrand, Gorbachev… todos tem seus esqueletos no armário.
    Seu maior mérito foi entrar para a história (independente de seus atos) mesmo comandando uma ilha minúscula e economicamente irrelevante no cenário mundial.

  18. Barreto disse:

    Caro Jornalista Flávio Gomes

    Em primeiro lugar, meus pêsames pela perda brutal acontecida nesta semana.

    Este espaço é seu, fale sobre o que você desejar. Adoro aprender coisas com você e o jeito como você escreve é um dom divino.
    Aprendo e me divirto com seus textos e desde priscas eras minha admiração pelos seus pontos de vista só aumenta.

    No começo acompanhava seu blog por causa da F1. Um tempo depois o escriba mostra seu lado humanista e de esquerda, depois mostra que não tem papa na língua, depois descubro que ele gosta de carros antigos (
    que eu gosto de chamar de velhos, pois cheiram a minha infância). Aí vieram dicas de como melhorar uma caipirinha, confesso que fiquei na espera sobre dicas sobre marcas de boas cachaças. Um dia sai um comentário belíssimo sobre Deus ter feito Elisabeth Shue. Confesso que sinto um pouco de inveja do seu talento em escrever. Roubar-lhe 1% será que te faria falta?

    Engraçado que sobre textos maravilhosos, como o dedicado a Cláudio Carsughi, um dos melhores da sua lavra, eu não consigo reter tantos detalhes.

    Compreendo sua raiva com esta verdadeira escumalha de valentões de teclado, muitos dos quais mal intencionados, porém a grande maioria não passa de um bando de maria-vai-com-as-outras (tem hífen) de pensamento binário e QI de ameba, mas fazer o que, pois estas pragas se alastram mais que tiririca no pasto.

    Força e ignore os ignorantes. Escreva sobre o que quiser, aqui é a sua casa e quem não quiser ler o que escreve que caia fora daqui.

  19. Hans disse:

    A alguns anos atrás comprei uma moto. Já tive outras mas essa era uma moto de alta cilindrada. Moto grande, como falam.
    Andava sozinho, até receber o convite de fazer uma viajem de dois dias pra visitar um ponto turístico. E assim eu fui. Eram 28 motos na viajem. Foi incrível.
    Dalí nasceu uma boa amizade entre o pessoal que é da minha cidade. Sempre nos encontrávamos e passeávamos, levando as esposas de carona umas vezes, outras andando sozinhos.
    Aí inventaram de fazer churrascos pra confraternizar o pessoal. E então o grupo que era pra andar de moto passou a se preocupar mais com o churrasco do fim de semana do que propriamente a passear de moto. E também no grupo se sobressaiu um líder natural, que montava os esquemas de viajem e churrasco. Depois, mas churrasco. Acontece que o que unia o pessoal eram os passeios de moto. Somos pessoas diferentes, diferentes backgrounds, diferentes rendas, diferentes pontos de vista.
    E assim o grupo se desfez. Éramos bons amigos, mas pra andar de moto. Com certeza era possível contar com qualquer membro da turma se o assunto era moto. Porém quando passou pro churrasco…
    E assim, perdi a maioria dos parceiros de passeio. Eles preferiram o churrasco. Mas por gostar tanto de andar de moto, encontrei um novo grupo, com os mesmos ideais de moto que eu compartilho. São apaixonados pelo brinquedo de gente grande. Só que já estão começando a querer fazer churrasco aos finais de semana….
    É.. deve ser a natureza humana mesmo..

  20. Otavio disse:

    Eu gostaria de ler sua opinião sobre Fidel.
    Acho bonito a maneira que vocês, adoradores de Comunismo discorrem seus textos. Demonstra uma cultura elevadíssima e escrita belíssima além de muito conhecimento. Se eu não tivesse um mínimo de consciência me sentiria um merda desinformado e alienado a tantas verdades que saltam aos olhos que só vocês conhecem e fazem o favor de compartilhar em qualquer debate político!
    Se achar que não deve opinar sobre o tema é direito seu, mas é direito nosso contestar ou não concordar quando opina. Quem vem aqui vem por causa do automobilismo não por políítica. Não aceita respostas contrárias à sua, desative os comentários. Ai você pareceria mais ainda com seus ídolos.

  21. ags disse:

    Tem um ano 2015..tinha um com capota de aço removivel pra vender em uma garagem de automoveis usados em Gyn..Verde…inteiroooo..pneus ainda com a sigla. Made in Russia… deveria ser de algum adv mala..rss

  22. Luciano Basso disse:

    Flávio:

    Se não quer falar deixe imagens falarem por você.

    O link a seguir http://bit.ly/2gs3XNM foi tirado de um banco de imagens confiável e capitalista, de propriedade dos Bush (é, aqueles). Nele podemos ver pelas fotos a quantidade de pessoas que realmente estavam nestas manifestações pró Fidel (as imagens da BBC não dão a noção correta), como estavam com a expressão de estar ali à força, como a beleza das pessoas e dos lugares foram impactados pelo regime socialista e principalmente de que maneira gostavam do seu ex-ditador.

    O mundo não é preto e nem branco e eu também não sou. A grande crítica que dá para fazer a eles é a ditadura em si, nunca é justificável, principalmente quando o ditador afirma que o povo lhe ama. Mas negar que transformaram uma ilha república de bananas em algo muito interessante para seu povo é mentir pra si mesmo.

    Aconselho a ver o filme Surplus, que mostra um pouco do contraste do consumismo e do socialismo.

  23. José Luiz Pereira da Cruz disse:

    Não tenho nada contra quem defende a era Fidel Castro em Cuba, porém acho incoerente dizer que a gestão do mesmo para com o povo e o país foi honesta sem ao menos ter vivido o dia a dia e experimentado o estilo de vida cubano.

    • Flavio Gomes disse:

      Então não posso ter opiniões sobre o nazismo, também, porque não vivi na Alemanha nos anos 30? Quanta bobagem, pelamor…

      • Irapuam disse:

        É, isso é verdade. Aliás, todos podemos e devemos ter opinião. Seja a favor ou seja contra.

        E tão importante quanto ter opinião, é respeitar a opinião dos outros.

        Julgo também, que há muito valor em expressar nossas opiniões com respeito.

        Vale para ambos os lados. Se é que existem lados….

  24. Jason Vôngoli disse:

    É o UAZ-469, um clássico das Fuerzas Armadas Revolucionarias (FAR) de Cuba.
    Lançado em 1971, esse 4×4 soviético é fabricado até hoje com mínimas modificações. Mas o todo-terreno que o comandante realmente curtia era o antecessor desse: o GAZ-69. Há várias fotos de Fidel ao volante ou no carona – algumas já no século XXI!
    E antes que eu me esqueça: ¡Que viva Cuba! ¡Que viva Fidel, carajo!

  25. ze otavio disse:

    Flavio, sinto pela perda de seus amigos, sei como é ser sei amigo, sua fidelidade, sua dedicacao, seu respeito, sua confianca cega.

    Agora, como escritor, voce sabe que o que importa e contribui para o desenvolvimento do lado humano das pessoas, é poder ter acesso a textos bem escritos por pessoas inteligentes e preparadas, pois toda leitura gera conhecimento e o que voce escreve, com dedicação, carinho e capricho, só nos faz crescer, amadurecer e ter mais vontatde de ler.

    Não deixe de escrever, por nada, deixe que critiquem, pois voce sabe que, com seus textos e sua sinceridade simples e pura, muita gente para para pensar e outros tantos aprendem a gostar de ler, melhor ainda se for um texto bem escrito, como os seus.

    Bjs, Zé.

  26. Mauro Oliveira disse:

    Rapaz e esse asfalto liso aí? aqui na minha cidade não isso não

  27. Guilherme Rj disse:

    Bom, Flavio, assisti emocionado ao programa desta tarde da FOX. Era visível a dor que cada um de vocês carregava pela perda dos seus companheiros de trabalho, além da tragédia ocorrida com todos naquele fatídico voo.
    Mas sou mais um que apóio algumas palavras sobre Fidel. Com sua boa escrita, sempre aprendo mais.
    Mas sei que a intolerância de alguns acabam por te encher o saco.
    Um abraço fraterno e meus sentimentos a todos da FOX.

  28. J.R.DURAN disse:

    caraca, mas pelo menos estamos de acordo que é um UAZ sovietico…?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>