MENU

quarta-feira, 31 de maio de 2017 - 17:07Automobilismo brasileiro

DARCY DE MEDEIROS, 73

SÃO PAULO – Darcy de Medeiros, figura história do automobilismo brasileiro, morreu hoje em São Paulo, vítima de infarto. Ele tinha 73 anos. Desde a década de 60, quando conheceu Wilson Fittipaldi Jr., atuou nas pistas em várias categorias. Ajudou a desenvolver os primeiros Fórmula Vê, acompanhou Wilsinho na Europa desde a F-3 até a F-1 e participou como mecânico-chefe do projeto da Copersucar. Trabalhou ainda com Christian Fittipaldi, Hélio Castroneves e Tony Kanaan, entre muitos outros.

Darcy participou ativamente, junto à Dana, do restauro dos carros da Copersucar que hoje estão com a família Fittipaldi. Estava trabalhando com Wilsinho na F-Vee brasileira. O velório acontece a partir das 22h no Cemitério da Saudade, em Taboão da Serra, e o enterro está previsto para as 9h de amanhã.

DARCY73

16 comentários

  1. Giuliano De Corti disse:

    Cercando nelle mie foto da tifoso della Formula Uno ho trovato le foto e le lettere che nel 1976/77 scambiavo con Darci. Le scriveva in italiano Giuliano che, se legge queste righe, forse si ricorda di una lettera, con il disegno di una vettura molto particolare per il 1978. Ho un ricordo bellissimo di Darci e della squadra e mi dispiace tantissimo della sua scomparsa. Mi ha fatto conoscere la “follia” della gente brasiliana, che da quella volta ho imparato ad amare. Ciao Darci, riposa in pace.

  2. Giuliano Contrucci disse:

    Grandissimo amico. Ricordi del tempo alla Copersucar Fittipaldi. F3…F4… F5 e F6. Nostalgia. Addio amico. Giuliano

  3. Fernando de Almeida disse:

    Fiquei sabendo e fiquei muito triste, apesar de nao ter contato a tantos anos. Meu tio Mazinho trabalhou com ele em varias categorias. Lembro de ir com eles no caminhao na sexta, a montagem dos carros da Stock (aqueles opalões de fibra) e depois no domngo a noite seguir no sentido inverso em interlagos para pegar as placas de publicidade na parati dele. E de brincar na unica pisicna do bairro… Vai em paz

  4. Michel Lauro disse:

    Só vi hj essa notícia , que triste . No sábado 20 de maio eu estava em Interlagos e vi as duas provas da F1600 e uma da FVee, mas nesse dia eu vi todas as provas do “S” e da arquibancada da reta e não fui ao boxes. Meus sentimentos a família.

  5. Razor disse:

    Trabalhei com o Darcy duas vezes, ambas relacionadas à construção/restauro do FD-01, e posso dizer que ele era uma pessoa de coração maior que o mundo. O chefe chato mais legal que tive. Minhas condolências ao Peterson e à sua família.

  6. Paulo Emilio disse:

    Que tristeza sua morte ! Na minha opinião jovem ainda ! Este era mais do que um simples mecãnico ! Era um dos símbolos do automobilismo anos 60 e 70 para mim ! Tenho dezenas de fotos dele, sempre ao lado do Wilson Fittipaldi Junior, Ricardo Divila , no Brasil, nos anos 60 e posteriormente na Europa ! Cuidava dos carros do Wilson na Formula 3 e na Formula 2 , Sem contar sua brilhante participação em toda a aventura da equipe Fittipaldi na Formula 1 ! Deste pode-se dizer que viveu fazendo o que gostava e bem ! Um homem realizado pela sua competência e seu trabalho ! Trabalho duro , que entrava pelas madrugadas frias na Europa, trocando motores etc ! Um exemplo para os jovens do Brasil de hoje , onde infelizmente quem é noticia e se dá bem são os ladrões , corruptos, corruptores e os privilegiados por penduricalhos e outras mordomias deste sistema que tenho certeza não vai durar !

    • Renata Ribeiro disse:

      Em nome de nossa Família muito obrigada. MUITO BOM VER O RECONHECIMENTO DE VCS POR TODOS SEU TRABALHO.QUE NA VERDADE ERA SUA VIDA. O MOTIVO DE TODOS SEU SORRISO. Renata e Peterson Medeiros

  7. Oscar Moraes disse:

    Cerca de 1 mês atrás tive a oportunidade de testar por 1 dia inteiro o Fórmula Vee em Piracicaba. Dia perfeito, com mais de 3h de pista. O “Seo” Darcy foi um dos encarregados da FPromo por cuidar do meu carro, o que só fez com que minha alegria fosse ainda maior.

    Ao longo do dia, recebi dicas, escutei histórias e ao final recebi um grande abraço, por ter virado um tempo muito bom para alguém que sentava no carro pela primeira vez.

    Deixo aqui meus sentimentos para os familiares e todos que trabalham na Fórmula Vee. O “Seo” Darcy foi um dos grandes!

  8. Felipe Marques Lopes disse:

    E ele ainda trabalhava, por sinal, quando passou mal, estava na oficina, uma oficina de preparação para carros de corrida, praticamente na esquina da rua onde morava, próxima ao cemitério Israelita. Muita história alí!

  9. askjao disse:

    Deve ter muita história para contar. mas estranho é o horário do velório à noite. nunca vi isso

  10. RICARDO DIVILA disse:

    Velho companheiro de corridas, trabalhamos juntos por mais de 50 anos. Foi o parceiro nos anos 70 integrando a equipe Fittipaldi-Bardahl em F2, quando cruzamos o continente Europeu fazendo cerca de 40 corridas por ano, fora as temporadas na America do Sul. Nos antecedentes o seu trabalho com a Dacon e Jorge Lettry. Trabalhou em quase todos os carros de corrida iconicos das nossas pistas.

    Um dos pilares da equipe Copersucar, apos o retorno ao Brasil foi quem se ocupou do Cristian no seu comeco na F Ford, e ultimamente responsavel mecanico na F V Brasil, vai fazer falta aos amigos e ao automobilismo Brasileiro. Um adeus ao ‘Veio”.

    Os pesames a sua companheira Dina, o filho Peterson.

    • Giuliano Contrucci disse:

      Ciao Ricardo. Solamente oggi so di questa notizia triste di Darci, Comunque cerchiamo di ricordade i migliori momenti che assime abbiamo vissuti. La Famiglia Fittipaldi sempre li sara grata per tutto. Nostalgia del vecchio amico. Salutone

  11. Douglas Cavallari disse:

    Olá Flavio, valeu pela lembrança! Eu trabalhei com o “Véio” no restauro dos Copersucar e tive a felicidade de me tornar um amigo dele e da família. Ainda não dá para acreditar que não teremos mais a companhia dele nas pistas. Grande profissional, ótimo amigo, paizão, uma “figuraça”. Nosso automobilismo perdeu um pouco da graça hoje. O “Véio” Darci vai fazer muita falta!

    Para quem não teve a satisfação de conhecê-lo, vale a pena ler essa pequena biografia que o Lemyr Martins escreveu no livro sobre a história da equipe Fittipaldi: http://dana.com.br/social/nossos-projetos/equipe-fittipaldi-de-f1/o-fd-01-estava-a-salvo/

    • José Aurélio Rocha disse:

      Genial o link deixado como indicação pelo Douglas Cavallari. Na última semana, ainda agora, passados alguns meses do falecimento do “Seo” Darci, vi pela primeira vez o programa do Paulo “louco” Figueiredo no Canal Discovery. Ao final do programa, em razão do falecimento, houve uma homenagem com a publicação de uma legenda ao lado de uma foto do Darcy. O programa retratava, entre outras coisas, a restauração de um brabham amarelo de 1972 utilizado pelo Wilson Fittipaldi. Esse que foi o primeiro episódio do programa Classicomaníacos mostra esse brabham no momento da compra, e depois já restaturado contando com a consulta e ajuda do Darcy Medeiros. Como não sabia do ocorrido, e vi aquele senhor com entusiasmo trabalhando, e sendo consultado pelo enorme conhecimento, ao final não tive como não ficar chateado e lamentar a ausência de alguém que foi parte integrante e essencial do automobilismo nacional. Lendo todos os comentários aqui, e vendo o quanto o “Seo” Darcy contribuiu com a história do automobilismo e dos irmãos Fittipaldi, e como ele “salvou” nossa história ao manter sob os seus cuidados o Copersucar FD 01, depois participando de sua restauração, tenho a mais absoluta certeza que ele teve uma vida realmente bela, e muito generosa com todos os que tiveram o prazer de ter a ajuda dele. Deus o tenha em bom lugar!

  12. Márcio Montechese disse:

    Flavio, eu soube da notícia de manhã e fiquei esperando você postar. Merecida homenagem ao Darcy.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>