MENU

domingo, 2 de julho de 2017 - 12:30Enigmas & desafios

DESAFIO DO DIA

Vamos ver quem sabe o que essa gente toda está fazendo na mureta do viaduto. É só para ver a linda caixinha de fósforos passar?

fiategente

32 comentários

  1. Sydnei Alves disse:

    Já tive um 147 e eu sempre viajava pelas montanhas de Minas cantando esta musiquinha:
    Caixitin, caixotin danado
    Que não sobe moro sem um rateado
    Ô caixotin, quem te fez assim
    Que pra subir moro é tão ruim.
    Hahahahahahahahahahahaha.

  2. Rubens disse:

    Essa belezinha de 147 enche os olhos de qualquer bom cidadão e vale todo risco.

  3. Mr. Inforrock disse:

    Paraná Clube
    Colorado + Pinheiros = Se pegarmos os titulos dos 3 mais os de seus fundadores, é o Clube com mais titulos de campeão paranaense do estado!!!!
    Deveria existir um campeonato a parte no Brasil, com os seguintes times:

    Paraná Clube pr
    Portuguesa sp
    America rj
    America mg
    Juventus sp
    Bangu rj
    Remo pa
    Gama df

    Flavio Gomes, aquele abraço meu camarada!!!!

  4. kaio disse:

    pucha vida, ali do lado direito do predio tem o circo wostock ou orlando orfei, bem no topo do morro, dá pra ver a tenda dele, hoje ali é o Senac. ki legal……..

  5. Toni Righi disse:

    A abertura e a altura da tomada da Google Cam é bem diferente mas o local é o mesmo:

    https://s24.postimg.org/iuu6jb02t/Colorado.jpg

  6. ac disse:

    Campeonato mundial de suicídio coletivo – modalidade salto de costas.

  7. Allan disse:

    Moleza, o famoso “Setor V” (v de viaduto) do Estádio Durival Britto e Silva, a querida Vila Capanema, deve ser jogo do Colorado na época… hahaha tinha também o “Setor V2″, (vagões) estacionados ao fundo do estadio no patio da Rodoferroviaria… o estadio com a alma mais pura do estado.

  8. Antonio disse:

    Viaduto do Colorado, no bairro Capanema (hoje Jardim Botânico) em Curitiba, passo ai quase todo dia. Nada demais para quem conheceu o lugar, no tempo em que os Fiat 147 habitavam as ruas. Jogo do saudoso Colorado (atual Paraná Clube, completando este ano uma década ininterrupta na série B) em que boa parte da torcida – eu diria, a maioria – se empoleirava na passagem de pedestres do viaduto para assistir ao jogo. Por questões de segurança, anos depois colocaram um paredão no estádio, o que impede hoje em dia que esta cena (inclusive com o 147) se repita.

  9. Marcelo Chichanoski disse:

    Não estou estou reconhecendo os prédios ao redor, mas pode ser Curitiba no viaduto do Colorado….

  10. Peter Zero disse:

    A torcida esperava o jogo no estádio Durival Britto aqui em em Curitiba, depois instalaram placas para bloquear a visão. O estádio foi sede de dois jogos na Copa do Mundo de 1950, ainda existe, atualmente é do Paraná Clube.

      • João Paulo Passarelli disse:

        Flávio,

        Tomado pela curiosidade literária de boteco, fui ver do que se tratava o link e entrando nessa discussão estéril, sem palavras difíceis porque não sou um babaca metido a intelectual desprovido dos valores materiais, te afirmo: o Brasil é essa merda pela quantidade de seguidores que apoiam as mentiras que escreve. Os que te apoiam são uns acéfalos. Duas coisas que vc esquece muito oportunamente de escrever: 1. O Pt está incluído nessa podridão com todos os outros, em Brasília são todos um só partido, imbuídos na trama de nos enganar a todos, eu, vc, os que pensam e os que não pensam, seus seguidores; 2. Afinal, se vc não é da classe média, que abomina, só restam duas classes, os ricos e os pobres. Quem é então vc, Flávio, que tem uma coleção de carros, curte um esporte de ricos e tem blog e programa na tv do esporte dos mesmos ricos que abomina? Cara, cria vergonha nessa cara e vê se defende seu país, o Brasil.

      • Flavio Gomes disse:

        Vai cagar, rapaz.

      • arnilha disse:

        Deveria, rs… pois é sensacional!

        Entro no blog todos os dias, mas nem sempre lembro de entrar na sua página do FB. Muitas vezes perco algum excelente texto que está apenas lá.

        Abs.

      • Guilherme disse:

        Independentemente disso, penso igual… a hipocrisia impera no nosso país.

      • Felipe disse:

        Mas é um baita texto!!!

      • ju disse:

        pois deveria.. temos que destruir essa direita nojenta

      • moisesimoes disse:

        - Os batedores de panela (vão pagar o pato?) estão adorando a repugnante representatividade do senador mineiro em sincronia passiva e vergonhosa do STF. A mídia especializada em destituir um governo legítimo através de uma pedalada, caga-se de omissão e covardia. Todos os envolvidos, dignos de medalha e honra ao mérito. A coisa fede debaixo do nosso nariz.
        E o país dos trabalhadores não tem mais jeito.

      • Giovani Blumenau SC disse:

        Flávio, Texto espetacular nessa era de desalento. Nasci tarde pra apreciar no auge a genialidade de Raul e Belchior, e agora vagamos num manto negro de cansaço, mediocridade e maldade, sim um país fica doente como pessoas. Sobra um Fagner abraçado num Aécio e um Caetano que não aprendeu nada com Dona Canô que o avisava pra cuidar de Lula e que Geddel Vieira Lima era o pilantra que era, Mas parafraseando Belchior em seu texto “Eu quero que esse canto torto, feito faca, corte a carne de vocês” e cortou… Parabéns, escreva assim nem pense em ficar cansado!

    • Erasmo disse:

      Sei que aqui não é o lugar, mas o texto é fodão. Concordo com tudo. Parabéns mais uma vez!

  11. Chupez Alonso disse:

    Arriscando cair e se machucar.

  12. Flavio Bragatto disse:

    Este modelo ainda é o primeiro 147 (arrisco dizer que 76 ou 77), pois a tampa traseira ainda está com o vidro vigia pequeno.
    A lanterna é toda vermelha e há abafador na saída de escape.

  13. Leovegildo Fernandes disse:

    Se fosse na Índia eu diria que estariam todos cagando. Mas no Brasil, não sei.

  14. Bru Bozza disse:

    Opa, essa eu sei! Estão no viaduto aqui perto de casa, pra ver o jogo do Colorado, conhecido atualmente como Paraná Clube

  15. Haha legal! Quarta-feira vou para o local em homenagem à todos dessa foto. Inclusive o 147.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>