MENU

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018 - 17:28Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10″: MENINO MARRENTO

29 comentários

  1. Luiz Carlos Barbosa disse:

    Que diferença da época de Nigel Mansell e Nelson Piquet para os dias de hoje em que a equipe Williams só pensa “naquilo” $$$$$$$

  2. Tom disse:

    Até hoje,estão falando do massacrado? ,o cara pode ser pagante mas falou o que pensa…,o que o moleque iria aprender com o massacrado?? Saber escolher os pneus corretos em condições adversas na pista???kkkkk.Sem patriotada gente,o Massa não é o pior do grid,mas na referida corrida que ficou com os pneus errados,mostrou claramente ,que é o mais burro da categoria..Então vamos encarar a verdade.

  3. mario aquino disse:

    Sabedoria não se adquire, ou se nasce com ela ou se canta de galo o resto da vida.

  4. Mauro Oliveira disse:

    A estupidez dos comentários chegou a esse blog……até mais.

  5. Elcio disse:

    O ano até pode ser tenso, mas dinheiro não vai faltar!!
    Pra mim, vai ser atropelada pela McLaren e Renault!!!!

  6. ags disse:

    Não posso comentar…….Ordens superioras..

  7. Speedy Racer da Mooca disse:

    Crianças endinheiradas que brigarão pela melhor sobremesa. Titia Claire, diretora da “escolinha” Williams, terá problemas para, digamos, educar os meninos, já que depende das “mensalidades” tão necessárias para manutenção da brincadeira.

  8. Pedro disse:

    Continuará “humilde” quando levar um ferro do Sergey Sirotkin?

  9. Anselmo Coyote disse:

    O Max Verstapen disse que não está na F1 para aprender (adversários não ensinam) mas para ganhar. Pensamento lógico.
    Stroll entrou na F1 pelo dinheiro. Schumacher também.
    Com Senna foi diferente: foi piloto pagante no kart.
    Assim como se encontrou no meio da temporada em que teve um início ruim ele, Stroll, vai encontrar o meio termo para manifestar tbm. Afinal nem tanto ao céu nem tanto à terra.
    Ingenuidade é eu achar que um menino rico como ele vai ter as mesmas perspectiva diante da vida do que eu que tive de trabalhar para comprar cada botão da camisa que visto.
    Abs.

  10. Brabham-5 disse:

    A verdade dói.
    Ainda mais quando se é tomado do pachequismo brasileiro.

  11. Julio disse:

    Eu quero ver porrada mesmo! Eles vão enlouquecer a Williams a ponto do Frank levantar da cadeira! Não desejo nenhum dos dois machucados mas seria legal ver uma toques em porva e uns barracos nos boxes! Estilo Schumacher x Coulthard

  12. Carlos Henrique disse:

    Acho que é falta de inteligência mesmo. O Massa talvez tenha mais tempo de carreira do que o Stroll tenha de idade, é óbvio que mesmo indiretamente numa situação como essa uma pessoa acaba aprendendo algo.

  13. Amaral disse:

    Fosse o Max Verstappen falando, não me supreenderia nem um pouquinho. Até esperaria uma atitude dessas. Vou cair da cadeira se eu ouvir um dia ele dizendo que é grato a alguém que não seja o pai dele.
    Mas esse aí, mal saiu da mamadeira, pilotinho pra lá de mais ou menos, é até ingratidão. Se bem que gratidão nunca fez parte de esporte a motor, concordo. Mas esperar o quê de um cara que só chegou à F-1 pelo dinheiro (quase) infinito que tem, pois o que mostrou até hoje foi impulsionado pelo equipamento que pôde pagar?
    É esse líder que a equipe escolheu pra esse ano? Parabéns. A equipe entra não num processo de “Sauberização”, como li em algum lugar, acho que no próprio Grande Prêmio. Acho que já iniciou direto com o processo de “Manorização”. Estou começando a deixar de sentir saudades da equipe. Os últimos garagistas perecerão, infelizmente. De forma melancólica.

  14. Danir disse:

    O fato é que o maior talento do Stroll é o dinheiro do pai. Se eu fosse o Massa, não me preocuparia, mas faria sim a observação que ele fez. Todo piloto que corre na F-1 tem que ter algum talento. O Stroll está no lado de baixo desta medida.

  15. Mansell disse:

    Williams será a oitava ou nona equipe em 2018. Anotem

  16. Thiago Azevedo disse:

    A brincadeira vai ficar cara.

  17. Ulisses disse:

    Stroll é coxinha, portanto, … normal essa pequena indelicadeza.

  18. S. disse:

    Não falou nada demais. Apenas disse que não faz diferença o companheiro de equipe que ele tem… Não vejo deselegância nenhuma nisso, tampouco ingratidão. Pelo contrário, ele demonstra confiança ao dizer as coisas dessa forma. Acho que tá faltando notícia mesmo, para que isso ganhe repercussão que suscite discussão…

  19. Toni Righi disse:

    Com ou sem mentor a temporada 2018 confirmará se ele não é uma mentira.

  20. Zé Maria disse:

    Picuinha infantilóide, esse pessoal da F1 é muito cheio de não-me-toques.
    Relembrando que quando o Raikkonen chegou chegando, vindo direto da F Renault e correndo meio que sub júdice, com todo mundo louco para expulsá-lo da F1, ele não precisou de tutor, mentor, professor ou o escambau a 4, foi lá, sentou na barata da Sauber e deu o recado.
    E com a qualidade dos simuladores de hoje, bastaria ao canadense gastar umas 200 horas de vôo no simulador e pronto, o resto vem com o tempo.
    Acho mais é que o brasileiro, já fazendo hora extra faz tempo na categoria, desejava ser bajulado pelo canadense, só que o tiro saiu pela culatra.
    Pensando bem, se eu fosse o Stroll, teria o mesmo pensamento, apenas que não o exporia via imprensa, esse sim um erro talvez desnecessário.

  21. Eduardo disse:

    Fosse assim a Williams não iria buscar o Massa na aposentadoria. Teria posto qualquer outro. Não?

  22. Weber disse:

    Há algum tempo, vi uma entrevista do Massa ao Rubens Barrichello no programa Acelerados, e em determinado momento, discutiram sobre os tempos de Ferrari. Nesta ocasião o Felipe ressaltou o aprendizado que teve quando dividiu os boxes da equipe, na época como piloto de testes, mas também como parceiro do Schumacher, quando ele observava tudo, o modo de trabalhar, a forma como passava as informações para os engenheiros… enfim, teve humildade para tratar o alemão como “mestre” para ele, um novato de 19 anos que dava seus primeiros passos na Fórmula 1, foi uma grande escola. Humildade e sabedoria.

  23. João Paulo Toledo PIza disse:

    Honestidade ,Hombridade , menino mentiroso, mau educado e mimado ,a Williams pode mudar de nome a partir desse ano Strollbenga !!

  24. carlos motta disse:

    Filhinho de papai como ele é, não aprendeu a respeitar os outros.

Deixe uma resposta para Elcio Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>