HAAS VF-18 | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018 - 21:14F-1

HAAS VF-18

RIO (acabou o alalaô) – Começou a folia dos lançamentos de carros. De surpresa, a Haas divulgou hoje fotos e informações sobre o VF-18, o terceiro da equipe americana na categoria. A sigla VF, quando o primeiro saiu do forno em 2016, significava “very first”, se bem me lembro. Não sei se continua tendo o mesmo sentido. Pensei em brincar com as letras inventando novas definições para a sopa de letrinhas que acompanha os carros da F-1, mas estou pouco inspirado.

Também não vou ficar repetindo, como todos os anos, aquela história de que os engenheiros e projetistas mexeram nas asas dianteiras, nas asas traseiras, nas aletas, nos apêndices, nos túneis, nos defletores e na puta que pariu para “melhorar os fluxos de ar”. Cansei da piada.

E estou com dor de garganta, o que me deixa de péssimo humor.

O carro é este aqui. Vejam:

haas2018

Notaram o Halo? Como vamos falar desse negócio na TV? “Ralo”? “Rêiou”? ” Êilou”?

Vou tentar chamar de halo, mesmo, porque é mais ou menos isso mesmo: um halo meio fajuto, já que não é circular, um tipo de auréola protetora em forma de tira de chinelo, nada além.

Estou em dúvida se vou usar “Halo”, com H maiúsculo, ou “halo”, com H minúsculo, nos escritos. Preciso consultar Victor Martins sobre o tema. Será que vão registrar essa merda como nome próprio? O Hans a gente usa em maiúscula. Mas é uma sigla. Podemos grafar HANS, também.

Halo é outra coisa. Substantivo masculino comum. Acho que vou usar halo, caso contrário terei de escrever também “Asa”, “Aerofólio”, “Pneu” e “Motor”. Português não é alemão. Se fosse, estaria tudo resolvido. Todo substantivo em alemão começa com letra maiúscula, como “Lampe”, “Teppich”, “Schreibmaschine” ou “Bun­des­aus­bil­dungs­för­de­rungs­ge­setz”, coisinhas simples assim. Mas não é o caso. Enfim, depois resolvo isso.

Como o halo da Haas é preto e o carro foi fotografado com fundo preto, também, ele não agride demais a estética do automóvel. Acho que vamos acabar nos acostumando com essa bagaça. Os pilotos podem chiar um pouco no início, mas depois também se habituam. Vai ficar um pouco menos confortável para entrar no cockpit, e as fotos dos pilotos concentrados dentro de seus capacetes também vão desaparecer de nossas páginas — com aquele troço na frente, vai ser difícil um retrato decente.

E é isso. “Ah, mas o que você achou dos novos sidepods?”, vai perguntar algum chato de plantão. Nada, não achei nada, não achei porra nenhuma. E quem disser que achou alguma coisa está mentindo. Eu só me ligo nas pinturas. E como está parecida com a do ano passado, então não tenho nada a dizer.

56 comentários

  1. ManoloAD disse:

    Thank you Paulo Fonseca disse:, well that was an unexpected happy turn.

  2. Luciano disse:

    O site por está a cara do da Ferrari do ano passado. Se outras coisas forem baseados na Ferrari do ano passado, a Williams que se cuide.

  3. Raphael disse:

    Acabou o “alalaô” e começou o “halalaô”.
    Não me acostumo, é demais de bizarro.
    Mataram a beleza do fórmula por uma possibilidade de maior segurança. Não faz sentido. Adeus àquelas câmeras lentas mostrando detalhes do capacete, da viseira, também.
    Deveria se chamar HELLo

  4. Sergio Balbino disse:

    O VF-18 significa “Vai F**er 18 carros?
    Mas ficou bonito, hein?

  5. Paulo Fonseca disse:

    Prezado F&G :Mil dúvidas halo ?, bom já tenho opinião formada pela carlinga, que será usada na F-Indy, será melhor e mais segura.

  6. Rodrigo disse:

    Feio não está. O bico-bigorrilho no fundo a gente nem se atenta mais; pessoalmente sempre tive mais birra com aquela barbatana, que funciona melhor nos LMP1. O halo é uma bosta, e vai ficar pior quando os capacetes atuais, genéricos e multicoloridos, dos pilotos estiverem dentro deles. Minha garganta está ótima.

    E a pintura… cadê a Benneton, hein?

  7. Alessandro disse:

    Impressão minha ou esse espaço está definhando e ……..morrendo?

    • Flavio Gomes disse:

      Qual espaço, meu filho?

    • Robson Guimarães disse:

      Depois que começou a falar de política, o espaço está natimorto.

      • Flavio Gomes disse:

        Não, infelizmente assombrações como você continuam vindo aqui.

      • Natimorto que eu saiba é algo que já nasce morto ou teve uma vida muito curta. Por exemplo “a natimorta reforma da previdência”. Eu me lembro de ler esse blog a pelo menos 10 anos, portanto natimorto ele não é.

        Ao menos o comentarista anterior sugeriu que o blog estivesse definhando. Não faço ideia de números desse blog, mas naturalmente com praticamente todo o automobilismo parado, sobretudo a F1, carro chefe do blog e de todo o Grande Prêmio, normal que as postagens sejam mais escassas, além do que as pessoas tem que ter vida, sair, fazer outras coisas e não ficar na internet o tempo todo.

        De qualquer forma, talvez os blogs como um todo percam audiência porque as pessoas tem preguiça de ler, preferem canais no youtube a um texto em um blog, versão moderna para “esse livro é muito grande, vou esperar virar filme”.

        Mas temos a nossa resistência, de pessoas que preferem ler, portanto, vida longa ao Blog!

  8. rafael lunardi disse:

    Porra, esses bicos tipo Gonzo continuam, puta que pariu !!!
    Esses cabaços ainda tiram a mulherada do GRID !!! Essa F1 vai virar tipo uma INDY !!!

  9. Luca disse:

    Como todo o carro lançado pela Hass, o VF 18 é a Ferrari do ano anterior.
    Por isso eles conseguem lançar o carro tão cedo.

  10. Robson disse:

    Desde os anuários da F1 do português Francisco Santos tem gente que baba pelos desenhos do Giorgio Piola, falando de cada aleta, de cada reentrância, de cada formato da entrada de ar e das saliências das asas dos F1. Eu, como o Flávio, só presto atenção nas pinturas.
    Até porque a maioria das carenagens das apresentações serão muito modificadas até o primeiro treino livre. Muitos só pintam os carros do ano passado com os novos leiautes (PT-BR!) e patrocinadores.

  11. Paulo F. disse:

    Ate as gaiolinhas americanas são melhores resolvidas!

  12. Garlet disse:

    “Rêilou” hahahha

  13. Caio Cabelo disse:

    Halo é horrível! E na minha opinião ridícula ele é desnecessário. Corrida de carro vai ter perigo sempre. Não acredito q o halo vá salvar vidas.

    Mudando de assunto, você assistiu a séria de documentários da Amazon Prime “Grand Prix Driver” Sobre a construção da McLaren 2017. Como documentário achei um pouco fraco, mas as imagens da fábrica e do museu são lindas.

    https://www.primevideo.com/detail/0QG0TKNQ52D5DP6V6TZ1BRHVF3/ref=atv_hm_hom_c_8pZiqd_2_1

    Abraço!

  14. Jean disse:

    Me parece mais uma imagem gerada por computador do que uma foto do carro real.

    Uma bosta.

  15. Fernando Kowalski disse:

    Flávio,

    A Haas batiza os seus carros de F1 com a sigla VF como uma forma de marketing para sua empresa principal. A sigla VF remete a linha de centro de usinagem da Haas “VF series”, que de acordo com o site deles é o centro de usinagem mais popular do mundo. https://www.haascnc.com/machines/vertical-mills/vf-series.html

  16. Ricardo Bigliazzi disse:

    O halo será tão estranho como foram as “ridiculas asas dianteiras de alguns anos atrás”… depois de duas temporadas é capaz da rapaziada nem lembrar de como era um carro sem o halo.

    Segue o jogo, que o equipamento não cause maiores transtornos..

  17. Renato de Mello Machado disse:

    A única forma dessa merda do halo sair é ter um grande acidente,igual a porrada do Kubica no Canadá e não melhorar nada, em termos de segurança.O carro da Haas vai mudar muito até a pré temporada,mas sem dúvida é um boa propaganda mostrar o carro de surpresa. As pessoas pelo menos falam dele por algum tempo,até que caia em esquecimento.

  18. Rafa N disse:

    Como ficariam os mais belos carros da história da F-1, com essa merda de Halo?

    https://imgur.com/a/XYSP1

  19. Vinicius disse:

    1. Ficou uma merda o halo.
    2. Já chega destes horríveis bicos com mamilos.
    3. As laterais dos carros de F1 estão cada vez mais encolhidas. Não sei se isso tem alguma implicação aerodinâmica, mas, do ponto de vista estético, é feio.

    No mais, faltou cor e graça nessa pintura. Podia receber um azul para seguir a linha patriótico-histérica que os estadunidenses tanto curtem.

  20. edubassan disse:

    O que me chamou a atenção foi a base da barbatana continuar no carro. Como a equipe pintou ela de preto assim como o halo, ficou discreta nessas imagens. Eu achava que os carros voltariam mais limpos nessa parte superior do motor como o contorno branco dessa pintura sugere.

  21. Alessandro Silva disse:

    No embalo do mau humor vou eu…
    Perguntas:
    Se a maldita barbatana de tubarão foi banida, como é que aquele número “8″ se sustenta sobre a tampa do motor? É um holograma? Ou é um número virtual que paira sobre o carro como naqueles jogos arcade de corridas?
    E o maldito e asqueroso bico “teta”? Não vão banir esta porra também? Ah mas se tirar isso os carros não conseguirão usar o ar que passa por baixo do bico para as laterais! A Mercedes consegue! E mais, quando baniram o difusor traseiro duplo todos os carros perderam em aderência, mas perderam juntos! Então ficou tudo na mesma.
    Agora, sobre o halo não aparecer sobre o fundo preto estrategicamente escolhido para não revelar o halo preto, fica a dica para FIA fazer todas as corridas a noite com pouca iluminação – de repente até podem colocar faróis nos carros – assim as pessoas não vão ter de olhar para essa abominação.
    No mais… não tem mais. Prefiro os carros da Indy!

  22. Leonardo Costa disse:

    Todo ano vem o tal do “vamos acabar nos acostumando” mostrando que sempre inventam algo feio para os carros. Bicos de pato, asas de barbeador, barbatana, bico de manjuba, motor de aspirador, halo e por aí vai.

  23. Levi disse:

    O ruim desse halo é que todo mundo sabe que é feio, aí pintam de preto pra ficar discreto.

    O sistema da Indy acho ruim pra F1 porque na Indy não se corre tanto na chuva. Plástico também suja e atrapalha a visão. E ainda existe o problema de todo material desse tipo ter um índice de refração, o que significa que a luz não chega aos olhos do piloto da mesma maneira que se não existisse o obstáculo. Como o halo não tem barreira visual alguma, esse problema não existe nele.

    • Alessandro Silva disse:

      Acho melhor você rever algumas coisas que disse. Se olhar com atenção os vários vídeos onboard da semana passada dos testes do windscreen da Indy vai notar que não há nenhum tipo de distorção da imagem.
      https://www.youtube.com/watch?v=vzVjWy6pIX8
      O próprio Scott Dixon – piloto responsável pelo teste – disse que não afetou em nada a visibilidade.
      Outro ponto já discutido no ano passado sobre a chuva é que existem desde os anos 80 substancias hidro repelentes que impedem o acúmulo de água na superfície aplicada.
      E mais, a própria FIA conversou com a Indy na semana passa para oter informações sobre o Windscreen com o objetivo de estudá-lo e quem sabe, em 2021 colocá-lo na Formula 1. Como sempre a FIA buscando soluções de segurança na Indy.

  24. Valmir Lopes disse:

    Tirinha de chinelo, foi o melhor nome. Fácil e sem frescura.

  25. Wanderson Marçal disse:

    Halo, aeroscreen, windscreen… Querem mais segurança? Eu acho justo, mas não mexam na identidade da bagaça. O open wheel tem uma característica específica, se desenvolveu e chegou em um estilo que 9 em 10 dos espectadores curtia (nunca haverá unanimidade sobre nada), mas era bom e até o 1 que não aprovava tolerava. Mas do começo dos anos 2000 pra cá aberrações têm surgido primeiro no campo estético por questões aerodinâmicas e agora em virtude da sanha em torno da busca pela segurança total.

    É isso que querem? pra mim a F1 morreu ano passado. E se a Indy adotar essa bagaça também paro de assistir. Tem Netflix, tem trocentas ligas de futebol (e a FIFA muito esperta nunca ousou mexer drasticamente no seu esporte, continua igual tem mais de 100 anos) e tem o protótipo e o turismo que é fiel á sua identidade. E entre a cópia e o original, sou sempre o original.

    Que a F1 fique com seu zumbido de maquininha de dentista e seu halo, Halo, RALO, a merda que for. Eu fico com mais horas pra dormir! Acordar cedo pra ver essa trapizonga nos carros? Sem chance.

  26. D disse:

    Tenho a impressão que deram a Ferrari do ano passado pra Haas. Também me ligo mais na pintura, mas como FG mencionou no final, fui dar uma olhada. E não é que é igualzinho o da Ferrari de 2017. E o bico também, a caixa de ar, idem. Até os pilares da asa dianteira tem apenas pequenas diferenças. Tem que ver isso ai…

  27. Flavio, eu soube da camisa 3 verde-água da Portuguesa em 2017. É minha cor favorita. Fica a sugestão de nova camisa 3 com a cor: camisa, calção e meias, detalhes em vermelho e verde-garrafa na camisa. E como acho que verde-água deixa a mulher bonita mais bonita, Lady Lu vestindo na apresentação faria o evento bombar.

  28. juca vasconcelos disse:

    Tenho uma dúvida.

    será que a mola que atingiu massa passaria ou não pelo halo?

  29. Jonny'O disse:

    Estou perdendo interesse por esse negocio, que tristeza!

    O estilo dos carros é quase como se fossem monomarca, deviam mudar regulamento todo ano pros caras quebrarem a cabeça e pingar algumas surpresas, tá morno e sem expectativas.

  30. Luis Felipe disse:

    Carai..tu tá mau humorado mesmo hein…!!

    FG o que significa ” Bun­des­aus­bil­dungs­för­de­rungs­ge­setz ” ?

  31. Roderico disse:

    Esses carros tão cada vez menos emblemáticos, mais fadados ao esquecimento. Já que não tem patrocínio master, enfia uma cor diferente, pra fácil reconhecimento nos autódromos, transmissões, enfim, algo que o diferencie dos demais. Carro bem sem graça…

  32. Mansell disse:

    O parabrisa da indy é muito mais bonito e talvez, mais eficaz.

  33. Yorkshire Tea disse:

    Guardadas as devidas proporções, não seria o equivalente ao santantônio? Há séculos que não ouço mais ninguém falar de santantônio, apesar dele estar ali, onde sempre esteve, atrás e acima do encosto do capacete. Agora, por que não chamar o tal de halo de “santantônio frontal”?

  34. ags disse:

    Já foi pro Ralo..rssssssssss

  35. perna quebrada disse:

    o carro até ficou simpático…

    Mas esse halo…. pelamor…

  36. Lisandro disse:

    Se eu fosse do marketing da havaianas…. já comprava espaço do halo!!!

  37. Julio disse:

    Na boa, com essa merda de halo até um Lotus, Tyrrell ou Minardi ficariam feios pra cacete. Nunca vou me acostumar com esse acessorio mimozento do caralho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>