ONE COMMENT | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018 - 16:03One comment

ONE COMMENT

Eu me sentiria mal.

61 comentários

  1. rogerio de carvalho disse:

    logo de cara parem o video em 33segundos, nao dá pra ver o final da reta dos boxes. então vai ter ponto cego, e o ponto cego vai estar bem na cara do piloto. imagina um ponto cego na velocidade que um F1 anda! Isso vai dar mierda.

  2. Iuri disse:

    Ficou igual a dirigir às Kombis do vidro dividido.

  3. Maurício disse:

    Será que dá pra ver as luzes da largada? Ou vai ter que ser estilo largada lançada onde a equipe berra GOGOGOGOGOGOGOGO!!!!! ?????

  4. Braúna disse:

    Eu achei que seria esquisito… E é pior do que eu imaginava!

  5. Esse troço é ridículo. Outra coisa: Acredito que tem piloto que deva sentir-se mal com isso. E pilotando de maneira desconfortável, pode até render menos.

  6. Gabriel P. disse:

    Não acho tão ruim assim, os pilotos podem usar aquela haste que liga o halo ao meio do carro como uma marcação para certos pontos da pista.

  7. J. Alves disse:

    Sei lá, se essa imagem reflete bem o que o piloto está realmente vendo… não me parece que faça muita diferença! Fiquei prestando atenção na pista e laterais, que são o que mais importa, e só um pouquinho da parte central é perdido. De resto, me parece que a informação de que o piloto precisa está toda lá –de novo, SE realmente esse vídeo mostra o qua o piloto vê, ou pelo menos uma aproximação razoável.

    Olhar para cima, só na largada, e aí talvez faça diferença, como alguém mencionou aqui antes. Vamos descobrir no primeiro fim de semana de corrida, se não testarem antes.

    Mas isso tudo tá com cara de muito choramingo e mimimi por nada, por enquanto… Veremos na prática, contudo.

    Pô, mas foram escolher logo um finlandês para fazer o teste? Não escutei quase nada do que o Bottas falou. :-D

  8. Giovanni disse:

    Posso estar eganado mas provavelmente esse halo vai ser banido pra próxima temporada.

  9. Valmir lopes disse:

    Horrorozo, nao protege nada,. Talvez a invenção mas abominável da f1

  10. FBugre disse:

    Fiquei imaginando o cara se posicionar pra largada e o semáforo ficar bem na faixa do halo. Com a restrição que tem pra mexer a cabeça, como faz?

  11. AS disse:

    … curioso pra saber como vai ficar as imagens geradas pelos carros durante a corrida, pq essa com o Halo da’ enjoo… muito estranha.

  12. Felipe Fugazi disse:

    Minha F-1 ideal e utópica.

    PROIBIDO:
    - Halo
    - DRS
    - Carros excessivamente longos
    - Motorzinho silencioso
    - GP Abu Dhabi

    PERMITIDO:
    - Motor Turbo grande, simples, barulhento e com mais de 1000 cv
    - GP da Holanda em Zandvoort
    - GP da Africa do Sul em Kyalamy (pro mundial ser realmente mundial)

    (E pra não fugir do tema do post, falam desse troço de Halo como uma questão de segurança… pilotos não podem ficar com a cabeça exposta e tal…
    Me falem dos pilotos da MotoGP.
    Eles correm com o corpo TOTALMENTE exposto)

  13. ags disse:

    Se existir um acidente fata, o B/O vai ser A chinelada fatal..

  14. WALTER CERVI disse:

    Os fãs reclamam…

    Daí chegam os pilotos, as equipes, alguns da imprensa, e dizem: “ah vocês acostumam”.

    Aquela frase padrão pra enganar tonto.

    Jamais comparem os pilotos do passado com esses da atualidade que usarão esse aparato patético. Jamais! Carro de fórmula é vento na cara e pescoço pra cima.

  15. Brabham-5 disse:

    CLAUSTROFÓBICO.

  16. Brabham-5 disse:

    Não percam as transmissões de rádio dos pilotos já na largada e nas primeiras voltas!
    Sera um festival de palavrões e reclamações sobre mais essa IDEIA IDIOTA.

  17. Brabham-5 disse:

    Eu já me sentia mal só com a idéia.
    Depois vieram as fotos. Agora os videos.
    Só vai piorando.
    Esse absurdo de Halo não vai durar.
    NÃO PODE DURAR.
    F1 com carros “silenciosos”, sem grid girls e com Halo.
    Dá até saudade da F1 dos tempos do Balestre!!
    Por favor, resgatem a F1 das mãos dessa nova administração!

  18. Mauricio Rocha disse:

    Vixi!!! Será que teria impedido aquela mola acertar a cabeça do Massa?? Acho que não. Coisa horrível.

  19. KARLO disse:

    É como se você pilotasse uma Kombi dos anos 60 com o volante no meio do banco.

  20. Tom disse:

    Acho que haverá muitos acidentes nas primeiras voltas,pelo ponto cego que o halo trás.Não vejo com uma coisa que atrapalha a visão dos pilotos ser seguro,o efeito colateral, desse equipamento cobrará um preço salgado

  21. Zé mcz disse:

    Formule One is dead! Forever!
    Quem controla essa porcaria só pode ser um asno!
    Isso é evidente que prejudica a visibilidade! Até se adaptar vai acontecer muita besteira!
    A F1 entrou numa armadilha que tá impossível sair! Mas…
    Gudlâk!

  22. Eduardo Dias Cordeiro disse:

    Havaianas de pau.

  23. perna quebrada disse:

    Não sei se a câmera está colocada na altura dos olhos como no caso do Scott Dixon na Indy, https://www.youtube.com/watch?v=dAN59VLV_Ww

    Olhar pelo vídeo é diferente de observar in loco. O cérebro humano é capaz de corrigir a perspectiva e se adaptar.

    Mas que o halo é uma coisa absolutamente inútil e esteticamente horrível, é inegável.

  24. Renato Rodrigues disse:

    Isso ainda vai causar acidentes terríveis!!!! Atrapalha muito a visão em linha reta. Um absurdo!!!

  25. moisesimoes disse:

    - Legal. É como ser animador do trenzinho da alegria com aqueles cabeções da turma da Mônica. Falta só o capacete de Cebolinha. A FIA e pilotos, rapidinho decidiram correr com isso aí, mesmo com circuitos de uma légua de áreas de escape e chincanes no meio das retas. E ainda tem piloto que fala em se acostumar, se conforma e que apoia a ideia. Ok, o trabalho é deles, é a vida deles que serão salvas de ” ônibus de dois andares” vindo frequentemente em suas direções.

    Mas a Indy mostrou maravilhosamente e com muita competência como é o caminho Isso permanecendo os pilotos ainda competindo em circuitos muito mais desafiadores, pra não falar perigosos, que a F1 e sem esquecer do acidente fatal de Justin Wilson, que é sim recente, e foi alardeado e reforçado como uma categoria de suicidas e não como uma situação que resultou de uma rara probabilidade de perigo real numa competição de carros.

    Os caras da FIA nunca vão falar em buscar soluções na categoria americana. Em vez disso, é mais fácil dizer que “ajudamos a desenvolver”, “estamos acompanhando de perto o desenvolvimento”, “agimos em parceria como consultores com grande interesse em aprimorar a segurança da F1″.
    Em que pese o recente fracasso do “aeroscreen” na F1, e a introdução dessas pragas, como falou o camarada aí embaixo, horrendas, descabidas e irritantes, o homem da FIA ainda diz: – É muito bom que a Indy se esforce para buscar soluções e talvez algum dia possa complementar o trabalho que estamos fazendo . É muita humildade, não é?

    http://www.grandepremio.com.br/f1/noticias/diretor-da-fia-destaca-colaboracao-com-indy-no-quesito-seguranca-e-admite-influencia-do-windscreen-na-f1

    • Wanderson Marçal disse:

      Muito bom comentário. Há anos estão matando a categoria em nome da segurança. Desde a época do Senna. Começaram amputando autódromos. Nunca mais se teve uma corrida boa em San Marino depois de 94. Não contentes, mesmo sem ninguém morrer ou se machucar seriamente, asfaltaram áreas de escape. Agora o sujeito pode errar e às vezes, como se vê em Austin, até ganhar tempo indo por fora da pista. Uma medida absolutamente idiota que prejudicou muito o espetáculo. Quem não lembra a quantidade de corrida perdida por Senna e outros por errarem e ficarem presos na brita? O erro ser punido é importante para um esporte onde a discrepância é muito grande. Faz com que o piloto com carro pior, mas que seja mais cirúrgico, tenha chance contra o que erra mais. Mataram esse aspecto.

      Aí, ainda não satisfeitos, levaram a F1 para mercados exóticos em tilkódromos padronizados: o da China é igualzinho ao da Coréia, que não é diferente do da India, que é uma variação do dos EUA. Tudo uma porcaria. E depois enfiam motores que não são motores, transformam os carros em tratores (nunca foram tão grandes) e acabam com o conceito de cockpit aberto.

      A F1 está morrendo. E como se vÊ, de morte matada. 24 anos de péssimas decisões esportivas — sem contar as políticas e controvérsias outras que minaram a credibilidade do esporte.

  26. Danir disse:

    Vivemos num mundo onde quem manda são os idiotas e os estúpidos. Cretinos que se acham no direito de nos dizer até a hora que temos que ir ao banheiro. Parodiando um psicólogo clinico canadense, “temos meninos de sobra no mundo e o que precisamos são homens adultos. Se eu fosse um piloto de prestígio e me obrigassem a pilotar com esta droga, eu me aposentaria como fez o Rosberg por outros motivos. É mais confortável dirigir uma pick up dos anos 50 com aqueles parabrisas duplos do que um F-1 de 2016. Qualquer criança consegue perceber que este troço baixa a concentração no que interessa e aumenta o stress do piloto. Espero que não tenha uma vida longa; existem outras formas de proteger os pilotos sem atrapalhar a pilotagem.

  27. Claudio Bassi disse:

    Bom para linha de pipa.

  28. Sinceramente, achei terrível!

    Pode ser seguro. Pilotos vão se acostumar e tal. E nós também!

    Mas é muito feio e na minha modesta opinião, atrapalha um pouco a visão do piloto.

    Prefiro o Windscreen

  29. Guido disse:

    Bom, não entrarei no mérito da estética, pois, se é pra segurança dos pilotos beleza não se discute. Porém, a visão do piloto ficou estranha mesmo. Vão se acostumar, é óbvio, mas, que é bem estranho é.

  30. Marcelo D. disse:

    quantas vezes no ano o Galvão vai falar que Senna teria se salvado se existisse o halo?

  31. Paulo disse:

    Horrível pilotar com isso, mas o Windscreen também não resolve, pois não pode ser usado sob chuva.

  32. Paulo Sousa disse:

    Coitada da F1…os meninos ficaram com medo de se magoarem….desvirtua todo o conceito de monolugar aberto….não anda de F1 quem quer…anda quem pode e está disposto a morrer se for preciso para isso…menino tem medo ? fica em casa a a jogar playsation….porcaria de F1 esta, qualquer dia andam todos na pista a ultrapassarem todos os limites da pista, a baterem em tudo que não tem risco algum…o Flávio Gomes diz que nos temos que habituar ? porquê se tudo o que a F1 se tem vindo a tornar deriva de más escolhas, de péssimos gostos e de uma paneleiragem crescente ? eu habituo-me á evolução…não me conformo com más escolhas e em terem tornado a F1 no desporto sem graça que tornaram.

  33. Macario disse:

    Muito barulho por nada. Os maiores interessados – os pilotos – já falaram que a influência é mínima e que se acostumaram na segunda volta. Até acho a solução da Indy mais agradável – não sei se suportar a carga que o halo aguenta -, mas essa polêmica só está se estendendo por pura falta de assunto.

  34. Vinicius disse:

    Já tô vendo o Grosjean botando a culpa do halo no primeiro strike que fizer em alguma largada.

  35. WALTER FABRI JR disse:

    Parece o cockpit da Kombi 72…

  36. Alfredo Aguiar disse:

    Eu fiquei tonto daqui. Imagina o piloto dependendo desse “negócio” na frente da cara dele para pilotar. Que bagulho bem escroto.

  37. Ricardo Talarico disse:

    Acho que os pilotos vão se acostumar rapidamente.
    Afinal, pilotos de WEC. IMSA ou até mesmo de Nascar pilotam em situação bem mais claustrofóbica, e muitas vezes com mais elementos atrapalhando a visão.

  38. Pablo disse:

    Espero, do fundo do meu coração, que esse famigerado halo só dure essa temporada mesmo, por mais que a FIA não esteja disposta em voltar atrás com relação a isso, mas existe coisa bem melhor pra proteger a cabeça do piloto sem estragar tanto o campo de visão dele como o aerosceen da Indy

  39. murilo medeiros disse:

    Fiquei tonto, Essa bagaça é feia e atrapalha. A indy fez uma opção muito mais bonita e elegante.

  40. Alexandre Fortes disse:

    Mas essa praga de negócio não poderia ser transparente?
    Que visão horrível!

  41. Alessandro Silva disse:

    Causou estranheza? Sentiu-se mal? Ficou enjoado?
    Olha esse:
    https://www.youtube.com/watch?v=dAN59VLV_Ww

    Isso explica porque os técnicos da FIA foram correndo falar com os da Indy depois da apresentação do Windscreen.
    E Scott Dixon curtiu ao contrário do Vettel que saiu do carro “tontinho” quando testou o Aeroscreen.

    • Rodrigo disse:

      Justo quem foi ficar tonto, né?
      O aeroscreen é uma solução muito melhor, os testes de impacto da Red Bull provaram que ele aguenta o tranco, porém, me parece que a aerodinâmica dos carros ficou prejudicada, ele “tirou” o ar da asa traseira e da entrada de refrigeração.

    • Adriano Silva disse:

      Sem comparação. E ainda dá pra guardar uma carteira de cigarro ou umas chaves em cima do painel :-p

      Mas talvez a FIA tenha pensado no Halo como proteção também em caso de capotagens, coisa que no aeroscreen não funciona.

      • moisesimoes disse:

        - Curti “a carteira de cigarro ou umas chaves em cima do painel ” ahahaha.
        Mas pra capotagem, é pra isso que serve o “santo-antonio, são josé, são benedito, etc.”

    • Celio ferreira disse:

      Já pensou numa corrida o que vai sujar esse aeroscreen…parada no
      box pra retirar pelicula …mas é melhor que o halo, e acho que protege mais.

      • perna quebrada disse:

        Os pilotos não tiram a película do capacete a cada segundo, No trabalho dos boxes isso seria treinado e computado no trabalho total dos mecânicos, não leva meio segundo tirar uma película dessa. Sem contar que protege muito mais.

    • Danir disse:

      Olá Alessandro Silva. Fica claro que a solução encontrada pelo pessoal da indy é muito mais favoravel ao piloto. Mas o problema é que a F-1 é controlada por um bando de mulas teimosas pouco adéptas do bom senso, além de não aceitarem muito bem que pessoas mostrem soluções que elas não pensaram nem possam chamar de suas. Só confirma o comentário que fiz acima.
      Saudações

  42. LUCIANO OLIVEIRA GONCALVES DA SILVA disse:

    Além de esteticamente horrível e eficácia contestável, tira bastante a visibilidade frontal do piloto.

  43. jader disse:

    Ficou bem esquisito, mas teremos que nos acostumar, a não ser que coloquem a câmera na ponta da frente do halo.

  44. bruno disse:

    A camera estava no alto do capacete ou na altura dos olhos?
    Se tiver na altura dos olhos não da pra pilotar isso não

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>