2018, DIA #5 | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

terça-feira, 6 de março de 2018 - 18:56F-1

2018, DIA #5

RIO (até que enfim) – E não é que fez sol em Barcelona? E não choveu, e as temperaturas foram civilizadas, entre 12 e 20°C com céu azul e asfalto entre 20 e 28°C. Deu para testar, enfim, e é melhor que tenha sido assim porque é esta semana e acabou. Até sexta o pessoal anda e, depois, só na Austrália.

Vettel foi o mais rápido, mas não bateu a melhor volta da semana passada, na casa de 1min192. Hoje, como as condições permitiram, o negócio foi ganhar quilometragem, simular corrida, fazer stints longos. Sebastian deu 171 voltas. A Mercedes, com seus dois pilotos, completou 1.853 km. É coisa pacas. Ninguém se preocupou muito em impressionar com tempos estratosféricos.

Quem teve problema foi a McLaren. Vandoorne teve de trocar a bateria pela manhã e, depois, um vazamento hidráulico abreviou seu trabalho. O belga completou apenas 38 voltas. Faz parte. Gasly, em quinto com a Toro Rosso, mais uma vez deu a impressão de que a Honda resolveu seus piripaques. Teve de parar com problemas de freio, mas na parte de motor parece que está tudo bem.

A Williams segue andando atrás. Aquela sensação de que vai brigar no fundão persiste. Sirotkin foi nono e Stroll, 13º e último.

Destaque simpático do dia foi o anúncio da contratação da colombiana Tatiana Calderón, 24 anos, como pilota de desenvolvimento da Sauber. Ela vai correr na GP3, também.

A cobertura completa de tudo está no Grande Prêmio, é só correr lá.

201836102871_000_1213A5_DR

12 comentários

  1. Thiago disse:

    Flávio, algo a dizer sobre a “jenial” declaração da Carmen Jorda?

  2. Luiz Carlos Barbosa disse:

    McLaren com problemas de super aquecimento com o frio que está fazendo na Espanha, imagina quando ir para Austrália ou Bahrein

  3. valmir lopes disse:

    Vai dar Alonso.

  4. Alfredinho disse:

    A McLaren continua com seus problemas. Pelos testes até agora, já se pode afirmar que será mais um ano de decepções para Alonso. Triste fim de carreira para quem, um dia, se achou substituto de Schumacher.

  5. Ricardo Bigliazzi disse:

    Mercedes e Ferrari parecem estar a frente (obviedade), porém senti que a Ferrari foi bem eficiente com os pneus macios, iluminando a F-1 com um raio (bem pequenininho) de esperança..

    Engraçado mesmo é a saga da Mclarem, adoro o time, porém com o Idiota Veloz Espanhol (Mr. Eu não sabia) é impossível torcer para Eles.

    Só estou a esperar os rádio de um certo cidadão: “¿Más una quiebra? Vergüenza, vergüenza. ¿Cómo podemos tener un motor TAGHeuer?

    Segue o jogo! #Honda2020

  6. Celio ferreira disse:

    Na williams quando sentirem saudade do Felipe , vão colocar o Robert…
    se não vai andar no fim do pelotão.

  7. clodoaldo lelli disse:

    definitivamente se a mclaren quiser voltar a ser grande tem que se livrar do mau agouro senhor do azar disfarçado de pretenso maior piloto do grid de todos os tempos
    e recado pras alonsetes chuuuuupa

  8. Bernard Fonseca disse:

    E Paddy Lowe vai fazer um carro ruim? Ele foi peça chave na Mercedes e veio contrato a peso de ouro para a Williams. Acho mais provável os pilotoons serem fracos, tanto que o Robert K. já chegou colocando tempo nos garotos.

    • Leandro Batista disse:

      No meio da temporada, quem pagar menos ali roda. Ou entao a Williams vai chafurdar lá atrás, Isso os patrocinadores adoram. Deve-se pensar se ter piloto pagante realmente vale a pena….

  9. Paulo Pinto disse:

    “Quem teve problema foi a McLaren.” O que se vê é o motor Honda impulsionando a filial da Red Bull.
    O pessoal aqui é terrível. Disse que isso ia acontecer. Bem, o meu refrão continua o mesmo, só mudando o número de temporadas.

    #DozeAnosSemTítulo!

Deixe uma resposta para Celio ferreira Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>