MENU

segunda-feira, 19 de março de 2018 - 16:21Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10″: VAI COMEÇAR

10 comentários

  1. CRSJ disse:

    Adelaide também na Austrália era perfeito pra fechar o campeonato, enquanto em Melbourne fica perfeito pra abertura, e não tem lugar melhor no Mundo hoje em dia pro começo da F-1 no momento.

  2. ags disse:

    Obaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa…finalmete…sem chikinhum..e sem babaão bueiro..rssssssssss

  3. SandroKaram disse:

    O que você achou sobre3 zonas de DRS? É como se dissesse, realmente não temos muitas ultrapassagens na F1 e não sabemos como resolver isso. Vamos botar o povo para abrir asa

  4. Leandro Batista disse:

    Pra quem ja viu carro de seis rodas na categoria, esse tal de halo é pouca coisa. E espero não estar pedindo demais por um campeonato mais disputado…

  5. Garlet disse:

    Vettel infelizmente é mais italiano que a própria Ferrari, o que é ruim pra ele. Sangue quente, estoura fácil. Tem a habilidade porém não a frieza necessária , que Schumacher trouxe certa vez à ferrari, tornando-a imbatível. O futuro da Ferrari é o Verstappen, esse vai trazer a scuderia de volta ao topo. Caso a Red Bull não de a volta por cima.

  6. Alessandro Silva disse:

    E vai começar o campeonato menos empolgante de toda história da Formula 1. E não estou falando isso pela ausência de um piloto brasileiro por que não me importo com isso, mas por muitos outros fatores que posso listar na ordem em que vou lembrando.
    São os carros mais horrendos de todos os tempos, compridos, com aqueles bicos bizarros e sem nenhum sentido que ferem o princípio visual e estético de um bico de monoposto e com o famigerado halo que nem sei mais o que dizer sobre isso. Além disso, os motores mais idiotas de todos por serem complexos, grandes de mais e pouco eficientes. A ausência do reabastecimento que torna os carros visivelmente mais pesados e lerdos no inicio das corridas e é de longe a regra mais idiota e sem sentido de todas na categoria. A Indy tem, a Nascar tem e até a Stock Car tem! Então qual é o problema com o reabastecimento? A Indy aliás que fez um excelente trabalho para este ano e já na primeira corrida pode se ter uma ideia do que será.
    Portando não vou acordar de madrugada pra assistir Formula 1 e se a tv estiver ligada nos domingos de manhã e eu não tiver nada melhor pra fazer eu até assisto, mas na real, não ligo a mínima pra essa categoria e suas regras que não estão nem aí para o esporte, a competitividade, igualdade e principalmente para o público. Ou vocês acham mesmo que a Indy não adotou o halo porque eles não gostaram? Foi pelos fans! Eles fizeram para este ano um dos carros mais belos de todos os tempos e a resposta do público foi extremamente positiva! Acham que eles iriam correr o risco de botar tudo à perder com aquela anomalia do halo? Mas os dirigentes da FIA do alto de sua arrogância jamais ouviram o que os fans disseram nos últimos dois anos.
    Sendo assim, bom divertimento pra quem ainda se submete. Eu não.

  7. Alfredinho disse:

    Contagem regressiva!

  8. Irinaldo Barros disse:

    Flavio Gomes, não tenho tweetar para encaminhar ao Victor Martins e, olhando o blog dele, não há o post do MARAVILHOSO texto sobre “Por que falamos de assuntos que não se relacionam ao Automobilismo”.
    Então, quero pedir-lhe para transmitir meus cumprimentos, pois esse texto e seu vídeo GP às 10, onde falaram das lamentáveis execuções da Vereadora Marielle Franco, do PSOL-RJ, e seu motorista, Anderson Gomes, são de uma profundidade singular.
    Importante reflexões sobre nossa sociedade doente e como tratamos nosso próximo.
    Obrigado a vcs pela aula.

  9. Romeo Nogueira disse:

    Não entendi o “mais extenso calendário da Fórmula 1″. Em 2016 também tivemos 21 etapas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>