“GP ÀS 10″: DE QUEM FOI A CULPA? | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

segunda-feira, 30 de abril de 2018 - 12:02Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10″: DE QUEM FOI A CULPA?

45 comentários

  1. Guerrando Palei Junior disse:

    Meu resumo da ópera:
    1. Par mim Max exagerou na defesa de posição.
    2. A FIA colocou água na fervura, dizendo que não houve culpados.
    3. A RBR e o Didi não gostaram nadinha, pois ficaram sem pelo menos 22 pontos no campeonato de construtores.
    4. E por fim, o mais prejudicado de todos foi o Vettel, que provavelmente ganharia a corrida, pois o Bottas ainda tinha que fazer o pit stop obrigatório para a troca dos pneus.
    Deve estar “P” da vida, pois quem acabou ganhando foi o Hamilton.

  2. Nico disse:

    Ricciardo não será punido… bem diferente de um caso idêntico em 2012. Segue comentário da época:

    Agora, falemos dos brasileiros em Barcelona, começando com Bruno.

    Na hora da batida de Schumacher, achei que Bruno tinha freado antes e mudado a trajetória de um jeito meio esquisito. Como, pouco antes, ele tinha se defendido com uma certa agressividade dos dois que o ultrapassaram, acho que Grosjean e mais um. Estava sem pneus.

    Michael ficou mutcho putcho, chamou Bruno de “idiota” e sua reação foi típica de quem se sentiu sacaneado. Foi o que mais me levou a tentar encontrar sutilezas na batida, porque numa olhada preliminar, apesar da mudança de trajetória do primeiro-sobrinho, o que ficou mais claro foi que Schumacher encheu a traseira dele.

    Bem, a FIA acaba de punir Schumacher, perde cinco posições no grid em Mônaco. Bruno pode até ter se defendido de uma maneira imprevisível, mas o fato é que o alemão barbeirou, mesmo, e não teve razão nenhuma de reclamar. Que deselegância!”

  3. Nico disse:

    Espanha 2012:
    Senna II fez um zig zag na frente de Schumacher e acabou abalroado.
    Schumacher foi punido.
    Certamente, Ricciardo não será punido…

  4. Luciano Adjafre disse:

    Li neste momento no grandepremio que Lauda declarou ser de Max Verstappen 70% da culpa pelo acidente..
    http://www.grandepremio.com.br/f1/noticias/lauda-coloca-verstappen-com-70-da-culpa-por-acidente-e-questiona-para-onde-ricciardo-poderia-ter-ido

  5. Andre disse:

    Flávio, por mais que eu tente entender este seu ponto de vista, não consigo ver culpa no Ricciardo. O Verstappen não estava na tangência da curva . Ele tomou a esquerda ainda antes de frear. Ou seja, segunda mudança de trajetória. O Ricciardo, já com o carro no vácuo, sem pressão aerodinâmica, não tinha chance nenhuma de frear nem de desviar.
    E concordo com o Victor Martins, esta situação, inclusive com a da escolha de quem vinha antes aos boxes, escancara a sua posição de preterido dentro da equipe.
    Um grande abraço – e como sempre ótimo seu blog. Podia voltar com as sessões “Gira mondo” – eram muito boas.

  6. CRSJ disse:

    Os dois pilotos da Red Bull iam bater mais cedo ou mais tarde, afinal eles estavam tirando tinta do muro com esse duelo caseiro. O Verstappen deu o tiro fazendo Ziguezague, mas quem acabou matando a equipe nesse Fogo Amigo foi o Ricciardo que no final das contas os dois acabaram culpados.

  7. Gabriel P. disse:

    Sabem daquele maluco que muitas vezes vemos no trânsito que vai cortando e fechando todo mundo e só não bate porque todos freiam ou vão mais devagar, você olha e diz.
    “Qualquer hora dessas esse aí vai se dar mal.
    Então….
    Esse é Verstappen,

  8. Wender Higinotsumi disse:

    Flavio você não acha que a Ferrari errou na estratégia com o Vettel não?
    Ele parou muito cedo, o pneu super macio estava rendendo muito bem com ele e eles tinham o Hamilton de parâmetro no momento. O inglês estava virando de 3 a4 décimos mais lento por volta mesmo com pneus novos.

  9. Luciano Adjafre disse:

    FG diz que quando Verstappen move o carro de volta para a esquerda, foi porque ele tinha que fazer a tangência para a curva, mas acontece que a curva era para a esquerda, então a tangência certa exigia que ele movesse o carro para a direita. Todo mundo fazia aquela curva freando do lado direito da pista, para executar o traçado com maior raio de curvatura possível.

    Fica claro, portanto, que Verstappen, ao puxar seu carro para a esquerda, não estava visando à melhor tangência da curva não, mas sim unicamente fechar a porta para Ricciardo, sendo que já tinha feito um movimento para a direita.

    Ricciardo confiava que Max iria cumprir a regra que permitia apenas um movimento defensivo do holandês e puxou para a esquerda – observem pelo vídeo que havia espaço mais que suficiente -, só que Verstappinho aprontou mais uma vez e fez um segundo movimento defensivo, fechando a passagem para Daniel, o qual vinha lotado e não tinha mais espaço para frear a ponto de evitar o choque. Até freou, mas ali a panca era inevitável.

    Caso não tivesse fechado a porta, muito provavelmente Max daria o “X” em Ricciardo, mas o jovem Verstappen não consegue executar esse raciocínio. Ele me lembra muito a definição que Piquet certa vez deu para Gilles Villeneuve: “Olha, é veloz, mas quando põe o capacete fica meio perturbado”.

  10. josé disse:

    Verstapen puxou para à direita, voltou à esquerda o que é proibido e pior, já na zona de frenagem, Ricardo sem pressão aerodinâmica ficou “sem freios” e deu no que deu, esta é a minha visão, não quer dizer que seja a mais correta mas Max nunca deveria escrever com o carro no final de uma reta e praticamente na tomada da curva.
    Além disso o histórico dos dois pilotos conta muito.

  11. Danir disse:

    Quando alguns pilotos são brecados pela ousadia, e, nos dias de hoje são em muitos caso punidos, seja pelas regras ou pelo critério dos fiscais, a turma chia. Quando o Ricciardo mostra arrojo e decisão, alguem diz que foi ele que errou; não concordo. Pra mim, ele fez o que tinha que fazer e o Verstapen fez o que não tinha quer fazer. Simples assim.
    Eu fico imaginando se pilotos como um Vileneuve (o pai), e outros que faziam mágica com carros com mais de 1.000Hp corressem hoje em dia o que diriam deles. Deixariam eles extravasarem seus talentos? Não tenho o link, mas sugiro que vejam o test drive que o Hamilton fez com o carro do Ayrton e o que ele disse a respeito. Pra falar a verdade, mesmo considerando que o Verstapen foi cabeçudo a la Mansell e considerando que ele errou, eu não puniria. Imaginem-se pilotando naquela velocidade, querendo seguir na frente e com a adrenalina a mil, e digam se teriam o reflexo de não fazer aquele zig zag ínfimo. E se estivessem no lugar do Ricciardo naquela condição de pneu, que logo não existiria mais, ficariam esperando, sabendo que o cara na sua frente é um osso duro de roer? Lembrem que os dois são top e têm gana de vencer. Automobilismo é um esporte perigoso e quem está na pista é piloto de caça sobre quatro rodas. O risco é real e nós só estamos assistindo porque eles fazem algo que nós admiramos e gostaríamos de fazer. Eu coloquei este comentário como complemento do que escrevi acima, para deixar claro que eu penso que ele errou, fez bobagem, mas eu não puniria. ele já fez coisas mais arriscadas e todos festejaram sua habilidade e arrojo.

  12. Glauco Tavares disse:

    Verstappen é um Maldonado com grife. Paparicado pela mídia esportiva, comissários e pela equipe, vai seguir fazendo merda corrida sim outra também… Ele tem a certeza da impunidade por isso não se importa com nada.
    Veremos na próxima corrida quem será a vítima da vez….

  13. Carlos André disse:

    Parei o vídeo com 03:00, lembrei do Piquet falando do Galvão que tinha mania de falar o que se passava na cabeça do piloto sem saber, dizer que o Ricciardo perdeu a paciência, para com isso FG, o cara viu uma brecha e foi tentar, discordo em achar a culpa em Ricciardo ou Verstapen, pra mim foi treta de corrida e pronto, um tentou passar enquanto o outro se defendeu, simples assim e fim de papo!

  14. Alexandre Neves disse:

    Será que na F1 também existe a mistica da “estrela de campeão”? Parece que sim, faltando para o Bottas, o que o Hamilton tem de sobra!

  15. Celio ferreira disse:

    O problema desta tentativa louca de passar do RICCIARDO, é que êle ja sentiu
    que o queridinho da equipe é o Vertapinho, e quando perdeu a posição no
    box para o parceiro , quiz passar de qualquer jeito , pra mostrar para o Horne
    quem é o melhor , e deu no que deu…..isso só vai acabar e, Dubai…

  16. TSC disse:

    Discordo do FG! culpa total do holandes, a regra é clara só se pode fazer 1(um) movimento de defesa e Verstapen fez um zig-zag 2(dois) movimentos, isto a mais de 300 é muito perigoso.

  17. Daniel disse:

    Verstappen com pneus frios, o ponto de frenagem dele naturalmente é um pouco antes que o do Ricardo. Fico com a opniao do Niki Lauda, 70/30.

  18. LupaHP disse:

    Me pareceu que o ricciardo não levou em conta os pneus frios do verstapen que tinham menos de uma volta e a necessidade dele, verstapen freiar um pouco antes para fazer a curva. Embalado pelo vácuo quilométrico não tinha mesmo como ele parar, ainda mais q o verstapen foi um pouco para a direita e voltou à esquerda, que me pareceu um movimento lícito

  19. Paulo Fonseca disse:

    Prezado F&G : Você realmente pois lenha na fogueira com os meninos Max e Daniel, quem foi o pior desempenho e o pior da Corrida em sua avaliação ?

  20. fredy disse:

    Acho que ninguém comentou isso. Mas que manobra desastrada no vettel heim. O cara me tenta uma ultrapassagem daquela na relargada, com pneus frios. Era óbvio que não conseguiria fazer a curva. Botas foi perfeito, mesmo pressionado manteve a calma e foi conservador na freada logo após a relargada. Merecia a vitória.

  21. clodoaldo lelli disse:

    tentou o drible do senna mas na frente não era um damon hill e ai pof
    el melhorzon do grid parece ter tomado passe de algum pai de santo ta com uma sorte da porra todo mundo se lascando na frente dele só assim pra marcar pontos

  22. Giovanni disse:

    O Verstsppen fez o mesmo com o Rosberg e o Kimi 2016. De boi a porta quando o carro de trás ja estava saindo do vácuo. Com o Ricciardo foi ainda pior pq o cara vinha 30km/h Mais rápido que ele. Alem disso deu no meio do carro do Ricciardo no início da corrida sendo que o Ricciardo mesmo por fora deu total espaco pra ele. Esse Verstsppen precisa ser punido de corrida urgentemente. O cara bate em todas as corridas, Se nao leva alguém, bate sozinho. Sempre o Verstappen, um absurdo.

  23. Maurício disse:

    As mudanças de direção do Verstappen foram mesmo muito sutis, mas acho que tem que se considerar que a segunda mudança, para esquerda, foi feita já no ponto de frenagem. Se isso não for ilegal, é no mínimo desleal e perigoso. Abs

  24. Allan disse:

    Faltou apenas falar do Perez que, por chegar a frente de uma Ferrari, ao meu ver foi o nome da prova. O feito do Leclerc foi excelente, mas é comparável ao do Ericsson no Bahrein. É que se as Red Bull e o Bottas não tivessem abandonado, sua posição seria nono… De resto, assino embaixo.

  25. Luiz disse:

    que tal uma ligeira tirade de pé do Verstapen?

  26. Glauson disse:

    Lauda said blame is 70% Verstapen and 30% Ricciardo

  27. emerson disse:

    Flavio, discordo de voce. Acredito que Ricciardo nao perdeu a paciencia, ele tentou o bote porque o pneu do Verstappen estava frio. Eu acredito que ele fez o certo, afinal gostamos de ultrapassagem nao eh mesmo? Na minha visao ele embutiu porque o verstappen se defendeu pela direita e nao poderia voltar. Valeu!!!

  28. Clayton Araujo disse:

    A culpa foi do Max, e deverá ser punido. É aguardar pra ver.

  29. Rafael Moleiro disse:

    Flavinho,

    Excelente sua posição sobre a corrida! Concordo que estamos vivendo um ano de 2018 muito bom na F1.

    Porém, discordo sobre a culpa de Daniel Riccardo no acidente. Assisti a corrida pela sporTV e na transmissão ficou claro que o Verstappen fez um movimento para a esquerda, para fechar a porta. Acontece que isso aconteceu no final da reta, aonde ambos os pilotos estavam a mais de 310 km/h e já muito próximos de tomar uma decisão de freiada. Na minha opinião, quando o Riccardo viu o movimento do Verstappen, sua reação foi de travar os freios, e como ele estava no vácuo do carro da frente, não conseguiu parar e atropelou seu companheiro.

    Enfim, essa é minha opinião sobre o caso.

  30. Michel disse:

    Flávio comenta a participação do Massa na narração.

  31. fredy disse:

    Ricardo precipitado. Poderia ter esperado mais uma volta e fazer a ultrapassagem com maior segurança. Mas exigir isso de um piloto competitivo e que estava com a bola cheia é querer um pouco demais. Max tem postura agressiva demais. Todos correm risco ao tentar ultrapassá-lo. Lembro aqui da manobra do rosberg em cima dele na última corrida de 2016. Poderia ter perdido o título ali, mas mostrou competência ao fazer uma manobra perfeita. Todos falam que o holandês tem que rever a sua postura dentro da pista mas ele parece não querer escutar. Típico da idade achar que é imortal e que não vai se machucar. Comissários se omitem. Pra eles é ótimo essa polêmica em torno de Vestapen. Ótimo até alguém se machucar. Se sou diretor da equipe suspendia o garoto por uma corrida.

    • Allan disse:

      É que + 1 volta significaria pneus aquecidos ao VES… RIC sabia disso, já tinha sofrido demais por mais da metade da prova, e faltavam poucas para o final…

      • fredy disse:

        Cara, naquela reta com asa aberta não daria para segurar.
        Mas como falei, não dá para culpar o ricardo. ele vem fazendo ultrapassagens sensacionais se jogando pra cima dos adversários. Max foi o maior culpado pra mim.

  32. Paulo Pinto disse:

    Os fãs do “Canguru Afobado” irão dizer que a culpa foi das estrelas…

    Hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha!

  33. Joao Folda disse:

    Bate Verstappen.

  34. Fabiano disse:

    Compartilho da opinião e análise do Victor Martins. O Verstappen contribuiu para ocasionar o acidente.

  35. Kleber Acquesta disse:

    Também penso assim, culpa do Ricciardo. As Ricardettes ficaram loucas. O Verstappen se defendeu, só isso. O cara atrás vem pegando vácuo de uma reta de 100 km que dá pra ir pra Campinas, com asa aberta e sei lá mais o que e o cara não pode se defender? “Ai, pq mudou de direção, não pode”. Ah que mimimi.

    • emerson disse:

      Eu discordo de voce pelo seguinte motivo: uma vez que o piloto de traz “enxerga” um espaco e entra no vacuo ele nao para mais. Caso o holandes nao entenda isso, toda corrida ele vai bater. Minha opiniao:)

      • Danir disse:

        E neste caso particular, ele já tinha feito a mudança de curso, e voltou, Zig Zag, mesmo que por pouco, está fora do regulamento. Alèm disto, perceber que alguem está resfolegando e fez uma manobra de ultrapassagem, que não dá para desfazer, e fechar o cara, é querer destruir os carros. Se ele é tão bom, porque não ficou no terreno da regra e retomou a posição. Todos dizem que ele tem talento para isto. Não creio que o problema seja a idade; ele é assim por natureza, tem muito talento e precisa mostrar que tem cérebro. Hoje ele me lembra o Mansell, que inegavelmente era rápido e fazia besteiras que não condiziam com sua categoria como piloto. Dependendo do que fizer daqui para frente, poderá ser um piloto para ficar entre os maiores ou se tornar uma versão século 21 do Mansell. Não é tão mal assim, mas é menos do que ele pode. Apesar de admirar o Mansel por inúmeras qualidades que tinha, não o colocaria no top ten. Nem o Verstapen.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>