“GP ÀS 10″: INCRÍVEL HULK | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

segunda-feira, 23 de abril de 2018 - 15:42Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10″: INCRÍVEL HULK

20 comentários

  1. Alfredinho disse:

    Ele tem a difícil tarefa de derrotar Alonso. Estou apostando nele.

    • Paulo Pinto disse:

      Eu li a aposta que você e o Sennafredo fizeram em outro post. O problema é que Alonso sempre foi um excelente pontuador, o que Hulk nem sempre foi.
      A tua sorte é que a “viúva” é zicada em torcida e você ainda pode sair ganhando.

  2. Macario disse:

    Hulkenberg está tendo um inicio melhor que o de Sainz, mas não acredito que ele irá jantar o espanhol. É apenas uma reação ao começo avassalador de Sainz, que esse sim, jantou o alemão no final do ano passado. Não vejo brilho em Hulkenberg, me parece mais um coadjuvante como Weber, Courthard e outros. Pode ser que ele passe pela F-1 sem vencer, mas tenho certeza que Sainz vai ganhar ainda

  3. Alowlt disse:

    Ele fez a pole com a Williams em 2010. 2012 era uma ótima corrida com a force india mesmo. Mas eu acho um piloto supervalorizado: não ganhou Lê Mans sozinho e tomou um pau do Sérgio Perez quando eram companheiros na Force india, tanto que Perez foi ao pódio diversas vezes.

  4. Sanzio disse:

    O Hulkemberg pode não ter ganho nenhuma corrida na F1, mas ganhou LeMans. Se o destino chegasse pra mim e perguntasse “Quer ser igual a quem nessa vida? Igual a Schumacher que bateu todos os records na F1 ou igual a Hulk, que só ganhou a LeMans?”, eu abraçava fácil a segunda opção!

  5. Felipe Fugazi disse:

    Li uma vez que a Mclaren ainda na fase Mercedes desistiu dele por conta do biotipo.
    Por ele ser alto e pesado.
    Nesses carros que vestem os pilotos isso seria uma desvantagem.
    Não sei se procede…
    Porque um cara que se deu muito bem de cara na Porsche nas 24 Horas de Le Mans talentoso deve ser.

  6. Paulo Pinto disse:

    Hulk tem mais pontos que Niki Lauda (tudo bem, a pontuação é outra) e já pontuou em quatro equipes e em quatro motores diferentes. Tem uma pole na Williams com o fraco Cosworth (mais difícil que uma vitória) e duas voltas rápidas. Liderou corridas com Force Índia e pasmem! Com Sauber.
    É incrível não ter conseguido, até agora, um pódio. Vai entender…

  7. Mario Neto disse:

    Dia Gomes! Vale a iniciativa de fazer o GP às 10 em vídeo. Mas desde então o número de textos por aqui diminuiu muito. Pra quem tem o costume de acessar o blog no trabalho, como eu, os vídeos são mais difíceis de acompanhar. Não esqueça de nós leitores do blog, na essência da palavra. Abraços!

  8. Brabham-5 disse:

    Hulkenberg com uma RBR não faria menos do que fazem Ricciardo e Verstappen, que todo mundo ficam babando ovo.
    Não faria menos que o Alonso, com a McLaren do espanhol.
    E não faria menos que Raikkonen e Bottas na Ferrari e na Mercedes.
    Seu trabalho não fica a dever a nenhum desses nomes.
    E, se bobear, ele é ate mais regular, constante, algo que os pilotos da RBR não são no momento.
    O resto é demagogia e opiniões baseadas em preferências pessoais/torcida.

    • moisesimoes disse:

      - O “resto” é a sua demagogia patológica e erros de concordância. Sendo sua opinião e memória falhas, Hulk, que é sim bom piloto, errou e bateu em Baku ano passado. Você lembra quem, com um carro mediano, aproveitou a chance e ganhou? Sua preferência/torcida pessoal não te deixa ver ou dá frequentes apagões de memória.

    • McLaren-12 disse:

      Claro! Somente você está sempre certo neste blog. O resto é sempre resto!

  9. Ivo Rettor disse:

    O incrivel Hulk é um exemplo classico ou o melhor exemplo de que um excelente piloto que chega à F1, por mais talentosos que seja, se não tiver uma oportunidade numa equipe grande nunca tera chances reais de vitorias muito menos de titulos mundiais infelizmente…. é aquela frase que dizem por aí: piloto não carrega o carro nas costas…. mas corro carrega piloto sim, veja o caso do Hill, um, piloto mediano, mediocre até, foi campeao com a outrora poderosa Willians simplesmente porque aquele carro era muito superior aos demais,,,, Villenueve filho também…..Mas porque isso acontece? Porque a cada ano , com raras exceçoes como 2012/13 anos muito disputados, somente duas ou tres equipes tem reais chances de vitorias , somente duas disoputam o titulo e uma já é a favorita disparada…. issso torna a disputa muito chata e previsivel e os esorços de equipes e pilotos parecem inuteis. Hulk já demonsatrou inumeras vezes que é rápido, arrojado mas sem exageros como o verstapem, sabe muito bem gerenciar uma corrida etc… Há todo uma gigante estrutura de patrocinadores, interesses, influencias, etc…. que interferem e que querem fulano ou ciclano nas equipes de ponta, às vezes é mais interessante à FIA ver fulano de tal campeao, é o eterno faz de conta que é uma competição… COISA PRA INGLES VER como dizem, mas quem sabe REnault evoloua um pouco mais e volte a ser campea como nos tempos de Alonso???? ou a Mercedes-Ferrari-RBR contratem o cara???? Flavio aproveitando o assunto, seja nosso porta voz : esse negocio da Pirelli decidir corridas, quais e quantos pneus usar, etc… é um saco!!!! é formula Pirelli, poorque não liberam para varios fabricantes de pneus??? que o melhor venca!!! sera o medo de que a Michelin domine como antigamente???? esse monopolio de Pneus me parece antidesportivo….. e esse excesso de regras, essas puniçoes maiores para alguns pilotos e proteção para outros, etc…. tudo isso ridiculariza a F1 no fins das contas, temos que ver um piloto mediocre ser campeao varias vezes e os caras feras mesmo ficando la pra tras, triste isso!!!!

  10. Mika disse:

    Nico jogou fora sua grande chance em Interlagos/2012.
    Ele vinha pra ganhar a prova (ao menos um pódio era certo), mas bateu, se não me engano, no Hamilton

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>