N’ÁUSTRIA (1) | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

sexta-feira, 29 de junho de 2018 - 12:28F-1

N’ÁUSTRIA (1)

austria181

MOSCOU (hoje é correria) – Então que não tem jogo e acaba sendo um dia mais pesado que os outros na cobertura da Copa por aqui. Porque temos dois programas para fazer, mais de seis horas no ar, e isso é apenas para explicar por que falarei pouquíssimo sobre o primeiro dia de treinos na Áustria.

Deu Mercedes, e embora as diferenças de tempo sejam pequenas, ninguém deve se iludir. A pista é curta demais, e as voltas estão sendo fechadas na casa de 1min04s. Não há equilíbrio. Há um circuito pequeno.

O que temia, uma arrancada de Hamilton no campeonato, está se desenhando. Se ele ganhar em Spielberg e Silverstone, babau.

A grande notícia do dia, ou quase isso, porque não chega a ser uma enorme novidade e todo mundo sabe que ele está pensando nisso, foi Alonso dizer pela primeira vez com todas as letras que não sabe se fica na F-1 em 2019.

Voltamos já.

10 comentários

  1. Bola da Vez disse:

    É o quinto ano da Mercedes fazendo praticamente o campeão e o vice, com exceção do ano passado, quando Seb chegou ao vice. E o alemão conseguiu porque era o Bottas ainda cru com o carro.

  2. clodoaldo lelli disse:

    don preferidom dos especialistas e os que se acham rumando firme para a ponta….. de traz

  3. TYRRELL disse:

    Acho que o Bottas e o Raikkonen vão trocar de equipe. O Vettel não quer um companheiro que atrapalhe (Bottas), e para o Hamilton um bom companheiro para acertar o carro (Raikkonen).

  4. Garlet disse:

    Mercedes está fazendo todo mundo de bobo. Quando as outras chegam, eles abrem uma gavetinha secreta lá, onde tem várias atualizações em espera, e elas são liberadas em doses homeopáticas, para a gritaria não ser grande…………………mas já era………….as outras evoluem e a MErcedes tb, mas só mostra quando precisa……………………sem mudanças, vai continuar chato assim por muito tempo……………….o mínimo que o HAmilton tem que fazer é bater o numero de camponatos do Schumacher, é o mínimo…………….

  5. Ricardo Bigliazzi disse:

    Continua a torcida para a Ferrari e RedBull não deixarem a Mercedes descolar na disputa.

    De resto mais do mesmo, a declaração do Idiota Veloz Espanhol não espanta ninguém. Ele quer vencer, é incapaz de desenvolver um time e as equipes que estão com carro pronto não o querem ver nem pintado de “ouro”.

    Resto o que? Que vá ser feliz em outro lugar, na Formula 1 esta apenas a colher tudo o que plantou desde o acidente em Singapura., em que Ele tem a pachorra de dizer que “não sabia de nada…”.

  6. Amaral disse:

    Bem, agora que Don Alonso das Astúrias abriu o bico pra fazer aquele suspense, é que já é, no mínimo, 80% fato consumado. Claro que ele vai esperar as férias e a Silly Season, mas, pra mim, agora não é a questão de se, mas de quando. Esse vai ser o último ano dele.
    Circuito pequeno, rápido, mas já se desenha um novo passeio do Hamilton, fazer o quê? E Leclerc tem tudo pra andar bem – de novo. Sauber tá no meio do bolo. Aliás, todo mundo vai andar bem nessa pista, menos Williams, Mclaren e o Hartley.

    • moisesimoes disse:

      - Riccardo não sabe qual passo dar. Leclerc está muito bem cotado na Ferrari e mesmo uma conservadora Ferrari sabe como ninguém, não somente lidar, como também limitar segundo pilotos. A lapidação de Leclerc é meio por aí: a relação Vettel-Leclerc poderia ser tal qual Shumacher-Massa.

      Com a Mercedes dando pau geral, o caminho de Riccardo e de outros bons pilotos é estar no lugar certo para as mudanças, de olho no regulamento para a temporada de 2021. Muita gente falou que foi bobagem Hamilton ter saído da McLaren pra Mercedes. Logo depois, a McLaren é isso que a gente vê. A Mercedes, que via um retorno financeiro excelente com a mudanca para os V6 turbo, virou o bicho papão que é, e Hamilton, se for fominha, pode até mesmo pensar num heptacampeonato.

  7. murilo medeiros disse:

    Que venha 2019 então, porque 2018 é Penta do Hamilton. A gente vai continuar acompanhando porque gosta dessa bagaça. Em 2019 vamos ter mudanças no grid, com Alonso e Kimi indo embora e o Ricardão assumindo o posto na Ferrari, para tristeza de Leclerc.

    Um dia desses assisti o Emerson Fittipaldi falando que a Lotus o inscreveu como terceiro carro num GP dos anos 70… Seria uma boa… três Ferraris, três Mercedes. Mais gente disputando as vitórias.

    • Paulo F. disse:

      É antigamente podia. A McLaren tinha contrato com a Yardley. Apareceu o Emerson e a grana da Malboro e a solução foi montar duas equipes! E com um dos carros mais eficientes que se conheceu o M23 que foi usado durante seis longos anos! E tinha uma versão da Indy e outra na F5000. Mesmo usando outra designação era o mesmo conceito de Gordon Coppuck depois refinado por Barnard. Outros tempos!

  8. Nick B disse:

    Fla,
    Sei que você namora um vídeo cassete metido a gostosão, mas larga o cassete porque ele está ligado numa televisão…

    Corridex aí, fio?
    Mas diz só pro Nickinho, num momento bem Nelson Rubens, Sonia Abraão: Já rolou algum flerte, um teretetê com alguma Svletana, Irina, Olga, Natasha?

    Ah, Rússia!!!
    Cumé qui é?! Vai trazer umas vodkas e uns Anatolys e Olegs pra nois?

    Abraços.
    Nick B
    (arriscando o pescoço com o Boss e ouvindo Manolo Otero, Vuelvo a ti. Mentira! Supertramp, Rudy).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>