SOBRE DOMINGO DE MANHÃ | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

sábado, 14 de julho de 2018 - 19:50F-1

SOBRE DOMINGO DE MANHÃ

ing186

A referência à Copa pintada no chão: no fim, a taça não voltou para casa coisa nenhuma…

MOSCOU (promessa é dívida) – A imagem acima mostra como a Inglaterra estava toda animadinha domingo passado. No dia anterior, o English Team eliminara a Suécia na Rússia e se classificara para as semifinais da Copa. Para elevar ainda mais o astral, Hamilton fizera a pole para a corrida de Silverstone.

hamilton pistolaA Inglaterra dançou na Copa três dias depois, batida pela Croácia na prorrogação. E Lewis, no domingo, perdeu a corrida, disparando impropérios contra a Ferrari. OK, pediu desculpas depois. Mas nosso Maurício Falleiros, que não deixa escapar nada, pescou o estado de ânimo do inglês depois da prova. Adorei o “Hamilton pistola”!

Bom, não adiantou nada ter ficado nervosinho. O melhor mesmo é a Mercedes se coçar, porque depois da tripleta europeia que começou com a vitória de Lewis em Paul Ricard, a Ferrari virou o jogo na Áustria e na Inglaterra.

E os alemães, quatro dias depois, anunciaram uma completa reestruturação em seu corpo técnico que, obviamente, já estava prevista mas ficou com cara de “precisamos mexer nessa bagaça toda”.

A verborragia da turma da Mercedes deixou a patota de Maranello justificadamente zangada. Especialmente as críticas de James Allison, que não usou meias-palavras para acusar Raikkonen de bater deliberadamente em Hamilton na largada, para ajudar Vettel a ganhar a corrida. E ainda chamou o finlandês de “incompetente”.

A resposta veio também sem meias-palavras…

A FRASE DE SILVERSTONE

arrivafrase

Arrivabene: no mesmo tom

“Quem é incompetente? Kimi? Quem ele pensa que é para julgar o que os pilotos fazem dentro de um carro? Se disse isso mesmo, Allison deveria se envergonhar. Ele trabalhou em Maranello muitos anos, mas agora quem tem de ensiná-lo a se comportar como um gentleman na Inglaterra somos nós.”

Maurizio Arrivabene, chefe da Ferrari, não menos que puto com o ex-funcionário do time italiano, hoje militando nas hostes prateadas

A Ferrari acabou mesmo jogando água no chope britânico — que já não é grande coisa, visto que os habitantes daquela ilha têm o estranho hábito de tomá-lo em temperaturas próximas da indecência. E vai tentar estragar a cerveja alemã daqui a dois domingos em Hockenheim.

Onde se bebe muito, diga-se. Uma das marcas registradas do GP da Alemanha, no meio da torcida, são as pirâmides formadas com latinhas de cerveja. Isso nas áreas de camping e no parque que cerca o autódromo, claro. Há até concursos para ver quem consegue montar a pilha mais alta. Só que os caras ficam bêbados antes de fazer a contagem e proclamar o resultado.

E esse papo etílico nos leva ao…

NÚMERO INGLÊS

51-Garrafa-2012…vitórias soma Sebastian Vettel agora, após o triunfo em Silverstone. Isso o coloca ao lado de Alain Prost na terceira colocação de uma das mais nobres estatísticas da categoria — a mais importante, claro, refere-se aos títulos. Para quem não lembra, os dois pilotos que mais venceram na história são Michael Schumacher (91) e Lewis Hamilton (65). É muito difícil superar a marca de Michael. Mas não impossível, se a Mercedes mantiver sua hegemonia por mais duas ou três temporadas e Hamilton seguir faminto como o conhecemos. Quanto a Vettel, superar Prost é uma questão de pouco tempo.

marianafangio

Mariana com os irmãos Fangio

Relendo o textão de segunda-feira, notei que esqueci de registrar a presença dos filhos de Juan Manuel Fangio nos boxes de Silverstone, convidados pela Alfa Romeo. Oscar e Rubén assistiram à prova nos boxes da Sauber e foram entrevistados por Mariana Becker. Ela mesma escreveu sobre o encontro entre os dois irmãos tardios.

História maravilhosa. Rubén descobriu aos 63 anos que era filho do argentino pentacampeão mundial. Fangio oficialmente não deixou herdeiros, mas tanto Oscar quanto Rubén, muito parecidos fisicamente com o pai, conseguiram provar na Justiça que são filhos biológicos do “Chueco”. Vão herdar uma fortuna.

Foi pela Alfa Romeo que Fangio correu suas duas primeiras temporadas na F-1. Também pela marca ganhou o primeiro GP — em Mônaco, 1950 — e o primeiro título — em 1951. Muito legal a ideia de levar os meninos a Silverstone. Eles curtiram de montão.

Para terminar, e já me desculpando pelo enorme atraso deste rescaldão — não vai se repetir, Copa agora só em 2022, e a próxima será em dezembro, sem corrida no meio –, aquilo que vocês passam horas ansiosos para saber: o que gostei e o que não gostei do GP. Vamos lá.

AUTO-PRIX-F1-GBR-PODIUM

Vettel: taça de verdade

GOSTAMOS… da <<< taça entregue a Sebastian Vettel, um troféu de verdade, dourado, cheio de rococós, que fica bonito em qualquer estante. Nada de pistinha estilizada, orangotango de loja de brinquedos chineses ou cocozinho de banco. Nessa taça aí dá, inclusive, para beber champanhe.

20187710798_SilverstoneSabado7_II

Williams: só derrota

NÃO GOSTAMOS… de ver a Williams novamente dando vexame, com Sirotkin e Stroll >>> rodando por um seriíssimo problema na asa traseira — quando o DRS era desativado, a pressão aerodinâmica não era recuperada imediatamente, deixando o carro “solto” na curva seguinte.

29 comentários

  1. Amaral disse:

    Williams – Já venho falando isso desde o começo da temporada, e está aí. Processo de manorização em estágio adiantado. Faltam poucas corridas para que o processo se complete com sucesso. Falta apenas pintar o carro de azul e vermelho, e chamar de volta o Cat Stevens e o Roberto Leal pra fechar o caixão.
    Tragédia anunciada. Terá um fim mais trágico do que a Super Aguri e a Lotus que não era Lotus, pela história que a equipe carrega.
    O resto nosso nobre blogueiro, jornalista e âncora braso-soviético já disse, com a sagacidade e a clareza ímpares que possui. Parabéns!

  2. Leonardo Amorim disse:

    Caso tenha guardado uns “pilas” vale a pena tentar a sorte:

    https://moranosclassicos.blogosfera.uol.com.br/2018/07/17/505/

  3. CRSJ disse:

    A Williams vai ficar um bom tempo no não gostamos, ainda mais voltando a ser nanica estando morta no comando da Claire Williams o que é um erro, como disse Jacques Villeneuve, o último campeão da equipe em 1997.

  4. Aproveitando que o troféu do GP foi citado, tem uma história sobre ele.

    Na verdade, esse aí da foto não vai pra estante do Vettel, mas sim uma réplica. É que o troféu do GP britânico é permanente, como o Borg-Warner das 500 milhas de Indianápolis. Nele também estão gravados os nomes de todos os vencedores desse Grande Prêmio desde 1948, antes mesmo do início da Fórmula 1 por si.

    A história toda (em inglês, direto do site do Automóvel Clube local, está aqui https://www.royalautomobileclub.co.uk/data/useful_downloads/British%20Grand%20Prix%20Trophy%20Information%20Sheet.pdf ( em PDF)

  5. Arthur Schieck disse:

    Flávio, nunca entendi a cirurgia de mudança de sexo que fizeram em Hockenheim. O circuito era dos meus preferidos quando criança e hoje é como um outro qualquer. Acho que daria um bom video falar dos motivos dessa desfiguração do antigo traçado.
    Abraço!

  6. Gabriel P. disse:

    Bem lembrado Flávio.
    Taça até onde se pode beber champanhe.
    Já que temos a mania de chamar de taça , qualquer cálice ou copo naquele formato.

  7. Thiago Azevedo disse:

    Se não houvesse o incidente entre o Raikkonen e o Hamilton, o inglês ficaria em terceiro, seria dobradinha da Ferrari. Teve sorte o inglês…

  8. Bruno Wenson disse:

    Não creio ser difícil superar Schumacher nas vitórias, pra Hamilton. Faltam 27. Com três anos de Mercedes forte, vencendo 9 por ano, em 22 corridas que querem ter, não haverá dificuldades. E ele tem mais uns 3 ou 4 anos para correr em boa forma.
    As poles de Senna eram consideradas um número inatingível, anos atrás. E ainda quando se tinha muito tempo e pneus pra fazer boas voltas nos treinos, e essa marca caiu com Schumacher e Hamilton.
    Grandes marcas caíram nos ultimos 30 anos. Nada (regulamento) parece impedir que outras caiam, por enquanto.

  9. Zé Maria disse:

    A frase do Arrivabene é exemplar!
    Além de ser a melhor de Silverstone, pode apostar que é das melhores da história do automobilismo de competição!
    Defesa exemplar de seu comandado e esculacho geral no ex-colaborador que se imagina o rei da cocada preta, sem jamais ter sentado a buzanfa num cockpit de qualquer carro de corrida, quem diria então num F1!
    #bravissimoArrivabene!!

  10. Alex disse:

    Quem acha que o Kimi bateria, se o carro da frente fosse
    Vermelho em vez de prateado?

  11. Leonardo dos Santos disse:

    Como sempre um texto bacana demais!

    E antes que a meia noite chegue! FELIZ ANIVERSARIO FG! Tudo de bom!

    Amanhã (16) é o meu!

    Abraços

  12. Marcio de Paula disse:

    Os ingleses estão certos. Qualquer bebida abaixo de 3º Graus fazem as papilas gustativas pararem de funcionar.

  13. Cenzi disse:

    Meu “gostamos & não gostamos”: gostamos da largada de Vettel. Deve ser duro o cabra fazer a pole e perder essa vantagem antes de chegar à primeira curva. Não gostamos: de ver Leclerc abandonando o que poderia ser mais uma corrida nos pontos, por culpa de uma troca de pneus mal feita. Pô, o moleque foi novamente ao Q3! Uma pena mesmo.
    No mais, feliz aniversário! Saúde e sucesso!

  14. oswaldo disse:

    Parabens pela aula , de como e ser jornalista, que tens dado nesta copa , parabens e obrigado por nos dar esperança de que …………
    abs

  15. Ricardo Bigliazzi disse:

    Acho injusta as criticas a Sirotkin e Stroll, tem outra parelha num time de Laranja que também não conseguem evoluir o carro, tanto é que contrataram um piloto de verdade (Gil de Ferran) para entender o que os sistemas da equipe apontam no carro.

  16. Gabriel disse:

    A Mercedes já não é mais hegemônica Flávio, esse ano já mostra isso. Então mais duas ou três temporadas de hegemonia está fora de suposição. Sei que você acredita que ninguém possa alcançar o motor Mercedes, mas já alcançaram e foi a Ferrari. Abraços.

  17. Nick B disse:

    Fla,
    Nesse momento entupo-me de base pra tez ficar mais clara.
    Com delineador, capricho numa pinta facial sexy.
    Aplico toxina botulínica para os lábios ficarem mais carnudos.
    Encaixo uma peruca loira bem blondie ambition.
    E com voz.lânguida canto:
    Happy birthday to you
    Happy birthday Fla…

    Parabéns queridon.
    Saúde

  18. Leandro disse:

    Não lembro qual nome dos irmão confirmou ser filho de Fangio por último, creio ser o da esquerda da foto, é incrível a semelhança.

  19. joel sivert disse:

    Hamilto perdeu uma ótima chance de ficar calado assim passaria por sabio…. e a equipe mercedes hein… quem diria que por detras duma equipe tao poderosa eficiente famosa etc há um bando de babacas fazendo feio….. e a mercedes que mandou o Botta ceder pro hamilto garantir o segundo lugar…. isso seria “competencia”…? ou jogo sujo, lembrem que na Austria a Ferrari poderia ter feito jogo sujo de equipe mas não o fez???? quem é incompetente então??? quem age deliberadamente então???? Se cabeças rolaram na mercedes foi mais que merecido e o proprio hamilto deveria receber uma advertencia por escrito: Seja padrão mercedes ou rá, ré, ri, ró… rua…..!!!! Esse tal totto wolf já encheu o saco também e lauda faz um papel ridiculo na mercedes,,,,,,
    Ingleses são cinicos e hipocritas historicos, o tal ditado “pra ingles ver” é bem verdadeiro, eles jogam sujo mas se consideram gentleman e nobres ….de fachada….. a Gra Bretanha se tornou grande pelo colonialismo senão seria uma ilhazinha sem g raça então não há nada de nobre nisso…..
    Vettel tem mais braço hamilto mais carro, Mercedes mais desempenho Ferrari mais empenho….. quem vencerá????
    Os numeros de vitorias campeonatos poles e tudo mais dizem muito mas nao dizem tudo…. depende muito da epoca que o piloto corre ou correu, quanto tempo disputou, em que equipe correu, etc…… os numeros seriam mais realistas se todos corressem sob as mesmas condiçoes, sem diferenças de equipes, de segundo pilotos, etc…. tipo corrida a pé de maratona, 100 metros, etc…. Claro que vencedores tem seus meritos mas tem muito piloto bom de braço que nunca pegou um carro bom assim como tem muito piloto mediano que corre com carro e equipe de ponta ganha tudo fica campeao varias vezes ……
    O GP alemao tem tudo pra ser interessante mas na F1 as vezes corridas interessantes se tornam chatas e previsiveis e corridas previsiveis se tornam interessantes,,, vamos conferir.
    A willians então só vexame…. quanto tempo mais ????….
    Taça de verdade não é um simples trofeu comprado em loja de artigos chineses…….
    Uma decepção na F1 é a Pirelli decidir que pneus os pilotos vão usar etrc…. que todos tem que usar dois pneus etc…. ora isso é engessar !!!! que deixe a Michelin fornewcer trambém, devemt er medo né a Michelin dominou quando participou, e se um piloto quiser usar só maciop só duro só soft problema dele e se um jogo de pneu aguentar uma corrida tudo bem quem trocar que tente vencer sendo mais rapido……..

  20. Luís Almeida disse:

    O post pós-corrida tardou mas não falhou, pois o Flávio não falha. Obrigado por tudo o que partilha connosco, é sempre um prazer ler. Este blog é parte da sua vida, mas também da minha.

  21. Bola da Vez disse:

    Aqui vai o meu Bola Cheia e Bola Murcha no Gp da GB:

    Bola Cheia: Hamilton, que se recuperou de forma impecável após o toque de Kimi, chegando em segundo depois de cair pra último.

    Bola Murcha: Hamilton, que mostrou ser um péssimo esportista ao acusar Kimi de trapaça (logo quem), despejando mais bobagens do que o costume.

  22. Bernardo Furst disse:

    Entrei todo dia essa semana esperando…. Valeu por não esquecer de nos…

  23. Márcio Montechese disse:

    Flavio, a Croácia fez um gol na prorrogação. O jogo não foi decidido nos pênaltis. Abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>