“GP ÀS 10″: HISTÓRIAS DO GALVÃO | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019 - 10:51Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10″: HISTÓRIAS DO GALVÃO

25 comentários

  1. Fernando disse:

    historia divertida. Particularmente acho muito foda estes caras q, so pq a conta vai ser dividida, abusa nos pedidos. Exagera e poe na conta dos outros… Que avise antes suas intencoes…

  2. Cristiano disse:

    Gomes, vc que gosta das datas redondas, podia fazer um “Moreno, 60″, aqui ou no GP às 10.

  3. Sergio Coppola disse:

    FLAVINHO, O BOECHAT, HOMENAGEADO AQUI PELO SEU TWINGO, MORREU HOJE!!!!

  4. Fabiano Rennó disse:

    Flavio, ta muito legal esses videos de historias…. abraço!

  5. Antonio Seabra disse:

    Os videos são bem legais, mas…pra quem tem a pena que voce tem, os textos dão de 100 x 0….
    Mas compreendo que os videos dão muito mais velocidade a veiculação, e acabam sendo mais vistos do que os textos. Principalmente por quem tem preguiça de ler….fato que hoje é meio comum.
    Eu sou ao contrario (talvez por ser mais velho), tenho preguiça de ver videos.

  6. Saima disse:

    FG, você ficou na ponta dos pés pra sair nessa foto

  7. Farid Salim Junior disse:

    Lembro sim, Flávio, dessa passagem! Você a contou quando noticiou a morte do Luciano do Valle. Está em alguma página do seu blog… Mas, a contou como uma homenagem ao saudoso e falecido narrador! Não fez nenhuma referência negativa ao Galvão Bueno, como pode parecer aos que só agora souberam do fato! Imagino um livro seu sobre os bastidores das reportagens sobre F1, no seu tempo de correspondente internacional! Abraço!

  8. Rodrigo disse:

    Flavio, continuo preferindo seus textos mas estou gostando bastante dos vídeos. Um por dia deve dar muito trabalho. Haja história pra contar.

  9. TARCISIO FRASCINO FONSECA disse:

    Nílson César também esta no grupo?
    Roberto Cabrini?

  10. TARCISIO FRASCINO FONSECA disse:

    Não foi na Hungria?

  11. Jonatas disse:

    Quem são os onze na foto?

    Da esquerda para direita;
    Em pé: ?, ?, Flavio Gomes, ?, Reginaldo Leme, ?, Roberto Cabrini (?).
    Agachados: ?, Galvão Bueno, Mario Andrada e Silva(?), ?

  12. Chupez Alonso disse:

    História já conhecida.

    Mas vale a pena repetir se tiver sido um bom Shiraz australiano.

  13. Ricardo Bigliazzi disse:

    Vendo esse “exercito” da foto dá para entender (quem não viveu aquela época) como eramos gigantes na F-1.

    Quem tinha o “Hamilton e o Vettel” éramos nós.

  14. Rodrigo disse:

    Vc é nota 10. Não perco um vídeo…ótimos….Se der, faz um falando sobre curiosidades de cada autódromo que vc já esteve na F1…abraços, Rodrigo Feitoza, Antonina/PR.

  15. guilherme costa disse:

    aguardando ansiosamente o collab com Fabio Seixas sobre #OQueFizemosEmImola

  16. filipe jeferson disse:

    flavio sei que meu comentário aqui nao tem nada a ver com o video acima, que aliás devo dizer que foi muito mas muito bom mesmo.
    Não teria como vc qualquer hora dessas comentar sobre a proibição de propaganda de tabagismo na F1 e como isso atingiu as equipes, fazendo com que várias acabassem e outras entrassem em declinio.
    Se puxarmos pela historia, no final da década de 90 tinhamos 6 equipes com empresas de cigarro como patrocinadores master.
    Ferrari – Marlboro -Williams Rothmans, Camel, Winfield – Jordan Benson e Hedges, Mclaren WEST e BAR Lucy Strike/888. Isso se contarmos que a Benneton teve patrocinadores Tabagistas, mas não como master.
    Eu hoje vejo que o declinio das equipes de F1 moram justamente nas restrições de patrocinio e publicidade, não se pode mais fazer propaganda tabagista e em alguns países não se pode mais fazer propaganda de bebidas.
    Eu além de achar os carros bem mais bonitos, acho que a proibição de patrocinio de Cigarros foi um duro golpe para as equipes independentes, que antigamente eram maioria e hoje são minoria no grid da F1.

    • José Ricardo disse:

      Lembro que uma vez falou da Ligier Gitane.
      Ja fica uma deixa pra merchan do excelente livro.

    • Paulo Lava disse:

      Pego carona no comentário do internauta Filipe Jefferson para ressaltar que até hoje lamento a ridículo proibição de propaganda de cigarros na F1 — e no Automobilismo, como um todo. Fazer o que? Esta situação só poderia mesmo ser criada pela classe política. Que, ao invés de se preocupar com coisas mais importantes, perde tempo em criar leis ridículas e absurdas…

  17. Clovis Lopes disse:

    Pode contar as suas histórias, mesmo que se repitam sempre são interessantes.

  18. Felipe B disse:

    Esses vídeos e uma caneca de café na mão: informação descompromissada e boa diversão. Um prazer acompanhar a evolução do canal e da adequação à ferramenta. E uma pena que em momentos acalorados eu tenha entrado na lista dos blocks no Twitter, hahaha. Seguimos.

    Espero poder trocar histórias de jornalismo automotivo, pistas e Vemaguet contigo, aqui no Rio.

    Um forte abraço!

  19. Voulembrar disse:

    Flavio, você é o que está agachado, com charuto na boca, ao lado do Galvão?

Deixe uma resposta para guilherme costa Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>