“GP ÀS 10″: JORDAN, PARACAMBI… | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019 - 11:43Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10″: JORDAN, PARACAMBI…

21 comentários

  1. CRSJ disse:

    Nos primeiros quatro anos de F-1 em que o Rubinho esteve na Jordan só o ano de 1994 foi promissor.

  2. Fabio disse:

    Hey Flávio!

    Leu a matéria do Rubinho no uol?

    https://esporte.uol.com.br/reportagens-especiais/rubens-barrichello—entrevista/index.htm#se-teve-uma-manobra-perfeita-na-minha-carreira-foi-aquela

    Surreal a dor de cotovelo e falta de sensibilidade com Michel Schumacher.

    O cara (Rubinho) acordou o filho no meio da noite para rezar pelo MSC, mesmo este “tendo feito coisas horríveis para o papai”.

    Abraço!

  3. Aliandro Miranda disse:

    Eu estava lá!

  4. Beto Dessordi disse:

    Flávio Gomes…

    Que prazer é poder acompanhar o seu trabalho .. mas pqp !!! Lembrar que o Limite que vc apresentava junto com o “canalha” e ( perdão se eu estiver equivocado) com o “malinha” do Mauro já se passaram 15 anos praticamente, me faz perceber que o tempo passa muito rápido !
    Limite e principalmente seu quadro eram sem dúvida nenhuma as melhores atrações da ESPN.

    Adoraria um dia sentar contigo e bater um papo descompromissado sobre tudo, pois pessoas realmente bacanas e inteligentes como vc estão cada vez mais escassas. Sobretudo em tempos tão escabrosos como os que estamos vivendo.

    Abraços

  5. Alex disse:

    Flavio, o carro que está no ateliê do saudoso Sid Mosca e pertence ao Barrichello, é a Jordan de 1994, com a qual ele foi pole em Spa! O Rubens ganhou esse carro como forma de pagamento, inclusive! Ele também possui uma Honda, não lembro se de 2007 ou 2008.

    Essa Jordan de 92 é realmente um mistério…. será que está na coleção particular do Piquet?

  6. Fernando Pereira disse:

    Flavio, boa noite. Acompanho F1 desde a década de 80, e li muito vc e Fabio Seixas na Folha e Lance.
    Tenho acompanhado seus vídeos, histórias ótimas!
    Sugestao: ja pensou em disponibilizar em outras plataformas, em formato podcast? Nem sempre é possível assistir o vídeo por estarmos dirigindo, na academia, etc. Em podcast seu alcance seria ainda maior! Parabéns, abraço!

  7. Fabio Amparo disse:

    Nunca mais houve um programa tão legal sobre automobilismo quanto o Limite.

    Os do Grande Premio chegam perto, mas não tem a presença de João Carlos Albuquerque!

    Me lembro que os assinantes interagiam por e-mail. Lá eles eram impressos e selecionados na hora pelo pessoal na bancada, cada um com uma pilha de papel na mão….. rs

    Bons tempos, aqueles. Grande Abraço

  8. Guilherme Zahn disse:

    Ah, e a Arisco foi vendida em 2000 pra Unilever (pros velhos como nós, Gessy-Lever), sobrevivendo como marca de caldo de galinha, sopa pronta e uns troços assim.

  9. Guilherme Zahn disse:

    Muito legal isso, Flávio!

    Seria legal também um dia fazer alguma matéria sobre os carros de corrida que a família Massa tem em Botucatu… anos atrás me lembro de ter visto uma Sauber (palpite, acho que era a C23) e uma Ferrari – acho que tinha mais, mas não me lembro bem (antigamente dava pra ver alguns da rua, mas hoje fecharam a visão).

    Grande abraço!

  10. Victor disse:

    Apareceu um cachorro no vídeo a partir de 17:59.

  11. clodoaldo lelli disse:

    começo a ter certeza que estamos sendo espionados, apos assistir esse vídeo aqui pela coluna, na próxima entrada no youtube tá lá o vídeo que mencionou se não inteiro uma boa parte dele a qualidade é razoável mas vale a pena

  12. Guilherme Nascimento disse:

    Programa limite era legal demais…..o Mauro Cesar tinha o Montoyômetro hahahahha
    Grande abraço

  13. Alvaro Ferreira disse:

    Muito legal! Eu vi esse mesmo carro em Itaipava-RJ, acho que em 2001. Fui almoçar com minha mulher num dos ótimos restaurantes da região e vimos que estava tendo ao lado um evento de arquitetura e decoração, tipo Casa Cor. Fomos e dei de cara com esse Jordan pendurado na parede de um salão! Perguntei ao pessoal da organização e me disseram que pertencia ao Piquet. Não entendi bem, achei que estavam enganados, deixei pra lá. Agora, 18 anos depois, fez-se a luz! Valeu, Flavinho!

  14. Antonio disse:

    Flavio, excelente matéria como sempre, salvo quando você deriva para a política. E é por isso que escrevo.
    Essas deliciosas cidades do Vale do Paraíba Fluminense, se desenvolveram as custas da escravidão, e as custas do desmatamento da Mata Atlântica e da maior degradação do solo que já houve no país.
    Essas fábricas eram de senhores decescravos.

  15. Luiz Rocha disse:

    Hoje em dia a juventude fala muito em Crush de pau grande, mas já é outra coisa.

  16. jan crispim disse:

    esse cão que aparece no video é o seu ?

  17. edgard disse:

    Sensacional Flavio , obrigado por compartilhar histórias tao interessantes .. valeu !!

  18. Flavio, você podia falar um pouco da carreira do, que pra mim, foi o mais injustiçado brasileira na F1, cristiano da matta.

  19. Silvio Domingos Rodrigues disse:

    A Arisco ainda existe. Hoje faz parte do grupo da Unilever.

  20. Marcos Aldred Ramacciotti disse:

    A Arisco pertencem a Unilever.

  21. Dimaz disse:

    Arisco existe ainda como marca, a empresa em si foi comprada pela Bestfoods no ano 2000, a Bestfoods foi depois comprada pela Unilever.

    https://pt.wikipedia.org/wiki/Arisco

Deixe uma resposta para Marcelo Uchôa Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>