“GP ÀS 10″: MAIS BARRICHELLO | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019 - 11:24Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10″: MAIS BARRICHELLO

Uma correção: Barrichello não foi vice na Brawn em 2009, mas terceiro colocado. O vice foi Vettel.

28 comentários

  1. CRSJ disse:

    O Rubinho guiou por seis anos o melhor carro da temporada, isso entre Ferrari e Brawn sendo um completo freguês. Se o Rubinho não tivesse guiado o melhor carro da temporada ele provavelmente não teria vencido nenhum GP na F-1.

  2. John Player disse:

    Pois é, o vice foi o menino Vettel.
    E o melhor carro estava nas mãos dos pilotos da Brawn, né?
    O menino foi vice, com Alonso, Raikkonen, Kubica, Rosberg, Hamilton, todos lá no grid.
    E ainda existem analfabetos de F1 (e vários pilotos recalcados, inclusive) desmerecer o talento de Vettel.
    Ah se o fosse o Verstappen hoje sendo vice campeão com a RBR, á frente de Alonso, Vettel, Raikkonen, Bottas…

    • McLaren-12 disse:

      Então,

      Você, como uma boa vettelete, desconhece a maioria dos fatos. E olha que existem inúmeros fontes por aí. Toma aí mais uma aulinha…

      A Brawn teve o melhor carro no início da temporada devido à brecha que encontrou no regulamento a respeito do difusor duplo. Button ganhou 6 das 7 primeiras corridas. Quando proibido, Button não ganhou mais nenhuma e o campeonato voltou ao seu curso natural. E o melhor carro já era o da Red Bull, algo que se provou até 2013, quando o regulamento foi alterado novamente.

      Vettel só foi vice pois o Rubens não se acertou com o carro da Brawn e foi dominado pelo Button no início. Além de se melhor que o Webber.

      Sabemos que você fica magoadinho pelo Hamilton ter atropelado os títulos do Vettell, mas não odeie. O Leclerc acabou de chegar e fará pior.

    • Coyote disse:

      Não confunda as coisas. O Rubinho perdeu com carro ruim, perdeu com carro médio, perdeu com o melhor carro ao lado do Schumacher (compreensível) e perdeu com o foguete BrawnGP ao lado do Button. Uma coisa é vc bater um penalty bem batido dentro do gol e o goleiro pegar. Vc não é ruim, o goleiro é que é bom demais. Outra coisa é vc bater um penalty e mandar a bola na arquibancada. Aí vc é que é ruim mesmo, o que é o caso do Rubinho. Mas é óbvio que Vettel é muito melhor do que Rubinho. Só não é melhor do que Ricciardo, Hamilton, Kimi, Alonso, Verstapinho… Mas vc quer discutir, então diga o que aconteceu quando a Ferrari apostou no Kimi e lhe deu um carro ligeiramente inferior às McLarens do bicampeão Alonso e o rookie Lewis Hamilton. Depois me conte o que aconteceu quando a Ferrari apostou no Vettel e lhe deu carros melhores em 2017 e 2018.
      Abs.

  3. Eleagah disse:

    comentário “proibido” nos dias atuais:

    Sempre anote as coisas….
    Memória é substantivo feminino, você não pode confiar….

  4. Coyote disse:

    Os dois grandes feitos do Rubinho foram, primeiro, conseguir viver de automobilismo. Para um racer já é difícil, pois tem de trabalhar muito. Para o Barrichello pode-se dizer que foi um milagre. O segundo foi não conseguir não capitalizar isso. Ao contrário, ele é o vilão de si mesmo. O fato de se achar melhor do que realmente era diz tudo e por isso merece uma reflexão para quem quiser entender essa figura emblemática.
    Outra coisa é que quem está exposto aos holofotes tem de tomar muito, mas muito, cuidado com a imprensa porque ela se alimenta do que tiver à frente.
    Abs.

  5. Alex U. disse:

    Me recordo de quando Button se aposentou e o questionaram quem teria sido seu melhor companheiro de equipe. Pesquisando um pouco, encontrei uma declaração bem legal dele: “Ele também foi meu melhor companheiro em termos de acertar o carro. Fernando é bom nisso, mas Rubens estava em outro nível. Por isso Michael Schumacher o quis como companheiro de equipe por tanto tempo, né – declarou o inglês em entrevista ao site internacional da revista GQ.”

  6. Carlos Eduardo Nogueira disse:

    Flavio, me lembro muitos anos atrás que Vc criou aqui no blog um personagem acho que espanhol que te mandava informações. Num post seu havia alusão a um piloto, Reuben Pes de Chinellen

  7. Wagner Neves disse:

    Para quem acompanha a F1 e notícias a respeito, penso que há dois segredos extremamente bem guardados: 1) O estado atual do Schumacker; 2) Por que o Rubinho saiu da Globo. Com a quantidade de informação nos dias de hoje, fico bobo como ninguém descobriu ou comentou nada a respeito do segundo assunto. Mas isso é só no nível de fofoca mesmo. Não acrescenta nada ao mundo.

  8. Comentarista Crítico disse:

    Um avisinho ao Segafredo: Em 89 não fosse os esdrúxulos descartes, e Prost seria Campeão uma corrida antes do Japão. Senna no ápice de seu arrojo e inconsequência em 88 e 89 perderia pra Prost sem os descartes. Em 88 sem os descartes o Campeão em Suzuka seria Prost e não Senna.

    • McLaren-12 disse:

      Os descartes valiam da primeira à última corrida para todos os pilotos. Todos correram sabendo disso, menos você!

      Ah, se minha avó fosse homem, eu teria dois avôs.

      Então chora!

      • Paulo Pinto disse:

        Comentarista Crítico, esse McLaren-12 é o nick fantasma do Sennafredo, quando quer agredir alguém e fica com medinho da revanche.

      • Comentarista Crítico disse:

        Meu querido, se o Segafredo pode usar “se” a favor do Ayrton, pra criticar o Schumacher. Não é proibido eu usar o “se” em favor do Prost pra criticar o Senna. Chumbo trocado não dói ;-)

      • McLaren-12 disse:

        Não sou o Segafredo, como o formando do primário acha. Como ele só sabe ler números, não consegue dieferenciar o tipo de escrita, construção de frases, argumentação, etc. Mas nós deixamos ele achar que somos, para lermos ele ser tonto e ficar passando por idiota no blog. Aliás, a briga pelo mais idiota do blog seria acirrada, mas ele ganharia.

        Como eu não sou o Segafredo, teu argumento não vale pra mim.

        Então, chora!

      • Viúva Solitária disse:

        O McLaren-12 não é o Segafredo e posso garantir que não! Acreditem! É tão difícil assim?

    • John Player disse:

      Esse Segafredo é o câncer deste blog.
      Viúva insuportável.
      Nunca vou entender porque o FG não afasta esse cara daqui.
      Infelizmente temos de “conviver” com esse tipo de criatura nojenta nesses tempos do “politicamente correto” que distorce o conceito de democracia e “liberdade de expressão”.
      Um insuportável desse e a gente tendo de aturar, em nome da “liberdade”. “Não pode censurar”. Então qualquer um fala a barbaridade que quiser, e a gente que acredite ou tape os ouvidos.
      Essa viúva não tem opinião. O que ele diz, não é opinião.
      É apenas a versão torta e mentirosa de um maluco fanático e do que ele acha que é a realidade sobre a F1 e seus deus Senna.
      Ele não tem opinião.
      É só mais uma “viúva jihadista” fanática e sem noção.
      #ForaSegafredo e #ForaMCLREN-12 (falta originalidade até nas cascata que inventa.)

      • McLaren-12 disse:

        Como já escrevi, eu não sou o Segafredo como você e seu guru acham.

        Quero lhe parabenizar pela auto-análise. São poucos os que têm coragem de reconhecer seus defeitos e expô-los num blog tão popular. Apenas não gostei da forma como o fez: descreveu-se de forma minuciosa transferindo a personalidade a alguém. Não é a forma mais correta, mas nós entendemos perfeitamente. É um começo. Com a ajuda certa você se tornará uma pessoa melhor.

        Sobre sairmos, você não é o dono do blog, filho. Se você, pela sua postura, não haveria nenhum seguidor. Ninguém mais suporta que o dono da bola seja alguém como você.

      • Viúva Solitária disse:

        Não falem assim do Segafredo que eu não gosto! Entenderam, suas Vetteletes raivosas?

  9. Nilton Camargo disse:

    Uma sugestão, faça somente o sinal com o dedo, sem falar nada, vai ser um bordão visual………..

  10. Alexandre Galvão disse:

    Posso estar errado mas minha impressão desse campeonato é que o Barrichello desistiu da luta pelo vice depois que o Button se tornou campeão de fato.
    Falo isso porque lembro de torcer pra ele alcançar o vice e não ver nenhuma garra por parte dele em Yas Marina. Ele nem quis passar o Jason.
    Fiquei chateado. Com a mesma sensação de que ele é um mau perdedor quando subiu no pódio em Interlagos em 2004 com aquela cara de bunda.
    Gosto muito dele. Acho um grade piloto. O que não gosto é das bobagens que ele falava para com a imprensa. Haja infelicidade.

  11. SnowboarderF1 disse:

    Flavinho,
    Poderia fazer um rescaldo igual a esse da carreira do Piquet, hein? Ou outro piloto brasileiro tb.
    Outra coisa, ainda gostar ver o GP as 10 como podcast pra ouvir no carro, andando, correndo, etc. YouTube consume muitos dados e inviabiliza essa flexibilidade.
    Valeu, abs!

  12. Rafael disse:

    Bom dia Flávio. Estava vendo o documentário “Senna” ontem e achei que algumas vezes o Airton parecia arrogante e arriscava-se além do normal muitas vezes. Tinha apenas 13 anos quando ele morreu e minhas lembranças são muito nebulosas sobre os tempos áureos dele na McLaren com o Prost. Você poderia falar algo a respeito disso e da sua opinião sobre 1989 e 1990, ou indicar links onde você tratou a esse respeito? Abraço

  13. Richard disse:

    Vai fazer um desses do Massa?

Deixe uma resposta para Eleagah Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>