MENU

segunda-feira, 2 de março de 2009 - 19:33DKW & cia.

O PRIMEIRO AUDI

SÃO PAULO (meu sonho) – Surgiram aí embaixo algumas dúvidas sobre a origem da Audi, e talvez a blogaiada mais nova desconheça a história das quatro argolas e tal. Bem, as quatro argolas surgiram da fusão, em 1932, de Audi, DKW, Wanderer e Horch. Daí nasceu a Auto Union, que depois da Segunda Guerra foi refundada, passou pelas mãos da Mercedes, foi vendida à Volkswagen e o último DKW fabricado foi esse aí, o F102, motor dois tempos de 1.200 cc. Desse carro surgiu o primeiro Audi da “era moderna”, digamos, já com motor quatro tempos refrigerado a água etc e tal.

Na verdade, resumi a história só para publicar a foto, porque esse é meu sonho de consumo. Foi o nosso Zé Rodrix, do Rio, que me mandou a imagem, para dar mais vontade ainda de, um dia, ir atrás de um…

18 comentários

  1. lucas disse:

    lembra muito o fissore

  2. marcio disse:

    Quem se lembra do FISSORE. È quase igual a esse, e projeto bem nacional. Pena que a VW não desenvolveu o projeto.

  3. ALEX B. disse:

    Fissore, ou não, é, sem duvidamente, uma COISORROROSA 19! Mas antes de levar chumbo grosso, respeito que gosta!!

  4. Marcelo Witt disse:

    agora, o zé mané que na época fez o anúncio precisava de muito pra ser esperto hein? afinal, escrever no alto qual era a foto da frente e qual era a foto da traseira do carro?

  5. Ricardo disse:

    Na Audi, o objeto de desejo é uma RS2, Audi + Fusc…digo Porsche!
    Agora um outro comentário nada haver com o tópico. Mas um assunto que faz tempo que não aparece aqui. Na próxima segunda 21:15, no programa Tribos no Multishow, será mostrada uma “tribo” de “Busólogos”

  6. Marcelo Liberatori disse:

    E a partir dele a VW criou o Zé do Caixão!

    Que beleza!!! Mas certamente este modelo deveria ser muito melhor do que diversos modelos atuais que temos disponíveis no mercado.

    Abs …

  7. Rafael Ramos disse:

    Tenho quase certeza de que vi um exemplar desse carro nesta semana em São Paulo.

  8. Rodrigo Moraes disse:

    Deve ser gostoso de andar, tá difícil ler as letrinhas todas, mas parece ter uns 70 cv pra 900 kg. Acompanha o trânsito bem fácil. Eu só não gosto de tração dianteira, mas é de gosto.

    Já que é pra sonhar, diz que teve 13 destes aí que saíram com um V6 2T de 130 cv…

  9. thiago lana disse:

    Zé Rodrix , o cantor? Se for ele mesmo, trata-se de um dos maiores gênios da música popular brasileira. Mas, pelo o que eu sei, ele vive no Sumaré-sp…

  10. Muller disse:

    Foi a Volkswagen quem decidiu utilizar a Audi para desenvolvimento de alta engenharia e também para isolar os modelos de linha com “perfil sofisticado” (ou seja, os mais caros e luxuosos).

    Deu certo. Também deu certo a aposta da VW na engenharia, com o Quattro no rali, modificados no BTCC/DTM e com os prototipos em LeMans.

  11. Eric disse:

    A traseira lembra um pouco o Walt….isso sim.

    Mas que deka charmosa hein…..tem no Uruguai???

  12. Ricardo Ferrari disse:

    Não sei se já viram esse comercialzinho, mas segue assim mesmo: http://www.youtube.com/watch?v=LUOJSnR9z3k

  13. Carlos Bragatto disse:

    E comparando com esse, o Fissore é MUUUUUITO mais bonito, muito mais elegante.

  14. Andre Decourt disse:

    Para mim a Audi morreu no final das primeiras gerações com A na frente…… os carros começaram a ficar bodosos, com cara de novorico. Saudades da família 80, 100 e 200 do início dos anos 90 e do primeiro A 8, a primeira safra dos A 4 e A 6 também eram carros bonitos.

    Que a crise faça os Audis voltarem a ser boas peças de engenharia com desenho menos espalhafatoso.

    Adoraria ter uma S2 SW 1991 até 94

  15. Alex Martins disse:

    Flavio, qual será o motivo para a Audi nunca ter entrado na F-1?

  16. emerson neves disse:

    a frente lenbra o corcel zinho 1973 ja a trazaeira lenbra TL sedan na epoca ze do caixao incrivel. o primeiro audi entao o nome deste carro seria ZE DO CORCELZINHO PODE>>>

  17. Joaquim Souza disse:

    É, as quatro argolas, sempre ela. Alguns tentam, porém, não consegue me convencer de eu adquirir um golf ao invez do A3, por ser mais barato em relação a vários itens, etc e tal.

    Não é a questão de ser mais barato ou não, é as QUATRO ARGOLAS. Sonho antigo, porém mais atual ao do Flávio, acho que por eu ter 27 anos também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>