Arquivojulho 2009

COLUNA DO MEIO

C

SÃO PAULO (e deu) – Para começar a fechar o barraco por hoje, a coluna deste que vos bloga, falando sobre os assuntos da semana: Massa, BMW, Schumacher, Nelsinho, Barrichello. E aproveitando para dar um pitaco nessa história de Schumacher testar com o carro novo. Mamata, não? As outras equipes são muito bananas. A Ferrari faz o que quer.

CARRO FAZ MAL À SAÚDE

C

SÃO PAULO (cada vez mais…) – Está nos jornais de hoje. Peças publicitárias de produtos ligados à indústria automobilística, a partir de agora, terão de conter textos educativos, como nas propagandas de remédios, bebidas, cigarros. Carro, que era símbolo de liberdade, status, glamour, alegria, está sendo, a cada dia que passa, mais satanizado. É uma arma que mata, polui, congestiona as...

COLUNA 2

C

SÃO PAULO (verdade verdadeira) – E em sua coluna, a segunda de hoje no Grande Prêmio, Andre Jung diz que a F-1 voltou ao centro das atenções nesta semana, com tantas notícias importantes — acidente de Massa, volta de Schumacher, saída da BMW… Está aqui, leia e comente!

É NO RIO

É

SÃO PAULO (o sol não existe mais, é o que concluo deste inverno) – Ainda não é oficial, mas ao que tudo indica o Rio será mesmo incluído no calendário da Indy no ano que vem. Segundo o prefeito Eduardo Paes, a pista será montada no Aterro do Flamengo. De onde virá o dinheiro, não tenho a menor ideia. Mas é bom que fique claro: ser incluída no calendário não quer dizer que a corrida vai...

9 ANOS

9

SÃO PAULO (falando em túnel do tempo…) – Foi no Twitter de Rubens Barrichello que lembrei que hoje, 30 de julho, fez nove anos de sua primeira vitória na F-1, no GP da Alemanha. Sempre que me pedem para fazer uma daquelas listas bobas de “as cinco maiores corridas”, ou “os cinco maiores pilotos”, ou “as cinco maiores ultrapassagens”, menciono essa...

NAFTALINA

N

SÃO PAULO (tudo num só) – Sabe aqueles e-mails que a gente recebe todos os dias com o título “túnel do tempo” ou “saudade não tem idade”? Pois podem parar de me repassar! O blogueiro Squa encontrou todas essas fotos num mesmo site, este aqui. São ícones dos anos 70 e 80, coisas do nosso cotidiano, como a camerinha Xereta da Kodak.

HUNGRIA NO INFORACE

H

SÃO PAULO (tintim por tintim) – A melhor ferramenta de análise gráfica de um GP é o InfoRace, e já está no ar a radiografia do GP da Hungria. É só clicar aqui. Se tiver perguntas sobre seu uso, faça diretamente ao Marcelo Barbosa, seu criador, colocando aqui mesmo nos comentários.

ÚLTIMAS DE BUDAPESTE (4)

Ú

SÃO PAULO (retomando) – E vamos às últimas notícias de Budapeste, um divertido papo de Massa com Barrichello pelo telefone, no relato de Márcio Fonseca, assessor de imprensa de Felipe: “Cinco dias depois do acidente no circuito de Hungaroring, Felipe Massa e Rubens Barrichello conversaram pela primeira vez nesta quinta-feira. Do seu quarto no Hospital AEK, onde está internado desde...

ISTO É AMÉRICA

I

SÃO PAULO (depois não entendem…) – Aqui no Brasil, você compra um carro zero e te dão o IPVA pago, ou o seguro, ou os tapetinhos de carpete, ou a capa do estepe… Mas na Max Motors, na gloriosa América, você leva um fuzil AK-47 na compra de qualquer picape usada! Quem avisa é o blogueiro Marcelo Giacomin, indignado como este que vos bloga.
É inacreditável.

BUSÃO NA TELINHA

B

SÃO PAULO (o dia está acabando…) – Para não esquecer, aqui está o link da segunda parte da matéria que fiz para a ESPN Brasil no Museu dos Transportes Públicos de São Paulo. Semana passada, falei dos bondes. Nesta, dos tróleibus. Ficou legalzinha… Tenho saudade dos tróleibus. Adorava descer a Augusta neles.

FOTOS & FOTOS

F

SÃO PAULO (falando nelas…) – E nosso lambe-lambe predileto Rodrigo Ruiz, claro, já colocou no ar em seu site galerias de fotos das corridas do Paulista do fim de semana. A da Classic Cup está aqui. Pela quantidade de água debaixo do Meianov, dá para perceber que se a Pirelli não me mandasse os pneus, eu estaria no mato sem cachorro…

OPALÃO DE VOLTA

O

SÃO PAULO (coisa linda!) – Domingo em Interlagos aconteceu a segunda etapa da Clássicos de Competição, que é uma espécie de “Classic Cup Light”, iniciativa do Alfredo Gehre, nosso grande amigo. A novidade foi a estreia de um Opala, do Alcindo Moreira, de Campinas. É sempre legal ver um Opalão na pista! Aqui tem uma galeria de fotos da corrida, do Rodrigo Ruiz. Os resultados da...

Perfil


Flavio Gomes é jornalista, dublê de piloto, escritor e professor de Jornalismo. Por atuar em jornais, revistas, rádio, TV e internet, se encaixa no perfil do que se convencionou chamar de multimídia. “Um multimídia de araque”, diz ele. “Porque no fundo eu faço a mesma coisa em todo lugar: falo e escrevo.” Sua carreira começou em 1982 no extinto jornal esportivo “Popular da Tarde”. Passou pela “Folha de S.Paulo”, revistas “Placar”, "Quatro Rodas Clássicos" e “ESPN”, rádios Cultura, USP, Jovem Pan, Bandeirantes, Eldorado-ESPN e Estadão ESPN — as duas últimas entre 2007 e 2012, quando a emissora foi extinta. Foi colunista e repórter do “Lance!” de 1997 a 2010. Sua agência Warm Up fez a cobertura do Mundial de F-1 para mais de 120 jornais entre 1995 e 2011. De maio de 2005 a setembro de 2013 foi comentarista, apresentador e repórter da ESPN Brasil, apresentador e repórter da Rádio ESPN e da programação esportiva da rádio Capital AM de São Paulo. Em janeiro de 2014 passou a ser comentarista, repórter e apresentador dos canais Fox Sports no Brasil. Na internet, criou o site “Warm Up” em 1996, que passou a se chamar “Grande Prêmio” no final de 1999, quando iniciou parceria com o iG que terminou em 2012. Em março daquele ano, o site foi transferido para o portal MSN, da Microsoft, onde permaneceu até outubro de 2014. Na sequência, o "Grande Prêmio" passou a ser parceiro do UOL até maio de 2019, quando se uniu ao Terra por um ano para, depois, alçar voo solo. Em novembro de 2015, Gomes voltou ao rádio para apresentar o "Esporte de Primeira" na Transamérica, onde ficou até o início de março de 2016. Em 2005, publicou “O Boto do Reno” pela editora LetraDelta. No final do mesmo ano, colocou este blog no ar. Desde 1992, escreve o anuário "AutoMotor Esporte", editado pelo global Reginaldo Leme. Ganhou quatro vezes o Prêmio Aceesp nas categorias repórter e apresentador de rádio e melhor blog esportivo. Tem também um romance publicado, "Dois cigarros", pela Gulliver (2018), e o livro de crônicas "Gerd, der Trabi" (Gulliver, 2019). É torcedor da Portuguesa, daqueles de arquibancada, e quando fala de carros começa sempre por sua verdadeira paixão: os DKWs e Volkswagens de sua pequena coleção, além de outras coisinhas fabricadas no Leste Europeu. É com eles que roda pelas ruas de São Paulo e do Rio, para onde se mudou em junho de 2017. Nas pistas, pilotou de 2003 a 2008 o intrépido DKW #96, que tinha até fã-clube (o carro, não o piloto). Por fim, tem uma estranha obsessão por veículos soviéticos. “A Lada foi a melhor marca que já passou pelo Brasil”, garante. Por isso, trocou, nas pistas, o DKW por um Laika batizado pelos blogueiros de Meianov. O carrinho se aposentou temporariamente no início de 2015, dando o lugar a um moderníssimo Voyage 1989. Este, por sua vez, mudou de dono em 2019 para permitir a volta do Meianov à ativa no começo de 2020.
ASSINE O RSS

Categorias

Arquivos

TAGS MAIS USADAS

Facebook

DIÁRIO DO BLOG