MENU

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010 - 17:04F-1

OUTRO SENNA

nacionalGUARUJÁ (preciso de tempo) – Não vi todos, mas verei. A história é a seguinte. O desaparecido Pétrius Portílicus, blogueiro histórico, achou este documentário em cinco partes sobre Ayrton Senna cuja primeira delas é a do link. O cara que colocou os vídeos no VocêTubo desabilitou a opção “incorporar”. Então, é preciso ir ao link, nem adianta clicar na imagem que coloquei aqui — como se diz, “meramente ilustrativa”.

É um documentário feito para o Banco Nacional, maior patrocinador da carreira de Senna. O sujeito que postou diz que é inédito e tal. Quem faz a narração é Galvão Bueno, tem entrevistas e o escambau a quatro. Divirtam-se.

54 comentários

  1. willian alves disse:

    nasci no ano de 1986,mas lembro de muitas coisas na época do senna,ele era demais,pois era brasileiro de verdade.nao posso falar da vida dele pois,pois ninguem tem o direito de invadir a sua vida particular,mas na pista ele sem dúvidas foi e sempre será meu eterno idolo.quando vejo seus videos no youtube meus olhos enxem de lagrimas,pois queria ter a oportunidade de ve-lo mais um pouco nas pistas nos dando muitas alegrias e fazendo nossos domingos muito alegres,onde o brasil todo parava pr assistir as suas corridas.é como diz o proprio galvão”ele era tão grande e superior que estava alem do seu tempo,fica com deus cara e onde vc estiver sempre lembrarei de vc com muito carinho,e para sempre o melhor piloto de todos os tempos.

  2. Ricardo Piva disse:

    Para mim o PILOTO Ayrton Senna é imbatível. Tive sorte de acompanhar toda sua carreira.

    O que é ridículo é o “endeusamento” dele, feito inegávelmente pela Globo.

    Com o devido respeito aos demais leitores, o cara cagava, peidava e tinha frutrações como qualquer ser humano dito comum. Não era melhor nem pior.

    Mulheres o desejaram e mulheres o desprezaram (xuxa), como acontece a todo homem. E isso é normal. Todos passam por isso.

    Senna em pista é algo a ser estudado. E o reflexo disso é sua moral em todo o mundo (locais onde nem se sabe o que quer dizer REDE GLOBO).

    Por outro lado, foi FDP muitas vezes sim. De santo não tinha nada.

    Evidente que as perguntinhas do galvão eram direcionadas com açucar. Ai eu pergunto, e as do Reginaldo Leme ao PIQUET não eram da mesma forma?

    Senna como ser humano, agradava a uns e era odiado por outros. Algúem aqui é unanimidade?

    Enfim, o cara foi um piloto, desportista como poucos. É um mito dentro e fora do país e, quem tentar negar isso estará falando besteira. Dando soco em ponta de faca.

    Da mesma forma, deve-se reconhecer que o tal mito era um ser humano, o que quer dizer que nem tudo o que o cara fazia era digno de aplausos.

    Certamente, se colocármos na balança, existem muito mais pontos positivos do que negativos, mas nem por isso deve-se colocar uma venda nos olhos, no sentido de achar-se que o cara era perfeito em tudo, inclusive na vida particular.

  3. Getúlio disse:

    Vi que tem neguinho falando da vida do Senna….

    Foda-se a vida do Senna, Prost, Piquet, Schumacher…..

    Para mim pouco importa, afinal de contas ninguém aqui foi amigo desses caras, creio eu.

    O que fica, pra mim, é o gênio que o Senna era guiando um carro. Sem dúvidas a carreira mais brilhante de um piloto no automobilismo.

    Foi fenomenal aonde passou, foi genial na fase mais áurea da categoria. O piloto mais talentoso que eu já vi.

    Disso eu posso falar. Da vida pessoal, se é gente boa, se é bonitinho ou mau, sei lá…..Foda-se, isso pouco importa para mim.

    Saudações.

  4. Fab disse:

    O Banco Nacional nunca foi o maior patrocinador da carreira do ayrton…. pelo contrário, ayrton ajudava o banco com sua publicidade, sendo que o mesmo não tinha grana suficiente para bancá-lo. Porém, ayrton fornecia espaço em seu macacão acreditando que isso beneficiaria o banco, o progresso e o povo do Brasil.

    • vitão disse:

      é verdade, ele até associou-se à MAdre Tereza de Calcutá….cada uma viu…..quem patrocinou o AS no início foi o BANERJ , banco estatal lembra? Depois quando ele foi pra F-1 deu um pé na bunda deles e foi pro Nacional. Rolava muita grana entre o pessoal do banco, agência de publicidade, Globo, e o AS. Essa idolatria sem base é doentia. Cada piloto teve a sua época. Pelos perigos que correram, Fangio e Clark são supremos, na minha imodesta opinião, e opinião é como bunda, cada um tem a sua. Desde que fundamentada , é lógico

    • Fab disse:

      Vitao,

      Leia alguma biografia do Ayrton antes de tripudiar alguma opiniao com fundamento com base na sua prepotente ignorancia. Foi dificil e muito complicado manter a marca do banco Nacional em 93 quando Senna precisava de dinheiro de tudo que lado para correr aquele ano na fraca Mclaren-FORD e o banco não tinha nada a oferecer praticemente, porem manteve pelos motivos discritos por mim antes, tanto é que o banco logo quebrou após 94. O meu fundamento esta na biografia Ayrton Senna – O Heroi Revelado. Já que opinião é como bunda pra ti, vê se cuide da sua antes que acabe prostituida!!

  5. Don Victor disse:

    Falem oq quiser… Senna foi sim o melhor de todos… pode não ter os números de schumacher, mas ninguém terá sua categoria e arrojo nas pistas, nem mesmo prost, mansell ou clark e muito menos piquet!!!

    O kra era foda… e como eu digo… vão-se os bons e ficam-se os ruins (katayamas, mazzacanes, piquetinhos, etc)…

    Por fim, o galvão sempre dando seus foras… atravessando as falas do entrevistado, enfim, sempre dando bola-fora!!!

  6. Thiago Schauenberg Pereira disse:

    Em 1990 foi ao ar uma reportagem sobre a temporada de Senna naquele ano. Não duvido que tenha sido produto desse documentário. Bom vídeo, valeu pela dica!

  7. Arnold disse:

    Senna era o rei do impossível…………….

  8. Bruno Mantovanelli disse:

    Eu tenho esse documentário em VHS. Ele foi feito no final de 1990 e distribuido pra alguns funcionários do banco nacional Minha tia trabalhava lá e me deu de presente. No final do documentário, o Galvão pergunta qual foi sua maior vitória, Senna responde que a maior vitória estava por vir. Ele estava certo, pois no começo de 1991 ele venceria em Interlagos, naquela corrida épica em que só tinha a sexta marcha. Parecia que ele estava prevendo o que aconteceria naquela corrida.

  9. Fábio Cazzola disse:

    Aqui no serviço não tenho acesso ao youtube, mas tenho se não me equivoco tenho esse documentário em casa, meu pai é um bancário aposentado e conseguio com algum amigo do nacional. Se quiserem acredito que consigo algumas cópias em dvd.
    abraços

  10. Fernando disse:

    Eu tinha isso em video. Foi da época em que o Senna lançou a grife de produtos com o nome dele. Veio o video, um relógio de pulso da Honda, que tenho até hoje, e um jogo de tabuleiro. O jogo não sei onde foi parar. O video, emprestei e nunca mais consegui de volta…

  11. Edu disse:

    Tudo bem que o cara era bom, mas a globo me da nojo.

  12. Muxa disse:

    Esse vídeo é tão inédito que eu também tenho!

    Brincadeiras à parte. Esse documentário era apenas distribuído para alguns funcionários e clientes do banco Nacional, no começo dos anos 90. Por acaso, o padrinho do meu irmão trabalhava no banco, na época, e deu o vídeo pra gente. Tenho até hoje, em perfeito estado. Um dia, quando tiver paciência, eu mando a capa.

  13. Thales disse:

    Eu tenho esses videos em k7,minha mae trabalhava no nacional,eles eram distribuidos como brindes para os clientes do banco.

  14. dicaju disse:

    Bom dia Flávio, o documentário é inédito só para quem nunca viu…rs… mas realmente é mto bom!
    Possuo o mesmo em VHS e perdi as contas de quantas vezes já o assisti.
    Boa diversão à todos!

  15. mauricio disse:

    Como documentário,é uma grande propaganda pessoal.
    Ou não.

  16. Silvio Viana disse:

    Indiana Gomes, baixei e converti pra avi. Se puder, posto os links do rapidshare.
    []s.

  17. Diego Teixeira disse:

    FG…Este Curta não foi exibido na tv na época não…!Tá com cara de Globo Reporter isso…!

  18. Sanzio disse:

    Ví 2 segundos do vídeo porque aqui em casa a net é muito lenta e minha muié tá no notebook, se eu deixar carregando ela me xinga. Mas olha como esse lazarento brigava com o motor e o volante na saída de curva… tomá no meio do meu zóio! heheheheheheh… Esse cara era foda, puta merda. Destino fdp…
    Desculpem os palavrões, mas não dá pra segurar…

  19. Eduardo disse:

    Excelente a dica!!
    Adorei o vídeo!!
    Para mim era inédito.

    Abraço

    Eduardo

  20. Marcao Fiorucci disse:

    Que video maravilhoso !!! Esse cara sabia pilotar ( que redundante !!! ) adorava acordar cedo para assistir as corridas, coisa que hoje em dia nao tem mais graça… pena que se foi tao cedo…

  21. Rafael disse:

    muito bom, acabei de assistir todos!

    Quando perguntando sobre qual era a sua maior vitória na carreira, Ayrton respondeu: “A melhor é aquela que ainda está por vir”, parece que ele já estava prevendo a vitória no GP Brasil de 1991

  22. Alexandre Pavaneli disse:

    Po, admiro ainda mais o Senna, olha a resposta dele no vídeo 3, sobre as ultrapassagens mal sucedidas: “corrida não é largar na frente, liderar a corrida inteira chegar no final, ou então largar atraz e ficar esperando atraz o pessoal bater, quebrar e ganhar a corrida de mão beijada”. Acho que a formula 1 de hj daria diarréia em senna.

  23. Deve ser esses documentários com imagens, entrevistas, depoimentos, vídeos, tudo rigorosamente igual. E pra aqueles que têm orgasmos múltiplos com Senna falando inglês, vale um saco de bala 7 BELO que tem. Aos quiilos, ou mais contextualizado, aos “rolos”.

    • Rogerio disse:

      Ernesto,

      Discordo. Acho que independemente do Schumi ter sido melhor ou pior que ele. Do Prost ter sido melhor ou pior que ele, foi o melhor piloto que tivemos na F1 e merece todo o respeito. Foi sem dúvida um heroi nacional.

  24. Ivo Mamede disse:

    Acabei de assitir.. Um Senna manipulado pelo Galvão, e o velho e péssimo estilo Galvão/Globo de mitificar um simples ser humano. Não gostei, apesar do Senna parecer ser gente boa!!!

  25. Rodrigo disse:

    Flavio
    Nos dias seguintes à morte do Ayrton na entao TV Manchete, passou um especial com muitos trechos deste video…
    Fantastico!!!

    Abs

  26. Y disse:

    FG: ouvi uma história entre o Senna e o Banco Nacional. Vamos lá: parece que foi a única empresa a apostar e patrociná-lo no início da F1, depois qdo o contrato e o $$ acabaram o Senna continuou a usar o logo deles sem cobrar nada, apenas como forma de agradecimento. Será que isto procede?! Alguém aí sabe?!

  27. Henrique disse:

    Fantásticos, os vídeos! Chega a dar calafrios no vídeo 2, quando ele comenta sobre os acidentes, que algo poderia se soltar, quebrar, etc… Como é a vida… poucos anos depois era o que o esperava.

    Abraços

  28. Fábio Aguilera disse:

    Vários trechos deste documentário apareceram no Globo Repórter que passou na sexta-feira imediatamente posterior à morte dele. Eu tenho o programa gravado em VHS em casa.

  29. Mário Salustiano disse:

    em tempo, não é dos melhores materiais para saber sobre a carreira de Senna, é sabido que Senna tinha pendor pelos jornalistas ingleses além é claro do Galvão, por isso considero que as melhores bografias dele são inglesas

  30. Mário Salustiano disse:

    FG

    na epoca eu era cliente do nacional e recebi uma fita, infelizmente danifiquei e perdi a gravação, é um documentário para divulgar Senna como um grande heroi, não acho nada de mais considerando que o banco queria divulgação institucional para ter retorno publicitário ,uma coisa que alguns sabem é que a produtora de vídeo que fez a fita pertencia ao Galvão Bueno e por especulação os funcionários do banco me disseram que fôra Senna quem indicou Galvão

  31. Neanderthal disse:

    tem cara deles estarem na casa portuguesa do Senna.

  32. André Buriti disse:

    quem quiser baixar os vídeos pro computador esse site aqui é uma mão na roda:
    http://keepvid.com/

    salve como formato MP4 que tem melhor definição.

  33. Flavio disse:

    apesar da babacao de ovo do GB ficou bem legal. Dava gosto de ver esses corridas dos 80/90.

  34. Alexandre disse:

    Muito bom. Principalmente porque o material foi editado em 1990, qdo Ayrton ainda era vivo, então apesar da bajulação costumeira do Galvão não tem aquele endeusamento todo pós maio de 94.

  35. Fernando disse:

    Flavio, jah que eh narracao do Galvao, segue abaixo um link com um comentario na secao de esportes da pagina da BBC Inglesa sobre a narracao do Galvao. Fiquei surpreso

    http://www.bbc.co.uk/blogs/timvickery/2010/01/vickery_7.html

    • Caca disse:

      Galvão é um puta narrador, com uma puta voz. Poucos sabem o que é segurar a onda de uma narração esportiva com um neguinho berrando na sua orelha o que vc tem que fazer e dizer. Vida longa e próspera a este baluarte da irradiação esportiva!

    • Julio Cesar da Silva Prestov disse:

      Ri demais…… E eles nem viram a maravilhosa cobertura que ele faz da F1. Morei um tempo na Inglaterra e as transmissões de corridas de F1 são tratadas com muito profissionalismo. Eles são pouco ufanistas!!!!!!!

  36. Caca disse:

    É um documentário do fim de 1990, escrito, produzido e dirigido pelo Galvão. Foi editado nas ilhas da Globotec e garantiu um extra pro narrador mais amado do Brasil.

    Não é raro, tampouco inédito, ainda que só tenha sido distribuído como material promocional do Nacional. No Mercado Livre sempre pinta um ou outro VHS da época para vender.

  37. disse:

    Inédito? Assisti em vídeo. O Nacional distribuiu uma pá de vhs na época. Vale o som.

  38. Antonio Tigre disse:

    FG eu tenho a fita em video cassete que o Banco Nacional na época distribui para seus clientes no final do ano.
    Vou buscar no meu baú de formula 1 e posso dar todos os detalhes, ano etc.
    Abraços.

  39. Rogério Silva disse:

    Já agora fiz merda no link anterior. enviei o código errado. Dpois posto o correcto.

  40. Rogério Silva disse:

    Grande Flávio!

    Está aqui o incorporar para colocar no lugar desse print screen michuruca.

    Se não conseguir usar (pq esses editores de comentários costumam tirar as aspas e mais algumas coisas) pede por e-mail.

    Um truque simples para usar futuramente é pegar um código do incorporar de um vídeo qualquer e depois no código do incorporar tem youtube.com/v/ e umas letras que vão até aparecer o &qualquercoisa. Aparecem duas vezes no código acima. Apaga elas e substitui pelas letras q aparecem na barra de endereço do navegador na página do vídeo que está querendo usar.

    Confuso? Nem por isso. É q não estou com tempo agora pra explicar como deve ser.

    Gde abraço daqui de Portugal!

  41. Delgado disse:

    Flavinho,

    Eu tenho todos esses pequenos videos no meu computador, se quiser eu envio pra você.
    Um abraço.

    Delgado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *