MENU

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011 - 12:29Indy, IRL, ChampCar...

GARANTA O SEU

SÃO PAULO (dá pra ir fácil) – Com preços bem mais convidativos do que na F-1, os ingressos para a prova paulistana da Indy, marcada para 1º de maio no Anhembi, estão à venda no site oficial da corrida e em alguns pontos espalhados por aí. O pacote mais barato custa 100 mangos, e se você for estudante, ou menor de 12 anos, paga 50. Abaixo, um mapa dos setores. Mas o melhor, mesmo, é dar uma olhada em detalhes no site da SP Indy 300 para escolher onde ir.

Ah, os guard-rails já foram instalados, numa demonstração de enorme eficiência dos organizadores e da prefeitura. Foram colocados mais de um ano atrás, para não ter de fazer nada de última hora, sabe como é…

Aproveitando, deixa eu perguntar aos nossos foliões de plantão uma coisa. Vocês se lembram que no ano passado detonaram a pista de Sambódromo, que era lisa e pintada, para que os carros não patinassem como se estivessem no gelo. Meses depois estive por lá e a pista estava ainda detonada. Dava para andar de carro, mas para desfilar, de jeito nenhum. Vocês que frequentam o espaço, seja nos encontros de carros antigos ou nos ensaios técnicos da escola, me digam: deram um jeito na pista, pnitaram e cimentaram de novo? Ou as escolas terão de desfilar com pneus slick  num piso todo arregaçado?

39 comentários

  1. Paulo disse:

    Hoje passei pela marginal Tietê. Ao lado do Sambódromo. Não vi a parafernália dedicada à F-Indy instalada (tela, guard-rails), e uma grande quantidade de funcionários agitavam-se em obras no local. No final de 2010 fui a um evento no Anhembi, e os guard rails do miolo do circuito ainda estavam lá, mas ainda havia uma estrutura na marginal que hoje não vi. Será possível que os guard-rails foram removidos há pouco tempo para que se possa, mais uma vez, fustificar novos gastos em estruturas de última hora, através dos quais muita gente mete a mão no bolo? Tem certeza que tudo continua como há um ano atrás, Flávio?

  2. Dionisio disse:

    Ninguém respondeu a pergunta do Flávio.
    Vou até lá pra ver como esta o chão do Sambódromo….

  3. Anderson disse:

    Tem gente que acha que toda categoria tem que ter a frescura da F1. Circuito de rua é isso aí, ondulação mesmo. Assistam a prova de Sao petersburgo ou outras de rua da Indy pra ver como as pistas são onduladas. Isso ainda acrescenta na disputa e no espetáculo para os fãs, pois os erros se tornam constantes, favorecendo ultrpassagens.

    Na F1 não existe pista de rua. No máximo fazem, um circuito no meio de uma cidade. Não tem curvas de 90, 180 graus, ondulações média de velocidade baixa e etc. São tão sem graça quanto as outras corridas.

  4. Mario disse:

    Não, ta a mesma merda ou pior….

  5. Aliandro Miranda disse:

    Espero que desta vez a transmissão pela TV seja um pouco melhor.

    E que as críticas ondulações do asfalto sejam minimizadas. Mas isso acho mais difícil. Teve algum recapeamento por lá?

  6. Squa disse:

    Boa, Kleber! De onde vem o dinheiro das escolas?

  7. Vinícius Amaro disse:

    Não vou entrar em discussão sobre preços, porque, parafraseando o Gomes, ninguém vai morrer se deixar de ir ver a F1, F-Indy, Balé Bolshoi, U2, etc. (Infelizmente) dentro de quem puder pagar, vai quem quiser. Também não comparo com a F1, que até acho bem organizada na medida do possível (novamente, ignorando a discussão sobre se os preços dos ingressos são justos). Mas a organização da Indy no Anhembi é excelente, no que se refere a respeito ao público (dentro dos padrões brasileiros, claro). Apesar das cagadas internas (esculhambação da pista, guard rails abandonados, etc), os acessos são organizados, as tendas de alimentação, lojas, etc funcionam, e sempre há varios atendentes CIVIS bem solícitos à disposição. Pelo menos essa foi a minha experiência ano passado. Eu recomendo pras pessoas que sentem falta de serem respeitadas como consumidores.

  8. Verde disse:

    Caro pra caralho. Ainda mais para um evento nota 6.

    Se fosse uns 60 ou 70 pra todo mundo, dava até pra sonhar em ir, levar namorada e um ou outro amigo. 250 pela arquibancada B como preço “normal” mais baixo é ridículo demais. Estamos falando da São Paulo 500 na Zona Norte ou do GP de Mônaco em Montecarlo?

    • willian disse:

      Concordo. Pelo que teremos em troca tá caro. Os ingressos mais baratos custam R$ 180 e são para um setor que nem tem arquibancada… ai nem dá…

      Na minha opinião, R$ 200 pelo setor mais caro tá bem pago.

    • Anderson disse:

      è 300 e nao 500. Esse aí deve pagar F1 e fica diminuindo outras categorias. Mais barato e mais organizado, com bom acesso e etc. Tem gente que gasta R$100,00 ou mais em uma noite, mas quando é pra falar de alguma coisa que não é F1 é só crítica.

      E a corrida ano passado foi muito melhor que qualquer corrida da F1. Talvez se juntar todas as ultrapassagens valendo posição da temporada da F1 não dã o número que teve na Indy em SP. Mas cada um gosta do que quer (ou gosta do que a televisão manda gostar).

  9. Guzz disse:

    Sem o Kanaan correndo não tem graça ir.

  10. luiz otavio disse:

    caro Flavio gomes, quando respondo o comentário de alguém ele não sai abaixo do referido, acaba ficando isolado e sem sentido, acho que não é erro meu, veja com a ig, obrigado.

    • galileu disse:

      luiz, agora eu menciono para quem é o comentario, já que tenho o mesmo problema, mesma coisa quando abro um post, clico na barra de rolamentos e vou até ver todos os cometários, em ves de clicar nas i 2 3 ultima, é mais facil.
      vitão onde estão as laminas tortas e os parafusos enferrujados?

  11. vitão disse:

    pior é que os parafusos estão todos enferrujados, e algumas lâminas tortas devido a acidentes com caminhões. Vão ter que refazer uma parte grande.

  12. luiz otavio disse:

    os dois eventos dão lucro à cidade.

  13. luiz otavio disse:

    se os asfalto, tanto na reta (poeira) como no misto (ondulações), estiver melhor que no ano passado sera ótimo, pois o traçado é muito bom mesmo, favorece ultrapassagens.

  14. Guilherme disse:

    As zebras ainda estão lá na saída do estacionamento do Anhembi.

  15. luiz otavio disse:

    caramba tplayer, te vejo no PA e agora aqui, mas lá não sou assinate, apenas leio, homem é tudo igual, gosta de avião, carros, mulher…. abcs

  16. FES disse:

    Porra! De novo vão colocar carros de 300km/h para correr naquele piso lazarento???
    É uma puta sacanagem com a coluna dos coitados dos pilotos.

  17. Kleber Acquesta disse:

    Deveriam era destruir esse sambodromo de vez e acabar com o carnaval.

  18. Pedro Navalha disse:

    O duro para quem for assistir pela TV será aquela transmissão lixo da Band e ouvir as declarações daquele prefeito de SP que está com uma pança de égua grávida…

  19. Mauro Batera disse:

    Você vai Flavio Gomes na SP Indy 300?

    Abraço!

  20. Sérgio Balbino disse:

    O chão do sambódromo eu não sei, mas o piso das ruas que fazem parte do traçado….

    Passei de carro lá há pouco tempo atrás e se meu carro de rua já sente todas as ondulações da “pista”, imagina os Fórmulas?

    Sobre os preços, beeeeeeeeeem mais em conta que a facada da F1.

  21. Mario Della Nina disse:

    Na Boa, em vez de reclamar de preço de estacionamento, vai de metro ônibus ou de bike. Se quiser ir de carro, deixo o carro em um dos shoppings e vá a pé. Andar faz bem!
    O que não falta na região é transporte público.

    • Marcelo (1 Carioca em SP) disse:

      No ano passado, sábado e domingo da Indy, funcionou um esquema bem parecido com o que é feito na F1. Ônibus expressos para o evento partem de vários locais com bolsões, como os aeroportos, rodoviária e alguns shoppings. Eu usei o ônibus do Aeroporto de Congonhas. Funcionou bem.
      Que repitam neste ano.

  22. Felipe Montanheiro disse:

    Ao que me consta, ainda está lixada… Tenho assistido in loco aos ensaios técnicos da Vai-Vai e vi q o chão não tem a pintura emborrachada de outrora…

    Abraços,
    Felipe Montanheiro.

  23. Fernando disse:

    Como na F1, os preços são um absurdo… Sem incluir o baratíssimo estacionamento do Anhembi.

    Basta ver quanto custam os ingressos para a corrida de S. Petersburgo, Miami (http://www.gpstpete.com/) que abre a temporada da Indy.

  24. tplayer disse:

    Nunca na história desse país um evento foi teve seus preparativos feitos tanto tempo antes.

    Mas se formos olhar só pelo lado do esporte em si a prova tem tudo para ser novamente maravilhosa. Quem diria que esse traçado ficaria tão bom.

  25. sérgio castro disse:

    A negada vai desfilar esse ano com tamanquinho holandes, o único que aguentará aquela lixa no chão…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>